Debate entre presidenciáveis na RedeTV! 22 horas

Luiz Moreira: Ministério Público não apresentou um fiapo de prova contra Lula

Por Miguel do Rosário

08 de agosto de 2016 : 18h38

Arpeggio Coluna Política Diária – 08/08/2016

(Essa coluna substitui a Análise Diária de Conjuntura)

Por Miguel do Rosário, editor-chefe do Cafezinho

Luiz Moreira, jurista, professor universitário e ex-membro do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), em mais uma colaboração para nossa coluna, critica a postura de procuradores da Lava Jato que, diante do pedido dos advogados do ex-presidente, denunciando a parcialidade do juiz Sergio Moro, respondem – os procuradores – com uma série de acusações infundadas, mais para subsidiar a mídia do que para responder ao cidadão que fez um questionamento.

Moreira explica que o cidadão brasileiro precisa ser respeitado pelas autoridades!

Não pode ser vítima desse tipo de arbítrio por parte do Estado. Se o cidadão levanta uma questão A perante o órgão judicial, tem de ser respondido sobre essa mesma questão A. O MPF não fez isso. A resposta ao pedido dos advogados de Lula não tem nada a ver com a questão apresentada, o que fere a Constituição.

Os procuradores do Paraná, explica Moreira, não podem tratar o ex-presidente Lula como “adversário”. Lula está exercendo seu direito sagrado, cidadão, democrático, de se defender. Nem podem os procuradores promover campanhas midiáticas que visam condenar um cidadão antes mesmo que seu processo seja analisado por juiz competente, isento e imparcial.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

7 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

maria cavalcante cavalcante

09 de agosto de 2016 às 12h17

E TUDO SE RESUME…. À FALTA DE VOTO.

O NOME DA VIA CRUCIS DEVERIA SER “COMBATE À FALTA DE VOTO”, pq à corrupção é que nao é, né nao, TEMER/JUCÁ/GILMAR?

Responder

Mauricio Ramos Thomaz

09 de agosto de 2016 às 11h13

Lula é uma piada, Dilma é uma piada, os advogados de ambos sao outra piada. Todo dia eles estão esperneando, agindo como palhaços e nunca – nunca mesmo – chegam a nenhuma vitória. A esquerda brasileira só sabe perder pois acha que problemas juridicos se resolvem com fanfarronadas ou posts na internet ondem pregam para crentes e convertidos

Responder

willams will

08 de agosto de 2016 às 21h02

Isso sim é entender e explicar o que os coxinhas burros não entendem. A forma como a PIG e o MPF estão denegrindo a imagem de Lula porque ele vai ganhar as próximas eleições. O moro e sua gangue de bandidos togados, usam os artifícios que não existe na lei e querem prender o Lula de qualquer forma. Eu espero que no momento que ele tenha um julgamento sério e imparcial, ao mostrar as provas de toda sua inocência, ele possa processar um a um a todos que desejaram destruir sua honra e moral. Lula, deve processar cada um dos jornalistas que inventaram mentiras, cada jornal e revista que publicaram as mentiras, cada dono de jornais ou revistas que publicaram as mentirosas notícias, cada rede de rádio e TV que veicularam as mentiras, cada proprietário dessas rádios e TVs, cada procurador que o difamou sem provas, cada juiz que o difamou sem provas. O processo não pode ser uma peça teatral, e esses procuradores e juízes fizeram a palhaçada toda, cabe processo a eles, processaria alguns ministros do STF que não colocaram o fim nessa enxurrada de notícias mentirosas, eles tem culpa e compactuam do mesmo desejo de difamar o Lula. Processe também os políticos que fizeram declaração a PIG ovacionando as mesmas mensagens mentirosas. Fora temer! fora bandidos togados! Fora poder judiciário podre e miserável em subtrair o direito do cidadão sob a ótica Constitucional e a Lei a quem temos de obedecer. Querem buscar criminosos? examinem a própria consciência e tentem prender-se e aos nojentos que são delatados e descobertos nas investigações sérias! Que prendam os verdadeiros culpados do roubo nos cofres públicos do Brasil! Nada como todo o judiciário ter o mínimo de dignidade do cargo que ocupam, deixem suas propinas e tenha vergonha do que fazem! Parem de esconder, arquivar, roubar, engavetar os processos dos verdadeiros ladrões do Brasil! Os ladrões vocês já sabem que se escondem em todas as esferas do poder: Judiciário, Legislativo e Executivo(atualmente temer). Tenham vergonha na cara e sejam os servidores que queremos que sejam, honrados e honestos, com conduta ilibada, e não um bando e corja de malfeitores, onde tem o rabo preso em favores políticos, propinas salariais, e enriquecimento de familiares por meios de atos escusos. Se não podem ser imparciais, se não podem recusar propinas e roubalheiras, então não podem ficar nos cargos do poder judiciário. Não sujem o nosso TJ, Não sujem o STF, Não destruam a dignidade dos brasileiros com suas infâmias ambições do dinheiro público.

Responder

ari

08 de agosto de 2016 às 20h56

Uma sugestão para o governo golpista: se querem reduzir despesas, simplesmente acabem com o poder judiciário. Sai mais barato e mais práticos retornar aos IPM (Inquérito Policial Militar de 64). Liderada pelo PSDB, em nome de interesses os mais diversos, sobretudo burguesia e latifundiário, desculpe, agronegócio, a direita está acabando com o país em todos os aspectos possíveis. Até o comitê organizador da copa decide rasgar a constituição e fica por isto mesmo

Responder

Marivane

08 de agosto de 2016 às 20h51

LUIZ MOREIRA fala tudo ! Como fica a sociedade brasileira perante a justiça

Responder

Alexandre Oliveira

08 de agosto de 2016 às 20h51

Verdade, o MP também não apresentou nenhum fiapo de prova contra Genoíno, contra Delúbio, contra João Paulo Cunha, contra Dirceu, contra Vaccari e contra André Vargas, no entanto todos eles ou foram condenados ou estão no xilindró !

Responder

    Cesar Saldanha

    08 de agosto de 2016 às 23h23

    Reflexão cheia de sofisma é a sua, vamos lá é o disse-me-disse com ar de chacotice.

    Responder

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com