Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Decisões do TSE barram golpe da Globo

Por Miguel do Rosário

25 de outubro de 2014 : 21h14

images


 

A Globo recuou na última hora.

A barragem das redes sociais, que puseram nos TT mundiais do Twitter a hashtag #GolpenoJN, a reação dura da presidenta Dilma, a decisão do TSE de obrigar a Veja a dar direito de resposta imediato e, sobretudo, a perspectiva cada vez mais forte de reeleição de Dilma, fizeram o Jornal Nacional rebolar.

Eles deram a matéria da Veja, mas depois de dar o protesto da UJS. E apresentaram a resposta dura de Dilma em sua propaganda eleitoral.

Dilma condenou a ação da UJS, como não podia deixar de fazer, por ser a presidente da república, responsável pela lei e pela ordem.

Mas eu não sou presidente e não preciso repetir Dilma.

Os jovens da UJS estão de parabéns!

Fizeram o que milhões queriam fazer há tempos.

O que estava engasgado na garganta de todo o mundo.

Veja mente.

Veja é um lixo.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

130 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

tielo

26 de outubro de 2014 às 16h25

A simples possibilidade de perder uma eleição, da vazão as mais diversas teorias de conspiração
e golpe.

Responder

C.Paoliello

26 de outubro de 2014 às 12h13

AECIOPORTO? TODOS SOLTOS!

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 11h29

Paulo Moreira Leite: PAÍS VAI ÀS URNAS EM MEIO A GOLPE MIDIÁTICO
Segundo o jornalista Paulo Moreira Leite, diretor do 247 em Brasília, o condomínio de poder que chegou ao Planalto com Lula, em 2002, caminha democraticamente para sua quarta vitória consecutiva, em pleno curso de um golpe midiático, num esforço sem paralelo para interferir no resultado das eleições desde a democratização: ‘Essa situação cobra uma desfaçatez maior de quem pretende dobrar a vontade da maioria por meios ilegítimos e ilícitos, como sustentam vários advogados. Exige mais truculência. Um grau maior de cinismo. Apoio cúmplice e muitos olhos fechados’

26 DE OUTUBRO DE 2014

(…)

Responder

    Messias Franca de Macedo

    26 de outubro de 2014 às 11h29

    FONTE: http://paulomoreiraleite.com/2014/10/26/golpe-em-pleno-curso/

    Responder

      Messias Franca de Macedo

      26 de outubro de 2014 às 11h31

      Paulo Moreira Leite: PAÍS VAI ÀS URNAS EM MEIO A GOLPE MIDIÁTICO Segundo o jornalista Paulo Moreira Leite, diretor do 247 em Brasília, o condomínio de poder que chegou ao Planalto com Lula, em 2002, caminha democraticamente para sua quarta vitória consecutiva, em pleno curso de um golpe midiático, num esforço sem paralelo para interferir no resultado das eleições desde a democratização: ‘Essa situação cobra uma desfaçatez maior de quem pretende dobrar a vontade da maioria por meios ilegítimos e ilícitos, como sustentam vários advogados. Exige mais truculência. Um grau maior de cinismo. Apoio cúmplice e muitos olhos fechados’

      26 DE OUTUBRO DE 2014

      Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 11h28

JANIO DE FREITAS – Os enganados e o mentiroso

A última investida originada na imprensa para interferir na disputa eleitoral –última, bem entendido, até a hora em que escrevo– é feita com o nome do doleiro Alberto Youssef, com abuso do condicional (“teria dito”, “teria feito”), com um hipotético delegado sem nome e com um tal depoimento de cujo teor nem o advogado do depoente ouviu falar.
Dado apenas como doleiro, Alberto Youssef é mentiroso profissional. E negócio são importações mentirosas para exportar dólares como pagamentos. Sua atual busca de delação premiada, em troca de liberdade apesar de criminoso confesso e comprovado, não é a primeira. Voltou a ser preso, há seis meses, porque, desfrutando de liberdade concedida pela Justiça como prêmio por antigas delações, dedicou-se aos mesmos crimes que se comprometera a não repetir. A delação premiada e o acordo com um juiz foram ambos mentirosos.
A investida e seus instrumentos são componentes que se mostram, como em outras eleições, da velha divisão do país.

Responder

C.Paoliello

26 de outubro de 2014 às 11h16

No nosso país qualquer grupo de pilantras e vagabundos pode organizar um “jornal” ou uma “revista”, que depois recebe gordos financiamentos de banqueiros e “empresários” e vai se transformando num panfleto antidemocrático e partidário. Isso precisa ser regulamentado pois o povo brasileiro não pode ficar à mercê desta falsa mídia que publica só matérias pagas contra os interesses populares e contra a democracia. Esta desinformação e deformação das “notícias”, que são na verdade só matéria paga, precisa acabar no Brasil. Precisam ser instituídas exigências rígidas para a constituição de verdadeiros jornais e revistas. As concessões de tv e rádio também precisam, urgentemente, serem revistas com regras mais rígidas que as obriguem a informar com um mínimo de credibilidade ou devem ser cassadas. Não podemos mais conviver com esta falsa mídia que na época das eleições pratica todo o tipo de crimes eleitorais e contra a manifestação livremente democrática, impunemente. Nosso país já avançou bastante para continuar convivendo com esta bandidagem da falsa mídia, que, repito, só publica matéria paga patrocinada, é claro, pelos endinheirados, mesmo que seu dinheiro tenha sido obtido das formas mais fraudulentas possíveis.

Responder

Denys

26 de outubro de 2014 às 10h57

Votou no PSDB? Ah… vá tomar banho!
#paulistavotasujo

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 10h55

Paulo Moreira Leite: PAÍS VAI ÀS URNAS EM MEIO A GOLPE MIDIÁTICO

Segundo o jornalista Paulo Moreira Leite, diretor do 247 em Brasília, o condomínio de poder que chegou ao Planalto com Lula, em 2002, caminha democraticamente para sua quarta vitória consecutiva, em pleno curso de um golpe midiático, num esforço sem paralelo para interferir no resultado das eleições desde a democratização: ‘Essa situação cobra uma desfaçatez maior de quem pretende dobrar a vontade da maioria por meios ilegítimos e ilícitos, como sustentam vários advogados. Exige mais truculência. Um grau maior de cinismo. Apoio cúmplice e muitos olhos fechados’

26 DE OUTUBRO DE 2014

(…)

FONTE: http://paulomoreiraleite.com/2014/10/26/golpe-em-pleno-curso/

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 10h26

… Eu e a minha família [JÁ] votamos ‘BOMDilma’,

A Magnífica, ‘Coração Valente’, para a verdadeira nação brasileira continuar seguindo em frente!

Viva o [verdadeiro] BRASIL!

Viva o sapiente, leal, generoso, impávido e honesto povo trabalhador brasileiro!

BRASIL – em homenagem ao [eterno] presidente Lula e à presidente Dilma Rousseff, A Magnífica!

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo e família!

Responder

Ramos Coelho

26 de outubro de 2014 às 11h58

Protesto criativo dos militantes de Natal – RN contra o golpismo da Revista Veja

Responder

Marcus

26 de outubro de 2014 às 09h51

esses garotos do ujs fizeram exatamente o que a direita queria. essa lambança foi o gancho perfeito pro jn por a matéria da veja no ar sem dar margem p/ ações penais por parte da presidente Dilma. e ainda por cima deu espaço pro Collor 2.0 dizer que aquilo foi um “atentado” à liberdade de expressão e outras baboseiras do tipo. nada contra a manifestação, mas faze-la um dia antes da eleição é de uma estupidez abissal! poderia ter feito depois de contabilizada a última urna, ou mesmo na segunda-feira. esses moleques não sabem quantos de nós foram perseguidos, torturados e mortos por uma ditadura cretina e sanguinária para chegarmos até aqui! não tem liderança e por isso não conseguem PENSAR estrategicamente. e digo mais, se Dilma não vencer essas eleições, isso irá pra conta deles! vão ser burros assim na pqp…

Responder

    Gerson

    26 de outubro de 2014 às 09h56

    Compartilho da mesma opinião e vou colar abaixo a minha mensagem das 23:43 de ontem:

    Gerson disse:
    25/10/2014 às 11:43 pm

    Discordo totalmente de você Miguel. Esses “jovens da UJS” fizeram só arruaça e deram motivos para o PIG colocar a Presidente contra a parede, sendo obrigada a condenar a manifestação, a dois dias da eleição. Isso me parece o movimento do passe livre, que incendiou a direita. Se quisessem ajudar a Presidente na eleição, fariam isso amanhã, após o fechamento das urnas. Senão é puro marketing para chamar a atenção.

