Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Íntegra da pesquisa Ibope sobre eleição e governo

Por Miguel do Rosário

18 de abril de 2014 : 08h46

O Ibope divulgou a íntegra da pesquisa de intenções de voto para presidência da república. Também há números sobre a avaliação do governo e da presidenta. Dêem uma olhada e comentem.

Aliás, vai uma crítica construtiva ao Vox Populi. O certo é que todos os institutos divulgassem, o mais breve possível, a íntegra dos relatórios de pesquisa.

Segue abaixo o texto divulgado no site do Ibope:

*

Dilma perde votos, mas segue liderando disputa pela Presidência da República

17/04/2014

23% dos eleitores mencionam espontaneamente que votariam na atual presidente

?Em um dos cenários testados, Dilma tem 37% das intenções de voto

Dilma Rousseff (PT) é a pré-candidata que detém o maior percentual de intenção de voto para presidente da República em 2014, segundo pesquisa do IBOPE Inteligência. A atual presidente é mencionada espontaneamente por 23% dos eleitores, mesmo nível de citação registrado nas últimas pesquisas, realizadas em março e novembro.

Na sequência, os eleitores também citam Aécio Neves (PSDB), com 7%, o ex-presidente Lula (PT), com 6%, Marina Silva (PSB), com 4%, Eduardo Campos (PSB), com 2%, e José Serra (PSDB), com 1% das intenções de voto. Os demais possíveis candidatos juntos somam 2% das menções. Os que ainda não sabem dizer espontaneamente em quem votar totalizam 37% e outros 19% afirmam que votariam em branco ou nulo.

Cenário 1
Em um dos cenários testados pelo IBOPE Inteligência, com dez pré-candidatos, Dilma tem 37% das menções (tinha 40% em março), seguida de Aécio Neves, com 14% (13% no mês passado), Eduardo Campos, com 6% (mesmo percentual do mês anterior), Pastor Everaldo, com 2% (3% em março). As menções a Randolfe Rodrigues, Denise Abreu, Eymael, Levy Fidélix, Mauro Iasi e Eduardo Jorge somam 3%. Votos brancos e nulos totalizam 24% e os que não sabem em quem votar ou preferem não responder, 13%.

Cenário 2
Em outro cenário, também com dez pré-candidatos, mas com Marina Silva pelo PSB, Dilma também é a candidata com maior intenção de voto, com os mesmos 37% de menções do cenário anterior, seguida de Aécio Neves com 14%, Marina Silva com 10%, Pastor Everaldo com 2%, Randolfe Rodrigues com 1%, Denise Abreu com 1% e Eduardo Jorge com 1%. Eymael, Levy Fidélix e Mauro Iasi não somam 1% das intenções de voto. Votos brancos e nulos totalizam 23% e os que não sabem em quem votar ou preferem não responder, 12%.

Cenário 3
No terceiro cenário, apenas com três candidatos, que também foi testado na pesquisa anterior, Dilma tem 39% das intenções de voto (tinha 43% em março), Aécio Neves 16% (15% no mês passado) e Eduardo Campos 8%, um ponto percentual acima do registrado em março. Votos brancos e nulos somam 26% e os indecisos, 11%.

Cenário 4
Quando considerados novamente apenas três candidatos, mas com Marina Silva pelo PSB, cenário que também foi testado em março, Dilma mais uma vez é a candidata mais citada, com 39% das menções (tinha 41% em março). Aécio Neves aparece com 15% (14% no mês anterior) e Marina Silva com 13% (12% em março). Votos brancos e nulos representam 23% e os que não sabem em quem votar ou preferem não responder, 10%.

Cenário 5
Em um cenário que contempla o ex-presidente Lula, o petista lidera com 42% das menções. Aécio Neves aparece tem 17% e Eduardo Campos, 6%. Votos brancos e nulos representam 24% e os que não sabem em quem votar ou preferem não responder, 10%.

Segundo turno
Também foram testados cenários possíveis em um eventual segundo turno. Em uma disputa entre Dilma e Aécio Neves, a atual presidente tem 43% das intenções de voto, contra 22% do senador mineiro. Votos brancos e nulos somam 26% e os indecisos, 9%.

Na disputa com Marina Silva, Dilma também leva vantagem, com 41% das menções, ante 25% da ex-senadora. Votos brancos e nulos totalizam 24% e os que não sabem em quem votar ou preferem não responder, 10%.

Em um segundo turno com Eduardo Campos, a presidente permanece na liderança, com 44% das intenções de voto, enquanto o governador pernambucano é citado por 17% dos eleitores. Votos brancos e nulos somam 28% e os indecisos, 12%.

Rejeição
O IBOPE Inteligência perguntou aos eleitores em quem eles não votariam de jeito nenhum para presidente. Dilma Rousseff é citada por 33%dos eleitores, seguida por Aécio Neves com 25% e Eymael e Pastor Everaldo, com 23%. Eduardo Campos e Levy Fidélix são mencionados por 21% e Marina Silva, por 20%. Denise Abreu, Mauro Iasi, Randolfe Rodrigues e Eduardo Jorge são citados por 18% cada. Aqueles que afirmam poder votar em qualquer um dos candidatos somam 11%, enquanto 19% não sabem ou não respondem à pergunta. Vale lembrar que o entrevistado poderia citar mais de um candidato.

Avaliação da administração federal
A administração da presidente Dilma Rousseff é avaliada de maneira positiva (soma dos percentuais ótimo e bom) por 34% dos eleitores brasileiros. Os que avaliam seu governo como regular são 34% e os que avaliam de maneira negativa (soma dos percentuais ruim e péssimo) somam 30%. Os eleitores que afirmam aprovar a sua gestão somam 47%, ao passo que 48% a desaprovam. Metade da população (51%) declara não confiar na presidente Dilma Rousseff, contra 44% que confiam. Os outros 5% não sabem ou não respondem à pergunta.

Mudança X continuidade
Mais de 2/3 dos brasileiros (68%) querem que o próximo presidente do Brasil mude totalmente ou muita coisa no governo do país. Segundo pesquisa do IBOPE Inteligência, outros 28% gostariam de continuidade total ou que muita coisa do governo atual permanecesse igual na próxima gestão.

Dentre os que querem mudanças, 24% citam a presidente Dilma Rousseff como a que tem mais condições de implementar as mudanças que o país ainda necessita. Aécio Neves é citado por 19%, Marina Silva por 15% e Eduardo Campos por 7%. Outros 23% declaram que nenhum dos nomes é capaz de realizar as mudanças necessárias e 1% acha que todos são capazes. Os que não sabem ou preferem não responder somam 11%.

E quando os que querem mudanças são questionados se desejam que essas sejam feitas com Dilma no governo ou com outro presidente, 64% citam que querem com outro presidente no lugar de Dilma. Os que mencionam a atual presidente somam 25% e 11% não sabem ou não respondem.

Período de campo: pesquisa realizada entre os dias 10 e 14 de abril de 2014
Tamanho da amostra: foram entrevistados 2.002 eleitores
Margem de erro: a margem de erro estimada é de 2 p.p. para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.
Nível de confiança: O nível de confiança utilizado é de 95%.
Solicitante: pesquisa contratada por IBOPE INTELIGÊNCIA PESQUISA E CONSULTORIA LTDA.
Registro eleitoral: Registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o protocolo Nº BR-00078/2014.

foto240-480x342

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Gileno Correia dos Santos

18 de setembro de 2014 às 20h45

Escolha votar em uma presidência que seja melhor para o povo brasileiro e não para os outros países com suas bolsas de valores no mercado que dizem ser melhor para os estrangeiros com Marina ou Aécio na presidência do Brasil; portanto voto em Dilma porque é o melhor para o povo brasileiro e não para o capitalismo especulador estrangeiro.

Responder

FRANCISCO

19 de abril de 2014 às 17h12

IBOPE CONFIRMA VOX POPULI, DILMA TEM 40,32%. A CONCLUSÃO É SIMPLES, BASTA VER OS NÚMERO DO TEMA MUDANÇA X CONTINUÍSMO: 24% SÃO PELA PERMANÊNCIA DO GOVERNO. DO 68% QUE QUEREM MUDANÇA, A PESQUISA INFORMA QUE 24% DESTES PREFEREM A DILMA, LOGO, 16,32% (24% DE 68%) QUEREM MUDANÇA COM DILMA. OU SEJA, DILMA TEM 24% – QUE QUEREM A MANUTENÇÃO DO GOVERNO – MAIS 16,32% – MUDANÇA COM DILMA -, TOTALIZANDO 40,32% (24+16,32). O IBOPE, PARA AGRADAR AO PIG, UTILIZA-SE DA MARGEM DE ERRO E DIZ QUE DILMA TEM 37%.

Responder

Ermindo Castro

18 de abril de 2014 às 12h38

o IBOPE é do Montenegro?????quem encomendou a pesquisa???

Responder

Deixe um comentário para Ermindo Castro