Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Adele proíbe suas músicas na campanha de Trump

Por Redação

01 de fevereiro de 2016 : 18h19

da Agência Lusa (via Agência Brasil)

A cantora britânica Adele não quer que o multimilionário norte-americano Donald Trump, aspirante à candidatura presidencial republicana, utilize as suas músicas em ações eleitorais.

O polêmico empresário, cujo slogan de candidatura é Vamos tornar a América grande de novo, utiliza a música Rolling In The Deep, um dos grandes êxitos da cantora britânica.

“Adele não deu autorização para que a sua música seja utilizada em qualquer campanha política”, afirmou o porta-voz da cantora.

Durante um comício de Trump em Lexington, na Carolina do Sul, o conhecido tema da cantora britânica começou a tocar quando o empresário entrou no palco para fazer um discurso.

Não é a primeira vez que o magnata, que tem gerado polêmica devido a comentários anti-imigração e islamofóbicos, tem problemas com as músicas escolhidas para as suas ações eleitorais.

No ano passado, o vocalista dos Aerosmith, Steven Tyler, pediu à equipe da campanha para parar de usar a canção do grupo Dream On.

Os também norte-americanos R.E.M divulgaram um comunicado em 2015 para proibir a utilização do tema It’s the End of the World por Donald Trump.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

25 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Lilian Cardilli

03 de fevereiro de 2016 às 09h30

Brava! Merece ser aplaudida em pé!

Responder

Jaime Junior

02 de fevereiro de 2016 às 17h31

Rapaz essa mulher é linda tem uma voz q é um absurdo e além de tudo isso ainda tem consciência política casa comigo adele kkkkkkkkk

Responder

Mauricio Cardoso Bento

02 de fevereiro de 2016 às 16h44

Grandes Bosta.

Responder

Raul Maia Andrade Neves

02 de fevereiro de 2016 às 15h12

Trump, o Bozonaro brasileiro. O discurso é o mesmo.

Responder

Raquel De Vasconcellos Cantarelli

02 de fevereiro de 2016 às 13h38

Claro, né, não é louca…

Responder

Fernando Andrade

02 de fevereiro de 2016 às 09h21

Sugestão: que tal pesquisar o William Bonner? Quanto ele ganha? Mora em triplex? Onde aplica o dinheiro? Tem conta não declarada no exterior? É bom sabermos como vivem os vestais, os arautos da moralidade.

Responder

Rafael William

02 de fevereiro de 2016 às 03h08

Se já amava pela sua voz e biografia.Agora a amo de S2.
Por incrível que pareça, o mundo tem jeito e são nos atos e atitudes que vejo isto :).

Responder

Mariana Manetta

02 de fevereiro de 2016 às 02h48

Adele, sua linda

Responder

Simone Dos Santos

02 de fevereiro de 2016 às 02h18

Adele não me decepcionou

Responder

Bianca Alves

02 de fevereiro de 2016 às 02h09

boa!

Responder

Livia Cassandra

02 de fevereiro de 2016 às 01h26

Sábia.

Responder

Regina Sierra Sierra

02 de fevereiro de 2016 às 01h20

Responder

Sandra Oliva Stefanovitz

02 de fevereiro de 2016 às 01h09

Muito bem!

Responder

Hell Back

01 de fevereiro de 2016 às 23h02

Só por causa do Donald Trump a sua música já foi visitada por quase um bilhão (831.965.982) de pessoas. Será jogada de marketing?

Responder

Giovanna Peruzzo

02 de fevereiro de 2016 às 00h44

Primeiro R.E.M, depois Aerosmith e agora Adele. Tem gente que não se cansa de passar vergonha.

Responder

Carla Chagas

02 de fevereiro de 2016 às 00h08

Linda, Adele. Trump tem que se tratar. Há limites.

Responder

Roger Gilmour

01 de fevereiro de 2016 às 23h54

O único artista[?] que apoia o Trump, com perdão da má palavra, é o Danilo Gentili.

Responder

Cris Catalina Charnis

01 de fevereiro de 2016 às 23h33

Queria saber quais artistas o apoiam!

Responder

Franklin Felix

01 de fevereiro de 2016 às 23h28

Manoel

Responder

    Manoel Fernandes

    01 de fevereiro de 2016 às 23h38

    O que é trump, nego?

    Responder

      Hell Back

      01 de fevereiro de 2016 às 22h56

      A tradução da palavra “trump” é: Trunfo; Trombeta.

      Responder

    Franklin Felix

    02 de fevereiro de 2016 às 00h27

    O que é Trump? Sabe Deus!!! Hahahaha, mas ele é candidato da direita nos EUA…

    Responder

Deixe um comentário para Simone Dos Santos

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?