Genial/Quaest: Veja os números da corrida pelo governo da Bahia

Durante a palestra Brasil, Qual Será o Seu Futuro?, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirmou não ser pessimista em relação ao país. Segundo ele, o Brasil tem um "potencial enorme" (Wilson Dias/Agência Brasil)

Cartilha da CUT irrita ex-presidente FHC

Por Redação

14 de outubro de 2016 : 08h53

(Foto: Wilson Dias/Agência Brasi)

FHC lê cartilha da CUT e fica bravo

Publicação contra a reforma da Previdência cita que o ex-presidente se aposentou cedinho. Ouvido pelo “Globo”, tucano reclama

na CUT

A cartilha que a CUT divulgou na última segunda-feira, com dados e propostas contra a reforma da Previdência, foi lida pelo jornal “O Globo” e pelo ex-presidente FHC, que ficaram especialmente impressionados com o trecho a seguir, contido na cartilha: “Michel Temer, que se aposentou aos 55 anos e recebe R$ 33 mil por mês, além do salário de presidente e outras mordomias, e FHC, que se aposentou aos 37 anos, depois de trabalhar só 12 anos como professor”.

A frase faz parte de um capítulo que discute se é verdade ou não que o brasileiro e a brasileira se aposentam cedo demais. A conclusão, com base em comparativos com outros países, é que não, não nos aposentamos cedo demais.

Porém, citamos que há uma casta de privilegiados, entre os quais figuras conhecidas da política que defendem uma reforma que retire direitos, como FHC e Temer.

Procurado pelo Globo, FHC retrucou, na edição desta segunda-feira: “Eu não me aposentei, fui aposentado pelo AI-5 do regime autoritário. Àquela idade eu já tinha doutorado, cátedra de Ciência Política na USP por concurso, e havia sido professor na Universidade de Paris. A aposentadoria não foi benesse, mas uma frustração em minha carreira acadêmica”.

Daqui de nossa parte, fica a pergunta: a aposentadoria de um trabalhador ou uma trabalhadora comum, sem cátedra, seria portanto “benesse”, professor? Lembrando que FHC chamou genericamente os aposentados de “vagabundos”, na época que era presidente.

De fato, diversos professores universitários, com visão progressista à época, foram aposentados compulsoriamente à época do AI-5. Não se pode esquecer, no entanto, que o regime foi muito mais duro com outros setores, como estudantes e trabalhadores comuns que, quando não torturtados e mortos, perdiam seus empregos sem receber aposentadoria.

Para ler e obter uma cópia da cartilha, clique aqui

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

8 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Mauro

14 de outubro de 2016 às 16h42

Professor se aposenta com quantos anos de serviço? … Quantos anos FHC foi presidente da república? … quantos anos FHC foi ministro da fazenda no governo do Sr. Itamar Franco? … Só aí já dá maisanto de 30 anos de serviços prestados. Só acho que não prestou a totalidade dos serviços porque não acabou com as estatais, notórios cabides de empregos e antros de corrupção não só no Brasil mas onde quer que existam. Não consigo entender a raiva que os senhores da extrema esquerda tem do FHC, que também é da esquerda. Não sou fã de FHC, Eu sim me considero um extrema direita, pois sou contra sindicatos que para mim não passam de antros de vagabundos que vivem as custas daqueles que trabalham. Sou contra esquerdistas porque para mim não passam de uma corja que quer usar a democracia para conseguir o poder e lá se alojar indefinidamente. Sou fascista porque tenho ódio daquilo que voces chamam de movimento social, que para mim nada mais é que antro de grileiros de terra … e por aí vai. Mas não odeiem tanto o FHC. Ele é esquerdista como voces. Foi no governo dele que Dona Rute criou a bolsa que voces mudaram de nome para bolsa família. Foi no governo dele que houve a estabilização da moeda, estancando a inflação que estava na casa de dois dígitos e indo para três. Se voces tem telefone hoje, foi porque no governo dele é que houveram os avanços com as desestatizações, senão hoje muito pouca gente teria telefone. Por exemplo, quando ele desestatizou as empresas de telefonia, eu vendi vários telefones que tinha e que alugava. Com o valor de tres telefones, eu comprei um carro zero na epoca. E por aí vai. Gente… até o governo do Fernando Collor não se roubou tanto quanto a quadrilha dos esquerdistas sindicalistas. Não falem mal do FHC, não tenham ciumes deles porque ele é capacitado intelectualmente e o líder do PT é um caudilho semi analfabeto. Não chamem FHC de direita. Eu e milhões de brasileiros somos sim direitistas. E com muito orgulho. Eu e mais milhões de brasileiros nos orgulhamos de ter começado a trabalhar com 14 anos, a ter ido para escolas públicas, a ter se formado em universidades públicas, a nunca ter roubado, a acreditar que um país se faz com trabalho e não com vagabundos. Muito obrigado.

Responder

Ricardo Staack

14 de outubro de 2016 às 11h20

Ele, fhc, se auto exilou na França. E em 1969 já estava ‘canonizado’, e ‘abençoado’ pelos fascistas, tanto é, que recebeu verba da Fundação Ford para combater os comunistas, Henry Ford foi um tremendo racista, antissemita e anti-morenos, e escreveu a bíblia do antissemitismo em 1920 “O Judeu Internacional” , que foi adorado pelos nazistas e Ford recebeu a condecoração nazista a cruz de ferro no peito, colocada pelo próprio Hitler em solo alemão. Henry Ford era obcecado em perseguir os judeus, acusando-os de serem responsáveis pelo comunismo, era anglo saxão, e como os arianos nazistas, considerava índios, negros e judeus, como sub humanos, e aqui no cone Sul, éramos todos índios, negros e judeus fugidos da Europa, para eles todos cucarachas, baratas, inclusive os EUA eram uma potência racista e segregacionista oficial até 1965. FHC é um tremendo 171.

Responder

    Octavio Filho

    14 de outubro de 2016 às 18h30

    Lembrando que o pai do FHC era um general.

    Responder

Des

14 de outubro de 2016 às 10h15

Houaiss foi “aposentado” com uma mixaria.

Responder

Replicante Andante

14 de outubro de 2016 às 10h12

Isso sim é bolsa família!

Responder

    eto

    14 de outubro de 2016 às 12h12

    Isso não tem nada a ver com Bolsa família, não serve nem pra anedota. Recomendo se informar melhor sobre o assunto.

    Responder

marco

14 de outubro de 2016 às 09h49

E além disso,ESTUDOU DE GRAÇA,às custas do Estado,e agora defende que somente estude,quem tem dinheiro,como o seu aliado deputado por são paulo.Em minúsculas,conforme o tamanho dos citados até aqui.E por ser filho de general,esse cafajeste,pra mim era DEDÃO.

Responder

Antonio Carlos Lima Conceicao

14 de outubro de 2016 às 09h42

Se descontaram o tempo do doutorado deve dar ainda menos anos de efetivo serviço.

Responder

Deixe um comentário para Des

Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro Janela Partidária 2022: Quem ganhou, quem perdeu? Caro? Gasolina, Gás e Diesel: A atual política de preços da Petrobrás As Maiores Enchentes do Brasil