Denise Assis | O Cafezinho

O Cafezinho

Denise Assis Arquivo

sexta-feira

4

agosto 2017

5

COMENTÁRIOS

Michel assalta os cofres públicos para se manter no cargo de síndico

Escrito por , Postado em Denise Assis

Denise Assis

Denise Assis

É jornalista e passou pela Veja, Isto É, Jornal do Brasil, O Globo, e O Dia. É autora dos livros: "Propaganda e cinema a Serviço do Golpe" e "Imaculada". Também é idealizadora da coleção "Elas São de Morte" e autora de "Vende-se vestido de noiva", lançada pela Editora Rocco. Foi assessora da presidência do BNDES, pesquisadora da CNV, e assessora-pesquisadora da Comissão da Verdade do Rio. Também coordenou os trabalhos de elucidação da explosão da bomba da OAB. É colunista do blog O Cafezinho desde 2015.
Denise Assis

(Foto: Marcos Corrêa/PR) Por Denise Assis, colunista do Cafezinho Não. Michel não é um grande político. É um político burocrata, de gabinete, de obas, olas, e jantares para angariar fundos para quermesses. O que ele sempre soube fazer bem foram conversinhas e arranjos de corredores. Sabíamos que deixá-lo com a cadeira e a caneta, enquanto está sendo investigado, desembocaria nesse festival de gastança, que já alcança a casa dos dois bi, unicamente para manter-se no poder (que ele pensa que tem), e executar as reformas encomendadas pela FIESP, que não quer, nunca quis, e vai continuar não querendo “pagar o […]

sexta-feira

4

agosto 2017

5

COMENTÁRIOS

sábado

22

julho 2017

19

COMENTÁRIOS

Pés que falam!

Escrito por , Postado em Denise Assis, Redação

Denise Assis

Denise Assis

É jornalista e passou pela Veja, Isto É, Jornal do Brasil, O Globo, e O Dia. É autora dos livros: "Propaganda e cinema a Serviço do Golpe" e "Imaculada". Também é idealizadora da coleção "Elas São de Morte" e autora de "Vende-se vestido de noiva", lançada pela Editora Rocco. Foi assessora da presidência do BNDES, pesquisadora da CNV, e assessora-pesquisadora da Comissão da Verdade do Rio. Também coordenou os trabalhos de elucidação da explosão da bomba da OAB. É colunista do blog O Cafezinho desde 2015.
Denise Assis

Impossível observar a foto, publicada em O Globo nesta sexta-feira, 21/07/2017, colhida pelo fotógrafo Givaldo Barbosa, durante mais um evento fake, montado pela assessoria de Michel, para passar a ideia de “normalidade” – quando tudo em volta nada tem de corriqueiro, regular, normal – sem nos lembrarmos imediatamente do magistral “clique” de Erno Schneider, para a Agência Estado, prêmio Esso de 1962. “Foi um só também”, recordaria Erno, anos mais tarde, ao falar da fotografia que traduzirá para sempre o governo Jânio Quadros, e aquele momento político. Em matéria produzida pela Agência Senado, em 25 de agosto de 2011, às […]

sábado

22

julho 2017

19

COMENTÁRIOS

terça-feira

18

julho 2017

14

COMENTÁRIOS

Temer e Maia, farinha do mesmo saco

Escrito por , Postado em Denise Assis, Redação

Denise Assis

Denise Assis

É jornalista e passou pela Veja, Isto É, Jornal do Brasil, O Globo, e O Dia. É autora dos livros: "Propaganda e cinema a Serviço do Golpe" e "Imaculada". Também é idealizadora da coleção "Elas São de Morte" e autora de "Vende-se vestido de noiva", lançada pela Editora Rocco. Foi assessora da presidência do BNDES, pesquisadora da CNV, e assessora-pesquisadora da Comissão da Verdade do Rio. Também coordenou os trabalhos de elucidação da explosão da bomba da OAB. É colunista do blog O Cafezinho desde 2015.
Denise Assis

