Jornal da Forum: Lula quer reindustrializar o Brasil!

Não, o que eles querem não é apenas prender Lula. O que eles querem é coisa bem pior.

Por Bajonas Teixeira

15 de outubro de 2016 : 15h29

 Por Bajonas Teixeira, colunista de política do Cafezinho,

A esquerda deveria se mobilizar, mas prefere ficar zanzando pelo Facebook, clicando em emoticons de carinhas chorosas, com grossas lágrimas penduradas nos olhos, e fofocar sobre a possível data da prisão de Lula.

Como escreveu um grande historiador político sobre as guerras camponesas na Alemanha, triste do líder que tem como base massas de nível intelectual muito limitado.

Vamos aos fatos.

Anda circulando por aí previsões sobre quando será feita a prisão de Lula. Um blogueiro-vidente, que segundo os crentes costuma acertar, anunciou até a data, atribuindo-a a fontes fidedignas. A partir daí, espalhou-se um certo burburinho, naquele estilo bem brasileiro, em que até a tragédia passa a interessar mais pela fofoca que pelo fato.

Não se foca no fato, mas se foca na fofoca inspirada pelo fato. Por mais risível que seja, temos que admitir, isso é o Brasil. Ao invés de tagarelarem sobre a data dessa possível prisão, deveriam pensar sobre o que ela representaria.

Em primeiro lugar, o que significaria prender Lula? Na idade dele, e sendo mais que certo que nem seu caso não se cogita em delação premiada, pois nem ele faria nem a justiça proporia – esse prêmio está reservado aos grandes empresários e aos políticos efetivamente corruptos –, ser preso é sinônimo de apodrecer na prisão. Ou seja, a prisão significa pena de morte.

Seus perseguidores sabem muito bem disso. Mas eles visam com a prisão algo ainda  mais grave.

Um homem político raro, capaz de abalar estruturas sociais arcaicas petrificadas como as brasileiras, além de sua condição natural, como ser vivo, e da sua condição social, de cidadão, possui outra mais elevada, a de símbolo, cujo prestígio e respeito atestam o seu legado histórico. Lula é o símbolo da democracia e das lutas sociais no Brasil, da possível mudança de uma estrutura social congelada.

Nesse sentido, Lula tem que ser morto para que a democracia e a mudança sejam mortas juntas com ele. Se trata, primeiro, de assassinar sua imagem e seu prestígio, para aniquilar sua função simbólica. A mídia tem se esmerado nesse trabalho dia e noite, incansavelmente, há no mínimo dois anos.

Esse trabalho da mídia foi, pelas mãos do Judiciário e do MPF, convertido em uma semiprisão domiciliar, e numa cassação de direitos políticos: Lula não pôde ser ministro da Casa Civil, bastando para isso o crime de Moro de divulgar áudios ilegalmente gravados; a Lula não é concedido defender-se no STF, porque este insiste que o direito de julgá-lo é de Sérgio Moro, em Curitiba; quando se cogitou seu nome para presidência do PT, bastou agir a Folha de São Paulo, em conluio com Tarso Genro, para detonar o projeto.

Se até isso está vedado a ele, poderia pretender, mesmo em sonho, disputar a presidência em 2018? É evidente que não. Muito antes disso, tem que ser tirado de circulação.

Um detalhe dá a dimensão do isolamento em que Lula foi lançado: apesar da duríssima perseguição de que é vítima, de estar todo o dia nas páginas e nas telas de incontáveis jornais e sites, ninguém chama Lula para uma simples e miserável entrevista. Não há o mínimo espaço.

Portanto, Lula já está condenado, em todos os sentidos. E não é sua prisão o que importa, mas o trabalho do carrasco que prepara sua execução. Diante disso, a questão que se põe é se ele acredita na justiça dessa justiça no momento de proferir contra ele a pena capital.

Quando por todos os meios a Justiça já proferiu uma sentença condenatória, quando boa parte dos seus direitos de cidadania já foi retirada – o que é o assassinato da sua cidadania –, quando não tem lugar na mídia embora seja em vida uma personalidade histórica, o fantástico seria crer que a prisão marque um divisor de águas.

A prisão será apenas o passo final de execução dos vereditos que já foram proferidos pela justiça e pela mídia.

O que espanta não é isso. O que espanta é ver que centenas de milhares de pessoas que poderiam sair às ruas ficarem em casa, de olhos fixos nas telas, curtindo com carinhas lacrimosas e compartilhando posts, memes, e outras baboseiras de pouco ou nenhum valor.

Caro leitor, visite e curta a página da MÁQUINA CRÍTICA, que criamos com o apoio do Cafezinho. Abraços, Bajonas Teixeira. 

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

191 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Roberto Dos Santos costa

15 de março de 2018 às 10h59

Pois é,até o Maluf que roubava mas fazia,roubava…mas fazia pra ninguém questiona-lo e também não queria que ninguém roubasse mais que ele,nem os ladrão pé de chinelo,bois botava a rota na rua em cada esquina pra pegar os meliante kkkkk e ainda assim está sendo melhor tratado que o Lula,pois digo que este senhor fez coisas erradas sim mas percebo que fizeram pior debaixo das barbas dele e agora o estão acusando de tudo como se fosse o único culpado,ora bolas;se é assim;então porque não investigam Fernando Henrique que também passou a mão no dinheiro do povo e ninguém fala nada,é porque se investigar descobrirão mais podridão…e antes que digam o contrário apesar desse governo que ai está ,pra mim a presidente da República até dia 31 de dezembro de 2018 chama-se Dilma Roussef pois ela foi eleita para governar para o bem ou para o mal ;ou seja passaram a mao na vontade de 54milhoes de pessoas da mesma maneira como nos states em que a hillary foi eleita com 2milhoes de votos a mais e o “colegio deseleitoral” americano botou o pato donald trump como presidente kakakakaka é como na copa da argentina em 1978 que o Brasil GANHOU mas nao levou e hoje estariamos lutando pelo HEPTA e nao o hexa e querem dar o titulo da copa de 18 pra alemanha pra alegrar angela merkel e seus “parceiros ” nesse caso ,se eu fosse o tite,nem iria pra copa pois o titulo ja foi “comprado”novamente.hehehehe é hilário se não fosse trágico tudo isso…

Responder

Marina

15 de janeiro de 2018 às 05h13

por favor, quero pedir um esclarecimento: ao escrever “eles”, a quem se refere? por favor, dê nomes, exemplifique, preciso entender sua acusação.

Responder

Mônica Taunisses Braga Oliveira

27 de dezembro de 2017 às 16h49

Precisamos saber que papo é esse de os EUA pedirem a prisão de Lula e Dilma.

Responder

Cristiano Souza

24 de abril de 2017 às 11h51

O Brasil está morto! O gigante não acordou coisa nenhuma, e é um gigante retardado imbecil, que assiste faustão, novela e jornal nacional, sem nunca ter pensado: “por que será que a globo foi criada durante o Golpe Militar?”

Brasileiro é um povo “mulher de malandro”, que apanha do marido bandido mas faz de tudo pra ele.

Infelizmente, o que brasileiro merece é morrer doente nas ruas sem cuidados médicos – quando perder o emprego e não tiver mais SUS, porque o golpista que ele apoiou privatizou tudo, e agora só tem atendimento médico quem tem salário pra pagar. Brasileiro merece assistir copa do mundo lá da rua, na vitrine de alguma loja, porque o “minha casa, minha vida” foi cancelado pelo golpista, e sem emprego, ele não pode pagar aluguel. Brasileiro merece ver seus filhos na rua pedindo esmola, porque afinal, como disseram os golpistas, “educação não tem que ser paga com impostos, cada um que se vire pra pagar a sua”; mas ele esqueceu que, um dia, ele também poderia precisar – e esse dia chegará quando o desemprego chegar aos 70%.

Se você não gostou do que eu disse, REAJA! Deixa de ser BABACA, OTÁRIO: desligue a MERDA da TV e pense por si mesmo!! Se você parar de ser anencéfalo manipulado pela TV e olhar em volta, vai ver que NADA MELHOROU depois do golpe! Desemprego piorou muito, corrupção é 100 vezes pior, e a vagabundagem é tamanha que os golpistas tiram seus direitos e ainda fazem PIADA!!

A HORA DE BATER PANELA É AGORA!! ACORDA PRA VIDA PORRA!!!!!!

Responder

    lucidalva

    06 de setembro de 2017 às 10h19

    gostei muito A Mais Pura Verdade,… Desligue a TV. Acenda BABACA, OTÁRIO,

    Responder

Rafael Oliveira Melo

23 de março de 2017 às 03h56

Sou apenas um estudante e perdi um tempo significativo da minha vida lendo isto (qualquer 15 minutos é muito tempo para este texto), como formador de opinião ou como “projeto do mesmo” você deveria ser coerente, fui olhar as noticias e os títulos muito me impressionam (Marisa Letícia foi vítima da justiça medieval de Sérgio Moro ), muito mais do que a maneira medíocre que você organiza a notícia… tamanhas noticias parciais muito me impressionam e me fazem questionar a capacidade de quem as lê e com elas concordam…
PS: Sou apenas um estudante de direito do 8° período sem afiliação partidária e interessado recentemente no universo político brasileiro, cabisbaixo com o cenário nada realístico das noticias sem ligação com o que é certo, qualquer analista jurídico apartidário iria entender concordar que este texto está em desacordo com a realidade do caso e que você Bajonas Teixeira não está sendo nada realista por não ter conhecimento suficiente ou por apenas ser parcial em seus textos. Em nada me assustaria se este comentário elaborado em 5 minutos fosse removido por algum administrador ou mesmo que fosse lido.

Responder

Anônimo

26 de fevereiro de 2017 às 15h51

me permita discordar caro amigo, não venha a essa altura do campeonato querer transforma o luladrao em anjo pois contra fatos não existem argumentos pois todas as pessoas que fazem parte do seleto circulo de amizade do sr.lula sabem o quanto ele fez de bom e de ruim para o Brasil e o que fez de bom era sua obrigação mas o que fez de ruim o fez por conta propria e por ganancia.
não é admissível que quem foi eleito pelas classes mais pobres faça o que ele e seus companheiros fizeram, isto não tem perdão pios ele esta ajudando a afundar o Brasil nesse mar de lama.
essa é a opinião de quem trabalhou muitos anos com essa especie(maus politicos BRASILEIROS).

Responder

Lucas Benzano

20 de outubro de 2016 às 08h55

As pessoas não saem às ruas e não vão lutar contra a prisão de Lula pois sabem que isso também não adiantaria nada, sejamos francos. Não podemos pegar em armas, e se lutarmos seremos esmagados pela polícia e pelo exército fácil e vergonhosamente. O povo sabe disso e também sabe que precisa trabalhar para pagar as contas no final do mês e sustentar suas famílias. Não é tão simples assim. Tem muita coisa em jogo. O que se pode fazer é reclamar, nas redes sociais e votar corretamente quando assim for possível. Eu fui para as ruas e gritei “não vai ter golpe”. E teve.

Responder

Luciano Veiga

19 de outubro de 2016 às 23h09

Quanta merda…. kkkkk procurem um psiquiatra

Responder

Anderson Souza

18 de outubro de 2016 às 06h46

O convite à reflexão é válido. Mas talvez os métodos de convencimento sejam inadequados. Bajonas Teixeira exerce sua crítica com a autoridade moral de quem não se pretende levar por boatos, correntes e suposições que grassam nas mídias e redes sociais, nem tolera a passividade dos que permanecem em suas casas, comodamente, ao invés de saírem às ruas para exercerem, de fato, seus direitos ameaçados ou retomarem uma incontável série daqueles já tolhidos. Nada a reparar quanto a isso. Contradiz-se, lamentavelmente, contudo, ao convidar-nos, como mensagem final e única medida efetiva, apenas para visitar e curtir (sua) nova página MÁQUINA CRÍTICA no mesmo Facebook, ao concluir sua exortação. Pois fazer revolução sentado diante da tela de um computador demorará bastante e, até que alguém se mobilize após ser atacado – e não encantado – por tais palavras, Lula já terá sido preso, solto, a plutocracia estará totalmente recomposta em novas e perenes bases. Afinal, quem quer fazer a mudança deve sair às ruas para passear a esmo na Cinelândia, na Paulista e em cada cidade deste país (após curtir uma nova página do Facebook) ou inserir-se num projeto de ativismo político orientado e consequente, segundo os interesses de trabalhadores, estudantes e demais setores comprometidos com a democracia brasileira? Saiba, meu caro, que fontes de mobilização há diversas e sua página é apenas mais uma das que podem e devem ser usadas por todos nós. Quanto à motivação para indignar-se, deixe sim por conta das carinhas tristes ou zangadas das redes sociais, sem repeli-las, e, sobretudo, das carinhas de fome e desespero que se avolumam na população. Sua página sozinha também não mudará o Brasil ou o mundo. Coerência é tudo que se espera não só dos governantes, mas de quem quer ser bem governado.

Responder

Pedro Lucas

17 de outubro de 2016 às 15h28

Onde esta a liderança?
Quando quiser é só me chamar.
Você Bajonas Teixeira vai nos liderar?
Muita calma nessa hora,os ataques indiretos não vão ajudar em nada.

Responder

Pedro Alcantara

17 de outubro de 2016 às 10h39

Os ratos não se entendem mais…

Responder

Pedro Alcantara

17 de outubro de 2016 às 10h11

Os ratos não se entendem mais…

Responder

josecarloslima

17 de outubro de 2016 às 09h31

Cartinha a Lula, um incompetente na arte de roubar, o que a gente da Casa Grande sempre fez com muita maestria, pois essa gente fina da CG só rouba no atacado, na casa do bilhão de reais, e tudo bem: o problema é a Senzala!

“E então, Lula, foram necessários mais de quarenta anos para você se tornar réu pela primeira vez, e isto, num país de políticos ladrões, é muita incompetência.

Todo mundo está ganhando de você, meu amigo.

Se você ganhou do Serra nas urnas, a forra está nos tribunais, ele está lhe ganhando de 18 processos a 1, que currículo é esse, o seu, até ontem virgem como uma menina de convento, sem ser flagrado uma única vez com a mão na botija, digo no cofre público?

Você é um político apagado, sem destaque… Na Operação Zelotes você não está, nem na lista de Furnas… Não estava na Operação Satiagraha, Anões do Orçamento, Privataria Tucana, Trensalão, Banespa, nem merenda escolar você roubou… Porra, nem uma contazinha no HSBC suíço?

A sua incompetência é tão grande que até o mísero Eduardo Cunha lhe humilha: são 23 processos a 1, caramba.
O Temer, o que é que ele tem que você não tem? Também ganha de você, 4 x 1.

