Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

BNDES responde às mentiras da Época

Por Miguel do Rosário

01 de agosto de 2015 : 14h25

No Facebook do BNDES.

Resposta do ?#?BNDES? à Revista Época

Na matéria “Os 2 milhões da montadora Caoa para o operador de Pimentel“, “Época” manipula grosseiramente informações para tentar lançar suspeitas sobre o BNDES em negócios com os quais o Banco não tem qualquer relação. A reportagem não se sustenta, simplesmente porque o BNDES não concedeu financiamento para a Caoa.

O texto relata que o BNDES concedeu um crédito de R$ 218 milhões para a fábrica da Hyundai no Brasil, e a partir daí faz, no mesmo parágrafo, menções ao suposto relacionamento da Caoa com o governo, supostos benefícios recebidos pela empresa e pagamentos que teriam sido feitos pela Caoa a firmas do empresário Benedito Rodrigues de Oliveira Neto, investigado na operação Acrônimo. A verdade é que o BNDES não concedeu financiamento para a Caoa.

Procurado pela reportagem da revista, o BNDES explicou de maneira clara que a Caoa e a Hyundai são empresas distintas, e o financiamento do BNDES foi para a Hyundai, não para a Caoa. O crédito para a Hyundai foi, inclusive, objeto de release e está disponível para consulta por qualquer cidadão no site do Banco. http://bit.ly/1SRugpx

A manipulação feita pela revista fica mais evidente na ilustração usada como material de apoio ao texto. Com o título “As empresas de fachada teriam recebido mais de 2 milhões”, a matéria menciona o crédito do BNDES para a Hyundai e dá a entender que os recursos para o pagamento das tais “empresas de fachada” teriam sido provenientes do Banco, o que é totalmente falso.
O BNDES lamenta a publicação por “Época” de mais uma reportagem com acusações falsas ao Banco e reitera que seus procedimentos de concessão de crédito são técnicos e impessoais, sendo analisados por mais de 50 pessoas e passando por órgãos colegiados.

***

Nota Cafezinho: Sugiro aos leitores que fiquem sempre atentos ao Face do BNDES. Será a principal arma para lutar contra a campanha de mentiras que vem por aí. A mídia brasileira age em bando, como hienas. Se há um alvo, todos seguem a mesma pauta, o que denuncia a existência de um cartel. A nossa mídia perdeu qualquer compromisso com os fatos e age como uma quadrilha de bandidos. Se o objetivo é destruir o PT e o governo, valeu tudo.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

47 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Izide Favaron Elias

03 de agosto de 2015 às 02h39

Como todos, alvo de calúnia, na defensiva.

Responder

Sheyla Kouri

02 de agosto de 2015 às 21h31

Processo em cima do lixo editorial, BNDES.

Responder

Jorge R C Filho

02 de agosto de 2015 às 18h18

Esse cafezinho é do pt

Responder

Elisa Almeida

01 de agosto de 2015 às 23h52

Eita mídia lixo…

Responder

Raymundo Penaterim

01 de agosto de 2015 às 22h27

A Época, não é da Globo? Está explicado!

Responder

Vera Teixeira

01 de agosto de 2015 às 22h20

mais mentiras

Responder

Willmann Andrade Andrade

01 de agosto de 2015 às 22h19

Tem que tirar dinheiro da falida empresa.

Responder

Iranildo Costa

01 de agosto de 2015 às 22h19

#Lula2018EstamosContigo

Responder

Iranildo Costa

01 de agosto de 2015 às 22h18

#Lula2018EstamosContigo

Responder

Luís CPPrudente

01 de agosto de 2015 às 19h09

E pergunto: Por que o Governo Dilma ainda continua ajudando o crime organizado através da Bolsa PIG?

Que se corte a Bolsa PIG, acabe com a entrega de dinheiro público através da publicidade para as organizações criminosas das famiglias do PIG.

Responder

João Bosco Pacheco

01 de agosto de 2015 às 21h34

Acho que as entidades ultrajadas têm que procurar a comunicação, a política e, também, o judiciário, mesmo sabendo que grande parte dos juízes são tucanos, mesmo assim, é importante entrar com direito de resposta e danos morais, é vital levar essas ações à publico, esclarecer a sociedade sobre as ações, como forma de colocar o juiz que vai julgar em compromisso com a verdade. Acho que o governo federal tem que “acumular acusações falsas” e, quando tiver um volume satisfatório de mentiras, ir à rede nacional desmenti-las com serenidade, porém com vigor. Tá faltando revide com eloquência.