(Foto: Beto Barata/Fotos Públicas) “Farinhas do mesmo saco” Quando o ex-atual-reabilitado senador, Aécio Neves foi desmascarado pelas gravações da Polícia Federal, onde apareceu muito mal na fita, depois de ter feito a “molecagem” de submeter Dilma Rousseff ao impeachment, sem que houvesse crime que o justificasse, petistas olhavam para os adeptos do “mineirinho”, com cara de: “bem que avisamos”. A esta altura, os que tiraram dos armários as caçarolas “Tramontina” e nelas bateram em suas sacadas de vidro fumê, forte o bastante para fazerem barulho, mas com o cuidado suficiente de não marcar o teflon do fundo, quedaram-se taciturnos e […]

terça-feira

18

julho 2017

14

COMENTÁRIOS

segunda-feira

3

julho 2017

11

COMENTÁRIOS

Michel Temer e as visitas por trás da moita

Escrito por , Postado em Denise Assis, Redação

Denise Assis

Denise Assis

É jornalista e passou pela Veja, Isto É, Jornal do Brasil, O Globo, e O Dia. É autora dos livros: "Propaganda e cinema a Serviço do Golpe" e "Imaculada". Também é idealizadora da coleção "Elas São de Morte" e autora de "Vende-se vestido de noiva", lançada pela Editora Rocco. Foi assessora da presidência do BNDES, pesquisadora da CNV, e assessora-pesquisadora da Comissão da Verdade do Rio. Também coordenou os trabalhos de elucidação da explosão da bomba da OAB. É colunista do blog O Cafezinho desde 2015.
Denise Assis

Na Moita! Por Denise Assis Michel resolveu lançar mão da ecologia para manter suas visitas “na moita”. Alguém deveria dizer para Michel, que quem não deve não “Temer”. Lançando mão, e já adaptando, os versos do nosso desafiador Cazuza: “Brasil, queremos que você mostre a sua cara/ queremos ver quem paga, pra gente ficar assim…” É. Estamos todos com cara de “ué”, sem entender o porquê não podemos acompanhar o entra e sai dos seus convivas. Em vez de incomodar as verdejantes samambaias, Michel deveria estabelecer o “calendário porão”. Não é assim que ele costuma receber as suas visitas? Seria […]

segunda-feira

3

julho 2017

11

COMENTÁRIOS

sexta-feira

30

junho 2017

4

COMENTÁRIOS

Pergunta besta, para resposta óbvia

Escrito por , Postado em Denise Assis, Redação

Denise Assis

Denise Assis

É jornalista e passou pela Veja, Isto É, Jornal do Brasil, O Globo, e O Dia. É autora dos livros: "Propaganda e cinema a Serviço do Golpe" e "Imaculada". Também é idealizadora da coleção "Elas São de Morte" e autora de "Vende-se vestido de noiva", lançada pela Editora Rocco. Foi assessora da presidência do BNDES, pesquisadora da CNV, e assessora-pesquisadora da Comissão da Verdade do Rio. Também coordenou os trabalhos de elucidação da explosão da bomba da OAB. É colunista do blog O Cafezinho desde 2015.
Denise Assis

(Nota da redação: tínhamos publicado o texto da Denise sem o último parágrafo, por isso o republicamos agora) “De que cor era o cavalo branco de Napoleão?”, a pergunta, nas reuniões familiares, costumava vir daquele tio jeitoso com crianças. Provocava o riso dos adultos e o embaraço de alguns primos mais agitados e desatentos, que para dar a resposta faziam um ar de que precisavam pensar. Sim. A resposta era óbvia, mas alguns precisavam pensar. Tal como na charada infantil, agora a pergunta que está no ar é: “de quem era a mala recheada com R$ 500 mil, entregue ao […]

sexta-feira

30

junho 2017

4

COMENTÁRIOS

sexta-feira

23

junho 2017

9

COMENTÁRIOS

Já para casa!

Escrito por , Postado em Denise Assis, Redação

Denise Assis

Denise Assis

É jornalista e passou pela Veja, Isto É, Jornal do Brasil, O Globo, e O Dia. É autora dos livros: "Propaganda e cinema a Serviço do Golpe" e "Imaculada". Também é idealizadora da coleção "Elas São de Morte" e autora de "Vende-se vestido de noiva", lançada pela Editora Rocco. Foi assessora da presidência do BNDES, pesquisadora da CNV, e assessora-pesquisadora da Comissão da Verdade do Rio. Também coordenou os trabalhos de elucidação da explosão da bomba da OAB. É colunista do blog O Cafezinho desde 2015.
Denise Assis

Volte, imediatamente, Michel! Fora no seu tempo, em que as notícias urgentes chegavam por telegrama, e você receberia um nesses termos. Era assim que as pessoas se comunicavam, por telegrama. Em geral a chegada de um alarmava toda a família, quando entregue pelo Correio. Podiam portar más notícias. Recebemos um, em casa, por ocasião da morte prematura do tio Jurandir, que morreu gargalhando, entalado com um pedaço de pão, durante um almoço. O papelucho passou de mão em mão dos adultos, arrancando expressões de dor. Agora, quando a tecnologia voa, esta mensagem poderia lhe chegar por watsApp, a fim de […]

sexta-feira

23

junho 2017

9

COMENTÁRIOS

terça-feira

20

junho 2017

6

COMENTÁRIOS

50 anos de Canecão: brilho e esquecimento

Escrito por , Postado em Denise Assis, Redação

Denise Assis

Denise Assis

É jornalista e passou pela Veja, Isto É, Jornal do Brasil, O Globo, e O Dia. É autora dos livros: "Propaganda e cinema a Serviço do Golpe" e "Imaculada". Também é idealizadora da coleção "Elas São de Morte" e autora de "Vende-se vestido de noiva", lançada pela Editora Rocco. Foi assessora da presidência do BNDES, pesquisadora da CNV, e assessora-pesquisadora da Comissão da Verdade do Rio. Também coordenou os trabalhos de elucidação da explosão da bomba da OAB. É colunista do blog O Cafezinho desde 2015.
Denise Assis

(Chico Buarque em evento anti-golpe no Canecão, no ano passado. Em 2016, o Canecão foi ocupado por militantes do #OcupaMinc-RJ. Foto: Mídia Ninja) Cinquentenário do Canecão. Vida de brilho, fim e esquecimento Por Denise Assis É sintomático, quando o Rio de Janeiro agoniza afogado em dívidas, espoliado pela ganância de um ex-governador que teve a pachorra de confidenciar para amigos: “acho que exagerei”, que o Canecão viva o dia que seria o da comemoração do seu cinqüentenário, transformado em escombros. A antológica casa de espetáculos carioca – nascida uma cervejaria, arejando os ares da cidade, em plena ditadura (1964-1985) – […]

terça-feira

20

junho 2017

6

COMENTÁRIOS

sexta-feira

16

junho 2017

2

COMENTÁRIOS

Na ditadura ‘os dias eram assim’: dividiam famílias

Escrito por , Postado em Denise Assis

Luis Edmundo

editor associado em O Cafezinho
Luis Edmundo Araujo é jornalista e mora no Rio de Janeiro desde que nasceu, em 1972. Foi repórter do jornal O Fluminense, do Jornal do Brasil e das finadas revistas Incrível e Istoé Gente. No Jornal do Commercio, foi editor por 11 anos, até o fim do jornal, em maio de 2016.

Por Denise Assis, jornalista e colunista do Cafezinho Nove entre dez manifestantes, onde quer que haja protestos neste país costumam, em algum momento, gritar a palavra de ordem: “a verdade é dura. A Rede Globo apoiou a ditadura”. Enquanto a frase ecoa pelas ruas, a emissora transforma o período em produtos. Foi assim com o antigo sucesso “Anos Rebeldes”, (Gilberto Braga- 1992) e, atualmente, com “Os Dias Eram Assim”. Surfando na onda das séries, a produção não chega a ser um estrondoso sucesso, mas tem atraído um público jovem, na faixa entre 16 e 20 anos, curioso sobre o que […]

sexta-feira

16

junho 2017

2

COMENTÁRIOS

quinta-feira

15

junho 2017

7

COMENTÁRIOS

Mirando 2018, situação tenta colar rótulo de radical na militância petista

Escrito por , Postado em Denise Assis

Luis Edmundo

editor associado em O Cafezinho
Luis Edmundo Araujo é jornalista e mora no Rio de Janeiro desde que nasceu, em 1972. Foi repórter do jornal O Fluminense, do Jornal do Brasil e das finadas revistas Incrível e Istoé Gente. No Jornal do Commercio, foi editor por 11 anos, até o fim do jornal, em maio de 2016.

