Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

A gota d’água de Alckmin

Por Miguel do Rosário

20 de março de 2014 : 07h33

Os tucanos estão desesperados. Não bastasse o trensalão, que arrasta para a lama todas as administrações tucanas em São Paulo, a começar pelo até então mitificado Mario Covas, agora os paulistas se vêem diante de um fiasco de proporções bíblicas, e causado exclusivamente por incompetência e má gestão.

São Paulo é um dos estados com maior incidência de chuvas no Sudeste. Os problemas de abastecimento de água se derivam da histórica apatia tucana quando se trata de levar adiante obras estruturantes. Os tucanos não fazem pontes, não fazem ferrovias, não fazem estradas, não fazem aeroportos, não fazem hidrelétricas, não fazem reservatórios. Não fazem nada. E ainda atrapalham os que tentam fazer.

A era tucana no Planalto, por mais que a mídia tente enfeitá-la com flores artificiais, foi um dos períodos mais áridos da nossa história em termos de obras de infra-estrutura.

E agora vemos que o mesmo problema se repetiu em São Paulo. A infra-estrutura paulista de capacitação de água permanece a mesma há mais de trinta anos.

Deixar o povo sem água é o fim da picada.

A ironia – uma ironia triste porque trará sofrimento ao paulista e danos à economia nacional – é que os tucanos torceram tanto para não chover no Brasil, para que houvesse um colapso nas hidrelétricas, que acabaram tendo seus desejos atendidos. Só que o país está preparado. Dilma construiu mais termoelétricas e há um monte de hidrelétrica ficando pronta em breve, algumas já este ano. Sem falar num grande sistema de geração de energia eólica que também estará pronto e operante ainda este ano.

São Paulo, por sua vez, não está preparado para falta de chuvas. E olha que não houve surpresa. O regime histórico de chuvas no estado prevê anos mais secos. Esta é a razão de haver reservatórios, se bem que alguns especialistas falam que o problema nem é tanto reservatório, mas falta de gestão, de manejo. As obras que Alckmin quer fazer agora deveriam ter sido feitas há vinte anos.

E ainda tem esse vexame político de vir pedir esmolas ao Rio de Janeiro, comemorar e depois ouvir uma negativa humilhante do nosso governador.

ScreenHunter_3513 Mar. 20 06.46

Sérgio Cabral não é flor que se cheire, mas não é um sociopata barbosiano que irá negar água, por pura maldade, ao povo de São Paulo. Se ele se nega a entregar o rio Paraíba do Sul ao governo de São Paulo é porque isso poderia comprometer o abastecimento no interior fluminense. Aí teríamos um abraço de afogados, ou melhor, de sedentos. A incompetência tucana arrastaria dois estados, São Paulo e Rio de Janeiro.

Entretanto, quero acreditar que o Rio fará o possível para ajudar São Paulo, apesar de que os tucanos paulistas, historicamente, sempre terem trabalhado para ferrar o Rio de Janeiro. A começar pela lei aprovada pelo então deputado federal José Serra, nos anos 90, que levou os impostos do petróleo, antes cobrados na fonte, ou seja no Rio, para o consumo, ou seja, para São Paulo.

A única coisa boa disso tudo, se é possível tirar alguma coisa positiva de uma trapalhada de consequências tão trágicas para o Brasil, é que o fato poderá ser, com trocadilho e tudo, a gota d’água para o eleitor paulista.

E daí poderemos ter, enfim, alternância política em São Paulo.

*

É curioso que, diante de uma tragédia de consequências econômicas, políticas e sociais tão avassaladoras, as manchetes dos jornais de São Paulo sejam a a aquisição da refinaria de Pasadena, pela Petrobrás. Um caso já explicado em detalhes pelo então presidente da Petrobrás, José Gabrielli, que participou em 2013 de uma audiência pública no Senado. Vale tudo para tentar atingir Dilma Rousseff e prejudicar sua eleição, inclusive rifar a economia de São Paulo?

Será difícil, no entanto, esconder do paulista uma coisa tão palpável quanto a água na pia.

gota

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

17 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Franco

07 de janeiro de 2015 às 13h28

Discupaí, galerinha petralha e gentinha tucana, mas são tudo a mesma merda. Se o país é analfa, os governantes, bandidos, e o sistema, podre, vcs queriam o que, a Suécia? HAHAHAHAH! Me poupem! História cada um tem a sua, não dá pra importar. A história do Brasil é esse lixo desde o começo, basta ler um pouquinho. Sempre foi esse teatrinho de capangas e coronéis trocando ameaças pra inglês ver enquanto acertam as propinas por baixo da mesa. Trouxa é o povo que prefere ver BBB em vez de ir pra cima desses canalhas.
Querem saber como faz pra melhorar? Simples. Vão na história dos povos que prestam e verifiquem. Sempre, em algum momento, acontece a gota dágua que leva o povo a cortar cabeças coroadas. Foi assim na França. Ou então, as cabeças coroadas ficam espertas rapidinho, e pra manter a si mesmas grudadas no pescoço, abrem mão do poder para que o sistema possa sanear-se a si próprio. Vejam a Inglaterra.
Política não tem bom-mocismo, é ir pra pau e resolver a parada. Ou passar 500 anos chorando as pitangas deitado em berço esplêndido.
Cada povo faz sua escolha. E merece todas as consequencias.
Capisce?

