Privatização é pano de fundo da atual conjuntura - O Cafezinho

O Cafezinho

quinta-feira

12

janeiro 2017

9

COMENTÁRIOS

Privatização é pano de fundo da atual conjuntura

Escrito por , Postado em Clipping Analítico, Eder Casagrande



Estômago de Aço – Clipping analítico da grande imprensa

Por Eder Casagrande, analista de mídia do Cafezinho

A questão sobre o sistema carcerário brasileiro continua sendo noticiada pela grande imprensa. O que fica claro, tomando o principal telejornal do país como exemplo, o JN, é que querem convencer aos telespectadores de que a saída para o problema é privatizar.

Até amanhã.

  • JN

BC faz terceiro corte seguido e baixa taxa básica de juros para 13% ao ano

Tempo da matéria: 3:18 min

JN mostrou-se favorável à redução da taxa de juro real. Usou uma mulher dona de um carro antigo para ilustrar o conteúdo da matéria. Não esclareceu à população os detalhes sobre taxa de juros, SELIC, inflação, apenas expuseram o assunto de maneira superficial.

Justiça manda bloquear R$ 4 milhões do ministro Blairo Maggi

Tempo da matéria: 3:12 min

JN detalhou supostas negociações para compra da vaga no Tribunal de Contas do Estado em 2009, do qual Blairo é acusado. Mesmo sendo ele ministro do atual governo, não houve estardalhaço por parte do jornal.

Cármen Lúcia se reunirá com presidentes de TJs para tratar de presídios

Tempo da matéria: 21 seg

A presidente do Supremo terá reunião com 27 presidentes dos TJs de todos os Estados e Distrito Federal. A pauta será sobre a situação dos presídios.

Parecer da ONU de 2015 cita presídio de Manaus: ‘exemplo de descontrole’

Tempo da matéria: 3:24 min

Os cinco comissários da ONU visitaram prisões, centros de detenção, delegacias e penitenciárias no Rio de Janeiro, Brasília, Pernambuco e Amazonas de 19 a 30 de outubro de 2015.

JN levantando a bola para a privatização dos presídios.

  • TV UOL

[vídeo] – Em evento na Bahia, Lula diz que será candidato outra vez “se necessário”

[vídeo] – PT e PMDB podem assumir novamente a presidência do Senado

[vídeo] – Donald Trump bate boca com repórter da CNN

  • Folha de São Paulo

Janio de FreitasPlanos antiquados ou que empacam e gafes marcam governo de trapalhões

Janio desqualifica, entre outras coisas, três medidas do governo Temer: Plano Nacional de Segurança Pública; Plano de socorro aos Estados em crise financeira; Plano de recuperação do Estado do Rio. O texto argumenta dizendo que os planos emergenciais foram escolhidos pelo governo para mostrar-se vivo, embora esteja em coma.

Laura CarvalhoEconomistas não cansam de errar suas projeções de crescimento

Separo trecho que ajuda a compreender a questão fiscal e tributária brasileira: “A alternativa de acabar com as desonerações tributárias pouco criteriosas e com a jabuticaba da isenção de impostos sobre lucros e dividendos distribuídos a acionistas de empresas –que vigora no Brasil desde 1995 e é responsável por uma perda de mais de R$ 40 bilhões anuais de arrecadação e por grande parte da injusta tributária brasileira– é muito mais promissora”.

  • DW

Lei de drogas é uma das causas da crise em prisões, diz HRW

O encarceramento em massa e a legislação sobre drogas de 2006, considerada vaga, deixa brechas para a prisão de usuários e não apenas de traficantes. Ela substitui a pena de prisão para usuários de drogas por medidas alternativas, como o serviço comunitário, mas uma linguagem vaga possibilita que usuários sejam condenados como traficantes.

  • Reuters

Senado dos EUA aprova primeira medida para derrubar Obamacare

A votação foi aprovada por 51 votos a 48. A resolução agora vai para a Câmara dos Deputados, que deve votar a questão nesta semana. Se os deputados aprovarem, cerca de 20 milhões de norte-americanos ficarão sem acesso à saúde.

  • Senado

Crimes cometidos pela internet podem ter punição mais severa

Entre os projetos está o PLS 436/2015, do senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), que altera o Código Penal para punir com maior rigor aqueles que praticarem o crime de vilipêndio a cadáver pela internet. Hoje esse tipo penal prevê detenção de um a três anos. O texto propõe que a pessoa que compartilhar ou publicar imagem, foto ou vídeo por meio da internet (inclusive aplicativos que permitam troca de dados, como por exemplo, WhatsApp) terá a pena aumentada em um a dois terços.

  • STF

Ministério da Educação doa 40 bibliotecas a presídios

O ministros da educação, Mendonça Filho, disse que é preciso humanizar a vida do preso no interior das cadeias. Por isso a doação de 40 bibliotecas.

  • El País

Secretário Segurança do Rio: “Aqui as facções se matam nas ruas. É a minha preocupação”

Entrevista com o novo secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro, Roberto Sá.

 

Para sugestões, críticas, elogios ou um “oi”- redacaoestomago@gmail.com



quinta-feira

12

janeiro 2017

9

COMENTÁRIOS

Favor seja cuidadoso com as palavras. Em alguns casos, haverá moderação. Seja paciente.

9 Comentários em "Privatização é pano de fundo da atual conjuntura"

Avise-me quando
avatar
Visitante

Na privatização tem licitação. E aí tem endereço certo e incompetência no cumprimento do contrato.

Visitante

A privatização talvez humanize os presídios.

Visitante
Governo bom deveria se preocupar com o essencial (saúde, educação, segurança) e vender o resto. Quando se vende uma Estatal ou se elimina um ministério é como se drenasse mais um pouco o pântano da corrupção. Quando o governo deixa de fazer alguma atividade não essencial, é uma oportunidade a menos de se corromper e de ser corrompido. “Ahhh, mas os caras vendem a empresa a preço de banana”. Resposta: é muito mais fácil controlar uma venda única, uma única vez, do que ficar sangrando anos e anos com a mesma estatal “Ahh, mas na empresa privada não pode ter… Read more »
Visitante

A globo já é uma prisão. ..aliena cidadãos desprovidos de conhecimento. ..”A televisão me deixa burro demais” essa é a realidade

Visitante
Mais uma do narcosenador: O NARCOSENADOR, O NÓIA, PERDE A CHANCE DE SER LÍDER DO CARTEL BRASILEIRO INTERNACIONAL DO TRÁFICO O CocaBras Global LTD Com a indústria do tráfico em franco crescimento…o Brasil, bola da vez na liderança do cartel internacional de cocaina- o Nóia não enxerga o seu maior empregador – sempre burro – não vê que a facção Família do Norte (FDN) – um dos grupos envolvidos nas degolas de Manaus – é o seu caminho natural na carreira?!!. XÔ NÓIA!! Aqui não! Nós mineiros já o enxotamos, faz tempo, desde 2014, #ForaNóia Minas repudia narcosenadores…pede a facção… Read more »
Visitante

Ao bolso de quem interessa estas privatizações interessa? O que tem que haver é respeito ao bem público.

Visitante

Essa imprensa maldita que derruba democracia,fora globosta

Visitante

acidente pavoroso = perder verba

Visitante

Estão apenas fazendo seu trabalho de desviar o foco. E combatendo os efeitos e não as causas.

wpDiscuz