Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Por que atacar o Chico Buarque?

Por Redação

27 de dezembro de 2015 : 05h19

por Rogerio Dultra dos Santos, no Democracia e Conjuntura

Por que parar o Chico Buarque de madrugada, no meio da rua, para um esculacho?

A resposta é até simples.

O Chico representa a sofisticação e a genialidade singela, a beleza e o som que as elites imaginam ser de sua exclusividade.

Chico, filho da mais fina flor da aristocracia intelectual paulista, não se aliou – e nem se aliaria – aos gritos raivosos balbuciados contra o PT, contra as classes populares, contra o processo de igualização das condições sociais no país (o que Tocqueville chamaria, inclusive, democracia).

Chico não é a imagem especular das elites – ou pretensas elites – tucanas. Chico representa, a contrário senso, o que estas elites deveriam ser e não são. E isso as irrita profundamente.

Chico é original, enquanto os truculentos playboys do Leblon são uma cópia tosca, pretensiosa e vazia, perdida em devaneios de exclusivismo e revoltadas off line pela sua situação política kirch e por suas inteligências precarizadas e de aluguel.

E o gozo perverso desses moleques anabolizados pelo dinheiro expropriado do trabalho alheio é destruir tudo aquilo que não é espelho. Narcisismo voraz e inculto, que se locupleta da violência enquanto forma de manifestação cultural.

Os filhos e netos da elite vagabunda do Leblon, ao atacarem Chico Buarque, sinalizam qual o seu projeto de país, qual a compreensão de sociedade que chancelam: querem do Brasil a extração  fácil das distinções e o reconhecimento dos privilégios que estão se esvaindo numa velocidade cada vez mais acelerada.

E Chico Buarque representa exatamente o lugar que eles nunca irão alcançar. Para o bárbaro, aquilo que não se compreende ou se controla, aquilo que não se alcança nem se alcançará, deve ser destruído.

Com relação a este, infelizmente, não há espaço para o diálogo. O que resta é apenas o império da lei.

Mas Chico está acima da necessidade de reconhecer estes indivíduos através de um processo penal. Preferirá o mais simples desprezo. E uma nota musical do tipo “Vai trabalhar, vagabundo!”.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

47 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Eulalia Leite

30 de dezembro de 2015 às 15h23

Por pura inveja e desconhecimento! Enquanto o outro lado tem Lobão, Fabio Junior, Roger, alguns sertanejos, nós temos o Chico, Gloria Pires, Osmar Prado, Leticia Sabatella, Luis Fernando Veríssimo, Cacá Diegues, Gilberto Gil, Zélia Duncan e uma infinidade de cabeças pensantes! Fico impressionada o espaço que a mídia dá para esses facistas – é so procurar a biografia de cada um, incluindo do avô para baixo no Google e saberão quem são esses desclassificados.. Chico tem o direito de ter uma cobertura em cada pais ou cidade famosa de qualquer lugar do mundo. Ele trabalha desde seus 19 anos, encantou e ainda encanta diversas gerações. Fez parte da minha vida com suas obras primas desde os grandes festivais de 1966/1967/1968. Suas músicas são regravadas com novas releituras e arranjos, por muitos artistas novos. Ele é um Senhor de 71 anos que estava com amigos como Cacá Diegues e Eric Nepomuceno, quando foi ofendido por um grupo de idiotas sem nenhuma qualificação, apenss por sua posição política. Vivemos em uma democracia onde a liberdade de opinião e escolhas só engrandece o conhecimento! Trabalhar o contraditório é muito importante quando se tem o conhecimento dos dois lados. Discurso de ódio como os que tenho visto na internet são deploráveis é só demonstram a pequinhez de pessoas autoritárias que não dialogam, porque só sabem brigar. Desconhecem os assuntos e argumentos dos dois lados, repetem chavões da mídia conservadora e não sabem nada do Brasil anterior so governo do PT. Como podem esses merdas pelo menos sonhar em entender a grandiosidade de um CHICO? É muito para a inteligência dessa gente escrota. Não passam de lixo. Chico é eterno! Ele é o nosso mais completo compositor! Passeia tranquilamente e com a maior facilidade por todos os gêneros e ritmos e vai da valsa e fado ao samba de raíz. Pega firme na critica política, de gênero e de costumes e depois vai fundo nos dramas de pessoas simples, e no desespero dos amores perdidos. Ele ri com deboches escrachados sobre tudo e pousa nas músicas simples como João e Maria que ele fez para a irmã e a obra prima A Banda, tão elogiada pela nossa, também eterna, Clarice Lispector. É muito respeitado pela turma do samba de raíz – samba do morro. Suas músicas com letras simples são de uma poesia belíssima e emocionante! Descreve em algumas músicas os sentimento das mulheres de uma forma incrível! Com sua obra ajudou na nossa emancipação e liberação das amarras do machismo. Além da composição de mais de 400 músicas, ele ainda nos brindou com 3 ou 4 musicais, é um grande poeta e escritor com diversos livros publicados. Bibi Ferreira diz que o mais belo musical encenado por ela foi a obra-prima Gota D’agua do grande amigo Chico. Um dos maiores presentes que ela recebeu. Ele sai tranquilamente para caminhar pela orla da zona sul do Rio, quase todos os dias. Não leva segurança e conversa com todos por onde passa. Andava sendo perseguido por jornalistas e fotógrafos sedentos de fofocas. Não o deixavam em paz! Comprou diversas bermudas, camisetas e meias exatamente iguais. Passou a sair sempre com a mesma roupa. Deixou de ser seguido. Fotografias com a mesma roupa é notícia velha. Ficou em paz até para entrar no mar e tomar um bom banho ” de descarrêgo” para tirar o mal e mau olhado desses coxinhas invejosos. Ele é genial em tudo. Só não admira a grandiosidade de um Chico que não tem o minimo conhecimento da sua imensa obra e não se interessa pois são alienados. Deveriam ler mais um pouco ou pelo menos assistir ao documentário que está nos cinemas, antes de falar bobagens. O fascismo é uma rua estreita e de mão única. Roberto Carlos cantou e homenageou Pinochet e nem por isso vou admirar o artista e sua obra. Gonzagão, autir do clássico Asa Branca e outros, fou pago, cantou e homenageou militares durante a ditadura militar e não é por isso que vou deixar de admirar sua obra tão representativa da cultura nordestina. Êta pessoal desclassificado, sem informação e burro!

Responder

Monica Figueiredo

28 de dezembro de 2015 às 21h51

Por que atacar o povo brasileiro todos os dias com tanta incompetência administrativa dos nossos governos? Para onde vão nossos impostos? O que fazem por nós?

Responder

Berenice Coutinho

28 de dezembro de 2015 às 13h09

Porque ele é lindo, sábio e talentoso?

Responder

Sonia Maria Armentano Santana

28 de dezembro de 2015 às 01h53

Falar de Chico Buarque!So escuto o que quero,Chico é poesia,é lapidado,é nosso orgulho Brasileiro,um dos maiores músicos Brasileiros,Escritor.Dê uma cópia de Carolina,para esse mrda que o ofendeu,talvez ele nem conhece essa música,então dê alice….kkkkk

Responder

Luiz Antonio Martins

28 de dezembro de 2015 às 00h43

Porque ele é TRAIDOR está do lado da PeTralha dilmANTA. Só por isto!!!

Responder

    Paulo Figueira

    28 de dezembro de 2015 às 17h43

    Traidor das elites?
    No seu texto tosco e desprovido de argumentos, você apenas confirma o que foi dito no post de Rogério Dultra, você considera Chico Buarque um traidor porque apesar dele pertencer a classe social privilegiada, sempre se colocou na defesa dos trabalhadores e da justiça social.

    Responder

Marcus Vinicius Meschini

27 de dezembro de 2015 às 22h59

Paródia da música do “Rouaneiro Mamador” .. O Bando… Perfeito..
Kkkkkkkkkk

http://www.canalgama.com.br/chico-buarque-se-irrita-com-o-sucesso-da-parodia-o-bando-assista-agora/

Responder

Jaime Baghá

27 de dezembro de 2015 às 22h45

Porque esta é a face do ódio dos filhos daqueles que no passado também odiaram, é um moto continuo de babacas vende pátria que dissemina o ódio e termina por fazer um estado de exceção, é a praga do ovo da serpente que querem viver montado nas costas do povo e dos pobres. É a cara do futuro com uma bota sempre pisando um rosto humano.

Responder

Jacques Chaban II

27 de dezembro de 2015 às 22h06

Viva Chico!

Responder

Jonice Reis Procópio

27 de dezembro de 2015 às 21h04

Grândola vila Morena, para todos.

Responder

Marcelo Drumstick

27 de dezembro de 2015 às 20h55

Quando Chico Buarque dispara o primeiro “seu merda”, me incomoda tanto quanto ele é xingado. Seres humanos sejam eles: artistas, playboy ou playboy artista, não merecem serem tratados assim independentes do que pensam ou de suas convicções políticas.

Responder

Mirian Rocha

27 de dezembro de 2015 às 19h25

Excelente texto!