Você é um político miúdo, nunca empreendeu no exterior. FHC tem ofshore, Aécio tem ofshore, Serra tem ofshore, Cunha tem ofshore, só você é que não? Que diabo é isso?

Aparece helicóptero com meia tonelada de cocaína e não é seu. Constroem dois aeroportos em fazendas da família, com dinheiro público, e a fazenda não é sua, mandam pensão, com dinheiro público, para bastardinho no exterior e o bastardinho não é seu… Vai ser incompetente assim no inferno!

Cunha bota a boca no trombone, que vai denunciar pelo menos 170 parlamentares e o Luis Inácio não está. Diz que vai queimar 7 ministros e você não é nenhum deles, que vai derrubar o segundo presidente, e o golpista não é você, diz que vai enterrar dois ministros do STF… Nem pra ser denunciado por roubo você serve?

E a sua postura? Ridícula! Você não é maçom, não é membro do Lions nem do Rotary, não vai aos banquetes da Fiesp, às reuniões da Febraban… Que pobreza!

Roube, Lula, pelo amor de Deus, roube.

Disseram que um apartamentinho de um milhão e oitocentos era seu e não é, você mostrou os documentos, a sua mulher está processando a incorporadora, porque o negócio foi desfeito e não pagaram a vocês.

Nem para comprar um apê de 44 bilhões, em Paris, você serve? O FHC passou na sua frente.

Aí aquela história do sítio do Bunlai que dizem que é seu, que empreiteiro fez obra de graça. Mais um ponto pro FHC, ele não tem sítio, tem fazenda, com um aeroporto dentro, presente de uma empreiteira, você é péssimo pra fazer negócios, Lula.

Todo mundo tem iate, você tem canoa de lata, pode? E pedalinho, afff, pedalinho, eu não aguento.

E o que é que você tem feito pelos seus filhos, seu desnaturado?

A filha do Serra saiu da miséria para uma das cem maiores fortunas brasileiras em menos de um ano, agora é sócia do dono da Ambev, a maior fortuna individual do país. O filho do FHC é representante da Disney no Brasil. O Michelzinho já nasceu com dois milhões na conta, presente de papá… E você… Desnaturado!

E esse seu primeiro processo… É desmoralizante, Lula, obstrução da Justiça.

Você podendo roubar, afanar, surrupiar, dar golpe, governar o Paraná, São Paulo, Goiás… E olha quem o indiciou, um juizeco que estava afastado, sabe por que? Acusado de obstruir a justiça, igual a você, pode rir, ele era da Zelotes, o Supremo mandava as provas e ele não considerava, isentando todo mundo, mas também só tinha pobre: Itaú, Bradesco, Gerdau, Natura, Globo… Caridade, com certeza.

Encerro por aqui, Lula, com um conselho: roube, roube, roube, roube muito, roube tudo, colecione processos por roubo, corrompa para não ser indiciado, sendo, corrompa para ser absolvido.

Perdoe o amigo a minha preocupação. Você quer ser presidente, eu o quero presidente, mas se você não começar a roubar os coxinhas não vão votar em você.

Preocupadamente”

Francisco Costa
Rio, 31/07/2016.

Responder

Vinicius Perotto

17 de outubro de 2016 às 09h22

O Militonto Petista

É o cara que se escandaliza com Bolsonaro, mas não vê problema algum em Graça Foster, em Dilma, em Lula.
É o cidadão que se preocupa com os centavos da passagem de ônibus, mas ignora os milhões da Petrobras.
É a moça que defende o aborto, mas considera a palmada um crime hediondo.
É aquele que odeia os judeus e quer a destruição do Estado de Israel, mas faz campanha contra o racismo e xinga os adversários de nazistas.
É aquele que acusa Bolsonaro de ser apologista do estupro, mas ignora o professor que defendeu o estupro de Rachel Sheherazade.
É aquele que chama empresário de sonegador, mas aceita a maquiagem fiscal da Dilma.
É aquele que protesta quando morre um traficante, mas festeja quando morre um policial militar.
É aquele que não se importa em destruir a vida do adversário, se isso for importante para a causa.
É aquele que passa a odiar sua cidade quando a maioria não vota em sua candidata.
É aquele que chama o caso Celso Daniel de “crime comum”
É aquele que usa a expressão “ação penal 470” para se referir ao mensalão.
É aquele que prega a estatização do financiamento eleitoral.
É aquele que usa a palavra “estadunidense”.
É aquele que tem uma grande simpatia pelos nanicos da linha auxiliar do PT.
É aquele que não vê nada demais no fato de o PIB per capita da Coreia do Sul ser de 32 mil dólares e o da Coreia do Norte, de 1.800 dólares. Afinal, a Coreia comunista é mais igualitária.
É aquele que apoia o movimento gay, mas também apoia o regime cubano, que já fez campos de concentração para homossexuais.
É aquele que acredita em governo grátis, mesmo quando o País trabalha até maio só para pagar impostos.
É aquele que odeia a censura, mas quer o controle social da mídia.
É aquele que faz tudo para acabar com a família e a igreja, pois sabe que elas são os principais focos de resistência ao poder do Estado e dos movimentos sociais.
No fundo ele sabe que o país está sendo saqueado, exaurido, violentado – mas diz que o problema é o Bolsonaro.
É aquele que nunca perdoa.
É aquele que apoiou o impeachment de Collor e acha que foi legitimo, mas falar no impeachment de Dilma é golpismo.
Publicado originalmente no Jornal de Londrina.
Se você não é do PT e concorda com o texto, repasse, para o bem de todos.
Texto de autoria desconhecida, mas mais que verdadeira.

Responder

Rogério Barbosa Silva

17 de outubro de 2016 às 09h12

Respeito os argumentos do professor, mas pondero que sua leitura de contexto supervaloriza as ações da mídia e do judicialismo reinantes. Tentam sufocar Lula no seu espaço, mas Lula sai às ruas, e recebe sempre apoio popular. Se fala em um ato, está lá vivo o seu prestígio e força. A direita sabe disso, e trabalha trabalha. Embora possa não parecer, o debate e a defesa da democracia está nas redes sociais. Ao que parece, mais aí. E nos movimentos de rua.

Responder

maria nadiê rodrigues

17 de outubro de 2016 às 08h52

Ana Luiza ainda não leu o texto. Adiante ela voltará com um pedido de desculpas. Internet é assim: pessoa com preguiça de ler e muito rápidas em responder o que não entendeu direito.

Responder

josecarloslima

17 de outubro de 2016 às 08h39

Bom demais para o mercado demoníaco sanguinário: enquanto as petroleiras estrangeiras (mais corruptas e poluentes do que qualquer outra em qualquer parte do mundo) se apossam do pré-sal ao mesmo tempo em que os mercenários e marionetes teleguiadas apoiam o golpe que na verdade é um tiro no próprio pé do povo brasileiro, pois já ficou para trás o sonho de nos tornamos um grande pais de classe media, caminho que estava sendo trilhado: agora é Casa Grande vs Senzala…o que espero agora é a rebelião da Senzala, uma coisa que nunca aconteceu neste pais…leiam ótimo artigo de Marcelo Auler em que ele cita e analisa de forma respeitosa o artigo do blogueiro que não se ousa dizer seu nome….

Lula é honesto e nacionalista e por isso o crime organizado que deu o golpe parlamentar fará de tudo para destrui-lo, se possivel fisicamente

Lula fez negócios de legais de 7 bi de reais em Angola…o fez face ao seu prestigio, ele era presidente, isso não é crime, que absurdo a que chegamos e, pasmem, ele foi acusado de propineiro porque um parente teria recebido de presente um plano de saúde…esse é o Brasil a que chegamos e tem analfabeto de pai e mãe que acredita que Lula é ladrão só porque ele leu na Veja, no JN…é por isso que o nosso pais está indo pro buraco: essa multidão de marionetes teleguiadas que não dá um pum se não for com ordem da globo…..o que está em jogo é a destruição do nosso pais pelo crime organizado que tomou de assalto o poder

Responder

josecarloslima

17 de outubro de 2016 às 08h21

Bom demais para o mercado demoníaco sanguinário: enquanto as petroleiras estrangeiras (mais corruptas e poluentes do que qualquer outra em qualquer parte do mundo) se apossam do pré-sal ao mesmo tempo em que os mercenários e marionetes teleguiadas apoiam o golpe que na verdade é um tiro no próprio pé do povo brasileiro, pois já ficou para trás o sonho de nos tornamos um grande pais de classe media, caminho que estava sendo trilhado: agora é Casa Grande vs Senzala…o que espero agora é a rebelião da Senzala, uma coisa que nunca aconteceu neste pais…segue artigo de Marcelo Auler em que ele cita e analisa de forma respeitosa o artigo do blogueiro que não se ousa dizer seu nome….

http://jornalggn.com.br/noticia/nao-e-hora-de-pagar-para-ver-por-marcelo-auler

Responder

Murillo Alencar

17 de outubro de 2016 às 07h30

O que eu sempre disse ,enquanto os sindicatos o Mst e outros movimentos socias nao se armarem e forem às ruas combater,êles irao tranquilamente fazendo o que querem com um profundo fdesprezo pela leis e a constituiçao! O povo tem que se organizar para paralizar o pais e atingiras classes média,e a elite,mesmo que tenham que optar pela clandestinidade e a luta armada; Foi assi que uma pena ilha das caraibas colocou a maior potência milita e economica mundial na época de joelhos como um grotinho à quem a mae puxa a orelha ! Mas êsse povo tem culhoes!

Responder

crazy-fla

17 de outubro de 2016 às 07h04

Mais complicado éa forma d agir e pensar do povo brasileiro, um povo desunido, é um olhando feio para o outro, oq a maioria quer é tá bem e ver o outro na merda, a maioria no fundo do poço e tentam demonstrar q estão bem, e muitos acham q protestar contra o Temer é coisa d pobre, e ninguém quer demonstrar q é pobre, muitos já perderam o FIES, mas não falam pra não demonstrar q são pobres, só pensam em tirar foto com o celular da maçã no espelho, mas quase sempre o celular é emprestado, e nessa ditadura em q vivemos a repressão da polícia será implacável, aí poucos pensam, será q eu devo correr o risco d perder o meu olho lutando por um povo manipulado e otário, a maldade q virá a seguir será enorme e vai atingir todos, com o aumento da violência todos irão sofrer, até o rico q uma hora ou outra tem q botar a cara pra fora do condomínio e da Mercedes!!! e tem mais a religião q deixa o oprimido pacífico acreditando q um milagre vai acontecer sem ação, Deus vai abrir as portas do emprego pra vc, a religião parece um braço do sistema maligno!!!

Responder

Andery Neto

17 de outubro de 2016 às 06h29

ahaaaaaaaaaaa…VTNC…a “esquerda” esvaziou …FINISH…Ninguém de bem acredita em BANDIDO CRIMINOSO…então ACEITA QUE DÓI MENOS, porque vai ser preso sim porque ROUBOU BILHÕES e montou uma verdadeira FACÇÃO CRIMINOSA…que inclusive ASSASSINOU alguns ! CORRE LULA…CORRE PORQUE O BICHO VAI TE PEGAR !

Responder

sensat0

17 de outubro de 2016 às 02h57

Pessoal, se nem aqui, numa expressão de um companheiro progressista há entendimento, a resposta está evidente: ao invés de nos unirmos para um real estado de bem estar social, nos dividimos, enquanto a direita do “ter é ser” triunfa sobre a maioria dos cidadãos deste país. Uni-vos para melhorarmos a patética situação de nossa pátria.

Responder

josecarloslima

17 de outubro de 2016 às 02h01

Lula fez negócios de legais de 7 bi de reais em Angola…o fez face ao seu prestigio, ele era presidente, isso não é crime, que absurdo a que chegamos e, pasmem, ele foi acusado de propineiro porque um parente teria recebido um plano de saúde…esse é o Brasil a que chegamos e tem analfabeto de pai e mãe que acredita que Lula é ladrão só porque ele leu na Veja, no JN…é por isso que o nosso pais está indo pro buraco: essa multidão de marionetes teleguiadas que não dá um pum se não for com ordem da globo…..o que está em jogo é a destruição do nosso pais pelo crime organizado que tomou de assalto o poder

http://jornalggn.com.br/noticia/o-que-esta-em-jogo-e-o-desmonte-do-brasil-por-emir-sader

Responder

João Batista Mezzomo

17 de outubro de 2016 às 00h59

Adianta sair pra rua? Ao menos a notícia da prisão mobilizou pessoas, se conseguirmos fazer um cordão humano 24 horas ao redor de Lula pode ser o início de um movimento pacífico que pode mudar o Brasil, eu que moro em Poa iria uns dias a SP e acho que muitos fariam isso….

Responder

Zeka Zeka

16 de outubro de 2016 às 23h39

A França foi em peso e preparada para a defesa dos empregos…e não conseguiu nada. Essa frente fascista que encolhe o estado de direito, que manipula a informação, é mundial. Vejam no PHA como estão as ruas de Paris. Não são só as guerras que estão destruindo países…essa ultradireita com sua política neoliberal arcaica e atrasada está destruindo a segurança e a perspectiva de futuro para cidadãos de várias nações. Exemplos não faltam: é só olhar para a Argentina e o estrago que o fascista Macri promoveu em poucos meses de desgoverno. A MAIOR LUTA É PELA SEGURANÇA, POR UM FUTURO E PELA PAZ!

Responder

Liz Matzenbacher

16 de outubro de 2016 às 22h22

Sabe por qual bandeira vou sair as ruas? Pelas 10 medidas contra a corrupção. Se o Lula fez o que está sendo julgado, tem que ser preso sim. Ele e qualquer político e empresário que colocam as mãos no dinheiro do povo. Como defender o Lula no caso do sobrinho dele. Só se fossemos muito otários para defender ladrão.

