Debate entre presidenciáveis na RedeTV! 22 horas

Suiçalão: aparecem os primeiros tucanos gordos!

Por Miguel do Rosário

18 de fevereiro de 2015 : 17h36

icij2


Os internautas acharam um nome genial para popularizar o escândalo de lavagem de dinheiro e sonegação fiscal de 8,6 mil contas associadas ao Brasil achadas no HSBC da Suíça. E que agora usarei genericamente para os escândalos de evasão fiscal vazados ou descobertos através do Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICIJ).

Suiçalão!

Quem sabe se, com esse nome atraente ao público, o UOL não divulga os nomes que estão sendo mantidos em segredo, à diferença do que vem acontecendo no resto do mundo, onde as listas dos beneficiários estão vazando?

Os brasileiros tinham aproximadamente R$ 20 bilhões em contas no HSBC da Suíça. Enquanto a mídia não se interessa, a blogosfera está aprendendo a trilhar os caminhos apontados pelos bancos de dados do ICIJ.

Por exemplo, há um escândalo revelado pelo ICIJ, anterior ao vazamento do HSBC, que também passou batido por nossa mídia.

É o escândalo das contas off shore. Um vazamento revelou a existência de milhares de contas secretas em paraísos fiscais das Ilhas Virgens Britânicas, Cingapura e Ilhas Cook.

(Houve uma certa confusão entre os dois escândalos: um são as contas off shore, de 2013; outro é o HSBC, mais recente. Nesse post, a diferença vem explicada, mas eu chamo ambos de “suiçalão”, assim como nossa mídia passou a chamar, durante um tempo, tudo de “mensalão”).

Cerca de 50 nomes de brasileiros com contas em off shores apareceram, conforme se pode ver neste link.

Não se trata especificamente do caso HSBC, mas é sonegação do mesmo jeito. Na verdade, é um caso ainda pior.

Os documentos das contas secretas off shore são públicos desde 2013, mas a nossa mídia nunca se interessou em investigar o caso.

É parecido com o que faz hoje, em que parece mais preocupada em esconder do que em revelar a participação do Brasil num dos maiores escândalos de lavagem de dinheiro e sonegação do mundo.

A divulgação dos nomes de brasileiros envolvidos no Suiçalão ajudaria o Brasil a fazer uma campanha contra a sonegação, o maior problema nacional; bem maior, em escala, do que a corrupção.

Fernando Rodrigues, do UOL, disse que só iria divulgar os nomes do escândalo do HSBC, ou Suiçalão, que apresentassem “interesse público”.

Pois bem, o blog Megacidadania encontrou um nome que apresenta “interesse público”.

Saul Sabbá.

O dono do banco Máxima, Saul Sabbá está no banco de dados do site Off Shore Leaks, de responsabilidade do ICIJ. A sua conta secreta está ligada à offshore Maximizer International Bank S.A.

Máxima, Maximizer, sacou?

O banco de dados do Off Shore Leaks mostra o Maximizer, por sua vez, ligado a vários outros nomes.

ScreenHunter_5521 Feb. 18 17.14


Entre os nomes, surge o escritório Zalcberg Advogados Associados, cujo sócio Chaim Zalcberg, que também está no mapa do Offshore Leaks, já foi preso pela Polícia Federal, em 2012, na Operação Babilônia, suspeito de evasão de divisas e lavagem de dinheiro.

Zalcberg seria o cabeça da quadrilha, segundo a PF. Ele esteve envolvido também nas tretas do Banestado, um daqueles escândalos tucanos que nunca deram em nada, e que, coincidentemente foi julgado pelo mesmo Sergio Moro que hoje pontifica como ditador da República do Paraná.

Outra figura central no Banestado – um escândalo de corrupção que resultou em prejuízo de dezenas de bilhões para o erário – foi o doleiro Alberto Youssef, o atual heroi da Lava Jato e da mídia. Youssef foi preso, algum tempo depois, por sua participação nos crimes do caso Banestado, mas solto logo em seguida, quando aceitou fazer uma delação premiada onde entregou bagrinhos e livrou os peixões.

