Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Marconi Entrou Como Governador Na CPI e Saiu Pré-Candidato a Presidente do Brasil

Por Miguel do Rosário

13 de junho de 2012 : 00h19

Depois a gente é que é chapa-branca…

Marconi Entrou Como Governador Na CPI e Saiu Pré-Candidato a Presidente do Brasil

QUARTA-FEIRA, 13 DE JUNHO DE 2012

No blog do Cleuber Carlos.

O governador Marconi Perillo passou com bastante desenvoltura pela CPI no Congresso Nacional. Marconi esclareceu todas as dúvidas dos parlamentares que não apresentaram nenhuma novidade nos questionamentos, apenas relembrando e requentando assuntos já exaustivamente debatidos na mídia. Na opinião geral Marconi transformou a CPI em palanque para divulgar suas ações no Estado de Goiás e saiu da CPI fortalecido e com muito apoio político. O Deputado Silvio Costa (PTB) da base aliada de Dilma Rousseff, disse que estava torcendo para Marconi entrar em contradição, mas estava decepcionado com ele mesmo e com a CPI, que o povo de Goiás saiu ganhando, que está envergonhado com o nível de perguntas feitas nas CPI e que Marconi esclareceu todas as dúvidas. O deputado afirmou ainda que Marconi saiu maior do que entrou nesta CPI. Vários outros lideres parabenizaram Marconi por sua atuação na CPI como o Deputado Federal Bruno Araújo(PE) que afirmou que Marconi volta ao Estado de Goiás com muito mais autoridade e que o sentimento no Congresso Nacional é que o PSDB tem orgulho de ter nos seus quadros o governador Marconi Perillo. O clima entre os opositores de Marconi é de decepção, enquanto que os aliados de Marconi comemoram a vitoriosa participação do governador na CPI. Foi literalmente um show de Marconi em rede nacional pois mostrou-se devidamente muito preparado. Foi um dia que entrou para a história politica do Brasil. Marconi entrou na CPI governador e saiu pré-candidato a presidente do Brasil.

O post tinha um comentário interessante ao menos:

camf12 de junho de 2012 23:29
olha, puxar saco do governador que coloca a maioria dos patrocinadore$$ do blog , ate se entende…mas essa dai ja é demais , o gov. entrou e saiu do msm jeito, isto e , como um politico do interior do pais que aproveitou seus 15 min de fama( mesmo que se defendendo de corrupçao) e pronto ,volta pro carro de boi e pra ambrosia. sempre sera lembrado pela mídia nacional como quem mesmo sem ter relação nenhuma , liga para um pessoa para dar parabens ou quem sabe se esqueceu de olhar que os cheques de venda da sua mansao (ganhando 23.000, multiplicaçao dos pães) era por- coincidencia- de uma empresa de um certo contraventor

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Flávio de Lima

20 de junho de 2012 às 19h31

Meus Deus, candidato a presidente? Como pode alguém falar um absurdo deste? O voz de pato nem sabe falar direito, tem uma arrogância aparente, explicou o que? Só enrolou, a sorte dele foi o acordão meu amigo. Não precisa ter um QI, ou nível cultural acima da média para ver o quanto o voz de pato se contradisse, pena não ter sido pressionado. Enfim, não é de hoje que sabemos dos rolos deste pilantra, mas ninguém em Goias fez nada e o povo? É a vóz de Deus? É a incompetência em não saber votar. Tenho vergonha de morar num estado com tantos corruptos, não é só o governo Estadual não, é a prefeitura, é o legislativo estadual e municipal é o judiciário… E o pior? Um bando de pucha saco de bandido. Só não mudo porque tenho esperanças.

Responder

Marcus

16 de junho de 2012 às 10h32

Não resisti… tive que postar um comentário.

Esse Cleuber Carlos é CONHECIDÍSSIMO aqui em Goiás. Não tanto pelo talento, mas por esse puxasaquismo impagável (ou melhor, pagável rsrs).

Responder

spin

13 de junho de 2012 às 19h53

Lamentável que a Justiça Federal em Goiânia tenda a anular a Monte Carlo na próxima semana. São apenas o relator mais dois juizes, dificilmente estes contrariam aquele, isso desmoralizaria o relator, o corporativismo é muito forte, e sei lá o que pode haver mais por trás disso, essas decisões absurdas do Tourinho beneficiando a rede criminosa do Cachoeira: Trouxe-o do RN para o DF, depois deu-lhe o direito de não abrir o bico na Justiça, cancelando a audiência em cima da hora, deixando todos os brasileiros feitos palhaços; soltou o braço direito de Cachoeira, o Dadá e, agora, por último, numa atitude prá lá de ousada, anulará todas as provas da Monte Carlo, contrariando o plenário do STF. Enfim, Cachoeira será posto em liberdade sem que ao menos tenha dito qualquer palavra em Juizo, o crime organizado tá com tudo, entreguem logo as chaves deste país à bandidagem, a Veja agradece.

Responder

Paulo

13 de junho de 2012 às 06h40

O Perillo entrou como cínico e saiu como cara de pau:
“Não sabia que o Cachoeira era envolvido com contravenção”
“Não sabia que os cheques eram de empresas do esquema Cachoeira”.

A CPMI prova que somente grandes criminosos podem contratar grandes advogados.

Advogado prá que sr. governador?

Aquele deputado que discursou que o Perillo é a partícula de deus, está no bolso de quem?

Responder

Elson

13 de junho de 2012 às 06h25

Eu não pude acompanhar o depoimento, más, por mais que Perillo tenha se explicado a outros políticos, ficará sempre na mente do eleitor mais esclarecido que era Cachoeira que administrava um estado, sem ter tido um único voto.
Essas acusações serão lembradas em eleições futuras, afinal, os grampos estão aí para provar que Perillo conhecia Cachoeira e que sabia de suas tramóias, afinal ele não é o 01?

Responder

Deixe um comentário para Elson

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?