8 comentários

  1. Miguel , parece que a operação derruba ministro recomeçou , domingo passado o Fastástico apresentou uma reportagem sobre a corrupção na prefeitura de João Pessoa PB e a bola da vez é o ministro das cidades Aguinaldo Ribeiro que foi secretário naquele município . A matéria tem direito a câmera escondida para pegar corruptores e dados bancários do ministro . Pelo menos a Globo ao final da matéria informou que quem assinou o suposto contrato fraudulento foi o antecessor do ministro e deram espaço para duas notas publicadas pela ascessoria do ministro . Duvido se na semana que vem a Veja não caia de pau em cima do ministro .

  2. Olá Miguel , a respeito da campanha do Serra , essa já nasceu fadada ao fracasso , pois como é sabido até pelas pedras submersas no Tietê , esse sujeito só sabe fazer polítca desagregando . Mesmo que Hadad tenha sido uma imposição de Lula , ele é uma cara nova no meio de tantas figuras já carimbadas e como já disse aqui , quem tem um Lula no palanque já sai com grande vantagem .
    Neste ano nós teremos mais um festival de baixarias , afinal tudo oque de mais retrógrado esxistente em São Paulo apoiará Serra , até já começaram a distribuir planfetos pedindo aos fiéis que não votassem em candidatos do PT .
    Esse negócio da entrevista da Presidenta a Veja é como um tapa na cara deles , afinal eles passaram a eleição toda criando peças de campanha para o PSdB e agóra vão lá pedir por entrevista . Só acho que a acessoria de comunicação do Planalto deveria ter gravado a entrevista e depois que a publicação sair colocá-la no blog , pois essa turma da veja tem mania de confundir barra funda com bafo de bunda .

  3. Ó!… Sobre o Cerra (PHA) tenho uma leitura idêntica. O fato é mais importante que os fracos números dados ao "presidente de nascença", como diz Tia Carmela. Do mesmo modo a baboseira da entrevista que Dilma deu à Veja. Eu não leio essa porcaria, não compro e recomendo não comprarem nem lerem, mas qual é o problema de dar a entrevista lá salvo a deturpação do que a presidente disse? Eu penso que a turma da presidenta já sabe que o pessoal do Blog do Planalto tem que acompanhar pra evitar isso e acredito que tomaram medidas seguras para garantir a publicação apenas do que foi dito.
    Sobre o articulista do Millenium, já disse e repito: o cafezinho é acadêmico. Duvido que o cara não passe por aqui para dar uma "espiadinha"!

      1. E como defini-lo de outra forma?
        Meu caro, as empresas de Recursos Humanos fazem um teste com o pretendente a um cargo qualquer e sempre há perguntas pra saber se o pretendente lê revistas e jornais. Você é obrigado a dizer que sim se deseja realmente ter o emprego, mas, convenhamos, o que extrair de lá que possa nos tornar pessoas melhores?
        O Cafezinho tem dado mostras de como fazer uma análise crítica dos números da economia sem deturpa-los, com cientificidade acadêmica. Veja, não estou falando de isenção por que sei que isso não é possível, mas temos visto informações que desmentem absurdamente os "confiáveis" jornais e revistas. Daí que digo que uma Academia, qualquer que seja a faculdade, se quer ter informações verossímeis e produzir conhecimento crítico que confrontem O Cafezinho com os "confiáveis".

  4. Pois é, a Veja recebe milhões de reais em recursos de publicidade oficial. Dilma tem o direito de usar este espaço para expor seus argumentos, e convencer os eleitores que não votaram nela que ela está fazendo um bom governo e que poderão, assim, votar nela em 2014. Assim é que se constroi, democratica e legalmente, um eleitorado. A turminha ranzinza não quer entender isso.

  5. As prévias do PSDB me fizeram pensar como seria importante que o PT tivesse feito prévias, tanto em São Paulo agora, o que deixaria o nome de Haddad mais conhecido, como no caso de Dilma, o que evitaria também os ataques "amigos" que tem covardemente recebido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

(Spamcheck Enabled)