Fundador do Instituto Ideia vê chance de Lula vencer no 1° turno

Nas redes sociais, esmagadora maioria dos internautas se colocou contra o golpe

Por Miguel do Rosário

18 de abril de 2016 : 18h06

Maioria das postagens sobre impeachment nas redes sociais foi favorável a Dilma

Na Folha

Dilma perdeu a votação na Câmara, mas não nas redes sociais.

De acordo com levantamento feito pela empresa de monitoramento de redes sociais Sprinklr a pedido da Folha, 77% foram favoráveis à continuidade do governo da petista. O mesmo não ocorreu na “vida real” da Câmara, onde 367 deputados votaram por encaminhar o processo de impeachment ao Senado.

No total, 2,255 milhões de postagens no Twitter e no Instagram falaram sobre impeachment neste domingo (18).

Trata-se de uma inversão em relação ao que a empresa havia captado ao longo da semana, quando 89% das postagens foram pró-impeachment.

Entre os políticos mais citados, Dilma manteve-se no topo, com 69% de presença. Já o vice-presidente Michel Temer passou para o segundo lugar, citado em 14% das postagens –ele apareceu em apenas 2% ao longo da semana. Assim, superou Lula, que apareceu em 10% das postagens.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

17 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Fabio SP

18 de abril de 2016 às 22h31

Eu também percebi isso pela quantidade rojões e panelas batendo na hora do voto 342…

Responder

    Sérgio Silveira

    18 de abril de 2016 às 22h49

    Aqui, no Morumbi, foram poucas as manifestações! Talvez nos Jardins tenham sido maiores…

    Responder

    Alexandre Moreira

    19 de abril de 2016 às 01h00

    Santa ignorância!

    Responder

    Dimas Trindade

    19 de abril de 2016 às 13h51

    Voce contou os rojões mas dividiu por 3?

    Responder

Luiz Mattos

18 de abril de 2016 às 21h28

COMO PERMITEM ESTAS AGRESSÕES CONTRA DILMA E NÃO ACEITAM NOSSAS REAÇÕES NO CAFEZINHO?

Responder

Zeca Do Mato

18 de abril de 2016 às 20h42

Responder

    curitibano

    18 de abril de 2016 às 22h02

    seu avatar constituí uma apropriação indébita. os comentário postados por quem é contra o pt (não sou a favor tampouco) dilma e lula sempre são recheados de preconceitos e ignorância.

    Responder

fausto

18 de abril de 2016 às 19h58

E daí?
Como se aquilo que vimos ontem tivesse qualquer coisa a ver com a vontade da população.
Eles fazem o que querem, com o aval de quem lhes paga a maior comissão.
É por isso que essa discussão de são “reacionários”, “fascistas”, “de direita” é uma bobagem.
É só um bando de ignorantes fazendo negócios e acabando com o país…

Responder

    Glauco Silva

    18 de abril de 2016 às 20h28

    Concordo, mas também são Fascistas, reacionários e de direita!

    Responder

Manino Danado

18 de abril de 2016 às 20h29

Juventude maldita! Vivem as custas dos pais por isso não sabem o custo de vida. Malditos internautas. bando de alienados. Marias vai com as outras. Viras folhas do caralho. Governo de merda do PT nojento destruindo a economia e essa cambada querendo continuar, Vai a puta que pariu com essa praga!

Responder

Antonio Passos

18 de abril de 2016 às 19h00

Isto se deve a uma virada impressionante que vem acontecendo na juventude. Eu tenho testemunhado isto na faculdade. Caiu a ficha do jovem, ele ainda não gosta do PT mas percebeu a canalhada que tem do outro lado. É preciso trabalhar junto a este jovem, lhe dando a cultura política necessária para tirar o Brasil deste atraso social.

Responder

    MANU

    18 de abril de 2016 às 21h38

    Se tiver a formula me fala

    Responder

      curitibano

      18 de abril de 2016 às 22h01

      debatendo….apenas pela troca de idéias e a percepção do outro se vence o preconceito e a intolerância..acho.

      Responder

        MANU

        18 de abril de 2016 às 22h08

        As pessoas não querem saber de política, parece tipo falar de vídeo game, eu não gosto sou um analfabeto nessa área, impressionante. Em Bh, nem se comenta as pessoas para não confrontar evitam o assunto, o máximo que discutem é futebol como o time de Vespasiano é insignificante em título a conversa fica até sem graça….rs

        Responder

          Alexandre Moreira

          19 de abril de 2016 às 00h55

          Amigo, você estava na praça Raul Soares ontem pela manhã? Foi a praça da estação à tarde? Por baixo 40 mil pessoas só falando de política. Tem que fazer uma forcinha né.

    Alexandre Moreira

    19 de abril de 2016 às 00h51

    Tava desiludido ontem depois de um dia inteiro na rua. Na volta pra casa parei no supermercado e meu humor voltou ao ver dois caixas assistindo o resto da votação em um radinho de pilha e tirando sarro da cara dos deputados golpistas. Comentários do tipo: vagabundo tá votando pela família dele, cagando pro povo. As pessoas estão ligadas.