Responder

josecarloslima

16 de outubro de 2016 às 21h35

Nosso inimigo não é Eduardo Guimarães, que tem todo o direito de postar com base em fontes, e isso não o transforma em vidente como consta no post, ..,.imagina só se partirmos para esse tipo de ataque heim gente….aliás, a história de luta do Eduardo contra a mídia vem da década de 80, no inicio deste século quando ainda nem existia a blogosfera independente estava lá o Edu no embate com os malas da imprensa…quanto a ele fazer um post baseado em fontes, repito, isso não o transforma em vidente, sendo apenas o seu direito de vir a público repassar o informe e, mesmo que não se confirme o que ele afirmou, e esperamos que não se confirme, é assim mesmo mundo do jornalismo…ou não…enfim, nossos inimigos não são os Eduardos Guimarães e sim os mercenários do mercado demoniaco que repete no Brasil seu modus operandi no Brasil, a tal primavera no Iraque e Líbia, cenários de horror no que poderá vir a ser nosso pais amanhã com a ponte para o inferno instalada pelo fantoche dos rentistas, petroleiras, globo, instituições transformadas em organizações criminosas et caterva…o que ocorre no Brasil não difere em nada das que ocorreu na Líbia, se o troféu da invasão libia era o assassinato de Kadafi, hoje Lula assume este papel mesmo sendo democrata e mesmo que não tenhamos acabado de sair de um estado de guerra…a novela é a mesma: naqueles paises hoje dominados pelo assassinos do mercado, e aliados a estes muito bem sabemos que tipo de gente são…

Responder

Mauricio Ramos Thomaz

16 de outubro de 2016 às 21h29

o Lula poderia contratar um advogado.Pera! Isto nao existe no Brasil. O máximo que se tem é bacharel com OAB

Responder

Luca Selle

16 de outubro de 2016 às 21h00

DEZOITO DO PRIMEIRO ESCALÃO DE LULA E DILMA SÃO INVESTIGADOS NO STF
18 EX-MINISTROS SÃO ACUSADOS DE DESVIAR MAIS DE R$1,25 BILHÃO.

Investigações que tramitam no Supremo Tribunal Federal (STF) indicam que ministros dos governos Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2010) e Dilma Rousseff (2011-2016) são suspeitos de envolvimento em esquemas que movimentaram pelo menos R$ 1,25 bilhão de forma ilegal, por meio de irregularidades no uso do dinheiro público e propinas pagas por empresas privadas durante o exercício do cargo.
O dado faz parte de um levantamento feito no Supremo que mostra que 18 ministros estão sob investigação de desvio de recursos nas gestões petistas – 4 no período Lula, 10 no de Dilma e outros 4 comuns aos dois governos. Foram considerados os já condenados (1), réus (2) e investigados (15) – neste último caso, o número engloba os processos na Corte e os remetidos a outras instâncias pelo STF. Foram pesquisados os nomes de 167 ex-ministros nas duas gestões.

Responder

Luca Selle

16 de outubro de 2016 às 20h59

PT ‘RASGA’ ESTATUTO PARA POUPAR SEUS CORRUPTOS
O PT já não sabe o que fazer sobre seu estatuto: o artigo 231 diz que serão excluídos dos quadros do partidos aqueles condenados por “crime infamante ou por práticas administrativas ilícitas, com sentença transitada em julgado.” Após o mensalão, ninguém foi expulso do PT. Mas na Lava Jato a lista de potenciais expulsões cresceu a ponto de não ser possível ignorar: Dilma, os ex-ministros Gleisi Hoffmann e Paulo Bernardo e até o ex-presidente Lula podem ser expulsos do PT.

Responder

Marcia

16 de outubro de 2016 às 20h53

O primeiro passo é acabar com a globo. O resto fica fácil.

Responder

Carlos Henrique

16 de outubro de 2016 às 20h40

Crítica ridícula. É preciso pensar e fala sobre essa data e esse evento sim. É preciso ficar alerta e mobilizar. Quem disse que não se pode fazer as duas coisas ao mesmo tempo? Que papel patético o sr. faz.

Responder

Maria Leonia Resende

16 de outubro de 2016 às 17h58

Gostaria de saber que liderança vai chamar ao povo para tomar as ruas, ae esse momento chegar. Lá estarei para manifestar meu apoio a Lula e repudiar esse judiciário seletivo e politizado!

Responder

Marcos Silva

16 de outubro de 2016 às 16h44

Lembro que 1.000.000 siau às ruas só em São Paulo naquele fatídico dia em que Moro-Globo fizeram tabelinha. Em todas as capitais houve mobilizações contra a Globo. No entanto, muitos fatos políticos estranhos aconteceram desde aquela data. O próprio PT vacilou e apostou que a saída de Dilma seria uma solução para o próprio partido. Sindicatos enfraquecidos, MST enfraquecido politicamente e desmobilizado nas bases, que hoje assistem novela e acreditam em Bonner. O Brasil vive uma vazio de mobilização social. Agora não há mais volta. Um nova resistência terá de nascer e uma revolução terá de acontecer se os 99% quiserem ter alguma chance na vida. O 1% precisa ser guilhotinado.

Responder

J. Sculder

16 de outubro de 2016 às 16h05

É um dos textos mais lúcidos sobre esta situação de Lula que tenho lido . É
exatamente isso que está acontecendo . Há muita revolta , indignação e alguma
tristeza, mas pouca ou nenhuma mobilização .

Vi dia desses que movimentos como CUT e MTST estão se organizando “no caso
de Lula ser preso” . O quê ? No caso ? Nem o neto mais próximo a ele tem
dúvida disso. Essa prisão vai acontecer , só não sei quando. Talvez amanhã ,
talvez na sexta . A Lava Jato, Sergio Moro e a Globo já devem ter acordado sobre
o melhor timing . Pois é assim que essa operação funciona : em conluio
permanente com a mídia. Um dos processos públicos mais esculhambados na imagem
de que já tive notícia . Então qualquer mobilização da esquerda para proteger Lula
devia estar sendo feita agora , hoje , por exemplo.

Mas assim como o timing da Presidente Dilma e do PT , falhou muito após a
eleição , até levá-la à queda , não estranho em nada que este mesmo timing
falhe agora .

E o esmagamento da democracia segue célere.Em adição , acrescento que sou
favorável ao pedido de asilo de Lula .

Responder

robertoAP

16 de outubro de 2016 às 15h30

Se o Lula e seus advogados forem minimamente espertos, já teriam prontos e no bolso:
A- Um pedido de asilo,previamente aceito, na embaixada de um país de primeiro mundo, com enorme peso global.
B- Uma declaração gravada,para todas as redes internacionais de Internet e TV,assim como a Blogosfera daqui,denunciando com provas visuais,o Golpe de Estado no Brasil e o seu retorno à uma nova Ditadura sanguinária , pior que a de 64, já que agora implementada por uma coalizão de ladrões, bandidos ,corruptos, juízes e delegados subornados e uma mídia ilegal,transformada em partido político.

Responder

Glícia de Alvarenga Assis

16 de outubro de 2016 às 14h45

Espanta também o tanto de blogueiro que conhece bem os meandros da luta pelo poder, além do quanto é fundamental levar a informação às massas, mas não dispõe de um instrumento eficaz para construir pontes entre possíveis lideranças e essas massas que querem ver ganhar as ruas, com poder de influenciar os rumos das decisões do núcleo poderoso da política.

Responder

maurício

16 de outubro de 2016 às 14h09

Caro amigo, o que se passa no Brasil é a preparação do terreno para o encampe das multinacionais e corporações exploradoras de riquezas minerais e de toda espécie. A entrega do pré sal às gigantes do carbono já é uma realidade e onde elas entram, Shell, exon, texaco e outras, principalmente as americanas, é prenúncio de ditadura e guerra civil. Todas as nações em que elas atuam, pode pesquisar, vivem essa realidade, da guerra, terrorismo e ditadura. O Brasil é um país Rico demais pra deixar na mão da escória do povo brasileiro, como diz o Trump. Foram décadas de planejamento para chegar a isso, implantar uma educação pública para escravos, em escolas presídios, conflitos internos já desenhados pelos traidores que permeiam os três poderes, aprovação de leis márcias, tudo isso é o futuro a que levará essa “Ponte que Partiu”

Responder

Liz Matzenbacher

16 de outubro de 2016 às 13h57

Vejo dois motivos para terem poucas pessoas nas ruas defendendo o Lula. Primeiro, pois está cada dia mais impossível de acreditar que ele seja uma pessoa honesta, e que não esteja envolvido em toda essa rede de corrupção. Mesmo assim, até as eleições era possível defende-lo, pois acreditavasse que as manifestações de golpe eram apoiadas pela população em geral. Aí vem o segundo motivo: foi clara a resposta dada pela sociedade a tudo que aconteceu recentemente no Brasil. O PT e a esquerda caíram muito. E o perda de crédito foi maior entre as populações mais pobres. Provavelmente pois são os mais afetados com a crise. O fato é que é impossível a pessoa ir para a rua defender Lula, quando nem emprego tem. Reflitam sobre as eleições.

Responder

Macaquinho feio do bananal

16 de outubro de 2016 às 13h24

deus Existe!
segunda Lula ja pode ser preso!
isso é maravilhoso!

Responder

Paulo Drus

16 de outubro de 2016 às 13h05

Ora, em qualquer outro país sério, o senhor lula já estaria preso há anos. Isto se o país for democrático. Por que se for num país adorado por vcs, tipo cuba, venezuela, coreia do norte, angola, o senhor lula teria um destino diferente, um pouquinho pior, diga-se de passagem.
Entretanto aqui é Brasil, e tudo se adia.
Mas felizmente o senhor lula terá direito à plena defesa em seus inúmeros julgamentos por todos os crimes supostamente praticados por ele.
Então, qual a razão de suas choradeiras?

Responder

    J. Sculder

    16 de outubro de 2016 às 16h21

    Seu texto começa bem até o fim da frase “em qualquer outro país sério” . Depois é só a espuma da raiva saindo pela boca. E termina péssimo .
    Vou te dizer o que aconteceria se o Brasil fosse um país sério :

    1. a Globo como é não existiria. Não influenciaria a vida das pessoas , da política , da economia tão diretamente e de forma tão incólume .

    2. em países sérios há regulação democrática de mídia. A mídia tem responsabilidade com a verdade , não trabalha para destruir um país mesmo tendo interesses próprios , não destrói reputações de graça , não solta informações pro público sem checar dezenas de vezes, porque seria processada de forma impiedosa.

    3. Sérgio Moro , num país sério , já estaria afastado há meses deste caso . Juiz nenhum nos EUA, Inglaterra . França ou Alemanha vazaria conversas do Presidente ou 1º Ministro com um ex-presidente ou ex 1º Ministro e sairia limpo da história . Juiz Federal nenhum receberia prêmio de uma emissora de TV , ou apareceria em eventos de políticos desta ou daquela ideologia. Lá juízes são sérios e discretos .

    4. Num país sério informação sigilosa de um processo grande como a Lava Jato não vazaria para a mídia por debaixo do pano, com a anuência de um Juiz Federal.

    5. Num país sério um Ministro do Supremo jamais se comportaria como Gilmar Mendes , que é praticamente um cabo eleitoral descarado do PSDB , sem ser sumariamente afastado e execrado publicamente .

    6. Num país sério Eduardo Cunha não teria sobrevivido 5 meses , até o ponto de conduzir um processo de Impeachment como presidente da Câmara , após tantas e tão pesadas denúncias contra ele.

    Se eu continuar … a lista será imensa. Vc precisa se informar melhor sobre países sérios.

    Responder

      josecarloslima

      16 de outubro de 2016 às 21h47

      Sculder, parabéns pela bela porretada no ignorante de pai e mãe, esse ai não dá conta de fazer um O sentado na areia..rss

      Responder

        J. Sculder

        16 de outubro de 2016 às 22h09

        É duro aguentar calado , quando a pessoa vem com essa conversa de “país sério” e começa a desfilar um discurso de total conveniência.

        Responder

      Paulo Drus

      17 de outubro de 2016 às 00h07

      1. Ok. Tudo sempre tem que ter a globo, né? A inimiga preferida dos esquerdinhas. Esqueça! Toda empresa de comunicação em TODO o mundo procura influenciar o cidadão. Exceto, claro, nas ditaduras de esquerda, onde o próprio governo escraviza o cidadão.
      2. Paises sérios que regulamenta a imprensa vc quis se referir a Coreia do Norte, Cuba e afins, não é? Porque em todo o resto do mundo a imprensa é livre para fazer o que der na telha. Ou vc não conhece as imprensas dos EUA, Inglaterra, França…
      3. Até onde eu sei quem estava grampeado era o cidadão lula, sem foro privilegiado algum, e não a presidentE. Foi uma pena ela ter sido pega em flagrante querendo burlar a lei. Uma pena…
      E que culpa tem o Sérgio Moro se estão reconhecendo seu trabalho em caçar ladrão corrupto?
      4. Realmente é feio esta coisa de vazamento. Mas mais feio ainda é roubar e ficar de mimimi com os vazamentos.
      5. Não vou nem retrucar o que os ministros ESCOLHIDOS pelo lula e pela dilma fazem e fizeram pelos petistas. Mas a roubalheira é tanta que os obriga a punir os protegidos algumas vezes.
      6. Concordo.
      7. Ahhhh, não tinha como não terminar assim: Petista mandando os outros estudarem, pois a VERDADE está convosco!
      Sinceramente!

      Responder

        J. Sculder

        17 de outubro de 2016 às 00h27

        Amigo , sem querer polemizar demais :

        A Globo é inimiga de todos os brasileiros . Ela usa os melhores dos expedientes : a imagem e a informação.Quer algo melhor para enganar e guiar o povo ? Observe melhor . As ações da Globo sempre miram num objetivo que trará benefícios e lucro para eles. Mas são poderosos como uma máfia cheia de tentáculos e ninguém se atreve a mexer com eles. No dia que o povo se libertar da Globo , esse país anda que é uma maravilha .
        Infelizmente vc está me respondendo com ironia , deboche , uma mensagem séria que te mandei.
        Não mandei vc estudar . Disse para se informar melhor sobre países sérios, e a sua resposta , cheia de bazófia , falando em Coréia e Cuba e distorcendo o que escrevi , só me dá razão .
        Mas fica tranquilo , se vc acha que está certo , segue em frente .

        Responder

          Paulo Drus

          19 de outubro de 2016 às 00h16

          Desculpe. Não pretendia te atingir. Como estamos em lados opostos de opiniões, é normal uma observação ser entendida como agressão para o outro.
          Bem, vc focou a resposta na globo, e até concordo em partes.
          Ocorre que ela é uma empresa que mira o lucro, COMO TODA E QUALQUER EMPRESA, e muito das suas decisões acabam gerando controvérsia.
          Eu, pessoalmente, não vejo todo estes crimes que acusam ela. Ela é apenas esperta e está sempre do lado de que está no poder e muitas vezes tenta levar o espectador para o seu ponto de vista. Mas isto é regra no mundo todo.
          NÃO EXISTE IMPRENSA IMPARCIAL EM NENHUM LUGAR.
          Veja este blog: tem orientação pró pt e tende a influenciar quem o visita.
          E daí?
          Está no seu direito.

          J. Sculder

          19 de outubro de 2016 às 00h47

          Está tudo bem . No fundo ,aposto q vc quer o mesmo que eu : o bem do país.

Ricardo Cebalho

16 de outubro de 2016 às 13h04

Direção do PT

Será que não existe nenhuma possibilidade de Lula acompanhado e assesorado por alguns experientes jornalistas dos blogs de esquerda.
Tentarem mesmo que seja materia paga em algum canal de televisão, mesmo que seja na Band ou SBT ou mesmo gazeta?
Sera que não encontram alguém amigo em comum com dirigentes destes jornais pedindo humildemente uma chance entrevista para se defender das acusações covardes em que é submetido?
Sabemos que quando Lula tem oportunidade de falar para o povo em geral costuma virar o jogo, se ele tiver uma oportunidade essa entrevista irá puchar outras. Acho que vocês tem que tentar isso exaustivamente, se realmente querem salva-lo da prisão.

Responder

Claudio

16 de outubro de 2016 às 12h23

“Eles querem coisa pior, fazer amor com o Lula.
Todo mundo sabe que por detrás de todo ódio tem um amor louco que prende e pune.
Sem falar que todo homem apaixonado fala mal de seu grande amor.
Moro é apenas um homem apaixonado, assim como todos os direitistas”.

Responder

baltazar pedrosa

16 de outubro de 2016 às 12h05

Eu/ concordo com Bajonas, em tudo que ele disse,mas aí,pergunto será que ele estaria disposto em liderar uma frente de resistência aos golpistas,porque nesse momento é necessário que se tome atitudes mais agressivas,vejo que, só ir e tomar as ruas, isso agora já é insuficiente,na atual conjuntura é preciso de atitudes mais radicais,minando o território do inimigo e para precisamos de lideranças confiáveis e homens que realmente tenha culhões.

Responder

Dulce

16 de outubro de 2016 às 11h52

FASCISMO SURTADO – Ana Luiza fico um pouco penalizada ao ver a sua “cruzada”. Você sem ter nada contra o Bajonas, começou a inverter os sinais. Não dá nem pra comentar a baixaria dessa moça. Desce o nível tenta até o bullying com o nome: “Bojonas”, “Bujonas”. Parece uma militante do Revoltados Online. Se ela é amiga do blogueiro, ela está cometendo um erro de leitura, ou falta de leitura: ele foi citado sem nenhuma agressão, en passant, e até as palavras mais críticas do professor foram dirigidas à esquerda como um todo, não a esse ou aquela pessoa. Outra coisa Ana Luiza, seu estilo de usar dados honestos de trabalho, que só serviriam para mostrar a seriedade do professor, a relação dele com o conhecimento e a pesquisa, envergonha todos nós. Lamentável. Caça às bruxas e macartismo é coisa de fascismo. Você deve ter ficado decepcionada por não ter encontrado no currículo do professor cargos comissionados, bolsas de pesquisas dadas pela Fapesp ou pelo Capes, assessorias de ministros do PT ou da sua “base aliada”. É isso mesmo. Eu olhei também, não tem nada disso não. E mesmo assim ele está participando da luta tendo publicado mais de 100 artigos desde o dia 04. Que vergonha a sua Ana Luiza.

Responder

Marcvs Antonivs

16 de outubro de 2016 às 11h41

Tudo o que o articulista disse, É A MAIS FRIA VERDADE. A esquerda brasileira virou esquerda de Facebook. No Feicebuque não se faz valer a luta.

Responder

Marcia

16 de outubro de 2016 às 10h18

Pela primeira vez vejo uma matéria que jugo ser a melhor sobre o assunto. A tática utilizada pelo PIG que a prisão de Lula é um fato, trabalhando a mente das pessoas para que se acostumem com a ideia e aceite-a como algo irreversível, por incrível que pareça tem sido copiada pela maioria dos blogs dito de esquerda. Esta matéria é bastante oportuna, pois nos chama atenção para este perigo. Vivemos em tempos tenebrosos onde boa parte da população brasileira não raciocina além do que é dito por William Bonner e outros jornalistas do PIG, que repetem o que o editor do jornal manda dizer. Pior do que uma direita fascista é uma esquerda acomodada. A esquerda e outras pessoas que estão indignadas com a perseguição a Lula (meu caso) não devem jamais aceitar o prisão de Lula como fato. O que todos devem estar fazendo neste momento é intimidar esses caras, mostrar que não será fácil assim, marcação cerrada em cima deles. E discutir ações para impedir caso a justiça partidária brasileira se ouse em tal ação. Parabéns ao autor da matéria.

Responder

Cesar Weinmann

16 de outubro de 2016 às 08h24

Inicia falando em “Um blogueiro-vidente”, pra lá pelas tantas, evocando iguais poderes, decretar: “Portanto, Lula já está condenado, em todos os sentidos.” Uma infinidade de suposições que confluem para o que tenta refutar: “Até quando, Catilina, abusarás da nossa paciência?”

Responder

Giullia Menezes

16 de outubro de 2016 às 08h12

Fala-se aqui em acampar em frente à casa do Lula e combater sua prisão… ignora-se o fato de o poderoso aparato estatal estar sempre disponível para badernas do tipo obstruir a justiça! Lula não é deus… é homem! E como tal será preso! Lacrimogêneos e bombas diversas aguardam ansiosas para dissipar manifestações tendentes a inviabilizar a sentença do ilustre Moro! Chola mais!

Responder

    Sérgio Silveira

    16 de outubro de 2016 às 14h25

    Se hitler teve sua hora, moro e a direita também terão!
    O império nazista durou 6 anos, com toda a força, tecnologia e poder (incluso o judiciário!) que dispunha
    Moro será executado em praça publica. E a questão não é SE, mas quando…

    Responder

      Vitor Sorenzi

      16 de outubro de 2016 às 16h26

      Bom, espero que não só ele. Ainda recomendo: Aecio, Gilmar, Mainardi, Roberto Marinho, Malafaia e Cunha. Para começar.

      Responder

Francisco

16 de outubro de 2016 às 03h54

O povo não vai pra rua porque os protestos pró-impeachment da Dilma não eram por causa da corrupção. Eram por causa do desemprego, da inflação alta, que é o que mexe diretamente com o que mais dói no brasileiro: o BOLSO. Somos pilhados desde 1500 e a Lava-Jato já mostrou que envolve a maioria dos partidos políticos de expressão. No entanto, uma bancada investigada por enriquecimento ilícito decide pelo impeachment da presidente e o dela sucessor nomeia para seus ministérios, sem qualquer escrúpulo, delatados na Lava-Jato… porque não há revolta???
O que existe na vdd é um ranço contra o PT. O foco dele sempre foram as classes mais pobres e as classes mais ricas foram ficando esquecidas. À medida que a classe média inflava e saia da zona de influência do governo, o ódio dessas parcelas contra o “assistencialismo” foi se ampliando, até chegar ao ponto escolher deliberadamente, quais acusados de corrupção merecem ser investigados e quais tem salvo-conduto.
Isso, no entanto, me parece cíclico. Na mesma forma que hoje chutam a esquerda por não se sentirem representados, o povo recorrerá a ela quando a direita já não for mais útil.

Responder

M. P.

16 de outubro de 2016 às 03h02

certo, para que Lula continue um símbolo vivo é melhor ele pedir asilo político num país democrático e de lá dirigir a resistência.

Responder

Marília - MG

16 de outubro de 2016 às 01h35

Organizando mobilizações para APÓS a prisão de Lula? Pelamor de Deus, já deveriam estar fazendo vigília em frente à casa de Lula desde anteontem, para impedir a sua prisão. Tenha a santa paciência!. O que esse presidente do PT pensa da vida, que não age, não faz nada, não convoca militância? Esse Rui Falcão é um presidente decorativo?

Responder

Eduardo Albuquerque

16 de outubro de 2016 às 01h15

Pena que seja numa rede como Feicibuq essa máquina crítica. As pessoas só vão as ruas organizadas. É desastroso esperar prender o Lula pra protestar. Para derrubar o golpe tem que se impedir a prisão recorrendo ao que for necessário. Rebelar-se e dever acima de qualquer coisa. Posta , blogs vídeos não impedem golpistas.

Responder

josecarloslima

16 de outubro de 2016 às 01h14

O NOSSO PAIS ESTÁ SENDO DESTRUIDO PELO CRIME ORGANIZADO QUE TOMOU DE ASSALTO NOSSOS VOTOS, A DEMOCRACIA E NOSSO FUTURO – Governo fantoche do mercado demoníaco sanguinário destrói projeto ferroviário, aliás, melhor perguntar o que não está sendo destruido: nem na Líbia e Iraque (dominados pelo mercado sanguinario após disparo de muitos misseis) foi assim,,,por aqui os misseis foram nossos inimigos internos, que vão de efeagác~e a serra passando por aecio, temer, gilmar mendes, moro, globo, marcelo tass cooptado pelo depto de estado de hillari et caterva

http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com.br/2016/10/plano-de-dilma-para-construir-ferrovias.html

Responder

Torres

16 de outubro de 2016 às 01h06

Lula não é um santo.
Ele é o homem dos acordos do PT.
Acordos criminosos.

Responder

    Renata Lucas

    16 de outubro de 2016 às 03h31

    Torres,
    santidade é para o céu. Pode ser confortante ficar agasalhado na própria desilusão, mas temos que lidar com o mundo real, tentar entender sua complexidade, fazer análises de vetores e buscar a melhor posição possível dentro de cada contexto, de acordo com o que acreditamos ter mais valor. Não dá para querer que as coisas se adaptem a nós porque isso nos leva à inação, à não-política. E, sobretudo nesses tempos sombrios, não podemos nos dar a esse luxo.

    Responder

      Torres

      16 de outubro de 2016 às 11h19

      Renata, a única posição possível é não defender criminosos, de maneira alguma.
      O que vc propõe é aceitar o famoso “rouba mas faz”.
      Todos eles são corruptos e merecem punição.
      Não tenho pena.
      Abandonei a política, que é simplesmente um jogo sujo pelo poder.

      Responder

        Mariana

        16 de outubro de 2016 às 11h38

        Trocou a “política do jogo sujo pelo poder” pela política da exploração do homem pelo homem. A quantidade de “santos” que abandonam a política por motivos religiosos e pensamentos mágicos me causa espécie. Resta saber se é a ingenuidade do “crente” que sustenta às viagens da família do pastor pra Miami, ou a demagogia do obreiro que reparte a “contribuição” da “fogueira santa”. Porque entre os “éticos” do discurso fácil existe as duas modalidades: os asnos e os estelionatários. Um viva à Igreja Política dos Santos Escrupulosos…. Vai ler Max Weber ética protestante e o espírito do capitalismo que descobrirá que os maiores pilantras da Nação usam “hábitos de freira”.

        Responder

          Torres

          16 de outubro de 2016 às 11h49

          Não compactuo com bandidos de nenhuma espécie apenas por não querer escolher um bandido pra chamar de meu.
          Quero apenas viver.
          E no caso, discordo muito das políticas do PT e da esquerda, que sempre se esquecem que para melhorar o social é preciso um mercado forte.
          Infelizmente…
          Lula fez certo…
          Daí veio Dilma…

          Mariana

          17 de outubro de 2016 às 01h33

          A crença no Mercado é um pensamento mágico… Base factual zero.. Agora você vai dizer que a crise financeira de 2008 aconteceu porque a Europa e os Estados Unidos são países “esquerdistas” (conheço o argumento circular que compõe o manual dos Koch)… A provocação sobre a leitura de Weber é porque falta muito pra sair da visão de mundo estreita que o contato diário com o discurso da “moda” reproduzido em massa produz. Tarot é menos místico. É o mesmo sentimento de apatia ao entrar em uma livraria de shopping, haja leitura rasa. Imagino que vir ao texto do Bajonas e acusar Lula de acordos criminosos deve trazer alguma satisfação espiritual para o purismo mercadológico e a leitura rasa da manchete matinal. AFINAL DE CONTAS, VOCÊ ESTÁ AQUI PRA CUSPIR SENSO COMUM, mas não está na caixa de comentários do blog do Reinaldo Azevedo

          Torres

          17 de outubro de 2016 às 02h20

          Mariana, estou mais para fatos.
          Lula fez acordos criminosos.
          Quanto à crença em mercado ou em Estado, penso que ambas são idiotices.
          Prefiro não crer em nada.
          O Estado tem seu papel, e pode fazer muito bem ou muito mal.
          O mercado mesma coisa.

        Renata Lucas

        20 de outubro de 2016 às 04h12

        Certamente defendo pessoas que supostamente transgrediram a lei e as que transgrediram de fato contra a sanha punitivista, porque, em um Estado Democrático, elas têm direitos e não podem ser submetidas ao arbítrio de nenhum justiceiro. Também tento ver a questão do combate à corrupção do ponto de vista das intencionalidades e das consequências políticas. Todo esse processo foi movido por atores com intenção política e, certamente, não foi o desejo de tornar o mundo um lugar melhor e mais honesto que os moveu. Tentar fazer uma leitura dos interesses em jogo e dos vetores políticos de suas manobras é importante. Aceitar essas narrativas moralizantes sem filtro é servir de massa de manobra. Olhe para onde essa onda “espontânea” de combate à corrupção nos trouxe: o Brasil desestabiliza sua democracia, a justiça brasileira passa por um processo de fascistização, empresas e setores estratégicos para o país estão se desfazendo com prejuízos brutais para a economia, a população está apática diante da perda de direitos por conta de manipulação midiática anti-PT, o campo da esquerda está enfraquecido, a plutocracia pôs seu plano de governo anti-democrático para funcionar a pleno vapor e voltamos para a órbita geopolítica americana… E você acha que todo esse processo vai de fato contribuir para tornar o pais menos corrupto? A corrupção se agrava em todos os sentidos, embora o espetáculo punitivista vá apresentar presos e cifras para o entretenimento dos espectadores desatentos.

        Responder

          Torres

          20 de outubro de 2016 às 11h16

          Não se esqueça dos condenados que o PT trata como heróis.
          A questão é política mas ali não há nenhum inocente.

          Torres

          20 de outubro de 2016 às 11h22

          Defenda Cunha.
          Ele está na mesma situação.
          Preso preventivamente.
          Eu prefiro eles na cadeia.
          Todos sabemos que são ladrões.

          Renata Lucas

          21 de outubro de 2016 às 02h13

          Está com direitos violados? Defendo também. Temos que pensar no que estamos criando como cultura institucional para o país e não em fulanizar a justiça. Você pode preferir pessoas na cadeia, porque isso satisfaz simbolicamente seu desejo de fazer justiça, mas não é isso que vai mudar rigorosamente nada em direção a uma sociedade mais justa. Ao contrário, as mudanças reais ocorrem no campo do debate político e, portanto, demonizar ou desprestigiar a política não é um bom negócio para nós.

