Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Transpetro anuncia morte da indústria naval brasileira

Por Redação

28 de outubro de 2016 : 18h41

(Foto: Lançamento ao mar do navio Oscar Niemeyer, primeiro gaseiro construído pela indústria naval do Rio de Janeiro em 2013/ Agência Petrobras)

Comentário do blog: a Petrobras, sob nova direção dos golpistas, rejeita o trabalhador brasileiro e cancela a construção de 17 navios. Para eles é mais interessante importar as embarcações de países como China, Coréia do Sul e Cingapura, ao invés de construí-los aqui com mão-de-obra nacional. Uma “economia barata” que nada interessa ao desenvolvimento do país e favorece apenas os interesses dos acionistas. Lamentável.

***

Transpetro cancela 17 navios que seriam construídos em programa de expansão da frota

Programa previa 46 embarcações, tendo em vista que 17 foram entregues e 9 estão em construção

na Reuters

A Transpetro, subsidiária da Petrobras, cancelou a construção de 17 navios no âmbito do seu Programa de Modernização e Expansão da Frota (Promef), em meio aos cortes bilionários de investimentos de sua controladora, afirmou nesta quinta-feira o presidente da Transpetro, Antonio Silvino.

O programa, que previa a construção de 46 navios, foi um dos principais programas do governo Lula para a recuperação da indústria naval e geração de emprego e renda no país.

“Estavam contratados, mas nós decidimos rescindir os contratos”, afirmou Silvino a jornalistas, após apresentar uma palestra no congresso Rio Oil & Gas, no Rio de Janeiro.

Silvino destacou que outros três navios também poderão ser cancelados, uma vez que estão em construção no estaleiro Eisa Petro 1, que passa por dificuldades financeiras.

Ao todo são 46 navios no Promef: 17 foram entregues, 17 que ainda não tinham obras iniciadas foram cancelados, 3 podem ser cancelados (no estaleiro Petro Eisa 1) e 9 estão em construção em outros estaleiros.

Entretanto, o executivo frisou que ainda busca aumentar o fornecimento de serviços para a Petrobras, o que pode acontecer por meio de afretamento de navios. Segundo o presidente, a Transpetro só transporta 38 por cento do volume marítimo que a Petrobras contrata de cabotagem.

“O fato de cancelar 17 navios não quer dizer que não vai ter mais navio, estamos agora avaliando contratar mais navios… de cabotagem para afretar para a Petrobras”, afirmou.

MOMENTO DE TRANSIÇÃO

Também em virtude do corte de investimentos da Petrobras, a Transpetro vai buscar se tornar mais competitiva para atrair novos clientes no mercado além de sua controladora, segundo o presidente.

“Diante das perspectivas que nós vemos da Petrobras diminuindo investimentos… a Transpetro vem se posicionando para ser uma empresa cada vez mais enxuta em termos de competitividade para quando chegarem novos agentes, para cobrir esses investimentos que a Petrobras não vai fazer… que a gente possa estar pronta para atender, para competir”, afirmou Silvino.

A subsidiária da Petrobras está negociando um contrato de operação e manutenção com um consórcio liderado pela canadense Brookfield, que adquiriu da Petrobras 90 por cento da unidade de gasodutos Nova Transportadora Sudeste (NTS) da petroleira, afirmou o executivo.

Silvino evitou comentar quais os planos da Petrobras para a Transpetro em meio ao plano de venda de ativos bilionário da empresa. Contudo, disse que se a visão da Petrobras é se manter como uma empresa integrada de óleo e gás, da qual a Transpetro faz parte.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

50 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Torres

01 de novembro de 2016 às 14h25

Dilma segurou a crise e acabou por agravá-la.
Ela simplesmente ignorou os ciclos econômicos.

Responder

Torres

01 de novembro de 2016 às 14h23

Isso foi pra mim.
Entenda uma coisa, entreguismo é destruir uma empresa forçando sua atuação política.
A Petrobras foi entregue, perdeu valor, se endividou e quase quebrou.
Subsídio é do Estado.
A Petrobras não tem que subsidiar nada.

Responder

Torres

01 de novembro de 2016 às 14h20

Na verdade não compram da China.
Os EUA produzem lá.

Responder

Paulo Pacheco

30 de outubro de 2016 às 08h36

Porque os defensores da era (uma vez) pts são tão violentos e agressivos quando discutem política com as pessoas que têm outra opinião?
Não entendo isto!
Concordo plenamente com a análise do Torres.
Apesar de ser empregado da Petrobrás, sou consciente que a Empresa tem sido sangrada à exaustão, principalmente, no século atual, onde predominou o domínio petista.
Nos tempos atuais, qualquer empresa que queira sobreviver, precisa cortar custos, negociar preços de seus comodities, desinchar, etc.
Tudo em nome de sua sobrevivência em um meio altamente competitivo.
Não digo que tudo que não haverá desvios, porém, se conseguir-se 50% de sucesso, já teremos grandes resultados positivos.
Para a Petrobras e para o Brasil.

Responder

    Sérgio Silveira

    01 de novembro de 2016 às 14h29

    Primeiro porque voces o são há muito tempo com qualquer pessoa que, mesmo não sendo petista, concorde com eles!
    Segundo porque voces todos tem uma caracteristica básica adquirida por anos de leitura , audição e visão de produtos advindos do PIG e, não se dão conta disso… DESONESTIDADE INTELECTUAL!!
    Sabe o que é isso?? Distorcem a realidade até não poder mais para provar que o que é bom para o Brasil é PÉSSIMO, que quem é notório CORRUPTO não vem ao caso (Né, moro?) e quem não tem NADA CONTRA é o PIOR BANDIDO da HUMANIDADE e de TODOS OS TEMPOS…
    Ai, meu caro, fica dificil dialogar com seres inergúmenos como voces!
    Se até Jesus perdeu a paciência e teve acesso de fúria, que dirá nós, simples mortais diante de tanta barbaridade vomitada por voces!

    Responder

Vicente Silveira

29 de outubro de 2016 às 13h54

Usam o desemprego para a troca de poder, simplesmente, e depois tira empregos e divisas do país. Paciência. As panelas apoiaram esta troca e agora precisamos delas para apoiar NOVAS ELEIÇÕES JÁ e exigir que o STF e as demais instância e a Polícia Federal acelere as investigações e afastem todos que estão envolvidos nesta monstruosa corrupção. Não se pode permitir que envolvidos continuem a decidir e rifar o Brasil. Não vou entrar no mérito se está correto, pois as origens não estão corretos, logo as decisões ficam contaminadas. O Mensalão e a Petrobrás são apenas a ponta do iciberg. A Polícia Federal e a Justiça Federal precisam continuar e ampliar para Estados e Municípios e outras linhas da Administração Pública. Mas tem que ser rápido para evitar danos que serão irreversíveis contra o Brasil.

Responder

Osmar Gonçalves Pereira

29 de outubro de 2016 às 08h52

Brookfield já havia levado 70% da Odebrecht – meio ambiente.

Responder

Troll Dansa

29 de outubro de 2016 às 04h52

O “Torres” é troll que finge argumentar. Não percam tempo com esse merda.

Responder

    Torres

    29 de outubro de 2016 às 04h54

    Vc está perdendo tempo porque?
    Argumente.

    Responder

    Ulisses Silveira

    29 de outubro de 2016 às 19h11

    Acabei de descobrir. O cara é apenas um babaca ou troll sem substância. Só escreve besteira! Sem nenhum conteúdo discutível. Foi capaz de escrever que devemos aprender produzir mais e com maior eficiência. Mas aprova a destruição das empresas brasileiras e importação de produtos como navios e plataformas no exterior. Quer desorientação mental maior que esta?

    Responder

      Torres

      29 de outubro de 2016 às 19h23

      As empresas precisam ser rentáveis.
      Se não forem, não precisam existir.
      A não ser que sejam de capital exclusivo do Estado e tenham isso definido em sua missão.

      Responder

      Paulo Zeka

      29 de outubro de 2016 às 22h14

      Antes de tudo somos CIDADÃOS e não CONSUMIDORES.Um país não é uma empresa. RENTÁVEIS precisam ser as empresas de fachada dessas famílias desta CORJA SUJA de GOLPISTAS que ASSALTAM O PAÍS ROUBANDO O DIREITO DE SERMOS CIDADÃOS.

      Responder

Troll Dansa

29 de outubro de 2016 às 04h39

Troll “Torres”, fingindo que analisa com imparcialidade. Vá ver se sua mãe tá rodando na esquina, seu pilantra safado.

Responder

    Torres

    29 de outubro de 2016 às 04h53

    E vc pensa que essa provocação bobinha tem algum sentido?

    Responder

Jesus Francisco Girardi

28 de outubro de 2016 às 23h53

Só para esclarecer. A minha pergunta não tem nada a ver com o comentário de outra pessoa anterior.

Responder

Jesus Francisco Girardi

28 de outubro de 2016 às 23h47

Gostaria de fazer uma pergunta. Porque os EUA compram da China?

Responder

Torres

28 de outubro de 2016 às 19h58

Comprar aqui, mais caro e pior.
Isso é uma das coisas que quebram as estatais.

Responder

    Sérgio Silveira

    29 de outubro de 2016 às 01h56

    E o ser patético acha que uma indústria que se reergueu em poucos anos (anos do PT) e empregava 80 MIL funcionários no Brasil inteiro, se equiparando à indústria automobilistica vai se desenvover e progredir quando e como se, segundo a sua visão torpe o que importa é somente o preço e não o custo/beneficio???
    Voce viu a VERGONHA que o seu querido golpista passou no JAPÃO, onde o primeiro ministro japones METEU o PAU no PREJUIZO BILIONÄRIO que estaleiros japoneses que se instalaram no Brasil graças ao LULA, estavam tendo com o desmonte proporcionado pelo cretino do moro???

    Responder

      Torres

      29 de outubro de 2016 às 04h12

      O governo pode e deve buscar o desenvolvimento, mas as estatais de mercado não aguentam.
      Empresas como a Petrobras perdem valor e podem quebrar.
      Prejuízo para todos causado por irresponsabilidade.
      Quanto à Temer, é preciso crer que Moro age segundo seus interesses para considerar seu argumento.
      Afinal, quem quebrou o Brasil e causou o prejuízo aos japoneses foi o governo do PT.

      Responder

        Sérgio Silveira

        29 de outubro de 2016 às 05h42

        Pelo amor de Deus, para de ser obtuso! Dilma foi reeleita com pleno emprego!! Quem quebrou o Brasil foram voces golpistas:
        1) empresários que embolsaram o IPI desonerado por Lula e Dilma Apenas 500 BILHÕES, 1/3 do PIB, só isso, em vez de investirem, e usaram para financiar o GOLPE!
        2) empresários que deliberadamente começaram a DESINVESTIR com o intuito de desacelerar AINDA MAIS a economia a fim de ferrar o PT
        3) moro e sua vasa a jato que, simplesmente arrasou com TODAS as principais cadeias industriais e também geradoras de empregos: construção civil, Petrobras e construção naval
        4) O “somos todos cunha”, como voce, que com suas pautas bombas inviabilizou TODAS as iniciativas do governo para contornar a crise
        5) Toda a sua midia que, diuturnamente, por todos os anos do PT no governo federal espalhou a teoria do caos enquanto o Brasil crescia como nunca antes…!
        Duvido voce conseguir contestar qualquer um destes itens com fatos REAIS, não apenas com negações vazias!
        Queria ver se qualquer um dos seus queridos presidenciáveis teria sobrevivido à um ataque orquestrado destes!
        Voces são canalhas e sórdidos: fabricam a crise, a aprofundam e vem botar a culpa na vitíma… Deus (qualquer que seja a religião) está vendo, pode estar certo.

        Responder

          Torres

          29 de outubro de 2016 às 07h26

          É o que vc acredita.
          A crença na esquerda.
          A crise foi amplamente prevista.
          Infelizmente Dilma ignorou.
          Lamentável.
          A ilusão do discurso sempre perde para a realidade.
          Ciclos econômicos.
          Ignore e chore.

          Ulisses Silveira

          29 de outubro de 2016 às 09h33

          Não é o que se acredita! São os dados econômicos! E matemática não se discute! Discutíveis são opiniões! E sua opinião não muda os dados! Assim só posso classificá-lo como um idiota imbecilizado pela imprensa PIG ou pior. Um malandro pago pelo PSDB para difamar o governo PT. E aí, de traíras do Brasil estamos cheios, dos ABL Associação dos boquinhas livres aos pau mandados do PSDB do governo Alckmin pagos a preço de ouro como provado em SP

          Torres

          29 de outubro de 2016 às 14h22

          Vc não colocou nenhum dado.
          Discurso apenas.

          Ulisses Silveira

          29 de outubro de 2016 às 17h57

          Estão em qualquer dado de imagem do Google malandro! Vai estudar e trabalhar. Te dou uma dica. Cole no Google a pergunta! PIB, atividade econômica e empregos no Brasil de 2014 a 2016!

          Torres

          29 de outubro de 2016 às 18h27

          Crise.
          Desemprego.
          Dilma.
          Posso interpretar assim.
          Seja claro quando quiser argumentar.

          Ulisses Silveira

          29 de outubro de 2016 às 19h07

          Apresente provas estatísticas que o emprego, renda, produção melhoraram depois de final de 2014 quando o golpe se iniciou! Te dei a dica, se não tem competência para pesquisar, vai estudar!

          Torres

          29 de outubro de 2016 às 19h10

          A crise se agrava em 2014.
          Vc atribui à oposição, eu atribuo às burradas de Dilma e do PT.

          jorge

          01 de novembro de 2016 às 13h56

          Vai chorar e fazer mimimi na Onu. Voces representam de maneira formidável o comunismo. Fazem o caos, reclamam de terceiros e querem arranjar um culpado para seus proprios erros. Assumam a gestão incompetente que voces tiveram e para de opinar sobre o que é bom para o país. Quem levou ao caos economico/financeiro e a desemprego de 12.500.000 de brasileiros foram voces vermelhinhos que vivem sugando o governo.

          Nelson Teodoro

          18 de dezembro de 2016 às 22h06

          Discurso de idiota.

          Flávio Gonçalves

          29 de outubro de 2016 às 09h57

          Sergio Silveira, sua lavagem cerebral tem sido eficiente, não consegue enxergar nada, além de jornalecos de esquerda.
          Pleno emprego? Em 2014? Em qual fonte você consultou essa informação? Em 2013 a taxa de desemprego estava em 5,4% e em 2014 de 4,8% – houve redução, é verdade – no entanto, nada de pleno emprego nisso. (IBGE).
          Você acha que os empresários vão “jogar” o seu dinheiro na fogueira da corrupção instalada pelo PT? Só um louco, né? Você investiria em uma empresa tomada pela corrupção como foi à Petrobrás, por exemplo, ou outra qualquer? Ou no Brasil afundada em investigações?
          “Somos todos cunha”, fica frio meu caro, o Cunha está preso, e ninguém foi e nem irá visitá-lo, ele não é bandido de estimação, queremos que ele e toda à sua família de corruptos morra na cadeia pelos crimes que cometeu, diferente, é claro, do seu Lula quando for preso, certamente terá vigília, manifestações, arruaças generalizadas, toma de prédios, invasões de propriedades rurais, etc. Isso com mais intensidade, porque invadir, depredar, etc. é normal no dia a dia dessa turma, haja vista as invasões sem causas das escolas, impedindo à maioria que quer estudar, enfim, amam e idolatram os seus bandidos de estimação. Isso sem falar que farão pedidos para ONU ao TPI, manifestações de todos os vermelhos do mundo, etc.
          A mídia é independente e transmite às notícias que podem ser consultadas no judiciário, por exemplo, onde será encontrado os processos da turma do PT e outros partidos, diferentemente da mídia do PT, pagas com dinheiro do contribuinte para acobertar o mal feito e lavar o celebro, na verdade nem precisava ter esse custo, já que os seguidores dessa doutrina não devem ter celebro mesmo, né?
          Sobrevivência dos presidenciáveis, o PT esteve no governo por mais de 13 anos, tinha tudo para colocar o Brasil em pratos limpos e continuar no governo honestamente, por exemplo, ter comandado abertura de investigações para todos os ex-presidentes, já que eram bandidos, certo? Poderia ter investigado os deputados federais e senadores, que tem muitos bandidos, isso o Lula sabia, tanto é que sempre falava dos ladrões do congresso, mas não o fez, ao contrário, potencializou à corrupção, mergulhou de cabeça no dinheiro público e malgastou, roubou, e roubou com vontade. Por mim e pela maioria dos brasileiros, o Aécio, Renan e todos os seus jagunços, parte do STF, quiçá todos, a lista é grande, devem ser investigados e presos se culpados forem. Isso o PT poderia ter feito, mas não fez, ao contrário, fez foi conluio com a bandidagem, recebeu e pagou propinas para manter tudo como sempre foi, como na bandidagem só há traição. felizmente se deram mal, felizmente, senão estaríamos piores.
          Claro que escrevi tudo isso, sabendo que é perder tempo, já que pessoas alienadas não conseguem admitir que há outro lado. Chamar bandido, assassinos, ladrões, guerrilheiros, enganadores, corruptos, quadrilheiros, etc, etc de vítimas, é hilário. Não nego que fez um bom governo e promoveu avanços para à sociedade, mas isso enquanto tinha dinheiro, enquanto a Petrobrás estava indo bem e podia roubar sem ser descoberto, mas caiu à máscara e foi descoberto, isso foi o motivo da derrocada do PT, da Dilma, confirmado pelas urnas do passado 03/10/2016.
          Agora responde aí, quem matou o Celso Daniel e porquê?
          Há muito mais, porém, é melhor encerrar. Abraço e bons lamentos.

          Pedro Magalhaes

          29 de outubro de 2016 às 17h44

          Idiota! Em qualquer país capitalista 5% e abaixo, é pleno emprego! Nenhum país do mundo baixou a menos de 5%, OTÁRIO!
          Empresario brasileiro não bota um puto na sua própria empresa, mais uma vez, OTÁRIO! Tudo aplicado lá fora em paraísos fiscais! Dinheiro fácil aqui…pega no BNDES! Trouxinha, mesmo!

          Sérgio Silveira

          01 de novembro de 2016 às 14h13

          Obrigado Pedro, voce me poupou de explicar a trouxinhas! E eles vem dizer que nós é que sofremos lavagem cerebral!
          Eles negam a realidade à anos e nós que somos os iludidos…
          Abraços

          Nelson Teodoro

          29 de outubro de 2016 às 23h34

          Sérgio Silveira, meus parabéns pelo ótimo resumo dos tristes acontecimentos no nosso país. Não adianta discutir com ‘doutores’ na opinião pessoal, sem argumentos sólidos, sem fatos reais para comprovar. ‘Deixe os mortos enterrarem seus mortos’.

        Paulo Zeka

        29 de outubro de 2016 às 22h20

        Irresponsabilidade é o GENRO do FHC comprar PLATAFORMA de PETRÓLEO superfaturada de empresa de fundo de quintal pra ganhar um por fora. DEU NO QUE DEU MORTES E 1 BILHÃO PRO FUNDO DO MAR e dinheiro quem sabe na avenida FOCH.

        Responder

          Torres

          30 de outubro de 2016 às 02h34

          Foda-se FHC.
          Foda-se Dilma.

          Sérgio Silveira

          01 de novembro de 2016 às 14h15

          Foda-se voce!

          Torres

          01 de novembro de 2016 às 14h18

          Ah…
          Tenho certeza que vc me ama.
          Beijux mil, Sérgio!!!

          Paulo Zeka

          11 de novembro de 2016 às 22h59

          Eu diria que vc é um Franco atirador!

          Torres

          11 de novembro de 2016 às 23h42

          Eu diria que todos são bandidos.

      Fernanda Medeiros Lagoin

      30 de outubro de 2016 às 21h54

      Disse tudo. Eles vão vender o país, e vai ter gente batendo palmas.
      Golpistas

      Responder

      jorge

      01 de novembro de 2016 às 13h52

      Essas empresas de construção naval foram reerguidas para presentear os vermelhinhos com polpudas propinas. Plataformas e navios eram infinitamente mais caros do que os produzidos no exterior. A petrobras e suas subsidiárias não tem caixa para investimentos e por isso essas empresas estão falindo. Se tivessem preço de mercado estariam exportando suas plataformas e navios. Serviram apenas para aumentar a corrupção destes gestores incompetentes.

      Responder

    Ulisses Silveira

    29 de outubro de 2016 às 09h43

    Você é tão analfabeto que provavelmente nunca ouviu falar em subsídios! Ou saberia que todas as nações dão subsídio para sua industrias. Que a OMC existe exatamente para tentar controlar os subsídios exagerados que países praticam para proteger suas economias e seus empregos! Que a China, Japão, Coréia e muitos outros países mantem suas moedas criminosamente desvalorizadas para melhorar as exportação de seus produtos. Que as empresas são financiadas pelo seus governos para produção de armas, navios, automóveis e todos produtos, por que são tecnologia e empregos gerados no país. Que até na produção agrícola os países praticam subsídios e tarifas de importação exageradas para conservar seus agricultores e pecuaristas no campo produzindo e não desempregados! Sugiro estudar economia antes de escrever tamanha bobagem!

    Responder

      Torres

      29 de outubro de 2016 às 14h21

      Subsídios devem sair diretamente do governo e não de estatais com capital aberto.

      Responder

        Pedro Magalhaes

        29 de outubro de 2016 às 17h37

        Vc não tem jeito! A exigência de 65% de conteúdo nacional é uma forma de subsídio… Todos os países do mundo (que tem indústria de construção naval) subsidia essa indústria! Aqui retiraram o subsídio! Outra coisa: o pagamento de frete à empresas estrangeiras, por navio fretado, custa um navio novo a cada três anos de afretamento! Tem que ser muito entreguista! Vai se fuder ô filho da puta!

        Responder

        Ulisses Silveira

        29 de outubro de 2016 às 18h03

        Não conseguiu interpretar nada que escrevi? Uma sugestão do André Araujo! “O mundo está entrando em um ciclo de REAÇÃO AOS EXCESSOS DA GLOBALIZAÇÃO com renascimento de ideias protecionistas e nacionalistas. TRUMP mesmo que perca a eleição tem um empressivo contingente de eleitores que são os PERDEDORES COM A GLOBALIZAÇÃO, 40 mikhões de familias americanas que perderam renda por causa do fechamnto de fabricas , o BREXIT no Reino Unido tambem foi uma reação aos excesso da globalização, o RENASCIMENTO DA EXTREMA DIREITA NA EUROPA, com Marine Le Pen despontando nas pesquisas para as eleições presidenciais na França é uma REAÇÃO Á GLOBALIZAÇÃO .Enquanto essa onde cresce no mundo nos estamos no ciclo antigo de MAXIMA GLOBALIZAÇÃO, se é mais barato na China vamos importar tudo da China e FAZEMOS O QUE COM NOSSOS OPERARIOS? Essa é hoje a pergunta que o mundo inteiro faz.”

        Responder

          Torres

          29 de outubro de 2016 às 18h26

          Lamento, mas os ciclos são assim mesmo.
          Nem sempre se segue as tendências dos países desenvolvidos.
          Atualmente perdemos mais que ganhamos com o protecionismo.
          Não conseguimos competir e precisamos nos adaptar ao cenário.
          Estamos muito longe dos países que podem e conseguem entrar nesse novo ciclo.
          Antes precisamos ter maior e melhor produtividade.

          Ulisses Silveira

          29 de outubro de 2016 às 19h05

          Perder emprego e renda é vantajoso? E como vai ter maior e melhor produtividade com empresas destruídas e desempregados? Em sem recursos financeiros? Joguei conversa na lata de lixo com você!

          Torres

          29 de outubro de 2016 às 19h11

          Perder empregos, renda, quebrar o país.
          Isso foi o ruim.
          Causado pelo governo petista.
          Nova matriz econômica.

        Ulisses Silveira

        29 de outubro de 2016 às 18h06

        Por André Araujo!
        http://www.fmc.gov/

        Os EUA protegem fortemente sua industria naval através da FEDERAL MARITIME COMMISSION. Todo Pais marítimo e o Brasil tem uma das maiores costas do planeta defende fortemente sua industria naval por razões estratégicas.

        A industria brasileira nasceu sob a proteção de leis de conteúdo nacional, desde o primeiro ciclo até o II PND de Geisel.

        Quando eu era dirigente patronal na industria de bens de capital participei de dezenas de reuniões na Divisão Industrial da CACEX no Rio (Av.Visconde de Itaborai) para defender a industria nacional contra importadores de similares.

        Hoje a FIESP é controlada por um grupo de negócios que prefere importar tudo desde que o aço que produz seja protegido por altas tarifas, se o seu negocio siderúrgico esteja defendido o Pais que se lixe.

        Responder

Deixe um comentário