Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Miola: Gilmar Mendes precisa de exame antidoping

Por Miguel do Rosário

25 de maio de 2016 : 20h56

Charge: Bira Dantas

Por Jeferson Miola, na Carta Maior

O juiz tucano do STF Gilmar Mendes parece acometido de alguma síndrome de delírio. Segundo o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa, delírio é um substantivo masculino que significa “1 psicop – convicção errônea baseada em falsas conclusões tiradas dos dados da realidade exterior, mantida por uma pessoa, ainda que a maioria dos membros do seu grupo pense o contrário e possa provar que está certa” e “2 psiq – problema mental orgânico reversível, cujos sintomas são: …., confusão, ilusão, interpretação delirante da realidade, alucinações visuais, auditivas, táteis etc”.

Apesar do “esquema do Aécio” ser conhecido por todo mundo, Gilmar Mendes é a única pessoa do mundo que não conhece “o esquema do Aécio.

Aécio Neves é campeão de menções em listas de corrupção e em conversas entre corruptos. Na conversa dos delinqüentes Sérgio Machado e Romero Jucá, Machado chega a dizer que “o primeiro a ser comido [pela Lava Jato] vai ser o Aécio”, tal é a proeminência do senador tucano no “esquema”.

Mas, apesar disso, Gilmar olimpicamente entendeu “não haver elementos novos que justifiquem a investigação” [sic] do Aécio pelo STF, e proibiu depoimentos do próprio investigado e de testemunhas, e devolveu o processo do seu parceiro à Procuradoria da República.

Sobre a conversa delinquencial de Sérgio Machado e o ainda senador Romero Jucá, Gilmar disse: “Não vi isso [tentativa de obstrução de justiça]. A não ser, uma certa impropriedade [sic] em relação à referência ao Supremo”.

Não se pode esquecer que Gilmar foi o juiz do Supremo que no dia 18 de março de 2016 concedeu a liminar ao PSDB e PPS que suspendeu a posse do ex-presidente Lula na Casa Civil alegando suposta tentativa [de Lula] de obstrução de justiça!

É extremamente preocupante que um juiz da Suprema Corte seja acometido por tão grave transtorno de delírio. A preocupação é ainda maior uma vez que Gilmar vai assumir a presidência do Tribunal Superior Eleitoral [TSE].

Pode-se prever o esdrúxulo que será ele julgando as contas da campanha da eleição da Dilma: por um lado, vai conseguir a magia de sustentar uma tese muito singular de que as prestações de contas de Dilma e do conspirador Temer devem ser separadas, para livrar o presidente do governo usurpador.

Por outro lado, Gilmar será capaz de ter a cara-de-pau de dizer que os repasses para a campanha da Dilma, feitos pelos mesmos caixas das mesmas empresas que contribuíram para a campanha do Aécio – em alguns casos com valores maiores – são ilícitos, enquanto os repasses para seu correligionário tucano são legais, limpos e abençoados por deus.

Gilmar Mendes precisa ser submetido urgentemente a um exame anti-doping. É fundamental identificar se o juiz do STF padece de simples mau-caratismo ou se está atuando dopado.

Em qualquer diagnóstico, o tratamento é o mesmo: ele já demonstrou que deve ser impedido de atuar na Suprema Corte.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

8 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Sidnei Oliveira

26 de maio de 2016 às 06h41

É que falta a cereja do Bolo ! SERÁ que JA SAIU A LICENÇA DO AEROPO???Já imaginaram o sobe desce de helicóptero e Jatinho…

Responder

Reinaldo Mechica Miguel

26 de maio de 2016 às 05h55

O caso deste anti-juiz é de INTERDIÇÃO! Vê-lo em sessões é algo surreal: trejeitos, caras e bocas, cacoetes sórdidos – alisar uma barba imaginária ou bambolear a sua grossa aliança que por vezes está na mão esquerda e outras vezes na mão direita. Um sujeito tipo 1 e 2:
“1 psicop – convicção errônea baseada em falsas conclusões tiradas dos dados da realidade exterior, mantida por uma pessoa, ainda que a maioria dos membros do seu grupo pense o contrário e possa provar que está certa” e “2 psiq – problema mental orgânico reversível, cujos sintomas são: …., confusão, ilusão, interpretação delirante da realidade, alucinações visuais, auditivas, táteis etc”.

Responder

Leopoldo Pereira

25 de maio de 2016 às 23h32

Não só exame anti doping como psicotécnico.

Responder

Octavio Filho

25 de maio de 2016 às 21h42

Eu gostaria que o jornalista Miguel do Rosário me respondesse se ele acha que o GM é o único envolvido nesta maracutaia. É o que está parecendo por sua reportagem. Ele está tentando blindar os outros juízes? Não é mais o GM. É todo o judiciário. Será que o MR acredita que houve algum tipo de sorteio e o processo caiu aleatoriamente na mão do GM? Será que ele não sabe que o Celso de Melo entregou a lava jato para o GM? Mesmo que o impítimam não se realize, está provado que não estamos numa democracia. NÃO TEMOS JUDICIÁRIO. Todos os processos que atingem a oposição ou os amigos dela não prosseguem. Não há investigações. A condenação do Azeredo foi para inglês ver. Só foi condenado para o judiciário mineiro não ficar tão mal. Mas como demorou muito vai prescrever e o Azeredo não passará um dia na cadeia. E tudo foi muito bem planejado pelo judiciario (STF + J de MG). Até uma juíza do RJ mandou devolver aos EUA as investigações sobre o caso FIFA/CBF enviadas pelo FBI.

Responder

marcos

25 de maio de 2016 às 21h37

Um bom chá de casca de vaca no lombo do rastaquera talvez ajudasse a tomar tenencia !

Responder

    Alexandre Moreira

    25 de maio de 2016 às 23h02

    É o que merecsco GM

    “Madeira de dar em doido
    Vai descer até quebrar
    É a volta do cipó de aroeira
    No lombo de quem mandou dar.”

    Responder

Mario

25 de maio de 2016 às 21h31

Tenho certeza que este sujeito é um PP (ops, personalidade psicopática). Há várias nomenclaturas para este desvio de comportamento.

Responder

    Reinaldo Mechica Miguel

    26 de maio de 2016 às 06h00

    Mas ele não é PSDB? Psicopata Surtado Danoso ao Brasil…

    Responder

Deixe um comentário