Bahia: Refinaria privatizada provoca desabastecimento de Gás de Cozinha

Polícia do Rio estoura o mensalão da Fifa!

Por Miguel do Rosário

08 de julho de 2014 : 14h21

Quem diria, hein, o Brasil estourou o mensalão da Fifa!

E olha que a trambicagem com ingressos é só um dos fios do novelo. Quando descobrirem as maracutaias com as vendas de direito de tranmissão, a coisa vai ficar feia.

Uma incrível ironia! O “padrão Fifa” sempre foi um engodo!

O Brasil é infinitamente melhor que a Fifa!

Saúde padrão Fifa?

Educação padrão Fifa?

Nada disso.

Melhor continuarmos mesmo com nosso humilde e problemático padrão brasileiro.

É um padrão que tentamos aprimorar ano a ano, com bom senso, energia e, sobretudo, com sentimento de responsabilidade.

Não adianta cobrar do governo um padrão de qualidade se você mesmo não faz a mesma exigência a si mesmo, de oferecer à sociedade um alto padrão de comprometimento democrático e profissional.

Até para isso serviu a Copa do Mundo no Brasil.

Para desmoralizar a Fifa, e pressionar o mundo a encontrar uma outra maneira de organizar os campeonatos internacionais de futebol.

Mais transparente, sobretudo.

Que reviravolta!

Abrimos a Copa com vergonha de nós mesmos, pedindo um Brasil padrão Fifa.

Agora vamos encerrá-la com um tremendo orgulho nacional, e com o mundo inteiro envergonhado, pedindo que as próximas Copas sejam menos padrão Fifa e mais padrão Brasil.

*

Polícia vai investigar ligação entre sobrinho de Blatter e empresa Match

Por Vladimir Platonow – Repórter da Agência Brasil
Edição: Luana Lourenço

O delegado Fábio Barucke, titular da 18ª Delegacia de Polícia, que prendeu hoje (6) o britânico Raymond Whelan, disse que a possível ligação entre a Match, empresa dirigida por Whelan, com a Infront Sport and Midia, de Philippe Blatter, sobrinho do presidente da Fifa, Joseph Blatter, fará parte das investigações.

“Temos notícia de que o Philip Blatter teria participação na sociedade da Match. Isso vai ser colocado aos autos no decorrer da investigação”, disse Barucke, em entrevista coletiva na delegacia, para onde foi levado o britânico.

O delegado disse que Whelan teve prisão temporária por cinco dias decretada pela Justiça, mas que seus advogados ainda não haviam decidido se ele vai prestar depoimento. Caso isso ocorra, ele será ouvido amanhã (8), às 9h. “Se ele não for depor, vai ser encaminhado à Polinter [polícia interestadual] e vai depor em juízo”, explicou o delegado.

Segundo Baruck, o britânico negou, em conversa informal, que teria amizade com o empresário franco-argelino Lamine Fofana, que também foi preso por venda irregular de ingressos da Copa. “Ele não admitiu as acusações. Negou qualquer envolvimento com o Fofana. Negou que teria negociado pessoalmente ingressos com o Fofana”, contou o delegado.

De acordo com Barucke, Whelan poderá responder pelo crime de facilitar a distribuição de ingressos para a venda de cambistas. “É o Estatuto do Torcedor, Artigo 41, Alínea G. Pena de quatro anos de prisão.” O delegado revelou que outras sete pessoas, que aparecem nas escutas, estão sendo investigadas.

ray_1

Whelan, sócio do sobrinho de Blatter

COPA 2014 - ROUBALHEIRA

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

14 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

milton

11 de julho de 2014 às 15h24

A FIFA enfiou o rabo entre as pernas.

Responder

09 de julho de 2014 às 22h12

Nós poderíamos ver o teor do pedido de habeas corpus. Ver também o texto completo em que esse “juiz” despacha a favor desse gringo aí. E o nome desse juíz aí também né???? Ninguém sabe que juiz é esse e de onde ele saiu para soltar esse mafioso aí. Essa justiça brasileira é de amargar.

Responder

MARIA CARDOSO

09 de julho de 2014 às 10h31

Olha aí, vira-latas, o significado de padrão fifa!

Responder

Rosamaria Beck

09 de julho de 2014 às 13h19

B

Responder

Ivan da Costa

09 de julho de 2014 às 02h57

CORRUPCAO, padrao Fifa! Quanta podridao essa Copa trouxe a tona e quanto mai vira!

Responder

Eliane Magalhães da Silva

08 de julho de 2014 às 20h17

Estatuto do torcedor para quem? Para pegar a FIFA e deixar de legado para a Rússia e o Qatar.

Responder

Marcus Rogeres

08 de julho de 2014 às 18h29

No pais tomado pela corrupção seria de admirar não ter escândalos dentro da fifa

Responder

Jorge Marinho Guimarães

08 de julho de 2014 às 18h19

Tem que abrir uma CPI para investigar a FIFA.

Responder

Eduardo Fts

08 de julho de 2014 às 17h51

Os direitos de transmissão já foram descobertos com a ligação da dupla Havelange/Teixeira que “venderam” pra ISL(fachada) e repassada à globo. Só que a FIFA tratou como caso “isolado”.

Escândalo ISL – FIFA atinge Havelange e Teixeira | Margarita Sem …
site.margaritasemcensura.com/…/escandal..

Responder

Fabio Grimaldi Moreira

08 de julho de 2014 às 17h47

Pode ter certeza que quando começar a aparecer político no meio as noticias somem!

Responder

Alvarêz Dewïzqe

08 de julho de 2014 às 17h46

Trambicagem Padrão FIFA

Responder

Claudio Linhares

08 de julho de 2014 às 17h40

No início de maio circulou nos jornais aqui de Fortaleza a notícia de que a oferta de vagas nos hotéis durante a Copa ia aumentar porque a Fifa havia liberado as reservas que havia feito ha muito tempo. A notícia foi até comemorada pelo pessoal que torcia contra a copa, coko sinal de que o mundial ia ser mesmo um fracasso. Mas como assim? A Fifa tava com alguma estratégia de controle das vagas dos hotéis das cidades sede? Isso não seria indicios de cartel, com o objetivo de especulação? No final, com a desistência da Fifa, o consumidor acabou sendo beneficiado com queda de preços, mas acredito que que esta prática especulativa da Fifa revelaada pela investigação da PF nos ingressos se estenda ao mercado de outros produtos e serviços envolvidos na Copa.

Responder

Felipe De Silvério Arantes

08 de julho de 2014 às 17h32

A prisão do executivo da Match, parece um boi de piranha. Espero que esteja errado, mas creio que vem aí uma mega operação abafa.

Responder

Vitor Granzotto

08 de julho de 2014 às 17h27

Tem uma frase, não sei a quem pertence, mas espero que a polícia siga a risca:”SIGAM O DINHEIRO”……………

Responder

Deixe um comentário