Genial/Quaest: Veja os números da corrida pelo governo da Bahia

Hora de colocar os pingos nos ‘is’ do termo ‘militonto’

Por Redação

27 de outubro de 2016 : 14h41

Charge: Latuff/ Brasil 247)

por Luciana Oliveira, em seu blog

Acho que é a primeira vez que recorro a esse termo pejorativo num texto, o recusei pela superficialidade e claro, porque só repito apelos que vão parar na boca de multidões que interessem a todos.

O colunista Reinaldo Azevedo enquadrou como “militontos disfarçados de pensadores” todos que denunciaram ilegalidades e perseguições judiciais seletivas e viram o processo de impeachment como golpe.

Quem não comprou sequer um adesivo do pixuleco foi rotulado como ‘petralha’, mesmo que não tenha roubado nada na vida.

Desde a eleição de Dilma Rousseff sou considerada ‘petralha’, afinal, de acordo com os pingos dos ‘is’ de Azevedo, não havia militonto na direita.

Passados cinco meses do governo golpista, chegou a hora de estufar o peito e perguntar quem realmente está com as faculdades intelectuais enfraquecidas e não se importa com a corrupção e a desordem.

Os golpistas, termo que faço questão de repercutir, transformaram os poderes em bordéis e a vida do brasileiro num inferno.

Nada melhorou, piorou e muito.

O mínimo em simplificação, basta.

O desemprego chegou a 11% em setembro, a inflação acumula alta de 8,48% nos últimos 12 meses, muito acima do teto da meta estipulada pelo governo que era de 6,5%, 21 estados e o DF têm escolas ocupadas por estudantes que protestam contra Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 241 que institui um teto de gastos para a União por 20 anos e o Senado está em pé de guerra com o Supremo Tribunal Federal.

De tudo que vai mal o que mais preocupa é a ruptura da “tranquilidade institucional extraordinária” que Temer teve a cara de pau de apontar como parte do cenário do país.

Sinceramente, gostaria de rir e torcer para que a briga de egos entre os poderes chegasse ao extremo, mas não consigo, afinal, sou ‘militonta’ que defende cegamente a Constituição Federal e a democracia.

Diz o ditado que “quando o mar briga com a praia, quem leva porrada é caranguejo”, por isso sigo pensando no país e no povo, independentemente de quem está no poder.

O governo golpista aprovou o congelamento de gastos em áreas essenciais como a saúde e educação, com a desculpa de que em tempo de crise não resta outra alternativa senão cortar ou frear gastos.

E o que foi esse aumento de até 47% para cinco categorias de servidores, um impacto de mais de R$ 2 bilhões em 2017, R$ 548 milhões em 2018 e R$ 574 milhões em 2019?

O que são os que apoiaram o golpe e se mantém invisíveis e silenciosos com o que acontece, senão militontos?

Chegou a hora de botar os pingos nos ‘is’ do termo dedicado generalizadamente à esquerda.

Estão com a cuca fraca ou vergonha?

As duas coisas.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

12 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Bruno Santos

30 de outubro de 2016 às 20h46

A esquerda tem que esquecer a direita!
Parar de aponta erros, sem corrigir os seus próprios!
A mídia sempre foi tendenciosa, sempre foi de direita. São moralistas, acham-se os donos da razão!
Não da para competir se a “opinião publica” não esta favorável!
tem que jogar o jogo, ou perdem!
estrategia!!!

Responder

Felipe lessa

28 de outubro de 2016 às 07h04

Direita, esquerda… A vdd é que o governo de Dilma ( Lula) só serviu para separar o país, colocar pé de raça, crença, ideologia e etc, uma contra as outras. Não fizeram nada que não fosse feito pelo diabo ” dá-se com uma mão e toma com a outra. É bem vdd que o pobre teve oportunidades e condições que antes nunca tivera. Mais tudo foi de um dia para o outro. E nós sabemos que não se chega do nada o céu de um dia para o outro. O único homem na terra que fez isso foi Jesus quando transformou a água em vinho e multiplicou o pão em um piscar de olhos.
O resultado da maquiagem esta estampado na nossa cara com o desemprego só aumentando. Só dois tipos de pessoas não enchergam. Os que não querem. E os que mamavam nas tetas do governo corrupto de alguma maneira. E não acredito que esse governo do temmer vá ser diferente ( que era vice da tão querida Dilma que vcs gritam aos 4 ventos que foi vítima de golpe )
Eu amo o Brasil, mais abomino essa divisão idiota e essa corrupção sem fim que nos cerca.

Responder

João Ribett

27 de outubro de 2016 às 18h36

Depois do golpe o Brasil ficou pior do que uma zona. Num puteiro, as regras estabelecidas são respeitadas!

Responder

Atreio

27 de outubro de 2016 às 18h03

bravos permanecem ao lado dos justos, aos canalhas restam os covardes!

volta dilma! sem crime , sme impedimento – não há outra alternativa justa.

Responder

antonio

27 de outubro de 2016 às 16h25

E A ESQUERDA BRASILEIRA ESBRAVEJA:
RENAN, GUERREIRO DO POVO BRASILEIRO !
KKKKKKKKKKKKKKKKKK

Responder

    Atreio

    27 de outubro de 2016 às 18h02

    és tolo. leia mais. tente amar alguem hj

    Responder

      antonio

      27 de outubro de 2016 às 18h25

      já amei uma linda baiana, pela manhã.

      PROCURAR UM ARGUMENTO AOS QUE DEFENDEM O ANTIGO REGIME É INÚTIL. ELES SÃO TORCEDORES APENAS.

      Responder

        Jst

        27 de outubro de 2016 às 22h07

        porque você não apresenta os argumentos de defesa do atual governo?
        Diz aí alguma coisa de positivo do governo temer? defenda-o.

        Responder

    Antonio Passos

    27 de outubro de 2016 às 18h23

    Xará, o governo de vocês tá um sucesso viu. A economia tá bombando, a inflação murchando… Ops, é ao contrário. Kkkkkkkkkkkkkk Vamos lá, mais umas PECs e a coisa engrena e dispara. Rumo ao abismo. Kkkkkkk

    Responder

Marcelo Gaúcho

27 de outubro de 2016 às 15h35

No Brasil tem prostituta que se apaixona, cafetão que sente ciúmes, traficante viciado e pobre que apóia a direita. Durma-se com um barulho desses.

Responder

marco

27 de outubro de 2016 às 15h28

Pois Senhora LUCIANA,li atentamente seu texto,e como um velhote que,como todos nós,tem lá suas vaidosas veleidades,que não confessamos publicamente,mas que as temos,devo dizer-lhe ao respeito,nunca ter lido nada de autoria do aludido jornalista,pois mesmo não conhecendo o que escreve ou pensa,não concordo com ele.Basta para isso,saber onde escreve.Quero afirmar-lhe que o mais preocupante no que a senhora me fez conhecer do que escreve ou pensa,são seus leitores.esses sim,pseudo fascistas,frustados fascistas,que não tendo onde expressar suas anomalias,o fazem nas ruas,onde o POVÃO ,esse sim que deveria ser foco de nossas preocupações,estão manifestando suas opiniões.Não creio nas teses,de POVO SÁBIO,pois muitos deles nem sabem pra onde vão,a não ser que alguém os oriente.Devo lhe afirmar também por isso,que VERMINOSE não se combate senão,com PADRAX,santo remédio da minha meninice,que acabava de vez,com os vermes.Para esse outro tipo de verme,os seguidores de tais teses,somente se acaba,COM AS ARMAS.

Responder

    Zenio Silva

    27 de outubro de 2016 às 18h24

    Mais um da turma do dr. Lins, personagem do barão de Itararé, que, tendo recebido uma nota falsa, esbraveja contra um suposto trocador que lhe tinha impingido a tal nota. O amigo que o escutava pede para ver a nota falsa, o íntegro dr. Lins diz ser impossível já que a tinha passado adiante… Nada como um guardião da moral de antanho a propor soluções de motoristas de praça!

    Responder

Deixe um comentário para Antonio Passos

Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro Janela Partidária 2022: Quem ganhou, quem perdeu? Caro? Gasolina, Gás e Diesel: A atual política de preços da Petrobrás As Maiores Enchentes do Brasil