    Responder

    Eliana Juiz de Fora

    26 de outubro de 2014 às 11h49

    Marcos , discordo de vc.
    O que eles fizeram foi denunciar ao Brasil
    que a Veja é golpista.

    Responder

Allan Rezende

26 de outubro de 2014 às 09h42

kkkkkkk. Quem tem que rebolar é o Miguel do Rosário. Tem que rebolar para manter no ar o bloguinho. Se Dilma ganhar não haverá regulação da mídia e se Dilma perder, também não haverá regulação da mídia. Chupa Miguel, chupa!

Responder

    Gerson

    26 de outubro de 2014 às 10h01

    Vai para a filha do Meu banho, Minha vida coxinha!!!

    Responder

      Gerson

      26 de outubro de 2014 às 10h02

      Ops..corrigindo…
      Vai para a fila do Meu banho, Minha vida coxinha!!!

      Responder

Márcio de Carvalho

26 de outubro de 2014 às 09h40

O único instituto que acertou sempre as últimas 03 eleições, sem manipulações e oscilações estranhas, e sem ligações suspeitas com Globo(Ibope) e Folha de São Paulo(Data Folha), adversários descarados e desavergonhados do governo federal.

E sempre seguindo uma tendência suave e lógica, e com acerto preciso no final, foi a Vox Populi.

A tendência de evolução de votos no segundo turno é sempre suave e gradual, sem solavancos, voto útil e surpresas como acontecem no primeiroturno. O voto é consolidado e firme, e sempre abrindo a “boca do jacaré”, começando com:

1- 51% a 49%

2- 52% a 48%

3 – 54% a 46%

A sua pesquisa de sábado, dia 25/10, é muito similar ao “traking” do PT, e que também nunca errou e sempre mostra a tendência futura, feito no sábado agora até ás 16:00 hs, e que foi de 49 % a 40% para Dilma.

A tendência linear e constante é o mais importante, sem as oscilações estranhas e suapeitas de Ibope e Data Folha, de como sempre é costume destes dois institutos com crediblidade abalada há anos, justamente por isto.

Esperamos que a Vox e a nossa avaliação esteja correta, e aguardemos agora a confirmação desta tendência positiva para o Brasil, mas sempre lutando até o último voto e momento de fechamento das urnas.

Responder

Maria Helena Correa

26 de outubro de 2014 às 09h22

Um pouco tardiamente, quero postar aqui minha solidariedade aos jovens que colocaram o “lixo no lixo”. Nosso país ainda tem salvação! E agora uma pausa para votar Dilma 13. Vou aproveitar para fiscalizar a seção eleitoral, que precisa ter fiscais dos partidos aliados de olho muito aberto.

Responder

Eliana Juiz de Fora

26 de outubro de 2014 às 09h19

Parabéns moçada da UJES!
Se morasse em SP estaria junto com vocês.
A Veja é imunda!
Suja é pouco para classificar este panfleto de merda.
Precisamos fazer isto na porta da Globo.
A mídia familiar do Brasil é GOLPISTA!

Responder

    Eliana Juiz de Fora

    26 de outubro de 2014 às 09h21

    Corrigindo:UJS

    Responder

Marciano

26 de outubro de 2014 às 09h12

Jovens da UJS vocês estão de parabéns! A Veja e a Rede Globo e o grupo Abril tem realizado nesse país um verdadeiro terrorismo contra o PT. Tem funcionado como um Partido de Oposição. Desvirtuando, assim, sua função que é fundamentalmente informa e transmitir a informação de acordo com os fatos. Assim, faz-se necessário medidas mais severas do ponto de vista da legislação para qua aprofundemos a democratização desses meios de comunicação e informação. Sou favorável, cada vez mais, a democratização do monopólio da grande mídia e completamente contrário a estatização. Enquanto isso não ocorre, sou favorável as ações e movimentos que ganham as ruas através das lutas por uma informação mais formativa. Porque o que assistimos foi uma mídia que diuturnamente desinformava e despolitiza o ouvinte, o telespectador e, consequentemente, o eleitor. Parabéns UJS pela ação. Só esse tipo de movimento será capaz de fazer com que os editores pensem bem o que postar.

Responder

S

26 de outubro de 2014 às 08h58

O ataque de sexta feira a noite à revista Veja é a reedição cabocla da Noite dos Cristais, intentada pelos nazistas de Hitler e Goebbels em 1938. Da mesma forma que na Alemanha, também a violência física de ontem a noite não representa uma ação expontânea, mas um ato urdido nas entranhas do governo dos PeTralhas.

Responder

Vitor

26 de outubro de 2014 às 08h44

Particularmente acho q a UJS são um bando de imbecis e só prejudicam a campanha de Dilma… Ainda bem que acaba hoje!

Responder

S

26 de outubro de 2014 às 08h29

O Instituto SENSUS realizou a última pesquisa de intenção de votos para presidente, fechada há pouco, indicando liderança do candidato do PSDB, Aécio Neves, com 52,1% dos votos válidos. A sua oponente Dilma Rousseff (PT), segundo o Sensus, soma 47,9% dos votos válidos. O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), sob nº 01193/2014.

Ao contrário de todos os demais institutos de pesquisa do País, como Datafolha, MDA e Ibope, que apontavam para Marina Silva (PSB) disputando o segundo turno com a candidata do PT, o Sensus foi o único a captar o crescimento de Aécio, na reta final, sobretudo após o debate da Rede Globo, indicando que ele estaria no segundo turno, como de fato aconteceu.

Computando-se todas as intenções de voto, inclusive brancos e nulos, Aécio tem 45,7%, contra 42% de Dilma. Indecisos, brancos e nulos somam 12,4%. As entrevistas foram realizadas nesta sexta-feira (24) e hoje, e a margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, para mais e para menos.

Responder

    Gerson

    26 de outubro de 2014 às 10h04

    Tenha Sensus do ridículo coxinha!!! É Dilma 13!!!

    Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 07h49

ONDE ESTÁ O ESPÍRITO DEMOCRÁTICO DA “jornalista” eliane TACANHÊde “dos Frias &$ dos Marinhos”?!

Por que Diabos ‘a jornalista amiga dos patrões barões’ “optou” por usar o verbete ‘continuísmo’ [sentido pejorativo] em vez de continuidade, o que – de modo elementar – seria o termo mais apropriado?! Ao projetor o futuro, ‘a tucana de carteirinha eliane’ se apresenta como prestidigitadora ou ‘jornalista versada em mediunidade’?! Pausa para rir destas desgraças integrantes da atual “Banda de Música Udenista” que matou Getúlio Vargas!…

#######################

Eleição é paixão

(…)
É a democracia em ação, com tudo o que ela promove de avanços e com tudo o que ela carrega de retrocesso. Nesse turbilhão, mais de 140 milhões de eleitores poderão votar hoje pelo continuísmo de políticas sociais que deram certo ou pela mudança da política econômica para um futuro melhor para todos.
(…)
Dê Dilma ou dê Aécio, porém, a festa vai durar pouco. Com Dilma, o dólar vai disparar e as Bolsas vão despencar, pelo temor da estagflação. Com Aécio, MST, CUT, UNE vão acordar –e voltar a infernizar. E a investigação da Petrobras continua…

FONTE: http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/158324/Eliane-prev%C3%AA-caos-com-Dilma-ou-A%C3%A9cio.htm

e aqui:

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/opiniao/192494-eleicao-e-paixao.shtml

##############

… E a articulista “cheirosa” (sic) ainda teve o desplante de encerrar o texto panfletário chinfrim afirmando: “Só não se esqueça da frase mestra dessa eleição tão fascinante: “Não vamos desistir do Brasil!”

Lá isso é jornalismo?! Lá isso é oPÓsição, sô?!

Responder

Eutalia Nogueira

26 de outubro de 2014 às 09h34

Vc envergonha seu pai ,José Barbosa do Rosário

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 07h27

VEJA ZOMBA DA LEI E SÓ A CUMPRE PARCIALMENTE

Revista da Abril, que cometeu um crime eleitoral e perpetrou um atentado contra a democracia brasileira, publicou direito de resposta determinado pelo Tribunal Superior Eleitoral, mas não com o mesmo destaque da notícia anterior; reparação foi apenas parcial e está publicada ao lado da mesma capa em que a presidente Dilma Rousseff é acusada sem provas, como admite a própria revista; no site de Veja, deveria constar a capa da imagem acima, o que não foi feito pela Editora Abril; crime contra a democracia permanece sem o devido castigo; Veja ainda publicou texto em que desqualifica o ministro Admar Gonzaga, responsável pela decisão; “O ministro Admar Gonzaga decidiu-se pela concessão do Direito de Resposta depois de examinar o pedido da coligação da candidata Dilma Rousseff por duas horas, tempo em que também redigiu as nove laudas de seu despacho — ao ritmo de 13 minutos por lauda”, diz a resposta da Abril

26 DE OUTUBRO DE 2014 ÀS 06:19

(…)

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 07h25

[MAIS UMA] ‘Calunista’ ‘jornalista amiga dos patrões barões da grande MÉRDIA nativa’ ecoa o coro do outro fascigolpista, o Josias de Souza “da ‘Folha da ditabranda'”! ‘Elles’ já organizam o álibi para blindar o futuro presidente Aécio ‘Never’! ‘Elles’ também já se encarregam dos preparativos para a Papuda recepcionar a (ex) (sic) presidente Dilma Rousseff e o ex presidente Lula! ENTENDA as entrelinhas do fascismo a $oldo!

Sim, é a mesma “Banda de Música Udenista” que matou Getúlio Vargas!

######################

*ELIANE PREVÊ CAOS COM DILMA OU AÉCIO

“Dê Dilma ou dê Aécio, porém, a festa vai durar pouco”; segundo a colunista Eliane Cantanhêde, com a reeleição de Dilma Rousseff, o dólar vai disparar e as Bolsas vão despencar, pelo temor da estagflação; já com vitória do tucano Aécio Neves, MST, CUT, UNE vão acordar –e voltar a infernizar

26 DE OUTUBRO DE 2014 ÀS 07:08

(…)

FONTE: http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/158324/Eliane-prev%C3%AA-caos-com-Dilma-ou-A%C3%A9cio.htm

*eliane TACANHÊde – adendo nosso!

Lá isso é jornalismo?! Lá isso é oPÓsição, sô?!

Responder

fulaninho

26 de outubro de 2014 às 07h18

Chamo aqui todos aqueles que são contra as práticas da Veja, da Globo, da Isto é, da época, o Estado de São Paulo, e A Folha e outros canais de comunicações não democráticos. Vamos boicotar, falar mal, fazer propaganda contra permanentemente até a falência ou grande prejuizo desses canais não democráticos que servem de voz para o atraso e para os acordos políticos da pior espécie. Vamos começar uma campanha permanente contra, todos os dias, em todos os lugarres. quem tiver idéias mande, apresente sua sugestão. Mobilização já com trabalho de formiguinha permanente.

Responder

antonia Felix

26 de outubro de 2014 às 06h55

JOVENS DA UJS VOCÊS ME REPRESENTAM. VIVA A VIDA. LUZ PARA TODOS. MEU RESPEITO E MINHA REVERÊNCIAS AO ATO DE COR AGEM: COR, DE CORAÇÃO AGEM, DE AGIR. VOCÊS AGIRAM DE CORAÇÃO…DE CORAÇÃO VALENTE.NOVOS PRESIDENTES DA REPÚBLICAS SAIRÃO DESTES MOVIMENTOS DE GENTE GUERREIRA E DE MÃOS LIMPAS E FIRMES…AGUARDE-NOS.

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 06h51

Por que Getúlio Vargas se matou?

Por Lira Neto

01/08/2004 00h00

(…)
A pergunta que se fez à época, e que até hoje ecoa, exatos 50 anos depois, é uma só: afinal, por qual motivo Getúlio se matou?
(…)
Foi impossível não ligar o atentado da Toneleros às críticas virulentas disparadas diariamente por Lacerda contra o governo pelas páginas da Tribuna da Imprensa. Com a linguagem destemperada de sempre, Lacerda chegara a chamar o presidente de “monstro”, o deputado Lutero Vargas de “filho rico e degenerado do Pai dos Pobres” e Oswaldo Aranha de “mentiroso e ladrão”.
“Acuso um só homem como responsável por esse crime. É o protetor dos ladrões, cuja impunidade lhes dá a audácia para atos como o desta noite. Esse homem é Getúlio Vargas”, escreveu Lacerda.
(…)
Manifestações de protesto civis e militares pipocavam na capital federal, deixando o governo cada vez mais acuado.
(…)
No dia 8, com as acusações desabando sobre sua mesa de trabalho, Getúlio resolveu dissolver a guarda pessoal e franquear as dependências do Catete para as investigações. Tal atitude não satisfez a ira dos adversários. No Congresso, deputados da conservadora UDN (União Democrática Nacional), agrupados na chamada “Banda de Música” – assim conhecida pelo barulho que provocava em plenário com seus discursos inflamados e orquestrados –, passaram a exigir a renúncia de Vargas.
(…)
Fazendo coro à “Banda de Música” udenista, membros do Alto Comando das Forças Armadas decidiram bombardear a resistência do presidente.
(…)
Após a reunião, sozinho em seu quarto, Getúlio não conseguiu pregar o olho.
(…)
Às 08h30 da manhã, ouviu-se um tiro.
(…)
“Cada gota de meu sangue será uma chama imortal na vossa consciência e manterá a vibração sagrada da resistência”, diria certo trecho da carta-testamento. Há quem diga que o texto não era de Getúlio e sim do jornalista José Soares Maciel Filho, que o escrevera sob encomenda. Porém, nesta história cheia de controvérsias, pontos obscuros e detalhes nunca esclarecidos, a autoria da carta é o que menos importa.
(…)
Outro ponto pendente é que, vivo, Getúlio, ou pelo menos sua família, teria de enfrentar a Justiça. “A chamada ‘República do Galeão’ prosseguiria fustigando-o, num processo que talvez culminasse com sua prisão ou a prisão de gente muito próxima a ele”,
afirma o *historiador Marco Antônio Villa.
(…)
Assim, os que conspiraram contra ele tiveram que esperar dez anos para, só então, concretizar seus planos. Antes disso, apesar de algumas tentativas, não houve clima político nem apoio popular para tal. Só exatamente uma década depois a “Banda de Música” udenista e os mesmos militares que assinaram o Manifesto dos Generais conseguiriam chegar ao poder, após derrubarem o herdeiro direto do getulismo, João Goulart. Afinal, o golpe de Estado que o país assistiria em 1964 foi, em edição revista e atualizada, o mesmo que Getúlio adiou, em 1954, ao apontar contra o próprio peito o cano frio do Colt calibre 32 com cabo de madrepérola.

* Marco Antônio Villa – o mesmo historiador que atualmente integra a “Banda de Música Udenista” ao lado de Merval Pereira, Augusto Nunes, Reinaldo Azevedo, Josias de Souza, Eliane Cantanhêde, Arnaldo Jabor, deputados tucanos Carlos Sampaio, Álvaro Dias, Mário Couto, Antônio Imbassahy et caterva! Adendo nosso!

FONTE: http://guiadoestudante.abril.com.br/aventuras-historia/getulio-se-matou-433744.shtml

###############

Que a história não se repita enquanto tragédia pois já reproduzida enquanto farsa!

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 06h17

MAIS UM ALERTA CONTRA O GOLPE DAS FRAUDES NAS URNAS ELETRÔNICAS DE PRIMEIRA GERAÇÃO – atualmente, somente utilizadas, pasme, no Brasil e na Índia!

###############

Fraude eletrônica nas eleições

Osvaldo Maneschy – jornalista no Rio de Janeiro (RJ)

http://www.egov.ufsc.br/portal/sites/default/files/anexos/19182-19183-1-PB.htm

Responder

    Messias Franca de Macedo

    26 de outubro de 2014 às 06h24

    Eleições presidenciais podem vir a ser adiadas nas Filipinas

    06 maio 2010

    As presidenciais previstas para 10 de Maio nas Filipinas podem ser adiadas devido a problemas técnicos que afectam as máquinas de votação, afirmou ontem um porta-voz da Presidente Gloria Arroyo, Gary Olivar. “O sucesso da automatização é mais importante do que a data do escrutínio”, afirmou Olivar. “Se as questões técnicas exigirem mais tempo e nos obrigarem a adiar (as eleições), não é uma decisão insensata.”
    (…)

    FONTE: http://www.dn.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=1561775&seccao=%C1sia

    Responder

Willer

26 de outubro de 2014 às 06h16

Miguel, você não levou em consideração, a tentativa de criar um clima beligerante, ao atribuir ao protesto da UJS na sede da Abril o rótulo de ATAQUE, bem como ao finalizar o JN com a notícia de que o doleiro passara mal e fora parar na UTI, sem nenhuma explicação adicional; deixou de dizer, por exemplo, que do doleiro já fora hospitalizado, devido a problemas cardíacos, por duas vezes. Ficou evidente a intenção de atribuir a doença do doleiro a um possível ATAQUE do governo (leia-se LULA e DILMA). Eles tentaram se proteger, exibindo as palavras finais do pronunciamento da presidenta, contra o terrorismo eleitoral da veja, mas não deixaram de tentar influir no resultado da eleição, com base na manobra da margem de erro da pesquisa DATAFOLHA. Acho que agora quem merece protesto é a sede da GLOBO.

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 06h12

Investigação judicial eleitoral

1.1 Aspectos gerais

A investigação judicial eleitoral está prevista na Lei Complementar nº 64/90.

A investigação judicial visa apurar o uso indevido, desvio ou abuso do poder econômico ou do poder de autoridade, ou utilização indevida de veículos ou meios de comunicação social, em benefício de candidato ou de partido político.
(…)
O bem jurídico protegido pela norma é a vontade do eleitor e não o resultado das eleições

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 06h00

EXTRA! EXTRA!
Dadas as condições e circunstâncias concretas, a Constituição Federal brasileira assegura o adiamento de um pleito eleitoral
###############################
A Carta Magna plasmou, dentre seus Princípios Fundamentais, a Cidadania e a Dignidade da Pessoa Humana, além do Poder a ser exercido pelo povo, por meio de representantes eleitos. O Preâmbulo da Constituição, tal como o farol que ilumina e sinaliza às embarcações nas noites de tempestade, institui “um Estado Democrático, destinado a assegurar o exercício dos direitos sociais e individuais, a liberdade, a segurança, o bem-estar, o desenvolvimento, a igualdade e a justiça como valores supremos de uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia social …”. Com razão e prudência, a Constituição Federal determina, em seu art. 5º, § 2º que “os direitos e garantias expressos nesta Constituição não excluem outros decorrentes do regime e dos princípios por ela adotados, ou dos tratados internacionais em que a República Federativa do Brasil seja parte”. Por sua vez, a legislação eleitoral é matéria infraconstitucional – podendo, em alguns pontos, conflitar com a Carta Magna.
(…)
Isso posto, é de se pensar, com urgência, na possibilidade de adiamento das eleições brasileiras – tudo em nome do superior interesse público e equilíbrio das eleições. Um pacto entre todas as correntes políticas, mais o Legislativo e Judiciário, torna possível a construção dessa alternativa – para o bem do Brasil.
O que está em jogo não é um mero pleito eleitoral, mas o destino de uma Nação, enfim, de mais de duzentos milhões de brasileiros.
Por Milton Cordova Junior – Advogado, pós-graduado em Direito Público, com extensões em Direito Constitucional e Direito Constitucional Tributário. Empregado de empresa pública federal. Recebeu Voto de Aplauso do Senado Federal por relevantes contribuições à efetivação da cidadania e dos direitos políticos

Responder

sergio

26 de outubro de 2014 às 05h09

Como já li na internet, “jogar lixo na porta da Veja não é crime, afinal o Código do Consumidor garante o direito de devolver a mercadoria”.

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 04h53

DIA DE CÃO, HOJE!

… Esses juízes de MERDA não são bostas nem tampouco beócios inocentes!

Esses juízes de MERDA “cheirosa” são a correia de transmissão do golpe, estúpido!

‘O golpe que se arrasta desde os primórdios do MENTIRÃO ainda ora em curso’ é de natureza jurídico-midiática!
por que o golpe não foi denunciado formalmente às instâncias internacionais vinculadas ao Direito, aos Direitos Humanos, à civilidade e à democracia?
E por que o golpe não foi denunciado formalmente às agências noticiosas do mundo?!
E por que o golpe não foi denunciado formalmente ao Vaticano e à ONU?
O governo brasileira e o ‘PT da Governança’ esqueceram que a DIREITONA brasileira é a mais estúpida, reacionária e criminosa, impiedosa e inescrupulosa do mundo?
E foram subestimados os interesses sórdidos e inconfessáveis da CIA, do Pentágono, dos rentistas brasileiros e transnacionais?!
Após tantos exemplos em contrário, por que a instituição Presidência da República brasileira continua a acreditar em nosso republicanismo de araque e na nossa (sub)democracia de fachada?!

E a militância só comendo poeira – e ouvindo os desaforos dos fascigolpistas ‘Cansados’! “E cheirosos(as)”!

Saudações democráticas, progressistas, civilizatórias, nacionalistas, antigolpistas e antifascistas,

Messias Franca de Macedo
Feira de Santana, Bahia
República de ‘Nois’ Bananas

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 04h51

O GOLPISTA *Josias de Souza “da ‘Folha'” já prepara a Papuda para a (ex) (sic) presidente Dilma Rousseff e o ex presidente Lula! ENTENDA as entrelinhas do fascista a $oldo!
*no papel sórdido de “Carlos Lacerda do mar de lama da nova política”!

###############

(…)
O país escolherá um gerente de crises. Vem aí um 2015 duro de roer. Na economia, uma fase de ajuste de contas e cintos apertados. Na política, um escândalo capaz de transferir o mensalão para o Juizado de Pequenas Causas. Nos próximos dias, vão às ruas as batidas policiais de busca e apreensão de provas para escorar as revelações delatadas pelos protagonistas da Operação Lava Jato.
(…)

Em ‘País elege um gestor de crise, não o presidente’

Por Josias de Souza

25/10/2014 20:59

Responder

    Messias Franca de Macedo

    26 de outubro de 2014 às 04h51

    FONTE: http://josiasdesouza.blogosfer

    ##################

    … Além do pré-sal, os estadunidenses escravagistas querem, primeiro, instaurar uma guerra civil no país! A venda de armas poderá ajudar a alavancar a economia do Tio Sam!

    Viva o ‘braZil’! Viva o imperialismo e os seus [eternos] lacaios fascigolpistas a $oldo!

    Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 04h50

ATENÇÃO BRASIL!

#####################

É possível imaginar um cenário em que uma organização conseguisse interferir no processo de votação no Brasil?

Essa pergunta me foi feita, levando em conta os escândalos de espionagem dos EUA, por um jornalista da BBC, numa entrevista que respondi por escrito, mas que não gerou resposta. Devido à importância das informações e à urgência do momento, publico minha opinião nesse breve relato, que será eventualmente complementado em um 4° Relatório do Comitê Multidisiplinar Independente (CMInd), do qual faço parte. Em síntese, é possível descrever com fatos documentados uma parte do cenário de 2014, e deixar para cada um imaginar o que quiser sobre o restante.

Prof. Pedro Antônio Dourado de Rezende
Departamento de Ciência da Computação
Universidade de Brasília
24 de Outubro de 2014

Da análise dos programas do sistema de votação

Dentre os cerca de 90 mil programas que compõem o sistema de votação do TSE, há um — no arquivo programaInserator.cpp — que chamaremos de Inserator. A finalidade lógica do Inserator é a criação de scripts para inserção de pares de chaves criptográficas assimétricas em um banco de chaves nomeado. O que isso significa? A compreensão da resposta requer certa perspicácia de detetive para alguns detalhes.
Das chaves de um tal par, a chave privada — que faz par com uma chave pública correspondente — deve necessariamente ser armazenada em sigilo, mas o Inserator as protege de maneira inócua, tornando consideravelmente simples o acesso às mesmas, para quem conhece suas maneiras. Isto compromete o uso desses pares de chaves para qualquer propósito que seja, como por exemplo a autenticação de programas oficiais no sistema de votação, que é a principal função declarada do subsistema onde o Inserator foi encontrado, o Subsistema de Instalação e Segurança (SIS). O desenvolvimento, manutenção e suporte do SIS é terceirizado para aquela empresa privada que mais tem pulado licitações públicas no TSE.
Podemos dizer que o Inserator estava escondido no SIS porque nenhum outro programa do sistema de votação o conhece pelo nome, e portanto, só pessoas que o conhecem poderiam acioná-lo pelo teclado, em computadores onde o SIS estiver instalado. Tal acionamento pode manipular o sistema de votação em três passos: digitando-se no teclado, para execução como comando, o nome do correspondente executável, seguido do caminho para o arquivo contendo um par de chaves assimétricas a ser inserido, renomeando-se temporariamente o banco de chaves que receberá essas chaves, e invocando-se o script gerado no primeiro passo, também pelo teclado.
Tal manipulação pode iniciar fraudes na medida em que a chave privada de um par assim inserido puder ser usada para assinar digitalmente qualquer programa…
(…)