Responder

Célia Nadir Anselmi

27 de dezembro de 2015 às 19h09

Porque ele provou que suas músicas não traduzem mais o que ele pensa e faz. O povo o vê meio que como um traidor.

Responder

    Maria

    27 de dezembro de 2015 às 18h56

    Muito fácil deixar o foco do texto para justificar o modo permanente de pensar. Eu não!

    FOI UMA AGRESSÃO. Foi um crime.
    Chico não é amigo deles e nunca foi.
    Nenhum normal puxa conversa com um desconhecido para xingar. Xingar e filmar.

    Eu não posso precisar a causa da agressão e o texto faz sugestões.
    MAS FOI UM CRIME.

    Responder

Luiz Carlos Helou

27 de dezembro de 2015 às 19h05

Análise muito bem feita.

Responder

Claudia Lima

27 de dezembro de 2015 às 18h28

Só quem não conhece Chico Buarque e sua biografia invejável pode ser capaz de criticá-lo. Mas, acho que devemos perdoar essas pessoas, são ignorantes!

Responder

Kristina Cruz

27 de dezembro de 2015 às 17h15

Porque ele é famoso e rico, assim os ataque ganham expressão e dimensão, objetivo de um movimento burgues e vazio de argumentos. O que está em pauta não é se você gosta ou não da vasta obra de Chico Buarque e sim o que há de concreto e minimamente coerente no discurso fascista que pratica ataques e agressões gratuitas por aí. Isso não é dialogo e compreensão. Uma situação ficou estampada do ocorrido – Chico é demais e os agressores uns manés.

Responder

Vera Lucia Alves Milanez

27 de dezembro de 2015 às 16h53

porque o Chico é superior a eles.

Responder

Cláudia Augusta

27 de dezembro de 2015 às 15h35

Chico Buarque é a nossa mais fina flor. amei o texto!!

Responder

Derli Ferreira

27 de dezembro de 2015 às 15h13

Na minha TL, em seguida à esse post do O Cafezinho, leio a notícia de que a Honda desistiu de inaugurar a nova fábrica de Itirapina/SP. O motivo maior é a crise brasileira e o descrédito no governo Dilma/PT.

Isso sim é importante e não ficar discutindo se Chico Buarque é um merda ou não.

Responder

Alirio Muniz

27 de dezembro de 2015 às 14h05

Se penso,falo… Se vejo, comento. logo….existo!!!

Responder

Alirio Muniz

27 de dezembro de 2015 às 14h04

Kkkkkkkkk

Responder

Terezinha Boro

27 de dezembro de 2015 às 13h48

Conhecer” CHICO”…LEIA…uma boa receita …kkkkkkkkkkkkkkk

Responder

Terezinha Boro

27 de dezembro de 2015 às 13h47

#TamoJunto

Responder

Silvio Guedes

27 de dezembro de 2015 às 11h46

É a certeza da impunidade que separa a elite da grande maioria do povo brasileiro. A justiça no Brasil tem a marca da impunidade porque é elitista com herança escravagista. Existem dois tipos de execuções penais no país, uma para a pequena parcela dos ricos e outra para a grande maioria do povo, com variações de penas mais confortáveis para quem tem curso superior e penas desumanas para quem não o tem. Uma jabuticaba. A justiça está elitizada e privatizada, todos reclamam da falta de punição, mas ninguém, nem a mídia não se interessa a questionar quem está por trás, nos bastidores da lei, que atuam para mantê-la tão antidemocrática, ninguém investiga o motivo do caos e nem o aparente comércio milionário de vendas de sentenças, todos os agentes policiais, como a grande maioria do povo brasileiro já se cansaram e estão impacientes com tanto prende e solta somados as quatro lentas instâncias de tribunais que os endinheirados recorrem e podem permanecer livres até o fim da vida. Os políticos mafiosos tentam fechar escolas públicas e não querem gastar com manutenção de presos. Quem paga somos todos nós, na forma de danos causados em nossa saúde pela convivência diária com a insegurança, com a violência, gerando um povo com mudanças de hábitos antes saudáveis, para um povo estressado e refém de políticos mafiosos e mídia oportunista, isso por fim, acaba também criando mais problemas econômicos.

Responder

Neuza Palaro

27 de dezembro de 2015 às 13h44

Os vandalos do Leblon só deram uma demonstração da “refinada” educação que receberam.

Responder

Alirio Muniz

27 de dezembro de 2015 às 13h25

Pra mim esse tal de chico nao significa nada, então nao existe motivo para ataca-lo, alias nem tem como,esse cara vive em Paris e só vem aqui pra frequentar caros e sofisticados restaurantes e pegar o dinheiro dos acordos politicos/artisticos.