          Torres

          21 de outubro de 2016 às 09h09

          Cunha pode usar os mesmos argumentos de que a prisão é desnecessária.
          E apenas isso.
          Todos os presos são muito bem tratados.
          Se trata de uma verdadeira prisão de luxo.

          Renata Lucas

          21 de outubro de 2016 às 02h17

          Isso não significa defender impunidade, mas condenar justiçaria.

          Torres

          21 de outubro de 2016 às 09h12

          Cunha é culpado?
          Tem alguma pessoa ali que não mereça a prisão?
          Ali não tem nenhum inocente.
          Se realmente houvesse dúvida, concordaria.
          Mas se trata apenas da formalização de algo notório, o pessoal ali roubou.
          E portanto, merece a cadeia.

josecarloslima

16 de outubro de 2016 às 01h53

LULA É LIDER NO BRASIL, NA AMÉRIC LATINA E NO MUNDO – de forma que nossa elite não fosse tão bizarra e anti-povo, usaria do seu prestigio para alavancar o pais e construir um pais bom para todos, inclusive para ela zelite….mas burra até dizer chega, a nossa elite ignara faz exatamente o contrário: destroi a nossa economia para derrubar a presidenta eleita…e ao fazer isso apenas repette a história, mais uma vez…e tmbm lider da América Latina, muitos governos progressistas foram eleitos no continente com inspiração nele. No entanto estamos numa guerra que em nada difere daquela ocorrida na Libia palco da primavera do mercado demoniaco…a diferença é que na Libia o mercado sanguinario teve que disparar muitos misseis para vencer e em seguida se apoderar do petroleo…por aqui os misseis foram inimigos internos: Marcelo Tass cooptado pelo Depto de Estado de Hillary Clinton para fazer agitação no facebook e redes sociais, Zé Serra, Cunha, Temer, efeagáce…triste…

Responder

Rachel

16 de outubro de 2016 às 01h47

Você diz tudo: triste do líder que tem que lidar com uma massa de nível intelectual tão baixo e muitos dos que podem e devem ir para as ruas ficam nos teclados. Mas tem uma parte que está nas ruas quase que diariamente. Fomos ontem e vamos de novo dia 17/10., apesar de não sermos mais os 30.000 que fomos por duas ocasiões recentes. Não desistimos facilmente. De Floripa.

Responder

Marcos Omag

16 de outubro de 2016 às 01h02

Para mobilizar o povo é preciso um trabalho profissional de propaganda. Pode ser obtido com muito dinheiro e profissionais muito bem pagos como faz, segundo fontes fidedignas como a revista Rolling Stone estadunidense e a Agência Pública daqui, a Koch Industries e seus “think thanks” do Tea Party que orientam MBL e congêneres. Ou então, com muita criatividade e competência, compensando o dinheiro curto como faz a Mídia Ninja. O PT tinha uma combinação do melhor dos “dois mundos” (profissionais competentes e militância criativa) até o José Dirceu vacilar ao não “enquadrar” o conglomerado da família Marinho quando esta veio, desesperada e de pires nas mãos implorar por um socorro federal para cobrir o monumental rombo financeiro oriundo do rotundo fracasso da Globocabo. Veio o suposto “mensalão”, a saída de José Dirceu do governo e o desmantelamento da estrutura de propaganda do partido e do governo. Como se não bastasse, o ministro “republicano” da justiça da Dilma achava muito “republicano” a reorganização do outro lado no Instituto Millenium, cooptação da direita do Judiciário e suas consequências como o avanço do fascismo no país e o Golpe de Estado contra Dilma. Devemos nós mesmos criar a Resistência pois Dilma está sempre um passo atrás dos acontecimentos, o Diretório Nacional do PT é um paquiderme, assim como grande parte de sua representação parlamentar.

Responder

    Eliana Beatriz Sartoretto Matt

    16 de outubro de 2016 às 17h54

    Mais ou menos, Marcos. Você sabe que o “mensalão” não VEIO assim, simplesmente. E não entendo porque sempre se confunde esquerda com PT, como se fossem sinônimos… Acho que, no fundo, todos acham que o PT, apesar de tudo, é a única esquerda que conta. Será que a defesa do Lula é dever só dos petistas, ou só da esquerda, ou é de todos os democratas? Eu acho que é de todos. Mas está faltando uma (ou mais de uma) liderança se erguer e chamar. É claro que entre os dois turnos da eleição municipal fica mais complicado, mas é devido à essa complicação a mais que o momento preocupa.

    Responder

      Daniel

      17 de outubro de 2016 às 10h38

      O Golpe foi planejado em detalhes, inclusive observando as datas das olimpiadas e eleicoes municipais. Nossa direita e’ incapaz de planejar qualquer coisa, veja que a bomba estourou no colo da direita no Rio Centro em 1980. Eles seguem um projeto feito em Wall Street, muito bem elaborado, comecou em Junho de 2013. Para o sucesso do golpe os imperialistas sabiam que nossa direita e’ subserviente, entreguista e tem complexo de vira-lata. Muito simples, o que explica a viagem de Janot em fevereiro de 2015 ao US? Moro nao sai do US prestando contas? Outros foram mais descarados como Aloysio 300 mil. A midia venal e golpista cumpre seu papel, oculta tudo de ruim deste governo. Hoje li no Estadao que Temer passa no Japao para corrigir a trapalhada de Dilma. Nao faz nem sentido esta farsa, e’ gritante a execucao, foi bem planejada mas os atores sao pateticos. Sao erros grosseiros como o de Moro que so persegue o PT.

      Responder

    Daniel

    17 de outubro de 2016 às 10h25

    Escutar o Rui Falcao me da sono. Enquanto o PSDB tem o PIG para falar por eles.

    Responder

Isso Mesmo

15 de outubro de 2016 às 23h10

LULA VAI PASSAR O NATAL NA CADEIA. Vai passar sim e a coxinhada junto com os golpistas vão estar rindo a toa. Feliz natal com e Lula preso.

“Não se foca no fato, mas se foca na fofoca inspirada pelo fato.”

DA MESMA FORMA QUE:

Os comentaristas não focam no assunto do artigo (apatia da esquerda), mas se focam em que escreveu o artigo (esse rolo doido envolvendo e Um Eduardo Guimarães com um tal de Bajonas).

Não tem mobilização porque as lideranças não mobilizam. Pura e simplesmente. Teve um fora temer na minha cidade que para o meu espanto, a página informava só o dia do evento. NÃO INFORMAVA NEM O HORÁRIO E NEM O LOCAL. Como a minha bola de cristal da democracia estava quebrada, eu tive que perguntar ao amador que estava organizando o evento.

Não existe comunicação e vocês agradeçam aos blogueiros e a Mídia Ninja. Essa é a galera que não tem dinheiro e nem poder, mas que vem fazendo a diferença na luta. Os verdadeiros 300 de Esparta (em referência ao um outro artigo publicado). A UNE inventou de fazer uma pesquisa sobre a PEC 241, pasmem, nas universidades. A “massa do povo” que deveria ser abordada simplesmente ficou fora. Os mesmos público e umas técnicas arcaicas, em matéria de comunicação, essa esquerda precisa de um upgrade. Devem entrar coisas do tipo:

A agenda centralizada das manifestações e protestos em defesa da democracia é uma coisa óbvia, mas ainda não foi implantada. Um site ou blog que informe todos os eventos, dia, hora e local. Com abrangência nacional. Isso iria facilitar muito a vida dos movimentos progressistas.

Os blogs progressistas e as pessoas capazes de criar algum conteúdo devem
se organizar para construir uma forma de comunicação paralela. Tipo
um portal de notícias que fale todos assuntos. Futebol arte, economia,
curiosidades, etc. Se não tiver gente para produzir é só colocar a
noticia no portar, mas levar o link da matéria pra algum blogueiro
cadastrados, igual um agregador tipo Ocioso, Link Irado. Mas ai vai ter
que resolver os problemas de layout e ter fontes confiáveis. Se fizer
isso, dá pra sair divulgando porque tem muita gente que gostaria de uma
fonte paralela de informações confiáveis. Só não pode transformar o
portal em panfleto de esquerda porque ai as pessoas mais indefinidas de
política não vão acessar e vão continuar indo nos site Uol, IG, Yahoo,
etc. Uma fonte paralela e equilibrada. Não pra fazer as pessoas votarem
no PT e PSol. só para quebrar o monopólio do PIG que isso é o mais importante.

Infelizmente, quando deixo de lado a filosofia entreguista e proponho a tomada de ações práticas, me sinto aqui no blog falando com um monte de coxinhas (de mortadela)

Responder

    Ana Luiza

    16 de outubro de 2016 às 04h32

    O verdadeiro conteúdo que faz análises profundas da situação mundial é em inglês.
    Nossa mídia alternativa embora tenha sido elogiada por Pepe Escobar ainda engatinha e se restringe mais a reagir ao PIG do que criar conteúdo.
    Acho que já é hora de pararmos de usar este artifício antinômico que nos impuseram.
    Abraços

    Responder

    Macaquinho feio do bananal

    16 de outubro de 2016 às 13h25

    ele vai comer o PÃO que a Dilma amassou

    Responder

Antonio Passos

15 de outubro de 2016 às 22h55

Não vi ofensa grave nenhuma a ninguém. Além de tudo que estamos passando, se formos exercer “patrulhamento” nas críticas, aí vira hospício. Quanto à resistência é como eu sempre disse, não existe, só existe mimimi. E não é só do povo, porque este até se acha limitado em suas ações, mas especialmente das grandes lideranças nacionais (existem mesmo ?). Só se vê entrevistinha, artiguinho, declaraçãozinha, AÇÃO e CONFRONTO não se vê nenhum. E quando alguém usa uma linguagem mais contundente, ainda provoca mais mimimi.

Responder

Marcelo Pensador

15 de outubro de 2016 às 22h54

Lula, inocente ou culpado? Até agora duas correntes de pensamento, aqueles que querem endeusa-lo e aqueles que não aguentam mais ser vítimas pela inescrupulosa manipulação de todos os lados, queremos a verdade. Lula nem de longe é a alma mais honesta deste país, isto foi ultrajante a qualquer brasileiro.
A verdade está próxima e parcela deste mal irá ruir.

Responder

    Cláudia

    16 de outubro de 2016 às 12h32

    “A verdade está próxima”? Como assim, quem irá lhe revelar “a verdade”? Moro, por acaso? Se for, por favor, tire o “Pensador” do nome.

    Responder

barros camelo marcos

15 de outubro de 2016 às 22h50

Não sai às ruas apenas uma ou duas vezes para defender a democracia, mas dezenas de vezes e, mais recentemente, várias vezes em defesa do governo Dilma. Assim como eu, milhares de pessoas também foram às ruas tentando evitar que Dilma fosse afastada.
Nas manifestações vi estudantes, vi operários, trabalhadores, profissionais liberais, muitos jovens e também pessoas idosas e o pessoal do MST.
Porém, as massas, os mais pobres, as pessoas que foram beneficiadas pelos governos do PT, não se moveram. O povo ficou inerte e continua assim. O que fazer nesta situação?

Responder

    Rita

    16 de outubro de 2016 às 01h28

    Concordo com você, os pobres que mais se beneficiaram com o governo Lula, ficaram inertes, com medo de enfrentar a elite, mostrando sua covardia e ingratidão.

    Responder

    Mônica

    16 de outubro de 2016 às 01h33

    Verdade, a grande massa permaneceu inerte. Lembro de uma manifestação marcada para Copacabana antes da votação do impeachment na Câmara dos deputados. Contava-se com a presença de pelo menos 200.000 pessoas, porque houve convocação do Furacão 2000 e haveria show deles. No entanto, o morro não desceu e a manifestação contra o impeachment pôde passar despercebida.
    Enfim, o governo golpista navega em águas tranquilas e a prisão do maior líder político brasileiro de todos os tempos não deve mudar esse cenário.

    Responder

      josecarloslima

      16 de outubro de 2016 às 01h49

      e tmbm lider da América Latina, muitos governos progressistas foram eleitos no continente com inspiração nele. No entanto estamos numa guerra que em nada difere daquela ocorrida na Libia palco da primavera do mercado demoniaco…a diferença é que na Libia o mercado sanguinario teve que disparar muitos misseis para vencer e em seguida se apoderar do petroleo…por aqui os misseis foram inimigos internos: Marcelo Tass cooptado pelo Depto de Estado de Hillary Clinton para fazer agitação no facebook e redes sociais, Zé Serra, Cunha, Temer, efeagáce…triste…

      Responder

      Mariana

      16 de outubro de 2016 às 11h50

      No Rio é preciso pensar no significado das sucessivas prefeituras do PMDB… A realidade são os assassinatos e segregação do povo do morro. O que o povo do morro vai querer nesse bang bang? Sabe que seria bucha de canhão. Nesse cenário, ainda há “esquerda” que defende as UPPs. O povo do morro deve saber reconhecer “inimigos” e ser muito mais descrente que o povo da orla

      Responder

    Mariana

    16 de outubro de 2016 às 11h43

    Ir às fábricas, locais de trabalho, bairros da periferia e fazer trabalho de agitação e propaganda. A solução não virá de lamentos nas redes sociais. Falar com as pessoas vai te mostrar que elas estão intimidadas e esperando o apoio dos camaradas mais mobilizados

    Responder

Sebastião Calado

15 de outubro de 2016 às 22h44

O Eduardo Guimarães é uma jornalista sério, competente, e merece ser tratado com maior consideração. Não é um blogueiro qualquer — e vem pagando caro por essa seriedade, como sabem todos da blogosfera. A informação que ele publicou não pode ser considerada uma mera “fofoca”, nem deve ser tratado, de forma gratuita e jocosa, como “jornalista vidente”. O Bajonas está se empolgando muito com o que escreve, com essas ofensas que não se encontra em nenhum dos ‘blogueiros sujos”: “Fogo amigo” ? A quem interessa ?

Responder

josecarloslima

15 de outubro de 2016 às 22h40

Ana Luiza comentou e assino embaixo:
O nome do blogueiro é Eduardo Guimarães do Blog da Cidadania.
Não sei o motivo de não por o nome quando todos sabemos de quem se trata.
Acho bem injusto, e até covarde, esse tratamento dado ao Eduardo Guimarães como se ele fosse um tresloucado fofoqueiro. Se ele for, Bajonas Teixeira, peço a gentileza de ter a dignidade de mostrar dados para provar o ataque que você faz.
E, na próxima vez, decline o nome a fim de que aquele que foi atacado possa ter o direito da resposta.
Estaría a sociedade brasileira aprendendo com os Dallagnolis, Pozzoboms e fazendo pirotecnias acusatórias articulistas ao invés de powerpoint?
Está fogo! Todos atirando pedra em todos.
É assim que você quer reagir e é este o seu ativismo?
Seja ético. Ao menos ético pois precisamos muito desta virtude atualmente.

Responder

Hilario Muylaert

15 de outubro de 2016 às 21h27

Não esperemos que o “povo” vá às ruas. Ele não irá. Apenas parcelas esclarecidas das classes B e A, e de alguns setores terão a dignidade de se manifestarem.
Classes C e D —- maiores agraciadas pelos governos petitas —– são analfabetas políticas, em 99%…….
Esperava mais do Freixo, aqui no Rio. Campanha covarde. Num momento de virulento ataque da direita, Freixo “esconde” Lula, Feghali, Dilma, PT, PcdoB, e acaba por enfraquecer o campo progressista. Luta por hegemonia, protagonismo neste contexto adverso ???
Lamentável, Freixo. Melhor perder com altivez, do que perder temeroso de suas ideologias.

Responder

C.Poivre

15 de outubro de 2016 às 21h03

Deveríamos fazer como os argentinos: quando um juizinho de lá tentou prender Hebe de Bonafini, idosa líder das “Mães da Praça de Maio” uma multidão foi para a rua dela e impediu a polícia de executar a ordem de prisão. Diante da reação popular o juizinho, assustado, falou que ela poderia ir quando quisesse. Vamos tomar a rua onde Lula mora e seus arredores e impedir sua prisão e fazer uma grande concentração popular onde funciona a tal Farsa a Jato.

Responder

Fernando Santos

15 de outubro de 2016 às 20h58

tem toda a razão as ruas onde fica a casa do lula, deveriam estar cheias de gente!!!

Responder

Eliana Beatriz Sartoretto Matt

15 de outubro de 2016 às 20h46

Quanto talento desperdiçado! Chama o Miguel de volta porque deste jeito o Cafezinho vai afundar. Pelo visto, você “toca de ouvido”. Em primeiro lugar, não houve fofoca nem choro, mas um apelo vindo de baixo para cima a fim de despertar lideranças adormecidas. Em segundo, como nada se tem de concreto, se resolvêssemos acampar na porta da PF em Curitiba hoje, é possível que Lula venha a ser preso em seguida à nossa desmobilização. Quanto ao nível intelectual limitado das bases, não acho que vale a pena comentar com um esnobe apaixonado pela própria voz.

Responder

    Daniel

    15 de outubro de 2016 às 21h24

    Me desculpe, nem moro no Brasil, mas a esquerda que lutou contra a ditadura, da guerrilha de Genoino e outros brasileiros nao existe mais, eu sei que os tempos mudaram, mas a indignacao do golpe contra a democracia nao era para ter sofrido alteracao, na pratica sofreu, a guerrilha esta nos teclados, e nao vai haver vitoria, a esquerda a meu ver e’ mimimi mesmo, e’ o que sobrou, pois se a indignacao nao fosse virtual, aquele congresso teria sido cercado pela maioria que havia contra o golpe. Nao foram, eu mesmo conheco dezenas de intelectuais de esquerda que so sai do teclado para os botecos para discutir politica. Mas na pratica, sao guerrilheiros de teclados.

    Responder

Bajonas

15 de outubro de 2016 às 20h37

Caros
leitores, embora a reação geral ao artigo mostre que ele foi muito bem
compreendido, reproduzo um comentário feito na fanpage do Cafezinho com o
qual concordo inteiramente e que entendeu muito bem a minha intenção: Ana Cristina Montalvão Campos Não acho que foi provocação ou foi provocação sim, mas positiva. Há muito eu venho me angustiando com a inércia da esquerda, principalmente porque participo de grupos no face e no zap e vejo muita gente indignada, mas poucos deles saem às ruas em protesto contra o que tanto criticam. Venho tentando debater isso com eles, nos grupos, mas tem sido em vão, o debate não prospera. Gritamos e berramos dizendo que os fascistas não passariam e eles passaram. Passaram, e agora riem de nós, a esquerda mais burra que o Brasil já teve. A esquerda inerte, a esquerda que toda a diteita gosta. Eles não vão parar por aí, resta saber saber qual vai ser a nossa posição diante disso. Será que continuaremos nessa horrível apatia ou sairemos da nossa zona de conforto para a verdadeira luta? Isso só o futuro fora…

Responder

    Denise Bellesia

    15 de outubro de 2016 às 22h33

    Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. Pedir para os dirigentes do PT e dos movimentos sociais moverem o traseiro acho louvavel. Agora, execrar a militancia que esta nas redes tentando neutralizar uma midia golpista, aí é muita sacanagem. Nao gostei, me senti ofendida, ja que nao moro no Brasil e a internet é a unica arma que tenho para lutar.

    Responder

      Dulce

      15 de outubro de 2016 às 23h21

      O que você escreveu é incoerente. Você está dizendo que não pode ser criticada por usar as redes porque mora fora do Brasil. Então você deixa subentendido que o autor tem razão quando critica os que estão no Brasil e não saem as ruas. Mas o mais cômico é você ainda dizer que se sente ofendida. Amiga, por favor, tenha tento!!

      Responder

        Denise Bellesia

        15 de outubro de 2016 às 23h39

        Incoerente nao fui. Talvez voce tenha sido reprovada na materia “interpretaçao de texto”. Nao vou perder meu tempo. Bye!

        Responder

    João Luiz Brandão Costa

    16 de outubro de 2016 às 19h10

    Incrível. A minha percepção é justamente o contrário. Raramente vejo um artigo com essa taxa de restrições por parte dos leitores(*) Para sua auto-justificativa, – só pode ser – escolhe um dos comentários que vai no sentido de suas percepção dos fatos. Sr. Bujonas, não é o momento de querer prevalecer em suas opiniões, a despeito de tudo.. É hora, isto sim, de saber ouvir, analisar, tentar compreender e o porquê. É isso o que se impõe a um cientista social, neste momento crítico em que estamos.
    O Sr. incomodou pessoas. Aliás, se assim não fosse, não estaria a responder como respondeu. CQFD.
    (*) falo dos comentários outros que os dos imbecis, ditos trolls, de plantão, que graçam nos blogs progressistas.

    Responder

    felipe vicente

    16 de outubro de 2016 às 22h11

    Brasileiros vão às ruas na luta contra a ‘PEC do Fim do Mundo’
    Atos contra a PEC 241, proposta por Temer, estão marcados para os próximos dias. Em SP, a manifestação será na próxima segunda-feira (17), no vão livre do Masp

    (SITE DO PT)

    ENTÃO, VEM PARA A RUA VOCÊS TAMBÉM !

    Responder

Gerson

15 de outubro de 2016 às 20h14

Enquanto uns ficam na Internet colando carinhas, outros ficam escrevendo textos na Internet.

Responder

marco

15 de outubro de 2016 às 20h06

Pois senhor Teixeira.Concordo em muito com o que escreve aqui.Contudo devo dizer,que não li em todas as matérias que,como articulista desse blog,posta diariamente,NENHUMA CONVOCAÇÃO LIDERADA PELO SENHOR E NENHUM OUTRO contista de computador,para sugerir que fossem às ruas,as ” ESQUERDAS “? O que isso quer dizer ?Esquerdas?Na minha terra se chama esquerdo ou esquerda,de CANHOTO OU CANHOTA.Quem sabe o senhor e tantos outros que tem acesso aos BLOGS INSURGENTES,fazem uma campanha para que o POVÃO vá às ruas? O POVÃO, sr.Teixeira!Esquerdas? O que é isso ou isto? O POVÃO sr.Teixeira e não vamos nos depreciar com os apelidos que a reação nos põe! Ou socialistas ou BÁRBAROS!

Responder

Adriano

15 de outubro de 2016 às 18h52

Meus amigos, estou rindo bastante com a reação de alguns aqui. A esquerda parece que se tornou até incapaz de discutir. Não vi ataque ao blogueiro, nem o nome foi citado, nem o blog. Nada. Corretíssimo. E o Bajonas fala da esquerda , não de uma pessoa específica. Acho que até poderia, ou deveria, porque a livre discussão de ideias é um direito democrático que conquistamos duramente. E estamos perdendo porque o Temer disse que vai combater as redes que disseminam ideias. Pelo que sei quem não tolera discussões são sociedades autoritárias e os coxinhas bem incapazes de assimilar ideias. Mas tá parecendo que o apego emocional ao Facebook é que está doendo em muita gente. Não aceitam que o Face que amam de paixão e ficam ligados 18 horas por dia não seja a coisa mais linda que deus criou. ahahah

Responder

Sérgio Rodrigues

15 de outubro de 2016 às 18h32

Se Guerra for declarada estamos prontos pra luta!….Abaixo o golpe e o Estado de Exceção!…

Responder

João Luiz Brandão Costa

15 de outubro de 2016 às 18h18

O que está fazendo Sr. Bujonas, é proselitismo. ” triste do líder que tem como base massas de nível intelectual muito limitado.”. Uma citação usada isoladamente, com ares de inquestionável sabedoria política, e reparos à atitude das pessoas, feitas de cima, como quem olha o joga das tribunas. Tal citação, a ser tomada assim fora de contexto, não reflete absolutamente a história da humanidade – sim, a patuleia ser aborrece sim, quando está com fome – e o que normalmente acontece é que aí é que surgem os Jeanvaljeans e os Gravoches. Lenin não discursava para intelectuais, e Mao não teria feito a Grande |Marcha sem os miseráveis dos camponeses. Se o Sr. acha que as pessoas vão para rua e dispostos a tomar porrada, vendo TV tela fina e usando Smartphones e e laptops, é melhor esperar sentado. Não é por aí que a banda toca. Mas vamos chagar lá, dependendo – e contando – com a total inépcia política desses que estão no poder..

Responder

guilhermenagano .

15 de outubro de 2016 às 18h18

Bom milhões de pessoas sairam de casa p protestar CONTRA o PT e o Lula…

Responder

    JRenato M de Barros

    15 de outubro de 2016 às 20h18

    e muitos outros milhões o elegerão p presidente(ou quem ele quiser),em 2018.A direita fascista não tem um candidato minimamente decente,além do boçalnaro,kkk, ou o “santo” da opus dei – o Geraldinho Cantareira…Se sabotarem o Cara vão ter q engolir o Ciro Gomes!!Tipo, aceita que dói menos,kkkkk.

    Responder

Ana Luiza

15 de outubro de 2016 às 17h48

O nome do blogueiro é Eduardo Guimarães do Blog da Cidadania.
Não sei o motivo de não por o nome quando todos sabemos de quem se trata.
Acho bem injusto, e até covarde, esse tratamento dado ao Eduardo Guimarães como se ele fosse um tresloucado fofoqueiro. Se ele for, Bajonas Teixeira, peço a gentileza de ter a dignidade de mostrar dados para provar o ataque que você faz.
E, na próxima vez, decline o nome a fim de que aquele que foi atacado possa ter o direito da resposta.
Estaría a sociedade brasileira aprendendo com os Dallagnolis, Pozzoboms e fazendo pirotecnias acusatórias articulistas ao invés de powerpoint?
Está fogo! Todos atirando pedra em todos.
É assim que você quer reagir e é este o seu ativismo?
Seja ético. Ao menos ético pois precisamos muito desta virtude atualmente.

Responder

    Emir Mourad

    16 de outubro de 2016 às 13h08

    Assino em baixo! Seja mais autentico e pare de se achar o maioral!

    Responder

    Dulce

    16 de outubro de 2016 às 13h24

    FASCISMO SURTADO – Ana Luiza fico um pouco penalizada ao ver a sua
    “cruzada”. Você sem ter nada contra o Bajonas, começou a inverter os
    sinais. Não dá nem pra comentar a baixaria dessa moça. Desce o nível
    tenta até o bullying com o nome: “Bojonas”, “Bujonas”. Parece uma
    militante do Revoltados Online. Se ela é amiga do blogueiro, ela está
    cometendo um erro de leitura, ou falta de leitura: ele foi citado sem
    nenhuma agressão, en passant, e até as palavras mais críticas do
    professor foram dirigidas à esquerda como um todo, não a esse ou aquela
    pessoa. Outra coisa Ana Luiza, seu estilo de usar dados honestos de
    trabalho, que só serviriam para mostrar a seriedade do professor, a
    relação dele com o conhecimento e a pesquisa, envergonha todos nós.
    Lamentável. Caça às bruxas e macartismo é coisa de fascismo. Você deve
    ter ficado decepcionada por não ter encontrado no currículo do professor
    cargos comissionados, bolsas de pesquisas dadas pela Fapesp ou pelo
    Capes, assessorias de ministros do PT ou da sua “base aliada”. É isso
    mesmo. Eu olhei também, não tem nada disso não. E mesmo assim ele está
    participando da luta tendo publicado mais de 100 artigos desde o dia 04.
    Que vergonha a sua Ana Luiza.

    Responder

      Osmar Gonçalves Pereira

      16 de outubro de 2016 às 18h57

      E o que tem de errado com bolsas de pesquisa – que já estão afetadas, e serão ainda mais?

      Pelamordedeus…brigamos pelo osso enquanto o outro lado banqueteia.

      Responder

        Ana Luiza

        17 de outubro de 2016 às 16h42

        Sei lá! Não leio comentários assim não. Só passei os olhos.
        Tenho um que continuar uma tradução de um texto do Alliez e não tenho tempo.
        Impressionante o que se interpreta de intenções ocultas.. mas faz parte.

        Responder

      Galvão

      17 de outubro de 2016 às 18h27

      “Um blogueiro-vidente, que segundo os crentes costuma acertar, anunciou até a data, atribuindo-a a fontes fidedignas”. O Eduardo Guimarães já tem uma militância nos blogs ditos sujo, que merece ser respeitado, e não receber esse tipo de deboche.

      Responder

    Roberto

    17 de outubro de 2016 às 16h30

    Faço suas as minhas palavras. A corajosa atitude do Eduardo Guimarães foi FUNDAMENTAL para a mobilização contra o Savonarola Moro. Ocorreu até mesmo uma vigília cívica em frenta à casa de Lula, com a participação de mil pessoas. Foram mil pessoas que tiraram o traseiro da cadeira, desligaram os computadores e foram à luta.
    Eduardo Guimarães já havia sofrido acusações da grande mídia por antecipar o sequestro de Lula por Moro, sequestro batizado de “condução coercitiva”.
    O autor do artigo critíca sem dar nome, reclama que as pessoas ficam em casa “de olho fixo nas telas”, e no final recomenda a todos curtir… uma página do facebook!!

    Responder

      Ana Luiza

      17 de outubro de 2016 às 16h47

      Vim na página por que vi o seu comentário na Inbox.
      Pois é. O Edu tem acesso a muita gente
      E, por favor, só o Edu sabia?
      Acho triste para este blog aqui. Mas não é a primeira vez que acontece uma fato como este. Não será o último.
      Deixa prá lá e “é nóis”.
      O articulista está ocupado lendo… Deleuze? Não…
      hehe
      Mas precisamos continuar de olho pois esta situação tem que ser revertida.
      Abraços.

      Responder

      Alexandrealenc

      18 de outubro de 2016 às 16h56

      Realmente, se foi uma crítica, aceito. Mas o exemplo é péssimo – quer apenas vender seu produto. Chama-se oportunismo, se você não sabia.

      Responder

        Roberto

        19 de outubro de 2016 às 15h47

        Vender seu produto? Os produtos que o Eduardo Guimarães vende são peças para veículos agrícolas. É essa a profissão dele. O Blog da Cidadania não dá lucro, ao contrário, dá preju.
        Este blog, por outro lado, é feito por pessoas que têm aqui sua profissão.
        Quanto a criticar o Eduardo, Merval Pereira e outros cachorros amestrados do PIG já estão fazendo isso. Acho que os blogs de esquerda não precisam se juntar à turbamulta.

        Responder

          Ana Luiza

          22 de outubro de 2016 às 20h31

          Não conhece e não gosta.
          https://www.youtube.com/watch?v=vtklzINAhBA
          Nossa, agora estou sendo mediada pelo O Cafezinho… humm
          Não me faz falta. O absurdo é a falta de apreço ao trabalho de pessoas dignas.
          Achincalhar pessoas ética? Não.Miguel. Está errado.
          Tem muito trabalho a ser feito e assunto é o que não falta. Este artigo,? Completa falta de responsabilidade e altamente perigoso.
          Não é este o jornalismo que faz a resistência.
          O nome é bem significativo.

    J. Sculder

    19 de outubro de 2016 às 01h14

    Concordo . Tratamento deprimente dispensado a Eduardo Guimarães .Um dos blogueiros mais sérios, honestos e comprometidos com a verdade que leio . Além disso , o autor deste post , Bajonas Teixeira , foi infeliz ao duvidar da e subestimar a capacidade de mobilização da esquerda em torno de Lula .
    O alerta de E. Guimarães , que li , não me pareceu nada de profeta louco . Pelo contrário . Trazia impressões que faziam parte dos temores e suspeitas de muita gente da esquerda , além de trazer forte consciência aos militantes .
    Eu mesmo estava com forte palpite de que aconteceria a prisão de Lula na 2ª feira ou até mesmo na sexta feira anterior.

    Responder

Marinalva

15 de outubro de 2016 às 17h42

Estou aqui sempre a postos, aguardando as frentes de mobilização me convocar pra rua. Cá, com meus 63 anos, costumo dizer que até nas armas pegaria se houvessem as condições subjetivas para tanto. Enquanto isso, contrapondo o conservadorismo crescente, procuro engrossar as fileiras do debate em defesa de uma sociedade democrática, soberana, justa e igualitária.

Responder

    cousinelizabeth

    16 de outubro de 2016 às 21h52

    Com meus 62 anos, estou na mesma situação. A postos, já participei de todos os atos contra o golpe e estou pronta para o que der e vier. Nossa geração sabe o que vem pela frente pois já o viveu. Enquanto isso, gostaria de ver o debate democrático crescer cada vez mais.

    Responder

Catarina ZS

15 de outubro de 2016 às 17h22

O incrível é esta página não ter percebido que milhares já saíram às ruas, inclusive para defender Lula e nada disto importou. Segue-se a demonização do Lula, do PT e da esquerda, e segue-se o golpe que dia a dia nos tira direitos a despeito de qualquer manifestação das ruas ou das redes sociais. A morte física e simbólica de Lula não é novidade, é óbvio e Ciro Gomes já até falou em asilo político.
O artigo diz ” Ao invés de tagarelarem sobre a data dessa possível prisão, deveriam pensar sobre o
que ela representaria.” A fantástica análise que se segue já foi feita à exaustão. Muito fácil criticar “a esquerda”. O que você propõe?

Responder

    Ana Luiza

    15 de outubro de 2016 às 17h50

    Pois é, que horror este artigo. Mas desconheço o trabalho do articulista Bajonas Teixeira.
    Então me calo e falo apenas deste artigo.

    Responder

    Dulce

    15 de outubro de 2016 às 19h56

    Catarina, acho que você está desinformada. Por favor, leia a resposta que o Bajonas deu a um comentário grosseiro na fanpage do Cafezinho: “Prezado Joel, pelo seu vocabulário, normalmente usado pela direita, creio que você é um provocador inserido aqui no Cafezinho. Mas, para que outros não sejam iludidos, deixo claro o seguinte: desde o dia 04 de março, data da condução coercitiva de Lula por Moro, escrevi mais de 100 artigos em defesa do Lula. Para lê-los, e contá-los um a um, basta ir ao site do Cafezinho e inserir na pesquisa o nome Bajonas. Por outro lado, há pessoas que estão por aqui pagas pela direita para fazer confusão. Julgo ser o seu caso. E, se não for, creio que então é um caso ainda mais grave e mais digno de atenção. Abraços”.

    Responder

    Vitor Sorenzi

    16 de outubro de 2016 às 16h24

    O que ele propõe eu não sei. Eu proponho pendurar meia duzia de golpistas-chaves pelo pescoço em praça publica como exemplo.
    “Se seu inimigo define que não existem mais regras, então legitima defesa é o que nos resta”

    Responder

julia

15 de outubro de 2016 às 17h16

ta chegando a hora de o chefe do mensalao pagar pelo seus crimes depois a dona marmota tambem tem que pagar por te assaltado o pais-pra mim a marmota causou mais mal do que o proprio lula pois ela ferrou o pais com suas pedaladas fiscais

Responder

    Roger

    15 de outubro de 2016 às 17h40

    PUT@ Q O PARIU!!!! Quanta imbecilidade!

    Responder

      katiusca

      15 de outubro de 2016 às 18h42

      tu é bronca ou é bobinha manipulada? não entende o que está em jogo?

      Responder

        Roger

        16 de outubro de 2016 às 12h27

        bronca ou bobinha manipulada? o que significa isso?

        Quem foi julgada por cometer as pedaladas fiscais foi a Dilma, e depois, descobrimos que nem isso ela fez. É bom pensar um pouco antes de escrever qualquer coisa.

        Responder

    Regina Canto

    15 de outubro de 2016 às 19h55

    Julia, vc está acreditando no discurso político dos golpistas. A questão é muito mais ampla pois isto é somente desculpa para impor ao país as piores medidas para a classe média deste país .

    Responder

      julia

      15 de outubro de 2016 às 21h46

      que desculpa amigo olhe as noticias e veja os fatos vou citar aqui apenas um fato: a caixa esta processando ou processou o governo por causa dos repasses que foi obrigada a fazer sem receber do governo para isso

      Responder

    Gerson

    15 de outubro de 2016 às 20h21

    Ferrou o pais com suas pedaladas fiscais? Tu realmente pensa isso mesmo ou é sacanagem? Tu sabe o que foi tratado nas ditas pedaladas fiscais? Tu sabe que dois dias depois de derrubarem a Presidenta o mesmo Senado tornou legitimo as pedaladas fiscais? É por causa desse nível de desinformação que os golpistas se deram bem. Parabéns pelo teu comentário (modo irônico ligado tá, senão é capaz de pensar que é elogio).

    Responder

      julia

      15 de outubro de 2016 às 21h55

      O texto autoriza o governo a reforçar, por decreto, até 20% do valor de uma despesa prevista no orçamento de 2016, mediante o cancelamento de 20% do valor de outra despesa se foi isso que voce chama de legalizar esta errado pois essa lei ja existia porem com uma taxa menor 10%

      Responder

Eduardo Guimarães

15 de outubro de 2016 às 17h32

Para auxiliar no debate respeitoso que você levantou sobre mim no seu blog, Miguel http://m.oglobo.globo.com/brasil/pf-vai-investigar-vazamentos-sobre-24-fase-da-lava-jato-18805407

Responder

mariana

15 de outubro de 2016 às 17h31

o que falta para o Pais é uma mão forte de um forte General.

Responder

samuel macdowell

15 de outubro de 2016 às 16h30

os golpistas souberam se organizar e conquistaram o espaço político para tramar e executar o golpe. se a esquerda não se unir vai ser difícil fazer uma contrapartida.a única possibilidade que temos é formar uma frente de esquerda unida, suprapartidária e não hierarquizada, cuja principal finalidade seja defender o estado democrático de direito e a manutenção das políticas progressistas, aquelas que buscam o bem maior e não a satisfação dos interesses mesquinhos. essa discussão existe, já vi vindo de vários expoentes da esquerda, inclusive o lula. mas até agora ela ganhou pouco espaço.. talvez fosse o bom momento para refletir sobre a sua necessidade e fazer alguma coisa para sua concretização.

Responder

Kleyton Laia

15 de outubro de 2016 às 16h17

Ok Bajonas. Já que os seguidores são acomodados, o que você ativista de plantão, veterano de protestos sugere além de apenas escrever e mostrar sua indignação? Onde, a meu ver, é o mesmo que muitos de nós fazemos…

Responder

    Ana Luiza

    15 de outubro de 2016 às 17h51

    Vai cair de pau em outros blogueiros de esquerda sem citar o nome.

    Responder

márcia Julita f Santos

15 de outubro de 2016 às 16h13

O que me espanta é que criamos uma sociedade covarde.Em 64 não aceitamos a ditadura,houve luta,houve mortes mas não abaixaram a cabeça.Vejo meu país sendo tomado por um judiciário sem vergonha e parcial.Que tira direitos,mente,distorce e ninguém os enfrenta.Vejo o povo indo para o matadouro sem seus direitos,enquanto eles permanecem com todas as suas mordomias.Isso vai ser pior que a ditadura,pois aqui a ditadura,está disfarçada de democracia e não temos a quem reclamar.Só um levante do povo,pode mudar isso.

Responder

    Ana Luiza

    15 de outubro de 2016 às 17h40

    “O que me espanta é que criamos uma sociedade covarde. Em 64 não aceitamos a ditadura,houve luta,houve mortes mas não abaixaram a cabeça.”
    Peraí, não se organizou em menos de um ano nenhuma resistência.
    Foram anos de resistência. A mesma classe do povo que apoiou a ditadura em 64 faz o mesmo agora.
    Sociedade covarde? Seria mais uma população mundial covarde ou para circunscrever um ocidente covarde pois não está fácil em país nenhum.

    Responder

    Hilario Muylaert

    15 de outubro de 2016 às 21h42

    Nada disso. Em 1964, ou melhor, a partir de 1969-1970 é que houve alguma resistência; nunca por parte do povo. Intelectuais, estudantes, poucos sindicalistas, etc….. Jango “abandonou o barco”, deixou Brizola e outros na “roubada”.

    Responder

      Vitor Sorenzi

      16 de outubro de 2016 às 16h17

      Tambem, com o povo que temos, não foi surpresa antes e não será agora;

      .

      Responder

        Zeka Zeka

        17 de outubro de 2016 às 00h02

        Somos parte do povo! Somos assim….gostamos de paz. E isso é muito bom. Culturas de guerra de destruição são machistas e misóginas. Pense num país em guerra: as mulheres, crianças e idosos são os primeiros a sofrer e serem mortos. Quem tem dinheiro escafede-se de cara, se manda pra um país seguro. O resto fica refém. Esses abrutes que tomaram o poder morrem mais cedo mais tarde…em curto espaço de tempo tá tudo velho carcomido. Vamos enquanto isso fazendo o trabalho de formiga….educando um camarada por semana já é muito a fazer.

        Responder

      Zeka Zeka

      16 de outubro de 2016 às 23h57

      Leia a história de Jango e conheça mais dele. Jango preferiu se retirar a derramar sangue de inocentes. E refrescando sua memória: o GOLPE FOI MILITAR…e, lembre-se, quem tem as armas são eles.

      Responder

        Hilario Muylaert

        17 de outubro de 2016 às 10h08

        O golpe foi militar e civil, como pano de fundo a “guerra fria”. As Forças Armadas estavam divididas. Brizola solicitou a Jango que o nomeasse ministro da Justiça — o que foi negado. Haveria uma guerra civil ?? Sim. Jango optou pelo caminho do não enfrentamento aos golpistas. O que teria sido melhor ?? Fugir, ou enfrentar ?? De qq forma, questionando sua argumentação, houve repressão, milhares de mortos e desaparecidos.Torturas, censura, arbítrio, etc……..
        Na verdade, Brizola, em 1961, já havia prevenido Jango: se aceitar a introdução do parlamentarismo, “amanhã será derrubado”. E não deu outra.

        Responder

    Liz Matzenbacher

    16 de outubro de 2016 às 13h38

    Levante do povo, na democracia, é realizado nas urnas, e o recado foi dado à esquerda.

    Responder

      Jst

      16 de outubro de 2016 às 15h32

      o governo da hora foi eleito?

      Responder

        Liz Matzenbacher

        16 de outubro de 2016 às 22h10

        O da presidência foi. E provavelmente vc votou nessa chapa Dilma/Temer. Se ela errou, tinha que cair.E e ela errou muito, senão o desemprego não estaria desse jeito. Ela não tem desculpas para tds os erros e omissões.

        Responder

          Zeka Zeka

          16 de outubro de 2016 às 23h53

          Mais uma vez, Liz: vai se informar. DESEMPREGO DE 22% foi no DESGOVERNO do FERNANDO Henrique Babando. Os níveis de emprego do Brasil de Lula e Dilma são similares aos da França, ou seja 8%…12% estava quando essa TV GLOBO GOLPISTA ficou cantando crise quando estava tudo nos eixos. A merda é agora com essas POLÍTICAS ARCAICAS RECESSIVAS…só pra encher os bolsos desses OLIGARCAS, que já estão usando fraldas e insistem em ferrar o país antes de irem pro inferno.