Texto repercutido

em ‘Correio Inverta’

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 04h48

O MAIS RECENTE CRIME das organizações (sic) Globo *soNEGAdoras era perfeitamente prevenível! Mas,…
*soNEGAdoras das verdades – e dos impostos!
###########################
Como prevenir um crime eleitoral que será cometido logo mais no Jornal Nacional
SAB, 25/10/2014 – 14:46
ATUALIZADO EM 25/10/2014 – 15:40
Por jornalista Luis Nassif
Hoje à noite, exatamente às 20 horas, será cometido um crime de imprensa e um atentado à democracia. O Jornal Nacional dará entre 5 a 10 minutos de reportagem sobre uma informação falsa veiculada pela revista Veja.
O que fazer?
(…)
Os advogados do PT deveriam ir agora ao TSE e solicitar uma medida cautelar com direito de resposta. Seria assim:
Um porta-voz de Dilma ficaria disponível no estúdio da Globo, aguardando o Jornal Nacional.
Saindo a reportagem sobre o factoide da Veja, lhe seria assegurado o mesmo tempo para apresentar a sua versão.
Não se trata de uma saída jurídica convencional, mas tem todos os elementos de justiça para ser aceita pelo TSE.

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 04h19

MAIS SOBRE O ESCÂNDALO FASCIGOLPISTA ORA EM CURSO!

##########################

(…)
Veja recorreu ao STF e tenta fraudar distribuição para que a decisão caia nas mãos de Gilmar Mendes
(…)

25 DE OUTUBRO DE 2014 ÀS 20:33

Em

‘TSE PUNE ATENTADO DE VEJA CONTRA DEMOCRACIA’

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 04h05

Publicado originalmente em: http://www.trezentos.blog.br/?…

FONTE: http://www.trezentos.blog.br/?…

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 03h51

**FONTE: http://josiasdesouza.blogosfer

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 03h48

[O GOLPE JURÍDICO-MIDIÁTICO ESTÁ VIRTUALMENTE DADO! ‘O último hacker que deixar os sistemas do TSE que apague a luz – perdão, ato falho -, que desligue os computadores! Como podemos inferir, o golpe de sempre também evolui: da energia elétrica para a informática!] ‘jornalista amigo dos patrões barões do PIGolpista’ já começa a dar desculpas para as dificuldades que o presidente ‘Arrocho Medidas Impopulares Neves’ terá a partir de janeiro de 2015! E dá a senha para o golpe das fraudes nas urnas eletrônicas de primeira geração ainda somente utilizadas aqui e na Índia! “De quebra”, desqualifica o(a) [e]leitor(a) brasileiro(a)! ENTENDA um dos réus confessos! ############## País elege um gestor de crise, não o presidente Por Josias de Souza “da Folha da ‘ditabranda’”! 25/10/2014 20:59 Possibilidades para a eleição deste domingo? É simples, só não vê quem não quer. Dilma pode até ganhar, na hipótese de que não perca. E pode acontecer que o Aécio surpreenda, unificando os indecisos —desde que não os divida. Em resumo: se o povo ensinou alguma coisa no primeiro turno da sucessão presidencial de 2014 foi que o imprevisível comanda a disputa. E, sempre que o imprevisível dá as cartas, a única previsão infalível é acaciana: não se pode prever. O eleitor não sabe se vota no Datafolha ou no Ibope. (…) FONTE: http://josiasdesouza.blogosfer… ####################### Realmente, é muita sacanagem! E, hoje (26/10/2014), ‘nois’ ‘bananas’ não deixemos de levar para a urna eletrônica o nosso nariz de palhaço junto com o título de eleitor! A festa é cívica no ‘Circus Brasilis’! E Honduras também é aqui!

Responder

Francisco

26 de outubro de 2014 às 03h24

Dilma 13 abaixo a rede globo e seus jagunços, abaixo também certa classe média asquerosa que na época de fhc vendia latinhas de cerveja na praia e nos estádios de futebol e hoje que melhoraram de vida nos 12 anos de governo progressista estão babando de ódio contra os pobres e contra quem que vem acabando com a miséria no nosso país.

A decisão do TSE é uma piada de mau gosto, esses juízes cínicos e safados estão coniventes com o golpe

Responder

alex

26 de outubro de 2014 às 03h23

A GRANDE BOMBA VIRÁ DAQUI A ALGUNS DIAS
Um livro a ser lançado nas próximas semanas promete abalar a relação entre o senador Aécio Neves (PSDB) e as Organizações Globo. Trata-se da biografia autorizada de Ibrahim Abi-Ackel, ex-ministro da Justiça do governo João Figueiredo. A obra, Ibrahim Abi- Ackel, Uma Biografia, escrita pela jornalista Lígia Maria Leite e prefaciada pelo senador Aécio Neves, diz que malotes da Rede Globo enviados para sucursal no exterior transportavam drogas.
Na página 359 o livro sustenta que a campanha promovida por Roberto Marinho contra Abi-Ackel nasceu de um engano do empresário, que acreditava que o ex-ministro havia determinado a apreensão de cocaína em malotes da emissora. O texto atribui ao ditador João Figueiredo a seguinte explicação: “A campanha do Roberto Marinho contra o ministro Ibrahim Abi-Ackel se deveu a um engano do senhor Roberto Marinho.
Os malotes da Rede Globo para Nova Iorque serviram de transporte para cocaína. A Polícia Federal apreendeu dois desses malotes e o Roberto Marinho nunca perdoou o Abi-Ackel, porque pensou que foi ele que que foi ele que mandou fazer a apreensão. Esse foi o motivo”. Em 1983, depois que o norte-americano Mark Lewis foi preso na alfândega dos Estados Unidos com pedras preciosas brasileiras avaliadas em U$ 10 milhões, os ataques ao ministro no Jornal Nacional começaram. Em mais de uma reportagem, a Globo acusou Abi-Ackel de envolvimento com o contrabando de pedras. http://www.viomundo.com.br/denuncias/rodrigo-lopes-biografia-de-ex-ministro-traz-bomba-sobre-globo.html

Responder

Maria

26 de outubro de 2014 às 02h43

Por volta de 2:30 da manhã a Veja disponibiliza um link com o direito de resposta.

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 01h57

E TEM MAIS:

quem se atrever a contestar os resultados das nossas urnas eletrônicas será condenado pelo crime de ‘litigância de má fé’!
Inclusive, o ministro Ricardo Lewandovski corrobora com esta tese – jurisprudência já aplicada em nosso meio!

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 01h48

“Ajustando os ponteiros do fatídico e anunciado golpe!”

Se nesta madrugada – e Deus livre guarde – morrer alguma criancinha no Brasil – e/ou na Palestina (sic) -, os culpados serão ‘os comunas’ do PT!…

Duvidam?!

A sutileza do golpe é tão previsível!

Ah que sono que dá!

(“E para ajudar as nossas “confiabilíssimas” urnas eletrônicas de primeira geração, ainda tem o Diabo da diferença de fuso horário potencializado pelo horário de verão!)

Terei pesadelos, nesta noite!

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 00h53

… E no vácuo do ‘miniSTRO’ ‘Zé Tucano’ da Justiça, o joaquim barbosa e a eliana calmon só operando nos bastidores, “sabe como é que é”!…

RESCALDO: o hacker que sair por último dos sistemas do TSE que desligue os computadores!

Responder

    ignez

    26 de outubro de 2014 às 02h40

    Concordo com tudo Messias. Só que, por preciosismo, creio que o certo seria o siNISTRO “Zé Tucano” da JUSTIÇA…

    Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 00h52

… O [providencial(!)] mal-súbito inopinado (sic) do doleiro bandido deve ser para dar mais notoriedade (idem sic) ao “sequestrado Abílio Diniz de 2014”!…

Mas, convenhamos:
Um governo que tem no ‘miniSTÉRIO’ da Justiça um ‘Zé Tucano’… E no ‘miniSTÉRIO’ das Comunicações “o petista díspar preferido dos Marinhos”…

Dizer mais o quê?!

Se consignado em plenitude amanhã, ‘o golpe jurídico-midiático ainda ora em curso desde os primórdios do MENTIRÃO’ passará “que nem quiabo cozido pela garganta de criança”!

Quem (sobre)viver, verá!

Responder

Victor M

26 de outubro de 2014 às 00h50

Muito enojado com tudo que está acontecendo cito o final do poema “No Caminho, com Maiakóvski” de Eduardo Alves da Costa: “…Dentro de mim, com a potência de um milhão de vozes, o coração grita – MENTIRA!”. Nunca estive tão convicto em votar em alguém como votarei em Dilma daqui a algumas horas.

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 00h47

… Outro que está muito preocupado com ‘o iminente golpe das urnas eletrônicas fraudáveis’ é o jornalista Luis Nassif: de ontem para cá, pelo menos dois artigos publicados no blog ‘Luis Nassif Online’! Senão vejamos:

###################

O TSE e a descoberta do programa de fraude nas urnas eletrônicas

SEX, 24/10/2014 – 12:48

ATUALIZADO EM 24/10/2014 – 13:10

Patricia Faermann

(…)

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 00h45

Como a TV Globo dá Golpes !

Boni: toda a parte formal nós é que fizemos !!!

Publicado em 25/10/2014

Responder

Luciano Machado

26 de outubro de 2014 às 00h44

O único direito de resposta que tivemos contra a Veja até o presente momento, foi o protesto em frente a editora Abril, porque se depender da justiça deste país o estrago está feito, independente da decisão favorável, que ainda não teve efeitos práticos, a edição inteira deveria ter sido apreendida na sexta-feira e o direito de resposta deveria estar no site da Veja e na capa da próxima edição. Nada disso será feito.

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 00h39

ESCÂNDALO FASCIGOLPISTA!

a escrota fascigolpista, terrorista e subversiva revista ‘veja’ publicou…

########################

Senhores ministros do TSE, vejam o papel a que se os senhores se prestam

Autor: jornalista Fernando Brito
25 de outubro de 2014 | 23:18

Hoje, bem antes de terem dado do direito de resposta “imaginário “- porque não foi publicado – a Dilma contra a Veja, os ministros do TSE haviam proibido, por unanimidade, que a revista fizesse, “por qualquer meio”, propaganda paga de sua difamação.
Seria muito bacana se senhores ministros não fossem, lamento muito dizer, uns bibelôs.
(…)
Será que os senhores não sabem que o SMS hoje é uma mídia muito mais importantes do que cartaz em banca de jornal?
(…)
O cidadão vai lá e lê.
Se tiver interesse em política, bota o dedão no link e cai onde?
Na matéria da Veja, sem o direito de resposta que os senhores, feito uns bobos, mandaram colocar e não colocaram…
Os senhores são um espetáculo…

Responder

Ramos Coelho

26 de outubro de 2014 às 02h29

Protesto criativo em Natal contra o golpismo da Globo e Veja

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 00h20

ATENÇÃO BRASIL!

DA SÉRIE ‘O hacker que sair por último dos sistemas do TSE que desligue os computadores’!

outro que está muito preocupado com ‘o iminente golpe das urnas eletrônicas fraudáveis’ é o jornalista Luis Nassif: de ontem para cá, pelo menos dois artigos publicados no blog ‘Luis Nassif Online’! Senão vejamos:

###################

O TSE e a descoberta do programa de fraude nas urnas eletrônicas

SEX, 24/10/2014 – 12:48

ATUALIZADO EM 24/10/2014 – 13:10

Patricia Faermann

(…)

FONTE: http://jornalggn.com.br/noticia/o-tse-e-a-descoberta-do-programa-de-fraude-nas-urnas-eletronicas

Pedro Rezende: As urnas e o sistema fraudável sem riscos para o fraudador

SAB, 25/10/2014 – 18:28

ATUALIZADO EM 25/10/2014 – 18:29

Por Pedro Rezende – Um dos maiores especialistas em urnas eletrônicas, PHD em Matemática Aplicada, professor do Departamento de Ciência da Computação da UNB. Integra o CMind (Comitê Multidisciplinar Independente), que investiga o voto eletrônico.

Especial para o Jornal GGN

(…)

FONTE: http://jornalggn.com.br/noticia/pedro-rezende-as-urnas-e-o-sistema-fraudavel-sem-riscos-para-o-fraudador

######################

… SIM: é de arrepiar!

‘O golpe jurídico-midiático ainda ora em curso desde os primórdios do MENTIRÃO’ está, virtualmente, dado!

[Portanto] O hacker que sair por último dos sistemas do TSE que desligue os computadores!

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de outubro de 2014 às 00h08

Como a TV Globo dá Golpes !

Boni: toda a parte formal nós é que fizemos !!!

Publicado em 25/10/2014

FONTE: http://www.conversaafiada.com.br/tv-afiada/2014/10/25/como-a-tv-globo-da-golpes/

http://www.youtube.com/watch?v=_AyYZAQN1xE#t=83

Responder

PVM

26 de outubro de 2014 às 00h07

Coligação Muda Brasil quer detalhes sobre saúde do doleiro Youssef

O coordenador jurídico da Coligação Muda Brasil, deputado Carlos Sampaio, criticou a falta de informações sobre o estado de saúde e os motivos que levaram à internação o doleiro Alberto Youssef, na tarde deste sábado.

De acordo com a Polícia Federal e com o advogado de defesa de Youssef, ele foi encontrado desmaiado na cela e levado para o hospital Santa Cruz, em Curitiba, onde estaria na UTI. No entanto, nenhum boletim foi divulgado.

Para Sampaio, essas informações são de extrema relevância para o país, já que a hospitalização do doleiro ocorreu depois da divulgação do depoimento em que ele revelou que a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula sabiam do esquema de corrupção na Petrobras.

“Dada a gravidade das informações prestadas por ele, é importante que sejam esclarecidos ao país qual o seu quadro de saúde e o tratamento pelo qual está passando. Afinal, ele é uma testemunha-chave do esquema de corrupção na Petrobras e foi firme ao denunciar que Lula e Dilma sabiam de tudo. O mínimo que se exige, numa circunstância dessas, é que o país seja informado daquilo que, de fato, aconteceu com ele.”

Responder

    Luciano Machado

    26 de outubro de 2014 às 00h53

    Isso é golpe… a essa altura do campeonato não acredito em coincidências. Simularam um desmaio e uma internação para pautar os noticiários de amanhã. Youssef está fazendo jogo de cena junto com toda uma equipe. Já deu para notar que além da imprensa a polícia federal e o judiciários também são golpistas. Existe uma “sociedade secreta” que eu nào vou citar o nome, mas está agindo de forma a coordenar essas forças em um objetivo único de derrubar um governo popular.

    Responder

      PVM

      26 de outubro de 2014 às 01h26

      Mas o Michel Temer é maçon. Logo seria de se supor que fosse fogo amigo!

      Responder

Bruno Blanco

26 de outubro de 2014 às 02h03

Responder

Bruno Blanco

26 de outubro de 2014 às 02h03

Responder

Bruno Blanco

26 de outubro de 2014 às 02h02

Responder

Bruno Blanco

26 de outubro de 2014 às 02h02

Responder

Bruno Blanco

26 de outubro de 2014 às 02h02

Responder

Bruno Blanco

26 de outubro de 2014 às 02h02

Responder

arara

25 de outubro de 2014 às 23h55

Tenho uma sugestão aí no texto meu caro. É na frase:

Veja mente.

Eu prefiro:

Veja DEMENTE

Responder

Gerson

25 de outubro de 2014 às 23h43

Discordo totalmente de você Miguel. Esses “jovens da UJS” fizeram só arruaça e deram motivos para o PIG colocar a Presidente contra a parede, sendo obrigada a condenar a manifestação, a dois dias da eleição. Isso me parece o movimento do passe livre, que incendiou a direita. Se quisessem ajudar a Presidente na eleição, fariam isso amanhã, após o fechamento das urnas. Senão é puro marketing para chamar a atenção.

Responder

hc

25 de outubro de 2014 às 23h33

Imaginem que o que fizeram com milhares até hoje, não chega nem perto do que fizeram os jovens UJS. Estão as duas partes erradas, mas em proporção a revista já fez com imagens é ínfimo.

Responder

Willian

25 de outubro de 2014 às 23h26

Pessoal,

RECEITA PARA ANULAR O PANFLETO DA VEJA:

No site do TSE tem a notícia da decisão que concedeu o direito de resposta à Dilma.

vamos imprimir e espalhar pra todo mundo amanhã, sem esquecer de postar no facebook também.

Basta destacarmos este trecho da decisão, que os indecisos irão abrir os olhos na hora. Palavras do próprio juiz, na referida decisão:

“o direito de resposta não possui contornos de sanção, mas o exercício constitucional da liberdade de expressão, por meio do mesmo veículo, conquanto se aviste ofensa grave…

……………………………..E/OU AFIRMAÇÃO SABIDAMENTE INVERÍDICA………………………” (GRIFO NOSSO).

Para ler a notícia na íntegra (TSE), basta ir no link abaixo:

http://www.tse.jus.br/noticias-tse/2014/Outubro/concedido-direito-de-resposta-a-coligacao-de-dilma-na-revista-veja

Em quem o povo irá acreditar ??? Na palavra de um Ministro, que foi publicado no site do TSE, ou na palavra de um criminoso (doleiro), que foi publicada na VEJA ???

Responder

marco

25 de outubro de 2014 às 23h18

Sr.Miguel.Já estou cosaco cheio de tentar postar comentários aqui,e com a frequência dos minutos,me censuram.Não concordo com isso,inda que saiba não serm meus comentários,à altura dos que leio aqui,postado por gênios literários da mais alta extirpe,ainda assim o faço,com o intuito de colaborar também.Entretanto,como percebi estar sendo ” Cacete “,quero pedir escusas e desejar sorte ao blog…

Responder

    Gerson

    25 de outubro de 2014 às 23h46

    Marco,
    Comigo também está acontecendo, mas aAcho que não é censura do site não. Tá ocorrendo em alguns momentos um erro quando se envia comentários.

    Responder

Eder J Hoffman

25 de outubro de 2014 às 23h08

Parabéns pessoal da UJS! Queria estar presente para seguir junto no protesto contra essa fossa sanitária que a veja! Vamos com fé amanhã, irmãos! 13! Dilma!

Responder

Márcio

25 de outubro de 2014 às 23h07

Muitos imaginaram que a força da nossa militância tivesse diminuído ou até evaporado. Não é nem preciso dizer que se enganaram gigantescamente !!! Estamos aí, aqui em qualquer lugar deste Brasil !!!
SOU PETISTA !!!SOU DILMA !!! VOTO 13 !!!!!

Responder

João do Sertão

25 de outubro de 2014 às 22h57

a USJ esta de parabéns, com Nazifascistas deve fazer assim mesmo. Estes Nazifascistas formaram uma Quadrilha e se apoderaram das concessões públicas de comunicação do Brasil. A pior Elite do Mundo quer dar um Golpe. Segundo o L´Humaniteé: “…E a direita, no Brasil, não pode nem ser confundida com o conservadorismo austero porém nacionalista da direita europeia ou norte-americana.
A direita brasileira é a pior direita do mundo, porque além de ser antipovo, é também entreguista, antinacional, antidemocrática e golpista…”
http://tijolaco.com.br/blog/?p=21515

Responder

Alexandre

25 de outubro de 2014 às 22h57

Rede Bandeirantes faz o papel sujo no lugar da Globo, que só retomará o golpe no dia, 27, com o terceiro turno das eleições.
Band e Band News veiculam incessantemente a capa criminosa da Veja.
Que país é esse? A verdade dos fatos: TSE é ignorado pelo PiG.
A imprensa oligárquica está acima da lei.

Responder

Iskra

25 de outubro de 2014 às 22h52

Fizeram quase tudo correto, só que deveriam esperar até amanhã ou mesmo depois , uma vez que eles não desistirão.

Responder

C.Paoliello

25 de outubro de 2014 às 22h48

Parabéns à UJS. Se fosse jovem, hoje mesmo me inscreveria nela. Só achei pouco considerando a periculosidade da gangue que pratica seus crimes no interior do prédio.

Responder

Maria Helena

25 de outubro de 2014 às 22h43

Jornal nacional de hoje:

https://www.facebook.com/video.php?v=713617385394863&set=vb.627798170643452&type=2&theater

Responder

    luiz mattos

    25 de outubro de 2014 às 22h57

    Muito bom.

    Responder

Messias Franca de Macedo

25 de outubro de 2014 às 22h35

… O plantão da madrugada deste domingo (26/10/2014) no TSE &$ no STF deverá ser do “supremo cheiroso” gilmar DANTAS!…

Ademais, o estrago já foi feito! Mais um peido golpista, decerto! No entanto, o odor não deixa de ser pernicioso!

EM TEMPO FASCIGOLPISTA: hoje à noite – em cadeia nacional de rádio e televisão – o ministro *Dias Toffoli se dirigiu à nação! A pérola mais interessante (sic) proferida pelo presidente do TSE: “o brasileiro e a brasileira podem ter a certeza de que o voto dado será o voto apurado!”

*o mesmo Dias Toffoli que tem um telhado de vidro do tamanho do Maracanã! Aquisição de imóvel de luxo mediante empréstimo a juros subsidiados – contrato bancário a ser pago num prazo a perder de vista! ‘Capiche’?!

NOTA FÚNEBRE: junte-se agora o ingrediente da “queda” de Dilma Rousseff e a “ascensão” do Aécio ‘Never’ nas duas últimas pesquisas I-Golpe &$ DataFraude; misture “o empate na margem de erro” na véspera da eleição; bata tudo no liquidificador e despeje numa assadeira enorme de pizza untada à “invulnerabilidade” das nossas urnas eletrônicas de primeira geração comprovadamente inseguras (idem sic)…

SIM: é de arrepiar!

‘O golpe jurídico-midiático’ está, virtualmente, dado!

… E no vácuo do ‘miniSTRO’ ‘Zé Tucano’ da Justiça, o joaquim barbosa e a eliana calmon só operando nos bastidores, “sabe como é que é”!…

Quem (sobre)viver, verá!

Coitados de ‘nois’?!

Responder

    Messias Franca de Macedo

    25 de outubro de 2014 às 22h36

    … Ademais, ontem, ‘o bonner da Fatinha’ estava, digamos, muito lhano, e cumprindo o capcioso ‘script do projac’: protagonismo de mediador [pseudo-]imparcial do debate – e [pseudo-]isento para a claque DEMoTucana, aquele bando de aloprados que imagina poder ganhar uma eleição presidencial “no grito das vaias”!…

    Responder

Alexandre

25 de outubro de 2014 às 22h24

Revista Veja não cumpre determinação do TSE para direito de resposta concedida ao PT e candidatura Dilma. 22h20: Até agora o site não acatou a decisão judicial, muito pelo contrário, a revista mantém em sua página inicial a capa criminosa e ainda por cima faz propaganda para Aécio como se nada tivesse acontecido. O PiG está acima da lei?
A Editora Abril com sua revista sórdida despreza a lei. Esta é a prova que faltava para termos a certeza que a ditadura e o fascismo estão muito vivos.

Responder

renato

25 de outubro de 2014 às 22h23

EU quero cadeia..
Nada menos do que cadeia.
Quero algemas, nas mãos e nos pés.
Quero isto em todas as televisões.
para empregado e patrão.
Qual diferença há, do que eles fizeram
com as Torres Gemeas..não usaram aviôes.
Quero a morte da Revista Veja…e de todos
os que estçao envolvidos, direta ou indiretamente
quero a cadeia, a algema, os pes e maõs.
Quero eles separados em presideios FEDERAIS.
Com todo o rigor da Lei.
Quero Uma Justiça buscada a dedo, de pessoas idones.
Pois O Judicia´rio esta contaminado com a VERBA.

Responder

cássio

25 de outubro de 2014 às 22h20

Como gostaria de estar lá!

Responder

XAD

25 de outubro de 2014 às 22h19

http://grupoabril.com.br/pt/fale-conosco

Ainda não tem nada na página da Veja. Mandei um email pra eles, agora, perguntando:

Vocês estão esperando o que para cumprirem a ordem judicial transcrita abaixo?

Forte nesses argumentos, CONCEDO a liminar para a veiculação do direito de resposta requestado e, assim, determinar à Editora Abril S.A. que insira, de imediato, independentemente de eventual recurso, no sítio eletrônico da Revista Veja na internet (www.veja.com.br), no mesmo lugar e tamanho em que exibida a capa do periódico, bem como com a utilização de caracteres que permitam a ocupação de todo o espaço indicado.

Com relação à resposta pretendida pelos Representantes, entendo que os textos apresentados não se ajustam ao exercício desse direito, porquanto impregnados de expressões impertinentes, e que assim merecem decotes para não render ensejo a novo pedido de direito de resposta.

Isso posto, determino a veiculação do seguinte texto:

DIREITO DE RESPOSTA

Veja veicula a resposta conferida à Dilma Rousseff, para o fim de serem reparadas as informações publicadas na edição nº 2397 – ano 47 – nº 44 – de 29 de outubro de 2014.

A democracia brasileira assiste, mais uma vez, a setores que, às vésperas da manifestação da vontade soberana das urnas, tentam influenciar o processo eleitoral por meio de denúncias vazias, que não encontram qualquer respaldo na realidade, em desfavor do PT e de sua candidata.

A Coligação “Com a Força do Povo” vem a público condenar essa atitude e reiterar que o texto repete o método adotado no primeiro turno, igualmente condenado pelos sete ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), por terem sido apresentadas acusações sem provas.

A publicação faz referência a um suposto depoimento de Alberto Youssef, no âmbito de um processo de delação premiada ainda em negociação, para tentar implicar a Presidenta Dilma Rousseff e o ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva em ilicitudes. Ocorre que o próprio advogado do investigado, Antônio Figueiredo Basto, rechaça a veracidade desse relato, uma vez que todos os depoimentos prestados por Yousseff foram acompanhados por Basto e/ou por sua equipe, que jamais presenciaram conversas com esse teor.

A Editora deverá ainda juntar aos autos comprovação do cumprimento desta decisão, na forma prevista no art. 58, § 3º, alínea e, da Lei nº 9.504/97.

Notifique-se a Representada para que se defenda, no prazo improrrogável de 24 (vinte e quatro) horas, nos precisos termos do art. 58, § 2º, da Lei nº 9.504/97 e do art. 8º, caput, parte final, da Res.-TSE nº 23.398/2013.

P.R.I.

Brasília – DF, em 25 de outubro de 2014.

Ministro Admar Gonzaga

Relator

Responder

    PVM

    26 de outubro de 2014 às 01h28

    A veja entrou com ação no supremo

    Responder

Jacó do B

25 de outubro de 2014 às 22h16

Se eles aplicarem o golpe, esse protesto em frente ao esgoto, vai ser cafezinho. Para cada ação corresponde uma reação!

Responder

Fabio

25 de outubro de 2014 às 22h16

UJS parabéns e se eu tivesse lá teria apedrejado esse lixo chamado editora Abril e sua revistinha veja.
Dilma 13

Responder

mineiro

25 de outubro de 2014 às 22h15

nunca que esse lixo vai publicar alguma coisa a favor do governo, nunca que vai. se o golpe nao veio , nao significa que devemos baixar a guarda , temos que ficar atentos ate a ultima hora. cade os videos que o megatv fez do policial lucas arcanjo , que ate agora eu nao vi em nenhum dos blogs progressistas.

Responder

Terezinha gama

25 de outubro de 2014 às 22h14

Não vamos mais comprar esse lixo que é a Veja, boicote total

Responder

JoãoP

25 de outubro de 2014 às 22h11

Infantil e inoportuna essa sujeira na sede da Abril. Política exige sabedoria, esse tipo de ataque só serve para a direita vociferar mais ainda. Não esperava esse apoio do Cafezinho. Esse blog vem cumprindo um papel relevante na luto democrática, na minha opinião ele não deve dar chance ao inimigo.

Responder

    Alexandre

    25 de outubro de 2014 às 22h27

    Brasil:Verás que um filho teu não foge a luta.

    Responder

      Leonardo

      25 de outubro de 2014 às 22h52

      Miguel, a UJS foi extremamente útil à direita. Não desconfiaram, ao menos, que iriam usar isso contra a Dilma?

      Deveriam fazer isso na segunda-feira com Dilma reeleita.

      Estou muito preocupado e apreensivo. Acho que tá difícil.

      Responder

Ana

25 de outubro de 2014 às 22h11

….e, assim, determinar à Editora Abril S.A. que insira, DE IMEDIATO, INDEPENDENTEMENTE DE EVENTUAL RECURSO, no sítio eletrônico da Revista Veja na internet (www.veja.com.br), no mesmo lugar e tamanho em que exibida a capa do periódico, bem como com a utilização de caracteres que permitam a ocupação de todo o espaço indicado…..
ESTÃO ESPERANDO O QUE?

Responder

Maria Helena

25 de outubro de 2014 às 22h08

Não acredito: a globo com tenência…

Responder

Ernani Zamberlan

25 de outubro de 2014 às 22h05

A Veja mereceu, se estivesse lá faria o mesmo, jogaria lixo no lixo, é o que é a Abril, monte de lixo, mentirosos, difamadores. Estão apostando no PSDB pra poderem encher o bolso de grana e saírem da falência eminente.

Responder

Euler

25 de outubro de 2014 às 21h59

Blz, Miguel. Assino embaixo no que tange às manifestações na porta do esgoto chamado Veja. Nada mais apropriado do que os valentes jovens da UJS terem jogado lixo naquele espaço.

Responder

Pafúncio Brasileiro

25 de outubro de 2014 às 21h55

Não sou a favor de pixação, mas deixar todo o lixo lá foi muito acertado. O que os jovens deixaram lá, já é da própria Veja. Aquele lixo é dela mesmo.

Responder

Willer

25 de outubro de 2014 às 21h52

Miguel, você pode estar sob ataque, pois toda vez que tento acesso ao site, aparece a seguinte mensagem: “Erro ao estabelecer uma conexão com o Banco de Dados”.

Responder

Fernando Moreno

25 de outubro de 2014 às 21h49

Prezado Miguel, boa noite.
É lógico que Dilma tinha que reprimir o protesto contra a Editora Abril, afinal de contas é a Presidenta da Republica. Tenho certeza, porém, que ela está achando muito bom, e até pouco, o que a UJS fez. Parabéns aos jovens da UJS. Se houver golpe da mídia, a coisa vai piorar.

Responder

emerson57

25 de outubro de 2014 às 21h39

Assusta o rio de dinheiro que apareceu para apoiar Aécio.
Até entregador de pizza está com adesivo do Aécio no baú.
De aonde vem tanto dinheiro para pagar milhares (Milhões?) de militantes? (que no final das contas votarão……na Dilma!?)
Um deles tentou me entregar um adesivo tucano. Agradeci dizendo que eu votava na Dilma. Eu também, a resposta à boca pequena.

Responder

maria lara

25 de outubro de 2014 às 21h38

Não esperem pelo direito de resposta ser veiculado pelo detrito sólido da InVeja porque a trapaça ainda não acabou.Repercutam nas redes sociais!!!!!!!

Responder

Ninguém

25 de outubro de 2014 às 21h33

Miguel, alguém foi e viu o direito de resposta na página da veja? O texto que li a respeito do TSE fala em direito de resposta para o dia 29 de outubro!!! Aí, não adianta nada. O direito tem de ser ainda hoje e ficar por pelo menos 48 horas, na página principal da veja.

Responder

    Ninguém

    25 de outubro de 2014 às 21h35

    Acabei de ter o desgosto de abrir a página do panfleto e não há nada. Ao contrário, a capa da propaganda política ilegal e criminosa continua em destaque.

    Responder

      Heitor

      25 de outubro de 2014 às 21h39

      A Veja recorreu ao STF.
      Vamos ver se o Gilmar Mendes vai interferir de novo.

      Responder

        mineiro

        25 de outubro de 2014 às 22h12

        pode ter certeza vai, se for a favor da elite e do pig golpista. pode ter a certeza que vai.

        Responder

Luciano Machado

25 de outubro de 2014 às 21h26

Precisamos urgente de um nova lei de direito de resposta. O que a imprensa faz hoje é uma piada. Mentem, distorcem e difamam. As vítimas dos ataques nunca tem a imagem recuperada do estrago. E quando os meios de comunicação são condenados, correm para a velha desculpa da “censura”. Mentiras tem que ser censuradas sim, pois são difamações, infelizmente o lobby no congresso, feito pela “bancada da Globo” ainda é muito grande.

Responder

kuzuca

25 de outubro de 2014 às 21h25

Parabéns pelo artigo. Concordo com você: os jovens da UJS estão de parabéns! Eles têm o meu apoio.

Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?