Foto: Agência PT Por Denise Assis, jornalista e colunista de O Cafezinho Com o cenário político embaralhado, o terreno torna-se fértil para todo e qualquer tipo de plantação. Ao largo do momento negativo do PSDB, que mais do que nunca se amontoou em cima do muro, recolheu seus quadros e deixou no sereno o presidente, a um passo de uma cela na prisão, e do PMDB, cujo líder, também não se encontra em situação muito diferente, Lula segue a vida, com o PT apaziguado, em lua de mel com a nova presidente. Deixou a cargo dos seus advogados o dever […]

quinta-feira

15

junho 2017

7

COMENTÁRIOS

segunda-feira

12

junho 2017

8

COMENTÁRIOS

Carta para Michel

Escrito por , Postado em Denise Assis

Luis Edmundo

editor associado em O Cafezinho
Luis Edmundo Araujo é jornalista e mora no Rio de Janeiro desde que nasceu, em 1972. Foi repórter do jornal O Fluminense, do Jornal do Brasil e das finadas revistas Incrível e Istoé Gente. No Jornal do Commercio, foi editor por 11 anos, até o fim do jornal, em maio de 2016.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil Por Denise Assis, jornalista e colunista de O Cafezinho Prezado Michel, Relutei muito antes de optar por esta forma de comunicação. Não queria, de jeito nenhum, ter que me dirigir a você dispensando-lhe o tratamento de V. Excelência. Não acho próprio, dado o atalho que escolheu para chegar lá. Mas já que chegou, esperávamos que o seu comportamento daí por diante fosse mais discreto do que o usado, por exemplo, nos tempos em que você transitava pelo Porto de Santos. Vejo, porém, que confiando nos seus aliados, tão indiciados quanto, suas práticas foram ficando cada vez menos […]

segunda-feira

12

junho 2017

8

COMENTÁRIOS

terça-feira

6

junho 2017

20

COMENTÁRIOS

Só Deus, contra o cinismo

Escrito por , Postado em Denise Assis

Luis Edmundo

editor associado em O Cafezinho
Luis Edmundo Araujo é jornalista e mora no Rio de Janeiro desde que nasceu, em 1972. Foi repórter do jornal O Fluminense, do Jornal do Brasil e das finadas revistas Incrível e Istoé Gente. No Jornal do Commercio, foi editor por 11 anos, até o fim do jornal, em maio de 2016.

Foto: Divulgação Por Denise Assis, jornalista e colunista do Cafezinho A palavra cinismo tem origem no grego: Kynismós. Em latin, cynismu. Seja qual for a sua origem, porém, o termo trespassou séculos, chegou ao Brasil e estacionou. O cinismo parece ter se impregnado de tal forma à vida nacional, que nada abala os que se aboletaram no governo. Têm a certeza da impunidade tatuada na alma. Estão levando a tal ponto as suas ações nefastas, que nada mais nos impacta. É como estar na neve. Depois de zero grau, tanto faz menos 10, ou menos 30. Que Deus nos proteja da […]

terça-feira

6

junho 2017

20

COMENTÁRIOS

segunda-feira

29

maio 2017

16

COMENTÁRIOS

Vai que dá certo…

Escrito por , Postado em Denise Assis

Luis Edmundo

editor associado em O Cafezinho
Luis Edmundo Araujo é jornalista e mora no Rio de Janeiro desde que nasceu, em 1972. Foi repórter do jornal O Fluminense, do Jornal do Brasil e das finadas revistas Incrível e Istoé Gente. No Jornal do Commercio, foi editor por 11 anos, até o fim do jornal, em maio de 2016.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil Por Denise Assis Michel passou o final de semana preparando o que chamou de “ofensivas jurídicas”. Queremos, no entanto, dizer a ele, que ofendidos estamos todos nós, com sua indiferença à gravidade da crise que ele instalou no governo e no país, ao ignorar os preceitos éticos que devem guiar um homem público. Não é possível que Michel não perceba que, a despeito de organizar almoços em torno dos três ou quatro “amigos” que ainda o visitam, ele encontra-se isolado e investigado. Não se trata de provar ou não a qualidade técnica das fitas, mas de […]

segunda-feira

29

maio 2017

16

COMENTÁRIOS

segunda-feira

22

maio 2017

7

COMENTÁRIOS

“Não é a economia, estúpido”