    Responder

leonel delalana jr

18 de abril de 2016 às 19h48

Quero abrir meu coração a vocês, numa tentativa de mostrar o que penso e por que penso, na verdade, escrevo isso também para mim, para que eu não esqueça porque penso e sinto assim.

Tudo começou com dona Adelaide, que tinha um coração imenso, e claro, nas missas, nos filmes da Paixão de Cristo, na Semana Santa ao vivo da qual eu participava como ator, dos grupos de jovens, nos discos do Pe. Zezinho que ela ouvia, nos desenhos que eu fazia, tudo motivado por ela, a semente de tudo, dona Adelaide, minha mãe-guerreira ao seu jeito.

Aos 16 anos, descobrindo a literatura, o teatro, a música e achando que um mundo melhor era possível, conheci amigos que me levaram ao PT, virei militante. Fiz até teatro de rua para a campanha de Lula a governador em 1982. Enfim, como muitos acreditei nessa possibilidade, nessa via, e assim segui.

E agora, depois de 14 anos de PT no poder… com a implacável e constante surra mediática, sem trégua durante todos esses anos, confesso que estava entrando em estado de impassibilidade, apatia, desinteresse, descrença, pois como não respirar e acreditar que as sombras da caverna são projeções?

Mas… eis que, aos quase 51 anos, sou desperto pelo ódio da extrema direita e pela perversidade da grande mídia, que o buraco é e sempre foi muito mais embaixo. Agradeço a todo país “verde e amarelo”, a todos esses patriotas de última hora, como frisou o professor Mário Sérgio Cortella por trazerem de volta a esperança daquele menino impregnado de dona Adelaide.

E quais as razões que tenho hoje?

Se Frei Betto (que saiu do governo Lula por discordar de muitas medidas do governo) dizendo em uma entrevista recente que Lula é uma pessoa íntegra. Se confio em Frei Betto, se esse frade maravilhoso que transpira ética e conviveu com Lula por longa data diz isso? O que pensar? Acreditar na Veja, essa revista perversa que odeia o país? Essa revista que escorre fel de suas páginas? Não obrigado. Sou mais Frei Betto.

Se Leonardo Boff, teólogo envolvidíssimo desde sempre com a questão do mais pobre, expoente da Teologia da Libertação, professor emérito de Ética, Filosofia da Religião e Ecologia na Universidade do Estado do Rio de Janeiro, que vê a Igreja como o Povo de Deus na aventura da humanidade comprometido com os pobres e organizado em comunidades de base… que diz sobre Cunha “Um eticamente desqualificado manda a julgamento uma mulher íntegra e ética”… Se esse homem envolvido até a medula com a questão da ética e com os pobres chama a presidenta de uma mulher íntegra e ética? O que pensar, o que sentir? Acreditar nos sonsos jornalistas da Globo? Não obrigado. Sou mais Leonardo Boff.

Se Mangabeira Unger, diz “Conheço Dilma Rousseff há mais de 30 anos. Como todos nós, ela é cheia de defeitos, mas é uma pessoa íntegra e ilibada. Desde Prudente de Morais (1894-1898), não vemos tanta severidade moral na pessoa do chefe de Estado.” O que pensar e sentir? Sou mais Mangabeira.

Melhor ler Jânio de Freitas, e olha que este está na Folha de S. Paulo. É fundamental lê-lo.

Enfim, existe tanta gente que admiro, que me faz pensar, e principalmente, sentir, que não estou sendo manipulado, sei muito bem o lado que estou e porque estou. E sei muito bem o lado que não quero e não vou estar, nunca. E devo isso a minha doce e terna guerreira dona Adelaide. Obrigado mãe. Não vou decepcioná-la.

Enfim, existe tanta gente desse lado…

Luis Fernando Verissimo…

Artista que admiro e sei que estão engajados por amor e lucidez…

https://www.youtube.com/watch?v=L8uRwHeocXM

Camila Pitanga, Glória Pires, Vagner Moura, Matheus Nachtergaele, Chico Buarque, Chico César, Tiê, Tulipa Ruiz… enfim são tantos….

Jornalistas como Juka Kfouri, Paulo Henrique Amorim, Luís Nassif, Bárbara Gancia, Eric Nepumocenos, Paulo Moreira Leite…

Os mais de 400 movimentos sociais que se levantam contra esse obsceno impeachment.

Poderia ficar aqui, enchendo ainda mais o seu saco de vocês com nomes e nomes (claro para aqueles que chegaram até aqui). Só quero dizer… é isso gente. É só isso. É tudo isso. Por favor, leiam, se informem, o buraco do umbigo sabemos onde fica, e dá hérnia cervical, levantemos os olhos a outros horizontes, eles existem.

Escrevo agora, de maneira meio compulsiva sem correções, enfim aí está… um pouco antes, do resultado da câmara federal, claro, que nada disso influenciará na votação de hoje, mas é preciso que eu me renove, que eu me conheça um pouco melhor, que eu me redescubra, e claro, há um desejo, que vocês saibam de mim, embora, às vezes, tenho vontade de morar em uma casca de noz, mas irremediavelmente acabo me expondo. Desculpem-me, mas acho que não poderia ser de outra maneira.

Ah, e considero sim, com toda minha convicção: esse impeachment é GOLPE SIM!]

Alea jacta est!

Leonel Delalana Júnior

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina