Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Sádico, Michel Temer corta R$ 14 do Bolsa Família

Por Miguel do Rosário

18 de junho de 2016 : 12h22

A mesquinharia do governo não é apenas ridícula. É sádica. Vingar-se nos mais pobres é uma decisão política inacreditavelmente sórdida. A economia do governo, ao não pagar o bolsa família com reajuste de 9%, é de R$ 1 bilhão. Enquanto isso, o mesmo governo deu reajuste a juízes e procuradores que representam quase R$ 60 bilhões em gastos adicionais. Ou seja, quem ganha R$ 200 mil ao mês, terá um generoso reajuste, enquanto o cidadão que depende de R$ 162 para comprar alimentos para seus filhos, teve negado miseráveis R$ 14 de aumento!

R$ 14!

Esse é governo Temer, sem compromisso nenhum com as necessidades da população, porque não foi votado, não passou pelo filtro democrático. Sustentado apenas pela imprensa golpista, ele já governa o Brasil sem se importar com a vida de milhões de brasileiros em estado de vulnerabilidade, porque para ele só importa o apoio de João Roberto Marinho.

De um lado, vai aprovar um aumento no déficit público de R$ 170 bilhões, de outro nega R$ 1 bilhão que ajudaria a alimentar mais de 40 milhões de pessoas e movimentaria um pouco mais a economia de pequenas cidades e periferias pobres.

Todas as decisões de Temer parecem curtidas em pura malvadez, como foi também a de recusar a entrada de refugiados sírios no Brasil, interrompendo o acordo que Dilma tinha costurado na ONU, de fazer o Brasil ajudar o mundo a acolher essas pessoas.

***

Da Agência Brasil

Governo interino paga Bolsa Família sem reajuste; Dilma critica decisão

Por Sumaia Villela e Sabrina Craide

O Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário informou que o pagamento dos benefícios do Bolsa Família de junho começou a ser feito hoje (17) sem o reajuste de 9%, que estava previsto para ser aplicado a partir deste mês e foi anunciado na gestão de Dilma Rousseff. De acordo com o ministério, o atual governo está fazendo uma avaliação nos cortes promovidos pela gestão anterior para poder conceder o reajuste. Em ato no Recife, mais cedo, a presidenta afastada Dilma Rousseff chamou de “mesquinharia” o não pagamento do reajuste.

“O governo Dilma ficou dois anos sem dar reajuste no Bolsa Família. Estamos fazendo uma avaliação nos cortes promovidos pelo governo anterior, que chegam a R$ 1,6 bilhão, para poder conceder o reajuste”, informou o ministério.

O reajuste de 9% no Bolsa Família foi concedido pelo governo anterior por meio de um decreto publicado no dia 6 de maio, uma semana antes da votação do processo de impeachment de Dilma no Senado. Na época, o governo disse que o valor médio do benefício médio pago para 13,8 milhões de famílias passaria de R$ 162 para R$ 176 mensais.

Em ato público no Recife, a presidenta afastada disse que há recursos para o pagamento do reajuste. “Hoje eles não pagaram o reajuste do Bolsa Família, de 9%, que nós tínhamos deixado os recursos e aprovado direitinho. Quanto custa isso? Menos de um bilhão de reais. Mas ao mesmo tempo eles vão e aumentam o déficit, e dentro do déficit dão aumento a todos que lhes interessam. Pro povo pobre desse país um bilhão é muito. Para os ricos 56 bilhões é pouco”, disse.

A presidenta afirmou que a decisão “é uma mesquinharia com o povo pobre desse país e mostra o verdadeiro intuito desse governo provisório, ilegítimo e interino, que é reduzir o máximo que puderem os direitos conquistados, os direitos sociais. Os direitos de cada um dos brasileiros, principalmente os mais pobres”.

O pagamento do benefício começou a ser feito hoje e segue até o dia 30, conforme previsto no calendário do programa. No dia de hoje, recebem os beneficiários com o número de identificação social (NIS) de final 1. O ministério diz que estão sendo transferidos mais de R$ 2,2 bilhões às famílias beneficiárias.

Recife

Na capital pernambucana, Dilma participou de manifestação organizada pelas Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo. O ato “Mulheres com Dilma pela democracia e contra a violência” foi realizado na Praça do Carmo, centro do Recife. Foi a segunda agenda da presidenta afastada na cidade. No início da tarde, ela participou de um ato na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), onde recebeu apoio de professores, técnicos e alunos de universidades públicas, além de funcionários de órgãos de pesquisa nacionais e do reitor da UFPE, Anísio Brasileiro.

No ato com mulheres, a presidenta afastada voltou a criticar projetos do governo Temer, como a criação de um teto de gastos públicos vinculado ao crescimento da inflação, e também a falta de representatividade da diversidade brasileira na equipe ministerial interina. “É um governo de homens brancos ricos e velhos”.

Além de movimento de mulheres, parte da equipe do longa-metragem pernambucanoAquarius, selecionado para o Festival de Cannes, esteve presente. No festival, ocorrido na França em maio, o grupo fez um protesto com cartazes criticando o processo de impeachmentno país e afastamento de Dilma da presidência.

“Queria cumprimentá-la. É uma presença muito simples, muito rápida”, disse o cineasta e diretor do longa-metragem Kleber Mendonça Filho. “Acho que o que acontece no país é extremamente sério, e se você tem um ponto de vista e tem um posicionamento, e é importante defender esse posicionamento”.

A atriz Maeve Jinkings defendeu que o impeachment é uma tentativa de barrar a Operação Lava Jato.

“Acho que o impeachment é uma ferramenta para livrar alguns políticos, que estão articulando o processo, para se livrar da cadeia, da punição. São pessoas que reproduzem o que eles próprios apontam como errado. A gente tem que discutir reforma política e devolver o cargo da presidenta”.

A estudante do ensino médio, Eveline Marinho, 17 anos, também participou do ato. “Acho que a gente está num momento do país que não dá para ficar imparcial. Não dá para ser mais a bela, recatada e do lar. A nossa presidenta sofreu um golpe machista, e a gente como jovem, estudante e futuro do país tem que se posicionar. A juventude não está aliendada, está na rua lutando pela democracia”, disse, acrescentando que não participou de eventos anteriores sobre o impeachment.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

21 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

adelson lima

20 de junho de 2016 às 12h36

Relembrando o corte no minha casa minha vida, sugiro tambem o corte no auxilio moradia para quem ganha menos de 100 salarios minimos.

Responder

Bruno Villela

20 de junho de 2016 às 00h30

tremendo canalha vendilhão

Responder

Rita Lama

19 de junho de 2016 às 09h53

Temer deveria renunciar pra cuidar do pescoço : se continuar, vai ser enforcado loguinho.

Responder

Angelo Freitas

19 de junho de 2016 às 09h05

Tinha é que passar um pente fino no Bolsa Esmola… ops… Família. Se for ver quem realmente precisa pelo menos metade dos benefícios serão cortados.

Responder

    Richard Zimmermann

    02 de julho de 2016 às 15h32

    ‘Reajuste’ do judiciário, impacto de R$60 bilhões. Impacto do Bolsa, R$1Bi. Isso pq nessa época de crise, os membros do judiciário não podem apertar o cinto, não, quem já não tem praticamente nada que o faça. Muito bem.

    Responder

CIANOTON_PACE

18 de junho de 2016 às 18h16

#AbaixoOGolpe. #QueHorasQueElaVolta? Lula2018.

Responder

C.Pimenta

18 de junho de 2016 às 17h32

As decisões do desgoverno ilegítimo de Temer e seu bando são idênticas às de Hitler, que foi financiado pelos Bancos Centrais dos EUA e do Reino Unido:

https://blogdoalok.blogspot.com.br/2016/06/hitler-foi-financiado-pelos-bancos.html

Responder

Serginho .

18 de junho de 2016 às 16h13

Vcs da esquerda, falam tanto em democracia, que quando dou minha opinião no site, é deletado… vou perguntar denovo…. esse sitezinho ta recebendo quanto pra ficar defendendo o governo corrupto do PT ?… ah lembrei o Temer acabou de cortar a mesada de mais de R$120.000 que a “mamae” dilma dava pra esse blog

Responder

    Antonio ricardo

    18 de junho de 2016 às 17h47

    Meu filho você não defende os governos do psdb e pmdb,porque este blog não pode defender os governos mais a esquerda ou seja do pt,não estamos numa suposta democracia ainda,faça o seguinte você quer ouvir falar mal do pt vai lá no site da veja meu filho e se divirta.

    Responder

      Serginho .

      18 de junho de 2016 às 17h56

      Me desculpe eu não entendi … Vc ta contra ou a favor dos corrPTos ???

      Responder

    Jurema Brasil Xavier

    18 de junho de 2016 às 18h26

    Vc. é um deles

    Responder

      Serginho .

