Analista da Ideia fala sobre “voto útil” dos eleitores de Ciro a Lula no 1° turno

Em 2015, Dallagnol foi estrela de festinhas golpistas da plutocracia paulista

Por Redação

19 de setembro de 2016 : 10h58

“Balada contra a corrupção” terá procurador da República e hits anti-Dilma

Festa organizada pela empresária Rosângela Lyra tem entre os convidados o procurador Deltan Dallagnol, do Ministério Público Federal do Paraná; assinatura em apoio a projeto de lei será o “ingresso”

na Veja SP

Uma festa para “engajar os jovens” e coletar assinaturas para um projeto de lei do Ministério Público Federal acontecerá nesta quarta na Casa 92, em Pinheiros, na Zona Oeste. “É a primeira balada contra a corrupção do Brasil”, explica a empresária Rosângela Lyra, organizadora da noitada. O evento começa às 21 horas.

Rosângela chamou cerca de 500 pessoas – “principalmente os filhos dos meus amigos, um pessoal mais novo” – e vai levar também um convidado especial: o procurador da República Deltan Dallagnol, do Ministério Público Federal do Paraná, um dos responsáveis das investigações da Operação Lava Jato.

O “ingresso” é simbólico: será preciso preencher uma ficha de apoio a uma iniciativa do do MPF chamada “10 medidas contra a corrupção”. As assinaturas serão enviadas ao Congresso Nacional como forma de pressão para que se criem leis mais duras contra o enriquecimento ilícito de políticos e o caixa dois em campanhas eleitorais, por exemplo. Hoje, essas duas práticas não são consideradas crime.

O DJ convidado é o também empresário Pedro Camargo – dono do bar Conservatorium, no Itaim Bibi -, que tocará house. “Brincamos que vamos colocar na playlist aquelas paródias que fazem com a Dilma”, conta Rosângela, referindo-se aos discursos “musicados” da presidente que viraram hits de Youtube, como “Saudação à Mandioca“.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

10 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Spin Espelho

20 de setembro de 2016 às 05h27

eles sofrem de obesidade….obesidade do ego…

Moro, a imagem de um farsante

http://josecarloslima.blogspot.com.br/2016/09/moro-imagem-de-um-farsante.html

Responder

Flavio

19 de setembro de 2016 às 23h00

“Balada contra a corrupção” em estilo High Society. Enquanto isso, FHC, Aécio Neves, Jucá, Serra, Temer, Padilha, entre outros, citados em delação premiada, expostos em gravações ou denunciados, permanecem livres, leves e soltos. Uma perguntinha: Qual a lógica disso tudo?

Responder

Paulo Lima

19 de setembro de 2016 às 16h57

Flagrante delito por anunciada difamação, injúria, com participação e usufruto de agente público (o cruzado-inquisidor Dallagnol), com lucro para promotora de festa e proprietário de casa noturna, não é crime? Dilma poderia dar mais trabalho aos operadores da Justiça, acionando o judiciário como é de seu direito cidadão. Afinal, foi durante seu governo que ela, democraticamente, permitiu que os jovens tucanos, admitidos dentre as mais de 10 milhares de vagas abertas na Justiça Federal entre 2005 e 2013, se transformassem em vorazes gaviões a bicar cérebros mais frágeis politicamente. E essa tal burguesia, paulistana, ou brasileira, inflamadas pela Lavajato a achincalhar, xingam e injuriam publicamente, nem mais salvando as aparências, os bons modos, ainda mais em ano eleitoral. Burgueses assim, sempre desconheceram a importância e dignidade do honesto debate de idéias na luta pela redução das desigualdades e misérias sociais. Assédio moral é crime, covarde, mesquinho -quem sabe até, doença emocional-, mas já crime, aqui e em muitos países. Bons e sensatos votos em outubro, menos inconsequentes, por mais direitos com mais cidadania.

Responder

    Paulo Lima

    20 de setembro de 2016 às 10h55

    Errata: As 10 mil vagas na Justiça Federal em concurso público foram anunciadas em editais durante os anos de 2009, e não 2005, até 2013, segundo informações de um juiz, pobre de origem , amizade familiar, aprovado em concurso já no governo Lula. Investir mais nas instituições de Estado, com folhas de pagamento bilionárias. e menos em necessidades sociais,com organização popular, não obstante o Bolsa Família, e o polemizado Mais médico, etc. resulta no acirramento das desigualdades. En passant: esse amigo da família, juiz há 12 anos, hoje só passa férias em Miami, onde já está comprando apartamento, blinda os caríssimos carros da família e, com a consciência blindada contra a miséria, tornou-se um defensor informal da pena de morte para assaltantes. Acho que só não se torna apologista de linchamento físico porque restringiria o palco de sua atuação. Mas ao linchamento moral e politico, ele se omite, como outros brilhantes concursados.

    Responder

Paulo Roberto Àlvares de Souza

19 de setembro de 2016 às 15h26

É o bobo da corte dessa elite endinheirada e INCULTA!!!

Responder

Maria Thereza G. de Freitas

19 de setembro de 2016 às 13h11

A PF e a RF foram convidadas? Poderia ser uma boa chance de pegar a turma que diz: “sonegação não crime”.

Responder

    Guess Who's back

    19 de setembro de 2016 às 14h16

    O brasil deveria urgentemente sobretaxar as grandes fortunas.

    Responder

      Maria Thereza G. de Freitas

      19 de setembro de 2016 às 15h53

      falta coragem

      Responder

Rogério Bezerra

19 de setembro de 2016 às 12h26

Proposta:

Para cada Milionário brasileiro ( tipo “faustão”).

1 Milionário com R$ 5.000.000,00 mensais
ou
1 Trabalhador com R$ 100 mil
10 Trabalhadores com R$ 70 mil
20 Trabalhadores com R$ 50 mil
30 Trabalhadores com R$ 20 mil
50 Trabalhadores com R$ 10 mil
200 Trabalhadores com R$ 5 mil
367 Trabalhadores com R$ 3 mil

Total de 678 Trabalhadores R$ 4.998.000,00 por mês!!!!

Quem compra mais produtos locais os 678, ou um único Milionário?
E, portanto, quantos empregos e renda gerarão?
Qual o nível de sonegação?

Responder

Rogério Bezerra

19 de setembro de 2016 às 12h15

Uma gente bem nutrida e usuária de escolas, supostamente, boas ouve uma tal de “house” , ou seja uma não canção rarrararrara Por aí começamos a ver o nível dos petizes dazelite. Só por isso os pais deveriam ser presos! rararararrarar Bem ao gosto dos estados unidos… Quão burros são essa gente…

Responder

Deixe um comentário para Flavio

Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro Janela Partidária 2022: Quem ganhou, quem perdeu? Caro? Gasolina, Gás e Diesel: A atual política de preços da Petrobrás As Maiores Enchentes do Brasil