Pena que a mídia não dá ibope para esses casos, talvez porque ela mesmo seja uma grande sonegadora.

Voltemos a Saul Sabbá, o dono do banco Máxima.

Sabbá é um daqueles empresários que engordaram na privataria tucana. O seu banco deu consultoria para FHC na privatização da Vale e da CSN.

Agora só falta sabermos quantos milhões de dólares exatamente Sabbá e seus colegas do Maximizer, todos “brasileiros honestos”, guardavam em suas contas secretas em paraísos fiscais.

E, claro, falta sabermos a participação do Brasil no escândalo do Swiss Leaks, ou Suiçalão.

Segundo o ICIJ, o Brasil é o nono país com mais dinheiro no HSBC da Suíça e o quarto, em número de clientes.

Há uma conta associada ao Brasil com mais de US$ 302 milhões. Sabe-se, pelo próprio ICIJ, que Edmond Safra, do Banco Safra, e a família Steinbruch, donos da Vicunha e da CSN, são alguns dos nomes envolvidos no escândalo do HSBC.

O Banco Safra foi o banco usado pela Globo para comprar os dólares que enviaria às Ilhas Virgens Britânicas, quando se envolveu naquela “engenhosa operação” para adquirir os direitos de transmissão da Copa de 2002 sem pagar os devidos impostos.

Aliás, por falar em privataria, um internauta hoje (@Politica_Santos) nos brindou com uma deliciosa recordação: um artigo de Eliane Cantanhêde sobre a Petrobrás, de 1999.

Era o tempo em que os jornais falavam sobre a privatização das principais estatais com incrível naturalidade.

Cantanhede faz uma revelação bombástica no artigo: “Para ficar ainda mais claro: o que resta de equipe econômica está de olho gordo sobre a Petrobrás (“joia da coroa”), o Banco do Brasil e até a Caixa Econômica Federal.

Esses são os “brasileiros honestos” que pretendem privatizar a Petrobrás, para livrá-la do demônio petralha…

B9-W8klIYAAp6Nn


 

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

33 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Edivaldo

17 de abril de 2015 às 16h21

A midia,os juízes, os paulistas e paulistanos blindam o psdb,Na epoca das
privatizações onde se deram maior pico de entrada na suiça.

Responder

revenger

21 de fevereiro de 2015 às 18h55

“…partir como um leão pro que resta das estatais…”

Swissleaks? Só vendo pra crer! Enterradas as Castelo de Areia, o Trensalão, o Mensalão Tucano, a Criminosa Falta Dágua em são Paulo….
Doutor Gilmar “sentado” à perder de vistas sobre reforma política, e com a cobertura excepcional (omissão) que a grande midia tá dando pro caso…

Não dá pra acreditar na Justiça! Dó na Divina!

Responder

Mauricio Gomes

19 de fevereiro de 2015 às 23h16

Agora temos um vagabundo da veja acusando o Lula de ter gasto R$ 220 mil numa festa para um sobrinho que ele nem tem. Pergunto, até quando? O Lula tinha que entrar com uma ação pedindo indenização no mesmo valor que esse mau caráter da veja disse que foi gasto na festa. Enquanto não bater no bolso desses canalhas, vão continuar com esse modus operandi impune. Tem que ter multa pesada em cima dessa escumalha golpista!

Responder

Eduardo Oliveira

19 de fevereiro de 2015 às 22h51

Suiçalão é à verdadeira bomba no colo dos conservadores

Responder

    Lidia Greco

    21 de fevereiro de 2015 às 10h27

    Um Dia a Luz apareçe,a luz es mas poderosa que as sombras!!