      18 de junho de 2016 às 18h30

      Lê direito tudo … depois vc me diz se sou um deles…

      Responder

    Jorge mendes

    18 de junho de 2016 às 19h36

    E vai para Globo enganar alienados como voce

    Responder

      Serginho .

      18 de junho de 2016 às 20h49

      Rombo de 170,5 BILHÕES deve ser invenção da globo né?

      Responder

        Bruno Villela

        20 de junho de 2016 às 00h31

        vc é muito limitado para entender qualquer coisa. continue bostejando.

        Responder

          Serginho .

          20 de junho de 2016 às 00h39

          Vc tem razao … eu nao consigo entender como existem pessoas como vc que defendem lula, dilma, mesmo com o país indo ladeira abaixo…. se isso é ser limitado … então eu sou …

Lucas Mariano da Silva

18 de junho de 2016 às 16h12

O Presidente Temer suspende patrocínio de R$ 11 milhões para blogs político
O campeão de patrocínio federal, sob a gestão da presidente afastada,
Dilma Rousseff, era o site Brasil 247, idealizado pelo jornalista
Leonardo Attuch, cuja previsão de patrocínio para este ano somava R$ 2,1
milhões. Dezenove sites recebiam patrocínio do Banco do Brasil, Caixa
Econômica Federal, Petrobras, Ministério da Justiça, Ministério da
Previdência Social, Ministério da
Educação e Ministério da Saúde.

o jornalista Luis Nassif, idealizador do site GGN, receberia até o fim
do ano R$ 1,15 milhão. Em terceiro lugar estava o Diário do Centro do
Mundo (DCM), dirigido pelo jornalista Paulo Nogueira, com previsão de
receber R$ 1,11 milhão este ano. Também recebiam patrocínios de estatais
e ministérios os sites Conversa Afiada, Carta Maior, Esmael Morais, O
Cafezinho, Opera Mundi, Viomundo, Pragmatismo Político, Revista Forum,
Sul 21, Carta Capital e Sidney Rezende.

Responder

    Richard Zimmermann

    18 de junho de 2016 às 18h30

    Se recebessem o dobro, ainda estaria barato, pelo nível de informação prestado! Ou não concorda? Sempre se tenta satanizar estes investimentos em blogs, porque não são os cheirosos. Os cheirosos pode, muito normal, como isto aqui:

    http://www.viomundo.com.br/denuncias/namarianews-governo-paulista-desova-mais-de-r-155-mi-na-abril-folha-estadao-istoe-epoca-e-panini.html

    Responder

    CIANOTON_PACE

    18 de junho de 2016 às 18h18

    #AbaixoOGolpe. #QueHorasQueElaVolta? Lula2018. E você acha que isso é dinheiro. Vai dar uma olhadela no quanto a sua rede globo recebe.

    Responder

    João Luiz Brandão Costa

    18 de junho de 2016 às 18h25

    No governo de Dilma,estes eram considerados chapa brancas. E agora, os chapas brancas são quem? Ou melhor, continuam sendo. Vc. sabe qual deles é o que recebe mais propaganda do Governo? De qqr. governo? Sabe, né? Diz aí, ou vai mentir. Inocente…

    Responder

    Rita Lama

    19 de junho de 2016 às 10h11

    Onde você obteve esses dados?

    Você deveria ter também divulgado quais são as obrigações desses blogs para
    fazer jus ao subsidio. E você não disse, também, quantos jornalistas eles contratam pelo Brasil afora, e quanto pagam a eles.

    Diga também o que os blogs independentes fazem: eles são FUNDAMENTAIS NA SOCIEDADE DEMOCRÁTICA POIS INFORMAM A SOCIEDADE SOBRE FATOS NÃO PUBLICADOS PELA MÍDIA TRADICIONAL, que mente descaradamente.

    NUNCA SABERÍAMOS A VERDADE SOBRE O QUE ESTÁ OCORRENDO NOS BASTIDORES DO GOLPE SE NÃO FOSSEM OS BLOGS INDEPENDENTES!!!

    Por que você está lendo este blog??? Só pra criticar? DUVIDO! Você está lendo porque é masoquista: quer se informar dos seus erros na campanha pelo impeachment só pra sofrer com o arrependimento, não é??? Confessa logo e sofre um pouquinho mais…

    Sugiro um PRÊMIO AOS BLOGS INDEPENDENTES PELA DISSEMINAÇÃO DA VERDADE EM UM MOMENTO TÃO OBSCURO PARA O BRASIL!

    Responder

Deixe um comentário