Responder

João Bosco Pacheco

01 de agosto de 2015 às 21h34

Acho que as entidades ultrajadas têm que procurar a comunicação, a política e, também, o judiciário, mesmo sabendo que grande parte dos juízes são tucanos, mesmo assim, é importante entrar com direito de resposta e danos morais, é vital levar essas ações à publico, esclarecer a sociedade sobre as ações, como forma de colocar o juiz que vai julgar em compromisso com a verdade. Acho que o governo federal tem que “acumular acusações falsas” e, quando tiver um volume satisfatório de mentiras, ir à rede nacional desmenti-las com serenidade, porém com vigor. Tá faltando revide com eloquência.

Responder

Carlos Amazonas

01 de agosto de 2015 às 21h26

Processar os editores. Na pessoa física. Não teriam cacife para brigar com o banco na justiça, nem a revista

Responder

Carlos Amazonas

01 de agosto de 2015 às 21h26

Processar os editores. Na pessoa física. Não teriam cacife para brigar com o banco na justiça, nem a revista

Responder

Carlos Amazonas

01 de agosto de 2015 às 21h26

Processar os editores. Na pessoa física. Não teriam cacife para brigar com o banco na justiça, nem a revista

Responder

Messias Franca de Macedo

01 de agosto de 2015 às 17h56

“… Não se preocupem, não!”
Apesar de desmentida no prelo das gráficas [IMUNDAS] das organizações criminosas Globo do FIFALÃO, durante [toda!] a próxima semana *o boçal [pseudo-]jornalista Alexandre Garcia dos Marín(hos) soNEGAdores “irá exaurir todos os detalhes da matéria [pseudo-jornalística, adendo do matuto!]”!
O Alexandre Garcia ‘pena amestrada’ a $oldo da globo no indefectível exercício da função de, digamos, **capilarizar o PIG através das ondas potentes do rádio desse ‘Brasilzão do Meu Deus’!
*e ex porta-voz da ‘ditabranda’ dos Frias da ‘Folha’!

Sem falar “na providencial contribuição” dos congêneres fascigolpistas &$ terroristas Merdal Pereira, [Ricardo] Noblábláblát, [Reinaldo] AZEDOvedo, ***Eliane TACANHêde, Cristina Lôbo [de Raiva], Miriam Suína, [Carlos] SARDAemBERG et caterva!…

**NOTA FÚNEBRE:
Todas as manhãs dos dias úteis, o ex porta-voz da ditadura militar divulga o programete panfletário-terrorista ‘MAU Dia Brasil’ do rádio!
Utilizando-se dos sinais eletromagnéticos, o Garcia “da Globo” destila todo o ódio figadal, reacionarismo, parcialidade, estratagemas capciosos, instrumento apologético ao ‘golpe jurídico-midiático ainda ora em curso desde o antanho do Mentirão’!
E, pasme, o palco fascista possibilitado por Concessões Públicas do Estado brasileiro!
Aqui em Feira de Santana-Ba, o programete fasciterrorista e antinacionalista ‘MAU Dia Brasil’ é retransmitido pela Rádio Princesa FM 96.9 e Rádio Sociedade AM 970.
Emissoras da Rede [de Frades] Capuchinhos de Comunicações.
Empresas católicas [do lucro!].

***também conhecida pela famigerada alcunha [Eliane] TUCANêde, a mesma ‘Rainha da Febre Amarela’!

Messias Franca de Macedo
Feira de Santana, Bahia
República Desses Bananas Nazifascistas

Responder

Claudio Gonçalves

01 de agosto de 2015 às 20h45

Mas logo à Época que só publica quando tem tudo devidamente checado e calcado em documentos, Alexandre Morais?!??

Responder

Alvaro Freitas

01 de agosto de 2015 às 20h28

outra porcaria que tem que fechar, logo, logo eles náo teráo mais clientes… quem vai querer comprar uma assinatura da revista época, convenhamos.

Responder

Alvaro Freitas

01 de agosto de 2015 às 20h28

outra porcaria que tem que fechar, logo, logo eles náo teráo mais clientes… quem vai querer comprar uma assinatura da revista época, convenhamos.

Responder

Domingos Pellizzaro

01 de agosto de 2015 às 19h57

Época de lixo.

Responder

Domingos Pellizzaro

01 de agosto de 2015 às 19h57

Época de lixo.

Responder

Luiz Fernando Santana Alencar

01 de agosto de 2015 às 19h39

Eporca tem tudo a ver com PIG.