    Responder

Euler

19 de fevereiro de 2015 às 19h53

Quem sabe os nomes de Fernando Rodrigues e dos Frias estão nessa lista? Temos o direito de desconfiar, já que eles se recusam a divulgar uma lista de supostos criminosos – já que sonegar impostos é crime. São, portanto, cúmplices, no mínimo. Quando se trata de queimar a Petrobras, o PT e o governo federal aí não precisa de nenhum cuidado. Basta algum bandido delator acusar e vira manchete. Agora quando se trata de proteger os amigos, a coisa muda. É este o critério da moralidade udenista e canalha que existe na mídia golpista brasileira. O fato de estarem protegendo e escondendo essa lista, é sinal claro de que muitos deles – tucanos e Marinhos e Civitas e Frias – podem estar envolvidos.

Responder

Vixe

19 de fevereiro de 2015 às 18h56

Acho que alguém aí “depositou” “300 mil” numa destas contas do SUIÇALÃO….KKKK
Quem será????

Responder

Miguel

19 de fevereiro de 2015 às 17h46

Falaram, falaram, fizeram mil suposições. Jogaram farofa no ventilador, mas os nomes não apareceram. Quais foram os figurões?

Responder

    Miguel do Rosário

    19 de fevereiro de 2015 às 19h25

    ué, o sabbá e os advogados-doleiros.

    Responder

Victor

19 de fevereiro de 2015 às 16h50

Creio que esta lista pode ser ainda maior, visto que, tem brasileiros radicados em outros países, podendo constar em outras listas como em Mônaco, Monte Carlo…

Além de utilizarem endereços de fachada como em Miami ou qualquer outro em escritórios de fachada na Ásia.

Inclusive encontraram brasileiros na lista da Ásia.

Responder

Fabio

19 de fevereiro de 2015 às 15h45

Quem são os tucanos??
Não vi nenhum na reportagem.

Responder

JURIDICO

19 de fevereiro de 2015 às 15h15

https://secure.avaaz.org/po/hsbc_tax_scandal_loc_br/?slideshow
Investiguem os cofres suíços agora!

Responder

gdelreis

19 de fevereiro de 2015 às 11h59

O POVO QUER SABER… SE NÃO QUEREM OU NÃO PODEM CHEGAR NOS VERDADEIROS MAFIOSOS TUCANALHAS, CORRUPTOS SECULARES E NA MÍDIA MÁFIA ANTI-NACIONAL, VERDADEIROS LESA PÁTRIA, QUALQUER OPERAÇÃO DA PF CONTRA A CORRUPÇÃO SERÁ APENAS OPERAÇÃO POLÍTICA DESTRUIDORA DE NOSSO POVO, PORQUE DESSA FORMA A JUSTIÇA CONTINUARÁ SENDO UMA BALANÇA MUITO DESEQUILIBRADA. O POVO QUER SABER… E OS MAFIOSOS CORRUPTOS TUCANALHAS SOLTOS??? SOLTOS DE INÚMERAS CPIS. ATÉ QUANDO??? ATÉ QUANDO OS CORRUPTOS TUCANALHAS VÃO CONTINUAR SENDO BLINDADOS PELOS JUÍZES E MÍDIA CÚMPLICE MERCENÁRIA SONEGADORA DE IMPOSTOS??? O POVO QUER SABER. ATÉ QUANDO??? OU ATÉ QUANTO??? OU MUITAS EMPRESAS, POLÍTICOS E O POVO BRASILEIRO VÃO PAGAR AS PENAS, MENOS O LÍDER DAS CORRUPÇÕES: O PSDB E SEUS PROTEGIDOS? E ATÉ QUANDO A MÍDIA ENTREGUISTA VAI TRAIR O BRASIL E CONTINUAR IMPUNE???

Responder

PENSANDO O BRASIL

19 de fevereiro de 2015 às 10h58

A STALINGRADO DO GOVERNO:

Quem deveria comandar a Batalha da Comunicação? Em meus sonhos (utopias) a Presidenta Dilma comanda. O que ela deveria dizer? Leia e opine no link abaixo:

http://reino-de-clio.com.br/Pensando%20BR10.html

Responder

Rafael

19 de fevereiro de 2015 às 10h24

Miguel, você poderia dar um exemplo de como uma pessoa opera uma evasão de divisa? Ex: A pessoa X manda o dinheiro para o HSBC da Suiça e o banco que fez a transação não informa ao BACEN/receita ( não sei quem precisa ser informado)? Seria algo simples assim ou tem alguma outra forma?

Responder

henrique de oliveira

19 de fevereiro de 2015 às 09h50

Não duvido que os blogs sujos irão por na boca e na mente dos brasileiros essa roubalheira que se descobriu no HSBC , mas o judiciário nada vai fazer , pois os amigos estão atolados ate o pescoço nessa enrascada e vão fazer como sempre jogar a merda do PSDB e seus amigos na lata do PT.

Responder

Kaká

19 de fevereiro de 2015 às 09h28

Esses tais “Nunes Ferreira” seria, assim, por acaso, algum parente equidistante de Aloysio 300 mil? … O senador ínclito que se não tem provas para ligá-lo ao trensalão? … Hummmmmm .

Responder

JURIDICO

19 de fevereiro de 2015 às 09h02

na verdade ele está com medo que acabem com a GUATANAMO do PARANA por isso pediu ajuda ao JOAQUIM. quizim, morolista (minúscula mesmo) ,globo e veja armam para esconder caso HSBC onde a globo está envolvida ate o “cabo”

Responder

Giovana Paiva de Oliveira

19 de fevereiro de 2015 às 00h22

É preciso linkar esse escândalo ao Decreto Lei que institui a defesa das finanças públicas!

Responder

sannuto

18 de fevereiro de 2015 às 23h51

Uma coisa eu acho se tivesse algum petista ja teria vazado com alardes e trombetas a todo volume agora vamos ver

Responder

mario silva

18 de fevereiro de 2015 às 22h27

Informações encontradas no site:http://www4.bcb.gov.br/crsfn/Recursos/j20080729287.htm

Recurso 9549 – RJ-2005-3108 – I – Recorrente: Marcelo Ferraz. Recorrida: CVM – II – Recorrente: CVM. Recorridos: Bartyra de Carvalho Lemos Ferraz, Daltro Muniz Ferreira Limara, Maria Ivone Cardim Ferreira Lima e Marcelo Ferraz. Relatora: Rita Maria Scarponi; Revisor: Darwin Corrêa.

Assunto: Mercado de Valores Mobiliários – Falta de atualização do registro de companhia aberta.

Decisão (Base legal: Lei 6.385/76, art. 11, inciso 2)

I – Recurso Voluntário

Marcelo Ferraz: Multa pecuniária no valor de R$ 25.000,00

II – Recurso de Ofício

Arquivamento.

Recurso 9551 – 35/00 – I – Recorrentes: Máxima Corretora de Câmbio e Valores Mobiliários Ltda. (atual Banco Máxima S.A.),

João Nunes Ferreira Neto

, Stock S.A. Corretora de Câmbio e Valores (atual Multistock S/A Corretora de Câmbio e Valores), Antonio Geraldo da Rocha, Máxima Factoring Fomento Comercial Ltda.,

Ricardo Sabbá Geraldes,

Pedro Paulo Nunes Ferreira,

Máxima Corretora de Commodities e Consultoria Ltda.(atual Máxima Consultoria e Finanças Corporativas Ltda.) e Mauro Agresta. Recorrida: CVM – II – Recorrente: CVM. Recorridos: André Sá do Espírito Santo, Antonio Geraldo da Rocha, Banco Dimensão S.A. (Atual Flpm Participações S.A.), Coluna Distribuidora de Tibulos e Valores Mobiliários, David Schipper, Francisco Gonzaga de Oliveira, Ivan Augusto Gonçalves, João Nunes Ferreira Neto, Jorge Moreira Cabral, Lucas Joffily, Máxima Corretora de Câmbio e Valores Mobiliários Ltda. (Atual Banco Máxima S.A.), Paulo César de Barcellos, Paulo Messer, Pedro Batouli, Ricardo Sabbá Geraldes, Roberto Pereira, Roberto Varela da Silva, Ronaldo Hazan de Gomlevisky, Sandcastle Investments Corporation, Sérgio Gutnik, Stock S.A. Corretora de Câmbio e Valores (Atual Multistock S/A Ccv), The First Stock Equity Fund Llc e Worldtrust Bank Limited. Relator: Felisberto Bonfim Pereira; Revisor: Marcos Galileu Lorena Dutra.

Assunto: Mercado de Valores Mobiliários – Irregularidades na negociação de ações.

Responder

JURIDICO

18 de fevereiro de 2015 às 21h53

na verdade ele está com medo que acabem com a GUATANAMO do PARANA por isso pediu ajuda ao JOAQUIM

Responder

Francisco de Assis

18 de fevereiro de 2015 às 21h38

ENDEREÇO DA GLOBO NAS ILHAS VIRGENS CONSTA DE UMA DAS LISTAS DE CONTAS VAZADAS
.
A GLOBO abriu a empresa EMPIRE INVESTMENT GROUP LTD., nas Ilhas Virgens Britanicas, com capital de aproximadamente 220 milhões de dólares, para SONEGAR impostos no Brasil, usando os direitos de transmissão da Copa de 2002, conforme processo da Receita Federal.
.
O endereço da EMPIRE da GLOBO se resumia à Caixa Postal 3340 – Road Town – British Virgin Islands (BVI).
.
No link http://icij-uploads.s3-website-us-east-1.amazonaws.com/2013/10/offshore/csv.zip foi disponibilizada uma lista de contas suspeitas. No arquivo nodesNW.csv, contido no arquivo ZIP acima, constam seis (6) registros de empresas com o mesmo ENDEREÇO da EMPIRE. Seguem-se os campos “Unique_ID”, “subtypes_” e “description” dos 6 registros encontrados:
.
Unique_ID,subtypes_, description_
236919, ADDRESS, c/o Tricor Services (BVI) Limited P.O. Box 3340, Road Town, Tortola British Virgin Islands
264732, ADDRESS, Ernst & Young Trust Corporation (BVI) Limited PO Box 3340, Road Town Tortola British Virgin Islands
279577, ADDRESS, P. O. Box 3340 2/F PALM GROVE HOUSE Road Town Tortola British Virgin Islands
238839, ADDRESS, P O Box 3340 Dawson Building Road Town Tortola
238911, ADDRESS, P.O. Box 3340, Road Town, Tortola, British Virgin Islands
238717, ADDRESS, P.O.Box 3340, Road Town,Tortola, British Virgin Islands.

Responder

mineiro

18 de fevereiro de 2015 às 21h29

é mesmo , porque a policia do ze tucano nao vai para cima o uol , eles nao sao obrigados a mostrar a famigerada lista? ele pode fazer isso? divulgar como diz no linguajar popular , pelas metades. uma autoridade , se é pode chamar esse rato desgraçado de autoriada ,esse sujeito que diz ser min.da justiça e a sua policia federal pau mandada so contra o pt , mostra toda a lista. como o jornalista imbecil dizer que vai mostra so o conteudo que interessa ao povo. entao alguem diz para esse sujeito que toda a lista interessa ao povo ou nao? se sao brasileiros , todos nos eles nos interessa saber um por um,ou alguem nao interessa. é piada uma coisa dessas , ta na cara que esse sujeito ta querendo proteger muita gente grauda , so idiota para nao perceber isso.

Responder

Miguel do Rosário

18 de fevereiro de 2015 às 20h57

isso que é democracia, né.

Responder

    enganado

    18 de fevereiro de 2015 às 23h26

    Tá na cara que o juiz levou grana! Isso é democracia porque o GM é do PSDB, agora se fosse do PT, já estaria FUZILADO antes daquele moço na Malásia. Não gusto de SUIÇALÃO, melhor seria como prêmio para o Maior Ladrão do BRASIL de todos os tempos, FHC, o nome seria FERNANDÃO. Em homenagem a esse grandíssimo fdp da vida pública do BRASIL. Antes que me esqueça: a AIPAC está metida neste négocio como SEMPRE com um patrício: Chaim Zalcberg. FHC e os judeuSS amiguinhos! A tecla é a mesma SEMPRE!

    Responder

    Fernando Lemos

    19 de fevereiro de 2015 às 15h23

    Tá com peninha dele, Miguel? Então faça uma doação e ajude o Paulo Injúria Racial Henrique Amorim a pagar essa indenizaçãozinha!

    Responder

      Miguel do Rosário

      19 de fevereiro de 2015 às 19h24

      Tenho pena sim, mas não posso ajudar. Meu caso é ainda pior: o empregado da Globo querendo arrancar meu couro.

      Responder

      enganado

      19 de fevereiro de 2015 às 23h21

      Sr. Fernando

      A vaquinha para ajudar a qq pessoa condenada por dizer a verdade contra a Direita=PSDB=DEM=GAFE= … , deveríamos sim, depositar a grana na conta do JUIZ em algum banco no exterior para aliviar na pena do condenado. Se voce pensou como no caso do MENTIRÃO, o mundo já mudou e muito. Aliás pergunte ao JB como vai a conta dele em Miami, $$$$. Ganhou até prêmio da universidade em iSSrael em agradecimento ao trabalho obrigatório eleborado pela banca anglo-sionista e a imprensa-empresa anglo-sionista por ter seguido a risca o dever de casa. A lista desta vagabundagem dos juizes tá gorda! O Fux (judeu) já absolveu o Aloysio Nunes e o José Inábil de uma acusação pelo recebimento de grana da Siemens (quem deu grana foi quem denunciou, no entanto: Absolvidos). Taí a justicinha do BRASIL. Miguel conte comigo contra qq putaria da Direita.

      Responder

Messias Franca de Macedo

18 de fevereiro de 2015 às 19h43

Mutirão HSBC: o primeiro nome pode ser o de Robson Tuma

MUTIRÃO DO HSBC

QUA, 18/02/2015 – 18:38
ATUALIZADO EM 18/02/2015 – 18:42

Luis Nassif

(…)

FONTE: http://jornalggn.com.br/noticia/mutirao-hsbc-o-primeiro-nome-pode-ser-o-de-robson-tuma#comment-581999

Responder

Mauricio Gomes

18 de fevereiro de 2015 às 19h38

Se cavar mais vai aparecer gente ligada à Globo, se não a própria. Daí o silêncio de cemitério da grande mídia. Dilma, a hora é agora. Bota pra F%&#@ com essa corja de falsos moralistas e sonegadores.

Ps: Não sei se são coincidências, mas há dois elementos na lista com sobrenome “Nunes Ferreira” (o mesmo daquele senador vassalo da direita) e também uma empresa com o sobrenome “Moro”. Acho que aí tem…..

Responder

Messias Franca de Macedo

18 de fevereiro de 2015 às 19h07

… E que ninguém dê crédito ao que vazar da lista a ser anunciada pelo Fernando Rodrigues “do PIG”!
Essa lista fajuta estará infestada de ‘vedamentos seletivos’!
Os blogues sujos terão que buscar essa lista a partir de fontes fidedignas!
A lista que vai revelar nomes de Tucanos graúdos e gordos que nem porcos(as)!

Responder

Dudu

18 de fevereiro de 2015 às 18h27

E os nomes João Nunes Ferreira Neto e Pedro Paulo Nunes Ferreira (que estão relacionados com a Maximizer) não lembram um certo Aloysio Nunes Ferreira?

Responder

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com