          Liz Matzenbacher

          17 de outubro de 2016 às 01h04

          Cara, oligarcas, como queira, para mim são os empreiteiros que estão sendo presos. Demoro para começarem a punir os bandidos de colarinho branco. Fala de midia golpista e me mandou estudar né, pois vou te dizer uma coisa certa e simples: midia golpista existe dos dois lados. Se quer saber o nivel de desemprego real do FH babando pesquise no site do IBGE antes de falar qualquer dado que leu em algum panfleto. Segundo o IBGE dezembro 2001: 4,60; desemprego para chefes de domicilio: 2,60. Acho que estudar em blog não é a melhor opção zeka

          Mariana

          17 de outubro de 2016 às 01h13

          *Demorou

          Sobre FHC a experiência empírica de quem tinha mais de doze anos entre 1994 e 2002 é suficiente… Política recessiva, basta olhar pra Portugal, Itália e Espanha pra descobrir. A diferença é que o Brasil tinha reservas de petróleo TINHA… Não tem mais, agora pode ficar nas mãos na paz e no silêncio dos sepultados. Perspectiva sem “ouro negro” é de nunca mais, mas pessoas incapazes de compreender geopolítica nunca sairão do ABC do IBGE.

          Osmar Gonçalves Pereira

          17 de outubro de 2016 às 10h19

          Mariana, só não entendi a referência ao IBGE. A instituição e seus pesquisadores assim como o IPEA e os seus, prestam um serviço inestimável ao país. Ou prestavam, antes do golpe. porque a caça às bruxas já começou.

          Mariana

          17 de outubro de 2016 às 19h03

          Foi em resposta ao comentário que reduziu o problema do desemprego atual à conferência de estatísticas no site do IBGE… Não foi desfazendo da importância estratégica desses órgãos, mas da compreensão parcial que compara números do desemprego no fim dos anos 90 com o atual. Em um momento de retração mundial e diminuição do ritmo de crescimento da China comparação das taxas atuais com as taxas do gov FHC parece descabido. IPEA e IBGE são importantíssimos com certeza. Minha crítica foi ao argumento de que o desemprego agora é maior que nos anos 90… os números não informam, por exemplo, a correlação entre a destruição da indústria naval, de toda cadeia produtiva envolvida na construção do submarino nuclear brasileiro e o aumento do desemprego.

          Liz Matzenbacher

          17 de outubro de 2016 às 14h51

          Experiência empírica, reservas de petróleo, ABC do IBGE…você só pode estar de brincadeira. Senhora, vai ver o que aconteceu com a Petrobras, no que ela se transformou, quanto ela vale hoje. Foi a corrupção sim. Não precisa de experiência empírica para sentir que nos anos de Fernando Henrique Cardoso (não estou defendendo) o desemprego era muito baixo perto de hoje (pós Dilma). Os dados podem gerar muitas discussões, mas o do nível de desemprego do IBGE reflete o que vemos na rua hoje.

          Daniel

          17 de outubro de 2016 às 10h30

          Desculpe cara intelectual, acabo de jogar meu doutorado no lixo. Vou pedir o mesmo para os maiores catedraticos do Brasil, nosso maiores cientistas, nossos maiores escritores, todos somos analfas, incluindo nosso maior acervo cultural da musica, literatura, teatro nosso Chico Burque, e vamos trocar tudo pela sua exuberante inteligencia e do seu idolo intelectual mor, Alexandre Frota. Give me a break cara mia?

          Liz Matzenbacher

          17 de outubro de 2016 às 14h55

          Desculpe Daniel, está falando isso para quem? Não deve ser, pois sou muito brasileira e valorizo muito a cultura do nosso pais. Alexandre Frota, nem sei quem é e o que faz.

      Osmar Gonçalves Pereira

      16 de outubro de 2016 às 19h03

      Raciocínio deveras interessante…agora me explica o que fizeram com os votos que legitimam a Presidenta Dilma?

      Responder

        Biana

        16 de outubro de 2016 às 19h40

        E também os votos que ” mudam ” de endereço na Matemágica do Legislativo

        Responder

          Liz Matzenbacher

          16 de outubro de 2016 às 22h05

          Biana, mudam como o povo muda. As pessoas não vendem votos por aí. Não seguram bandeiras (em tds os partidos) em troca de dinheiro? Sim, eles são uma pequena amostra de nós.

        Liz Matzenbacher

        16 de outubro de 2016 às 22h03

        Caro Osmar, a Dilma errou muito, foi negligente com os problemas do Brasil. A crise está muito feia. Era a hora dela sair. Se erro muito no meu emprego, meu patrão me demite. O patrão dela somos nós, representados pelo legislativo. Não adianta, os políticos são um reflexo de nós todos.

        Responder

          Zeka Zeka

          16 de outubro de 2016 às 23h48

          Essa nossa Esbórnia tem uma forma de governo e é o PRESIDENCIALISMO. Não confunda com isso aí que vc prega que é uma outra forma de governo.
          O Fernando Henrique Babando ferrou com os brasileiros Liz, e nem porisso foi deposto, perseguido e maltratado. Deixe a preguiça de lado e compare os números dos governos do PT e desses governicos (sempre pedindo penico pro FMI) que vieram antes. Macri tá aí ao lado ferrando os argentinos com essa politicazinha econômica neoliberalismo que mais é uma política de fundo de quintal. Mais uma vez vai se informar e estudar.

          Mariana

          17 de outubro de 2016 às 01h07

          Onde o analfabetismo político impera: dentro da classe média que se acha iluminada e pensa que seus conceitos do senso comum significam alguma coisa. Zeka, sua resposta é perfeita, mas nunca levará à reflexão as panelas da varanda gourmet… Em um comentário hoje mais cedo falei pra não gastarem vela com defunto ruim, sair das redes sociais e falar com os trabalhadores, esses sim capazes de compreender a linguagem econômica da PEC 241 e da condenação da Iozzi por criticar o Gilmar e outras coisas que batedores de panela não conseguem compreender

          Jose Toquinho

          17 de outubro de 2016 às 07h45

          No fim somos apenas uma grande massa de manobra sendo estimulada por discursos retrogrados que fazem com que grande maioria que ñ tem nenhum intendimento politico fiquem parados sem saber pra onde ir,sempre tem um ou outro querendo estimular partido A ou B quando na verdade deveriamos ser mais patriotas .

          Liz Matzenbacher

          17 de outubro de 2016 às 14h43

          Concordo plenamente Jose

          Daniel

          17 de outubro de 2016 às 10h21

          Nao funciona assim o sistema presidencialista, vem passar uns anos no Canada, vai voltar civilizada e ver que mora no Pais onde existe a elite e a imprensa mais atrasada do planeta. Desculpe, eu vejo voce como uma atrasada. Pensa como uma atrasada. Tipico classe media midiotizada. Ja comprou a ultima moda da Globo para a mesa de jantar?

          Liz Matzenbacher

          17 de outubro de 2016 às 14h41

          Me desculpa, quem votou nessa última eleição não foi a elite. Foram todos os brasileiros. E o recado foi dado, queremos mudança e não queremos mais a esquerda governando. No Brasil o governo deles foi um desastre, o do Lula pode não ter sido, mas o da Dilma foi. Canada, muito me surpreende um brasileiro que mora em outro pais, que não está sentindo o desemprego na pele chamar as pessoas que estão aqui de atrasadas. Concordo em parte, somos mesmo, mas preferi ficar aqui no nosso pais, e como diz o José acima, lutar pelo que é nosso, ser mais patriota. Não tenho nada contra quem mora no exterior, mas você não sente na pele a crise que estamos passando. Pais de família desempregados. Não estamos falando de elite não. Esta, pode ter certeza, está viajando pelo mundo.

    Jst

    16 de outubro de 2016 às 15h31

    Concordo com você.
    Nós, brasileiros, somos um povo sem sangue nas veias e vergonha na cara. Não prezamos o respeito às regras estabelecidas, à democracia e o estado de direito.
    E é por saberem disso que os bandidos no governo fazem o que fazem. Sabem que não haverá reação.
    Para mim, o principal responsável pela alienação do povo brasileiro é a globo que há 51 anos investe dia e noite no emburrecimento da população.

    Responder

    Biana

    16 de outubro de 2016 às 19h36

    Em 64 e diretas, não tinha a internet, eram as ruas ou nada. A comodidade da internet para expressar ideias e buscar informações, ‘esfria’ a curiosidade de ‘sair’ em busca delas. Os universitários de hoje não enxergam o que está a ocorrer com seu futuro profissional ‘achatado – negociado acima do legislado’, pois terá que arcar com seus pais ‘mal-aposentados’ e seu filho único sem acesso a escola, e todos, sem SUS , ‘planinho popular’….como lá em Bangladesh….

    Responder

Rodrigo Lima

15 de outubro de 2016 às 15h57

Gostaria de saber, então, qual a alternativa que o articulista propõe. Meter o pau é tão fácil quanto dar like no facebook.

Responder

    Adriano

    15 de outubro de 2016 às 16h01

    O articulista deixa bem claro o que ele pensa que devemos fazer. O problema é que até ler já está se tornando uma missão impossível: “O que espanta não é isso. O que espanta é ver que centenas de milhares de pessoas que poderiam sair às ruas ficarem em casa, de olhos fixos nas telas, curtindo com carinhas lacrimosas e compartilhando posts, memes, e outras baboseiras de pouco ou nenhum valor.”

    Responder

      Kleyton Laia

      15 de outubro de 2016 às 16h21

      Fazer alguma coisa todos querem. O problema é que Bajonas se colocou em um pedestal de conhecedor da causa, logo deve ter ideias de como iniciar uma mobilização. Caso contrário, está apenas fazendo aquilo que os alvos de sua crítica fazem: ficar de olhos fixos no facebook.

      Responder

        Adriano

        15 de outubro de 2016 às 16h32

        Não seja bobo rapaz, todo mundo entende quando se fala na falta de mobilização, que ele está criticando as lideranças que não estão fazendo o chamamento para as ruas. É isso que o Bajonas está dizendo. Olha essa leitora que escreveu na fanpage do Cafezinho e vê se compreende: “Selma Amorim – Ninguém sai de casa sem que haja mobilização, um chamamento. Cadê as lideranças dos movimentos sociais? E a esquerda brasileira, cada um preocupado com os “respingos” negativos a influenciar suas campanhas do segundo turno. Enquanto isso, a caçada avança arquitetando o momento propício para o golpe fatal. E o que restou dos partidos de esquerda e lideranças dos movimentos sociais, observamos uma imobilidade, esperando a hora derradeira para derramar sobre o caixão a lágrima vermelha da resistência perdida. É só a impressão de uma pessoa leiga, mas que tem acompanhado e observado os fatos e tropeços desse momento frágil da democracia brasileira.”

        Responder

          Ana Luiza

          15 de outubro de 2016 às 18h00

          Dei uma rápida “googlada” no Bajonas Teixeira, e, já que estamos tirando conclusões fofoqueiras, me parece que ele é um daqueles bachareis em ciencias sociais com uma dissertação de mestrado em filosofia mas que passa rasante quando a estória é lidar com fatos na real.
          Pelo Facebook, perfil fechado, o articulista flerta com as artes plásticas de maneira bastante… como direi.. simplista. Rabiscada. Vamos ver o que vai dar isso.
          Mas que a foto dele tem que ser trocada tem.
          Parece que fumou todos.
          Desculpe Bajonas Teixeira, mas é o que me inspiras.
          Abraços republicanos.

          Ana Luiza

          15 de outubro de 2016 às 18h06

          Aqui o perfil do Bojonas para quem não conhece como eu:
          Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal Fluminense (1986), mestrado em Filosofia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1992) e doutorado em Filosofia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1999). Recebeu em 2000 e 2001 premiações do Ministério da Cultura por ensaios sobre a cultura brasileira. Atualmente é professor Associado IV da Universidade Federal do Espírito Santo, exercendo suas atividades no Departamento de Comunicação Social. Seu campo de investigação atual envolve a filosofia, as ciências humanas e o cinema. Além disso, tem interesse nas questões relativas à consolidação do estado de direito democrático no Brasil, e dos temas referidos ao momento atual da sociedade brasileira: cultura, educação, corrupção, violência policial, opinião pública, mídia política, representação, partidos, etc. Publica com relativa frequência artigos na imprensa alternativa.
          Informações coletadas do Lattes em 15/09/2016
          Então vez ou outra ele comete um artigo. Entendi. Explicado.

          Dulce

          15 de outubro de 2016 às 20h12

          Ana Luiza que coisa estranha o que você está fazendo. Você tá fazendo caça as bruxas com informações do trabalho do professor que são públicas e não tem nada de errado. Será que você não admite que o Facebook possa ser ironizado por alguém? Acho que a ilusão de poder que a internet nos impingiu é uma grande furada, que vai nos custar muito caro. Pesquisa no Cafezinho que você vai ver que ele publicou mais de cem artigos em defesa de Lula nesses meses do cão. A polêmica que ele faz, talvez você tenha notado, sem citar nomes e sem ofender pessoalmente ninguém é de algo nível. Toma tento sua louca.

          Ana Luiza

          16 de outubro de 2016 às 04h23

          “Você tá fazendo caça as bruxas com informações do trabalho do professor que são públicas e não tem nada de errado.”
          Isso mesmo “informações públicas” que muitos desconhecem.
          Quanto aos ad hominem não se aplicam.
          Também sou professora. Não é salvo conduto para ninguém muito menos atestado de QI, QE e QD.
          Abraços insanos.

          Kleyton Laia

          15 de outubro de 2016 às 22h11

          Talvez o bobo não seja eu, pois não estou direcionando o cenário à meu favor pra construir um argumento defendendo sem motivos coerentes que apenas Selma acompanha os desdobramentos de Lula x Lava-jato.

          E outra, seu texto é gigante, boa parte repetindo o que Bajonas escreveu lá em cima em que eu li há poucas horas, finalizando com um comentário que não se sustenta, onde no mínimo, todos aqui que responderam estão devidamente interessados no assunto igualmente, senão não estaríamos aqui debatendo.

          Abraços.

      Roberto

      17 de outubro de 2016 às 16h34

      O que devemos fazer é o que o blogueiro Eduardo Guimarães fez: denunciar, gerando mobilização, inclusive uma vigília cívica de mil pessoas.
      Além disso, o que o autor deste artigo não disse (talvez nem saiba) é que a CUT e outras centrais sindicais estão preparando uma GREVE GERAL.

      Responder

        Ana Luiza

        17 de outubro de 2016 às 16h51

        É um espanto que uma pessoa ética como o Eduardo que ficou com dramas de consciência se devia postar ou não sofra este tipo de ataque.
        Mas aí é um problema nem mais do articulista.
        É um problema do blog.

        Responder

Deixe um comentário

O 2021 de Bolsonaro O 2021 de Ciro Gomes O 2021 de Lula Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade