Bahia: Refinaria privatizada provoca desabastecimento de Gás de Cozinha

O dia em que Lula nocauteou a Globo

Por Miguel do Rosário

11 de maio de 2017 : 13h58

(Frame capturado das imagens disponibilizadas do depoimento de Lula.)

O dia em que Lula nocauteou a Rede Globo

Por Renata Mielli, no Mídia Ninja

Durante toda esta quarta-feira, acompanhei a cobertura que a Rede Globo (e seu braço pago, a GloboNews) fez sobre o depoimento do ex-presidente Lula ao juiz Sérgio Moro. Jornalistas e comentaristas animados, esfuziantes até, gargalhavam muitas vezes, fazendo os prognósticos sobre o depoimento. Mas toda essa euforia deu lugar à depressão. Sem tempo de editar os primeiros vídeos disponibilizados pela Justiça Federal – o que ocorreu por volta das 20 horas – e certa de que eles iriam terminar por afundar Lula e consagrar a Lava Jato e Sérgio Moro, a Globo arriscou e levou as imagens ao ar sem edição. Cometeu um grande erro. Lula nocauteou a Globo no 1º round.

No Bom dia Brasil, a emissora se concentrou nos preparativos e acompanhou o “Dia de Lula”. Flashs mostravam Lula e Dilma se deslocando para Curitiba e o esquema de segurança armado ao redor da sede do Tribunal de Justiça.

A GloboNews continuou a cobertura matinal no mesmo rumo, mas com foco maior nos comentários e análises. Nessa primeira etapa do dia, os comentaristas e âncoras especulavam sobre como seria o depoimento. O jornalista Valdo Cruz, mais torcendo do que analisando, chegou a dizer que era importante “prestar atenção no ambiente da sala de interrogação” porque poderia “sair até uma prisão por desacato”.

Outra preocupação da emissora dos Marinho era com os prazos processuais. Cristiana Lobo disse que Moro costuma demorar de 20 a 30 dias para tomar as decisões após os interrogatórios – palavra que a Globo utilizou durante todo dia para salientar que Lula estava em Curitiba como réu, acusado de crimes. Condenado em primeira instância por Moro – já que em nenhum momento se aventou a hipótese de absolvição, aliás Lula está condenado por Moro e pela Globo desde o início da operação – o processo vai para julgamento em segunda instância, o que costuma demorar um ano, de acordo com as previsões de Cristiana Lobo e Valdo Cruz. Ou seja, Lula seria condenado – nunca julgado – entre maio e junho de 2018, o que o tornaria inelegível no período das convenções partidárias para as definições das candidaturas presidenciais.

O discurso martelado ao longo do dia – de que Lula e o PT estão politizando o processo – soou pura demagogia, uma vez que a cobertura fez isso desavergonhadamente, e não só hoje. Aliás, isso foi mais ou menos dito por Anselmo Góis, que assumiu os comentários no período da tarde, sob o comando da sorridente Maria Beltrão, que não conseguiu esconder a empolgação. Qualquer um que ligou a TV na GloboNews nesta quarta-feira, 10, viu um clima no estúdio completamente estranho ao necessário distanciamento de uma cobertura jornalística.

A todo momento, Maria Beltrão lembrava que a defesa de Lula teve negado o pedido para gravar o depoimento e que este pedido não fazia mesmo sentido, porque os trechos do interrogatório seriam enviados para a imprensa divulgar como tem sido feito até agora. A expectativa de todos no período da tarde se concentrou no acesso aos vídeos, como se eles fossem o grande ápice de todo o processo de condenação pública de Lula.

Aos poucos, a GloboNews começou a mostrar imagens das manifestações “pró-Lula” e “pró-Lava Jato”. A diferença numérica era impossível de disfarçar. “Apesar de poucos estão bem animados”, repetiam os jornalistas, se referindo às poucas mais de 20 pessoas que estavam no Centro Cívico de Curitiba. Sobre as milhares de pessoas reunidas em frente à Universidade Federal do Paraná em apoio ao Lula, os comentários maldosos eram “quem será que está pagando”, “de onde saiu o dinheiro para aquela mobilização”.

No final da tarde, ficou nítida a preocupação da equipe de jornalistas da GloboNews com a demora para o encerramento do depoimento. Para a emissora, que transmite conteúdo noticioso em toda a sua programação, isso não é necessariamente um problema. Então, porque a apreensão? Estavam preocupados na verdade com o carro chefe da empresa, o Jornal Nacional. Se o depoimento se alongasse o JN não teria conteúdo para noticiar.

Mas eis que as 19:54 minutos a GloboNews veicula o primeiro vídeo disponibilizado pela equipe de Moro, com trechos do depoimento onde o juiz faz perguntas a Lula sobre o triplex. E para a decepção de todos o que se viu não foi um Lula agressivo – como eles alardearam durante todo o dia – ou um Lula fazendo discurso político, ou um tom beligerante. O primeiro trecho de cerca de 8 minutos do depoimento mostrou o inverso disso. Lula respondendo perguntas pontual e calmamente diante de um Juiz que não apresentou nenhuma prova contra ele. Após a exibição deste primeiro trecho era visível a consternação dos 6 jornalistas que estavam ao vivo, e que tentaram driblar as imagens, dizendo que Lula estava objetivo graças ao preparo de Sérgio Moro.

Imediatamente voltei para o Jornal Nacional que acabara de começar. Bonner e Renata Vasconcelos estavam atônitos. Mas seguiram na linha de levar ao ar os vídeos sem edição. Os pouco mais de 15 minutos de trechos do depoimento que foram exibidos durante o JN já foram suficientes para mostrar que “o ambiente na sala de interrogação” foi totalmente inverso do que a Globo esperava: de um lado do ringue um Lula seguro, calmo e objetivo, respondendo a todas as perguntas. Do outro lado um juiz sem provas, com documentos sem assinaturas e de origem desconhecida.

Depoimento de Lula à Justiça Federal em Curitiba (10)

[Vídeo 10/10]Assista a um dos trechos do depoimento do ex-presidente Lula à Justiça Federal, em Curitiba

Publicado por Lula em Quarta-feira, 10 de maio de 2017

___

Pior ainda, nas considerações finais de Lula – momento em que o ex-presidente fez sua defesa e que não foi exibida pelo JN – ele denuncia todo o julgamento midiático do qual tem sido vítima e coloca a mídia e a Globo para dentro da sala do interrogatório. “A imprensa é o principal julgador desse processo”.

Ele citou dados que demonstram como a cobertura da mídia foi seletiva. Desde março de 2014, segundo levantamento apresentado pelo ex-presidente, foram 25 capas da Isto É, 19 da Veja e 11 da revista Época todas contra Lula. Nos jornais impressos, foram veiculadas na Folha de São Paulo 298 matérias contra Lula e apenas 40 favoráveis, “tudo com informações vazadas da Polícia Federal e Ministério Público”, disse Lula; no jornal O Globo foram 530 contra Lula e e 8 favoráveis, e no Estadão foram 318 contrárias e 2 favoráveis. Já o Jornal Nacional veiculou 18 horas e quinze minutos contra Lula nos últimos 12 meses. Ele também denuncia os vazamentos previlegiados à Rede Globo e ao Jornal Nacional.

A Globo e o oligopólio midiático perderam feio a aposta de que Moro seria o grande vencedor da luta anunciada para o dia dez de maio. No ringue armado pela mídia semana passada, quem ganhou de nocaute no primeiro assalto foi Lula. Claro que eles vão tentar melar o resultado e terão tempo de assistir as 5 horas de depoimentos para escolher os melhores momentos para veicular sistematicamente e tentar mudar o placar. Mas a luta em do Estado Democrático de Direito e do devido processo legal saiu na frente. Vamos aguardar as próximas rodadas.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

51 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Jose Messias

14 de maio de 2017 às 08h45

Nunca antes na história deste país, vi tamanha covardia contra um cidadão e um ex-presidente que foi considerado no mundo o melhor que o Brasil já teve, Lula está pagando o preço por derrotar por 4 eleições seguidas a direita conservadora chefiada pela família Marinho.

Responder

Luiz Carlos

13 de maio de 2017 às 23h17

Concordo com Paulo Henrique Amorim que diz que a Lava a Jato já ficou para trás, tem que pensar adiante, pois neste jogo eles sempre ganham, é como se tivessem combinado com o juiz que se alguém cair em qualquer lugar do campo marca-se penalty. Tanto isto é verdade que Fachin imediatamente liberou os depoimentos dos publicitários para que a imprensa pudesse se vingar de Lula, sem direito de resposta, naturalmente. Vamos em frente com Lula ou outro candidato, vamos denunciar as vendas de ativos da Petrobras, a militarização da Funai, o sucateamento da educação e a precarização dos empregos. Vamos investigar e apresentar provas contra estes assaltantes do poder e vamos exigir diretas já.

Responder

José Ferreira de Brito Neto

13 de maio de 2017 às 12h55

É sabido que hoje vivemos uma ditadura jurídico midiático, que a não permissão para o depoimento de Lula, ser ao vivo, deve-se as seleções de interesse da grande mídia, que apoia o golpe, mas com tudo isso o tiro saiu pela culatra, Lula nosso grande líder, se fortaleceu ainda mais.

Responder

robertoAP

12 de maio de 2017 às 15h58

O Moro vai ser demitido da globo, o salário milionário já deve ter sido cortado e o troféu de plástico que recebeu como vencedor do quadro “Cãozinho nota 10”, já foi solicitado e volta.

Responder

    Paula Maria Mello de Menezes

    13 de maio de 2017 às 07h14

    Kkkkkkkkkk
    Amei.

    Responder

Alexandre Fernando

12 de maio de 2017 às 13h39

Moro só vai cozinhando o galo . Opa galo não Lula
Devagarinho moro vai fechando o cerco na hora certa bota esse sem memória na prisão

Responder

    robertoAP

    12 de maio de 2017 às 16h02

    Vai ser a única pessoa no mundo presa porque visitou um prédio,quando a esposa pensou em trocar de apartamento.
    Crime pavoroso, o Moro é um gênio, descobriu que toda pessoa que pensa em se mudar,é na verdade um criminoso da mais alta periculosidade. O Moro é um mestre na ciência da Criminologia, deverá até ganhar um Nobel.

    Responder

      Paula Maria Mello de Menezes

      13 de maio de 2017 às 07h16

      Moro, o juiz que denegriu, com força, a magistratura brasileira.

      Responder

EDEM

12 de maio de 2017 às 03h03

Tenho certeza que o próximo depoimento será pela manhã. Assim vai dar tempo do JN fazer aquela edição.

Responder

    Paula Maria Mello de Menezes

    13 de maio de 2017 às 07h17

    Moro, o juiz que denegriu, com força, a magistratura brasileira.

    Responder

Ev Paulo Cezar

12 de maio de 2017 às 05h22

Pode chora e Lula 2018 kkkkkkkkkkk

Responder

Francisco

12 de maio de 2017 às 01h09

O último juiz que prendeu Lula era do Regime Militar.

Moro está entre pares…

Responder

Ricardo

12 de maio de 2017 às 00h38

O ilustre jornalista teve então estômago pra passar o dia assistindo Goebbels News e JN? Parabéns….o controle
da minha TV nem tem mais os números de acesso a esses lixos!

Responder

antonimo

11 de maio de 2017 às 23h54

Eu acho que o Lula levou o maior pau em Curitiba ontem.

E desejo, que ele para lá muito em breve para fazer companhia para seu colega Paloci.

Esse cara é um despreparado, conhece mesmo é sobre maracutaia.

Responder

cristina Vieira

11 de maio de 2017 às 19h34

Foi um dia histórico. Lembrando ainda do aparato militar que fizeram para este dia. Recepção de chefe de estado. Fhc e Aécio devem se morder de inveja……A militância petista é coração!!!

Responder

Reginaldo Gomes

11 de maio de 2017 às 19h33

Só a teoria criada pelos nazistas “domínio do fato ” tem uma insignificante chance de prender o lula , porque ela também prende o moro-APAE.

Responder

Marcos Raposo

11 de maio de 2017 às 19h09

O ponto alto do depoimento de Lula foi quando ele leu para Moro a declaração deste de que seria impossível o êxito do processo criminal sem o apoio da imprensa, porque esta mobilizava a opinião pública. Com isso, ruíram por terra os protestos do juiz contra a insistência de Lula em protestar contra a campanha que sofreu da mídia, uma campanha sem par na história do país. Lula calou o juiz também quando disse que foi por ordem dele que ocorreu sua condução coercitiva sem notificação prévia, que foi por ordem dele que sua casa foi invadida e revirada por uma tropa armada. Lula arrancou a máscara de Moro, deixando exposta sua inegável parcialidade.

Responder

    Jwn

    11 de maio de 2017 às 20h20

    Puuuuutz destruiu, a máscara do analfajuiz caiu ali naquela hora. Foi totalmente desmascarado juntamente com o grupo gROUBO.

    Responder

Celice Fialho

11 de maio de 2017 às 21h28

Kkkkkkkkk. Cara… vcs vivem em outro mundo mesmo.

Responder

Maria Amaral

11 de maio de 2017 às 20h01

#LulaÉOCara #EleiçõesJá #LulaJá #ForaGolpistas

Responder

julio

11 de maio de 2017 às 16h53

O Fachin já fez o serviço ao liberar hoje o sigilo dos marqueteiros, o JN terá matéria para o resto do ano.

Responder

Marcelo de Oliveira

11 de maio de 2017 às 16h40

Opior de tudo e que se lula for eleito em 2018, todos esses … vao puchar o caco dele ate a china.

Responder

Lobo

11 de maio de 2017 às 16h32

Eu assisti da pagina Lula todos videos, quatro por duas vezes, Jornal Nacional de ontem e noticias de hoje. Impressão é que a Globo perdeu, de uma vez e que dificilmente vai voltar no ringue com alguma vantagem. Por que? No primeiro lugar – o interrogatório não vazou para Jornal Nacional! As suscetivas queixas da defesa do Lula deu resultado e pela primeira vez o Tonner ficou sem conteúdo. Os trechos que ariscaram não deram certo, foi tiro no pé. O não vazamento deu chance para Lula colocar o interrogatório na integra! Isso foi nocaute, porque demonstrou a vantagem do Lula, as evidencias claras que Moro é parcial, que faz parte acusatória e mais importante, que não possui as provas de qualquer especie contra o Lula. A integra do interrogatório mostra que “processo triplex” é montado em nível midiático e claramente entra em processos de perseguição politica, sem fundamentos em provas. E por último, o Lula deu show de contra ataque, acusando Moro para vazamentos dirigidos em relação com grampos, bem como os procuradores e delegados para plantação de “provas”. Acusação da Globo e PiGs foi nata desse histórico interrogatório e agora pra adiante vai mudar todos os processos movidos contra o Lula. Fazendo conta com multidão do povo na praça em apoio do Lula e poucos fascistas em apoio a Vaza Jato, o Lula ganhou de goleada, mostrando sua força moral e eleitoral, deixando a Globo na beira do desespero total.

Responder

Stela Pinheiro

11 de maio de 2017 às 19h30

Imagina se gostasse esse lula é de pedra mais quebra Sergio Moro na na tua cola continua correndo seu banana covarde

Responder

Marcos Paulino da Silva

11 de maio de 2017 às 16h11

Lamentável, como está o nosso Judiciário, cheios de juizecos hipócritas, imbecis, incompetentes e inexperientes. O pior é que os salários desses indivíduos são pagos por nós contribuintes, o papel deles seria
de defender o cidadão das tiranias e arbitrariedades dos oportunistas, infelizmente não é o que parece ser. Esse Juiz Moro, deveria fazer um teste pra galã de Hollywood, quem sabe que ele poderia fazer sucesso.

Responder

Phelipe Luz

11 de maio de 2017 às 18h32

Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk a legenda é a melhor

Responder

Darci Lago

11 de maio de 2017 às 18h25

Chefe é chefe…..Lula 2018.

Responder

Silvinha Brusco

11 de maio de 2017 às 18h23

Affi… quanta imaginação e criatividade tem esse povo… que adora colocar uns contra os outros e colocar ações na conta dos outros…..kkkk a piada do dia contradições? Eu não gosto de praia… mas vou… pq meus filhos e netos adoram…. qdo fui casada… nunca precisei pedir permissão ou dar satisfação para meu marido sobre qualquer coisa que eu desejasse comprar… investir ou fazer… machões são os tontos que inventaram mais algumas mentiras …kkkk e que ainda acham que uma mulher não pode fazer as coisas independente de maridos…kkkkkk

Responder

Luiz

11 de maio de 2017 às 14h58

Eu gostaria de conhecer a planilha com os gastas desse circo chamada “lava Jato” para conhecer quanto está custando aos cofres públicos essa palhaçada. Onde anda o TCU, aquele que criou a tese das pedaladas fiscais. Ah, esqueci, estão todos preparando suas defesas em diversas ações penais pela prática de diversos crimes, esse sim, com provas mais do que robustas. Esse circo de ontem foi pago com dinheiro público e quero saber quem vai indenizar. Por fim, quero saber quanto de dinheiro os ladrões da Petrobrás, Pedro Barusco, Alberto Yussef, Paulo Roberto Costa e demais quadrilheiros devolveram aos cofres públicos ou se ainda estão gozando da boa vida à custa da dedoduragem profissional??? são essas as perguntas que estão sem resposta até agora.

Responder

Nilda Cassaro

11 de maio de 2017 às 17h57

Foi humilhante para Moro, para Globo, e teve até um tal fulano que desceu do salto!!!!

Responder

Roberto Oliveira

11 de maio de 2017 às 17h53

Viva a Internet!!!

Responder

Replicante Seletivo

11 de maio de 2017 às 17h47

Lula sapateou na cara do juizeco global, foi uma vergonha a que juizes sérios não gostariam de passar. Vergonha alheia. Vexame!!!

Responder

Anderson Afonso

11 de maio de 2017 às 17h44

Responder

Itacolomy Pires

11 de maio de 2017 às 17h39

Apenas uma das centenas de contradições que decretaram sua culpa, a maior e mais covarde foi a de responsabilizar sua finada esposa pelo interesse no Triplex, um ladrão covarde e cagão, selou seu destino.
Dona Marisa não suportava praia!
Kkkkkkkkkkkkkkkkkk e k

Responder

      Jwn

      11 de maio de 2017 às 20h30

      Realmente Lula é o chefe e ficou provado ontem…chefe do Brasil, coração valente, presidente do Brasil.

      Responder

    Charles Henrique

    11 de maio de 2017 às 18h22

    Eu detesto balada sertaneja, mas já fui a várias pelos amigos, esposa, etc. Argumento de primário este aí hein? ?

    Responder

      Zilma Vaccari Diaz

      12 de maio de 2017 às 10h50

      Eu também, como Dona marisa e qualquer esposa que ama o marido, acompanhei meu esposo em muitas cerimônias de que não gosto. É cada raciocínio simplista que se colocam para ofender Lula, que chega a ser engraçado.

      Responder

    Phelipe Luz

    11 de maio de 2017 às 18h32

    Ainda acreditam no lula? Rs

    Responder

    Itacolomy Pires

    11 de maio de 2017 às 18h45

    Argumentos de mentirosos e covardes ao culparem uma pessoa já falecida pelos seus crimes

    Responder

    Carlos Henrique

    11 de maio de 2017 às 17h17

    Volte para a privada e aguarde a descarga.

    Responder

    Neiva Camargo

    11 de maio de 2017 às 20h26

    BOMBA,BOMBA super prova…manda pro Moro

    Responder

    Itacolomy Pires

    11 de maio de 2017 às 20h55

    Dona Neiva Monalisa, já ouviu as delações do casal de marqueteiros do General da Propina, o Todo Ladrão AlibaLULA, bandido cagão? Então ouça e vamos ver por quanto tempo a senhora seguirá nas trevas da idolatria.

    Responder

    Charles Henrique

    11 de maio de 2017 às 22h17

    Não acredito nem desacredito. O processo legal não é baseado na fé. Ou pelo menos não deveria ser.

    Responder

Maria Aparecida Fernandes Da Silva Kato

11 de maio de 2017 às 17h33

Eu Apoio LULA 2018! Os invejosos e os incompetentes que se cuide!

Responder

Fabricio Araujo

11 de maio de 2017 às 17h29

Tadinho do juizeco, se fosse ao vivo a humilhação do moro seria maior, oq será q ele ta pensando após tomar lavada de um “analfabeto”

Responder

Luiz Carlos Soares

11 de maio de 2017 às 17h25

Responder

Regina Vasco

11 de maio de 2017 às 17h21

Lula Grande homem

Responder

Maria Thereza Freitas

11 de maio de 2017 às 14h17

Renata, vc é corajosa mesmo. Assistir essas emissoras ao longo do dia… merece férias. E foi mesmo um vexame, depõe até mesmo contra a faculdade que deixou o juizeco se formar. Apresentar um documento sem assinatura? Querer que o depoente saiba quem rasurou outro papel? Francamente, não dá pra acreditar que é isso que tem a apresentar, depois de 3 anos de “investigação”, devassas nas vidas de inúmeras pessoas, abusos de todo tipo, arbitrariedades pra lá de escandalosas.

Responder

Adriano Vieira

11 de maio de 2017 às 14h14

No em pauta, aquela “jornalista” que tem o maridão na suruba teve um surto de sinceridade e falou que toda aquela história de triplex soava muito “pequena” e “mesquinha”. Discordou do coroinha até provavelmente levar uma bronca na orelha e parar.

Responder

Deixe um comentário