Responder

    O Cafezinho

    27 de dezembro de 2015 às 13h40

    Kkkkk vc existe?

    Responder

    Teresa Clbb

    27 de dezembro de 2015 às 15h40

    Tá provado que não tem conhecimento da história.

    Responder

    Lucimar Marques

    27 de dezembro de 2015 às 16h05

    Ainda está nessa???? Vai falar desse cara até quando????

    Responder

    Kristina Cruz

    27 de dezembro de 2015 às 17h15

    Inveja mata! :(

    Responder

    Marcelo Drumstick

    27 de dezembro de 2015 às 20h55

    Quando Chico Buarque dispara o primeiro “seu merda”, me incomoda tanto quanto ele é xingado. Seres humanos sejam eles: artistas, playboy ou playboy artista, não merecem serem tratados assim independentes do que pensam ou de suas convicções políticas.

    Responder

    Vera Regina Barth Dos Santos

    27 de dezembro de 2015 às 21h03

    Este cara é um ET louco!

    Responder

    Guiomar Braga

    27 de dezembro de 2015 às 21h19

    Quem não conhece o Chico Buarque , é só ir no Google colocar o nome dele e logo descobrirá . Afinal desconhecimento não é crime .

    Responder

    Vera Lu Cruz

    27 de dezembro de 2015 às 21h39

    Guiomar Braga nesse nível de desconhecimento, e tamanho preconceito, julgando quem ele mesmo diz não conhecer, deveria ser crime. O sujeito deve frequentar farra do boi, e viver em uma caverna.

    Responder

    Vera Lu Cruz

    27 de dezembro de 2015 às 21h43

    Lucimar Marques até que Alvarinho Garnero e seus amigos sejam processados. Xingar, intimidar e agredir idosos, não pode, mas pode menos ainda por ser uma intimidação pela prefêrencia política. Todos tem o direito de apoiar a luta que bem entender. Tá cansada, assista a globo.

    Responder

    Marcus Vinicius Meschini

    27 de dezembro de 2015 às 23h00

    Paródia da música do “Rouaneiro Mamador” .. O Bando… Perfeito..
    Kkkkkkkkkk

    http://www.canalgama.com.br/chico-buarque-se-irrita-com-o-sucesso-da-parodia-o-bando-assista-agora/

    Responder

    Renato Agostinho

    28 de dezembro de 2015 às 01h20

    Vocês são tão bons pra atacar que até para isso são papagaios.
    Pessoal, o Chico não mora em Paris, tá?
    Quando for atacar ou falar algo, dá um Google rapidinho, fica menos feio, aí você acaba se destacando, tendo argumentos melhores e não sendo mais um imbecil em meio a 300 mil falando a mesma coisa: “ptralha, comunista, esquerdopata, bolivariano, mora em Paris, Lei Rouanet…”.
    E se ele morasse em Paris? Qual o problema? O dinheiro é dele e ele mora onde quiser. Ele tem dinheiro suficiente, dinheiro ganho com o trabalho e sucesso, desde a década de 60, para morar onde bem entender.
    Ele sempre teve uma posição política esquerda, desde a época da ditadura, qual a surpresa? Ser de esquerda não é dar seus bens aos pobres, sair por aí e virar Hippie como vocês imaginam, vocês andam lendo nos meios errados.

    Responder

    Murillo Paiva

    28 de dezembro de 2015 às 02h58

    Renato Agostinho Os revoltados coxinhas não pensam… isso dá muito trabalho!

    Responder

Cassia Barros

27 de dezembro de 2015 às 13h21

Chico deve ter dado boas risadas desses playboys!

Responder

Rosa Nunes

27 de dezembro de 2015 às 13h17

Excesso de burrice

Responder

Néya Pedroso

27 de dezembro de 2015 às 13h16

inveja.

Responder

Nina Figueiredo

27 de dezembro de 2015 às 13h05

Pq se tem ódio de quem pensa diferente deles!!fascistas

Responder

Marianna Wilken

27 de dezembro de 2015 às 13h03

Grande Chico

Responder

Marianna Wilken

27 de dezembro de 2015 às 13h03

Responder

Vicente

27 de dezembro de 2015 às 10h35

Essa elite financeira do Brasil foge do debate porque sabe que não tem razão alguma para justificar a exploração predatória que pratica contra o povo humilde, acobertada por uma polícia violenta (mantida para esse fim) e por um judiciário cúmplice, deslumbrado com ternos comprados em Maiame e com auxílios moradia de 5 salários mínimos (fora outros auxílios e salários vultuosos).

Responder

Deixe um comentário para Neuza Palaro

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?