Responder

    Miguel do Rosário

    07 de janeiro de 2015 às 16h23

    Não fala merda. A história desses povos incluiu sobretudo muita luta política, embate de ideias e participação popular.

    Responder

J Junior

27 de dezembro de 2014 às 11h29

Tinhanhamos que ir todos pra Brasilia no dia da posse protestar contra este governo de merda do PT, todos tinham que usar roupas pretas neste pais dia primeiro, este merda de partido do PT Quebrou o pais e o pior que as espectativas de futuro que o brasileiro tem é que as coisas vão piorar, como pode se viver em paz assim? Aqui só crescem as coisas ruins, como a violência a que somos submetidos todos os dias, desamparados por falta de justiça e leis que não são mudadas, o Brasil esta nos ultimos lugares em qualquer indice pesquisado pela ONU, O PAIS QUE ONTEM ERA TIDO COMO PAÍS DO FUTURO, NÃO IMAGINAVA QUE SERIA UM FUTURO TÃO MEDIOCRE, QUE SERÁ QUE SOMOS TODOS LADRÕES, NÃO DA PARA ACREDITAR NA URNA ELETRÔNICA!
Triste para um brasileiro desencantado é ficar imaginando que sua vida só pode melhorar se ele for embora daqui! Chega de ser enganado e humilhado, não é possível que tem gente que defende este governo, que nivela tudo por baixo!
Brasil pais do poder pelo poder, e povo que se lasque nas UPAS E ESCOLAS QUE NÃO ENSINAM!

Responder

Adalberto

04 de outubro de 2014 às 10h36

Esse comentário é um lixo, igual a tudo que é ligado aos corruptos petralhas e seus militontos incompetentes e pagos com o que é desviado dos cofres púbicos. Fora quadrilha de larápios. Fora pt lixo.

Responder

    Miguel do Rosário

    04 de outubro de 2014 às 11h26

    Impressionante a criatividade dos mercenários! São robôs?

    Responder

José Ronaldo Martins

03 de outubro de 2014 às 22h52

O que essa tucanalha não vê é que transformar o Tietê em uma sarjeta de dimensões continentais só fez com que os pichadores tivessem um belo lugar para praticar e secar as represas do Sistema Cantareira vai alterar o clima da região, aumentando a aridez local e dificultando a reposição da água. Depois disso, esses pulhas vão viver em outro lugar e a população que se lasque. Vamos ver se, pelo menos neste domingo, eles recebem uma resposta adequada. Se não houver Serra (arrrrghhh) e Alkmin (ou Alkimin), não sobra mais ninguém para se candidatar aqui. Acaba o PSDB em São Paulo.

Responder

Fernando

21 de março de 2014 às 09h18

Flavius Augustus, Voce deve estar pensando que o Brasil é igual ao Paraguai ou Honduras, países em que a direita dá golpes de estado toda vez que a esquerda toma o poder. Aqui no Brasil esse tempo já passou e o buraco é um pouco mais em baixo. Você é o retrato perfeito do seu partido: Vai aprender a ganhar eleição, que é coisa que vocês são incapazes de fazer a nível de presidência da república. E por falar em lama, como é que fica a lama do trensalão, misturada com a lama do sistema Cantareira? Desse jeito, vocês vão perder até o eleitorado mais conservador do mundo, o de São Paulo.

Responder

Daniel

21 de março de 2014 às 08h29

Miguel, esse sistema de comentários está furado. Eu tentei responder ao comentário do fictício “Fávio Augustus” (interessante como extrema-direita sempre coloca nomes falsos) e apesar disso o mecanismo de comentários colocou a minha resposta ao mesmo como se fosse um novo comentário, tirando-o assim do contexto.

Responder

Daniel

21 de março de 2014 às 08h28

Prezado, vá pastar…

Responder

Luiz

20 de março de 2014 às 23h22

Estou me referindo ao troll Flavius Augustus.

Responder

Luiz

20 de março de 2014 às 23h20

Troll tucanalha à vista!
A idiotice que o conhecido troll disse é tamanha que não merece argumentação alguma.

Responder

Celso Orrico

20 de março de 2014 às 19h34

literalmente deu água no projeto tucano de volta ao Poder..será que agora os paulistas vão cuidar melhor de sua terra?

Responder

Flavius Augustus

20 de março de 2014 às 14h08

Dilma está a um passo de ser impeatchmada do Planalto. Ela está enfiada até o pescoço na lama que foi a compra do monte de sucata de Pasadena. Daqui a pouco não vai nem conseguir respirar…

Responder

Marcus Vinicius

20 de março de 2014 às 12h22

você acha,”tucano” ??

Responder

Fabio

20 de março de 2014 às 11h16

Sera que nesse ano o povo paulista vai acordar e expulsar os tucanos do palácio doa bandeirantes.
Tomara!

Responder

Wendell

20 de março de 2014 às 09h26

Esse é o chamado “choque de gestão” liberal/tucano.

Responder

Giancarlo Ché

20 de março de 2014 às 11h08

Jornal só pra militantes, Podreira

Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?