Responder

Luiz Fernando Santana Alencar

01 de agosto de 2015 às 19h39

Eporca tem tudo a ver com PIG.

Responder

Naiara Castellar

01 de agosto de 2015 às 19h20

E #ForaCunha

Responder

Luís Fernandes

01 de agosto de 2015 às 18h56

Engraçado que ninguém pára essas revistas de mentir????

Responder

Luís Fernandes

01 de agosto de 2015 às 18h56

Engraçado que ninguém pára essas revistas de mentir????

Responder

Gustavo Ribeiro

01 de agosto de 2015 às 18h45

Quem quer confiar na revista epoca ?

Responder

Gustavo Ribeiro

01 de agosto de 2015 às 18h45

Quem quer confiar na revista epoca ?

Responder

Adilson Roberto Fontanetti

01 de agosto de 2015 às 18h30

Processo!!!
Indenização de 10 vezes o faturamento de cada edição que contém a mentira!!!

Responder

Adilson Roberto Fontanetti

01 de agosto de 2015 às 18h30

Processo!!!
Indenização de 10 vezes o faturamento de cada edição que contém a mentira!!!

Responder

Messias Franca de Macedo

01 de agosto de 2015 às 15h25

É preciso dar um basta na corrupção no jornalismo

31 de Julho de 2015

Por Laurez Cerqueira – autor, entre outros trabalhos, de Florestan Fernandes – vida e obra; Florestan Fernandes – um mestre radical; e O Outro Lado do Real
É preciso dar um basta na corrupção no jornalismo

(…)

FONTE: http://www.brasil247.com/pt/colunistas/laurezcerqueira/191203/%C3%89-preciso-dar-um-basta-na-corrup%C3%A7%C3%A3o-no-jornalismo.htm

Responder

Marcos Belmonte

01 de agosto de 2015 às 18h25

Estão acusando o lula a 30 anos sem provas de nada… Ou n lembram do sequestro do Abílio Diniz? O caso friboi? Acusam sem provas de nada… Acreditam em revistas estúpidas… Coxinha é ser um ser vazio. Rico em burrice e extremos preconceito c causas sociais progressistas… são inúteis na construção de um mundo justo… Deveriam se matar todos. Affffff lixo

Responder

Marcos Belmonte

01 de agosto de 2015 às 18h25

Estão acusando o lula a 30 anos sem provas de nada… Ou n lembram do sequestro do Abílio Diniz? O caso friboi? Acusam sem provas de nada… Acreditam em revistas estúpidas… Coxinha é ser um ser vazio. Rico em burrice e extremos preconceito c causas sociais progressistas… são inúteis na construção de um mundo justo… Deveriam se matar todos. Affffff lixo

Responder

Neusa Oliveira

01 de agosto de 2015 às 18h14

É um cartel perverso. Agora o alvo é o BNDES. A imprensa realmente virou partido político que apoia a direita.

Responder

Sil Costa

01 de agosto de 2015 às 18h12

Regina Reis Gomez, olha as mentiras que a revista Época disse.

Responder

Valdir Soultrain

01 de agosto de 2015 às 17h55

o que impede um presidente de fechar uma revista que golpeia o governo todia toda hora,,…..isso não seria ferir a liberdade de expressão, ..

Responder

Tiago Carneiro

01 de agosto de 2015 às 17h44

Devia mandar logo um processo

Responder

    O Cafezinho

    01 de agosto de 2015 às 17h52

    Não sei. Judiciário é reaça. Tem que responder na política, na comunicação.

    Responder

    Dary Beck Filho

    01 de agosto de 2015 às 18h03

    Tem que processar igual. Só responder não adianta. Se defender de todas as formas possíveis.

    Responder

    Alexandre Abrahão Ou Chei

    01 de agosto de 2015 às 18h20

    O risco é dar crédito de “exercício legítimo de liberdade de expressão” por nosso judiciário canhestro.

    Responder

    Alexandre Abrahão Ou Chei

    01 de agosto de 2015 às 18h20

    O risco é dar crédito de “exercício legítimo de liberdade de expressão” por nosso judiciário canhestro.

    Responder

    Alexandre Abrahão Ou Chei

    01 de agosto de 2015 às 18h20

    O risco é dar crédito de “exercício legítimo de liberdade de expressão” por nosso judiciário canhestro.

    Responder

Everton Ricardo Camilo Mendes

01 de agosto de 2015 às 17h42

Porque tem que responder essa porcaria?

Responder

Deixe um comentário para Iranildo Costa

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?