Escrito por , Postado em Denise Assis, Redação

Denise Assis

Denise Assis

É jornalista e passou pela Veja, Isto É, Jornal do Brasil, O Globo, e O Dia. É autora dos livros: "Propaganda e cinema a Serviço do Golpe" e "Imaculada". Também é idealizadora da coleção "Elas São de Morte" e autora de "Vende-se vestido de noiva", lançada pela Editora Rocco. Foi assessora da presidência do BNDES, pesquisadora da CNV, e assessora-pesquisadora da Comissão da Verdade do Rio. Também coordenou os trabalhos de elucidação da explosão da bomba da OAB. É colunista do blog O Cafezinho desde 2015.
Denise Assis

(Os ministros Henrique Meirelles e Romero Jucá anunciam nova meta fiscal para 2016. FERNANDO BIZERRA JR EFE) Por Denise Assis, colunista do Cafezinho Se há forças corporativas e conservadoras a considerar que “ruim com ele, pior sem ele”, é outra história. Sabemos bem como funciona a nossa política de quinta categoria, sem respeito pela opinião pública, e servindo apenas a interesses que não os da sociedade. Certo é que, a despeito do laudo do perito Ricardo Molina, que deveria estar sob suspeição, pois foi contratado pela defesa (ora, quem vai pagar por um perito que o condenaria?) há fatos de […]

segunda-feira

22

maio 2017

7

COMENTÁRIOS

domingo

21

maio 2017

5

COMENTÁRIOS

Amanhã vai ser outro dia

Escrito por , Postado em Denise Assis, Redação

Denise Assis

Denise Assis

É jornalista e passou pela Veja, Isto É, Jornal do Brasil, O Globo, e O Dia. É autora dos livros: "Propaganda e cinema a Serviço do Golpe" e "Imaculada". Também é idealizadora da coleção "Elas São de Morte" e autora de "Vende-se vestido de noiva", lançada pela Editora Rocco. Foi assessora da presidência do BNDES, pesquisadora da CNV, e assessora-pesquisadora da Comissão da Verdade do Rio. Também coordenou os trabalhos de elucidação da explosão da bomba da OAB. É colunista do blog O Cafezinho desde 2015.
Denise Assis

Por Denise Assis, colunista do Cafezinho Enquanto Michel deixa claro ao país que sofre de autismo – e em seu caso não se pode acrescentar, “e ao mundo”, pois ninguém, nenhum chefe de estado jamais deu bola para ele –, pipocam pela mídia as especulações sobre o futuro da nossa pátria mãe. A imagem de que lançou mão em seu patético e tenso pronunciamento, de que a “montanha pariu um rato”, evidencia que, se por um lado ele teima em não ver o tamanho do fosso em que está prestes a cair (ou ser jogado), por outro se pela só […]

domingo

21

maio 2017

5

COMENTÁRIOS

domingo

21

maio 2017

8

COMENTÁRIOS

De Mauá a JBS e Odebrecht: a relação entre famílias ricas e políticos

Escrito por , Postado em Denise Assis, Redação

Denise Assis

Denise Assis

É jornalista e passou pela Veja, Isto É, Jornal do Brasil, O Globo, e O Dia. É autora dos livros: "Propaganda e cinema a Serviço do Golpe" e "Imaculada". Também é idealizadora da coleção "Elas São de Morte" e autora de "Vende-se vestido de noiva", lançada pela Editora Rocco. Foi assessora da presidência do BNDES, pesquisadora da CNV, e assessora-pesquisadora da Comissão da Verdade do Rio. Também coordenou os trabalhos de elucidação da explosão da bomba da OAB. É colunista do blog O Cafezinho desde 2015.
Denise Assis

(Joesley Batista presidente do conselho de administração da JBS. Foto: Vanessa Carvalho/Brazil Photo Press) Abaixo, coluna nossa no site Colabora. *** De Mauá a JBS e Odebrecht, a relação entre famílias poderosas e políticos Livro conta a história do capitalismo brasileiros a partir dos clãs que dominam maiores empresas do Brasil por Denise Assis, para o Projeto Colabora Atualizada em 19 de maio de 2017, 19:17 Os brasileiros encaram hoje, perplexos, as gravações obtidas nas delações premiadas dos donos da JBS, que envolvem o presidente Michel Temer e o senador Aécio Neves, entre muitos outros políticos, ou se decepcionam com […]

domingo

21

maio 2017

8

COMENTÁRIOS