Ato em defesa da imprensa

Folha não aguenta pressão da Globo e começa a largar Temer na estrada

Por Miguel do Rosário

22 de maio de 2017 : 10h19

A Folha bem que tentou sustentar um pouco Temer, abrindo a sua primeira dissidência contra o chefão da máfia midiática, a Globo, na história da imprensa brasileira. Não durou muito. A contratação de uma perícia frágil, facilmente ridicularizada pela Globo, fez o jornal ceder. Em editorial de hoje, o jornal agora diz que Temer está por um fio e que “as gravíssimas suspeitas levantadas contra Temer são plausíveis o bastante para comprometer a capacidade de governar”.

O editorial traz trechos em que tenta contemporizar, provavelmente para fazer a transição entre a sua defesa de Temer e sua nova posição, de começar a largá-lo, paulatinamente, na estrada.

Há um trecho que é uma pequena jóia de farisaísmo: “Esta Folha, acrescente-se, há muito manifesta sua preocupação com a prudência jurídica, o direito à plena defesa e a presunção da inocência, que correm o risco de ser violados no turbilhão diário de escândalos e em meio à indignação da opinião pública.”

Rá! Desde quando? Só quando o acusado é do PSDB ou Michel Temer. Com os petistas, ou com quem pode ser ligado às narrativas antipetista, a Folha tem surfado em todas as ondas de linchamento midiático, desde 2004.

***

Na Folha

Por um fio

Passado o impacto inicial -e arrasador- da delação da JBS, o presidente Michel Temer (PMDB) dedica-se a convencer uma audiência restrita de que tem condições de permanecer no cargo.

Impopular desde a origem de seu governo, Temer não se dirige ao público geral quando apresenta sua defesa, como fez no pronunciamento deste sábado (20). Fala, principalmente, às instituições do Judiciário e aos partidos de sua base de sustentação no Legislativo.

Sua tarefa, dificílima, é contestar os indícios e procedimentos que motivaram um inquérito contra si e, mais relevante de um ponto de vista pragmático, evitar a debandada de sua coalizão parlamentar.

O presidente não deixa de ter razão ao apontar inconsistências, de forma e conteúdo, na gravação de sua conversa com o empresário Joesley Batista. Também procede o raciocínio de que a manobra contribuiu para que o delator, criminoso confesso, hoje viva em liberdade nos Estados Unidos.

Esta Folha, acrescente-se, há muito manifesta sua preocupação com a prudência jurídica, o direito à plena defesa e a presunção da inocência, que correm o risco de ser violados no turbilhão diário de escândalos e em meio à indignação da opinião pública.

Sob o prisma político, entretanto, as gravíssimas suspeitas levantadas contra Temer são plausíveis o bastante para comprometer a capacidade de governar -ainda que o inquérito em curso não revele de pronto novas complicações.

O presidente recebeu na residência oficial um empresário investigado (a este jornal, disse que ignorava tal condição); passivamente, ouviu-o discorrer sobre intenções de subornar procuradores.

Designou ainda a Batista um interlocutor privilegiado, o deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), afastado do posto após flagrante de receptação de dinheiro.

Na arena parlamentar, Temer depende de manter uma coalizão que não apenas contenha investidas por seu impedimento, mas que respalde a agenda de estabilização econômica -esteio básico, talvez único, de sua gestão.

Político reconhecidamente habilidoso, o peemedebista fez avançar reformas cruciais. Aprovaram-se o teto para os gastos públicos e o programa de socorro a Estados falidos; há pela frente as reformas previdenciária e trabalhista, sem as quais a retomada econômica torna-se ainda mais incerta.

A própria hipótese de que Temer venha a ser deposto, aliás, basta para provocar a retração de consumidores e empresas. À Folha, o presidente descarta a renúncia: “Se quiserem, me derrubem”.

Vislumbra-se, assim, um círculo vicioso em que fragilidades do mandatário, de sua base e da economia acentuam umas às outras. É ameaça que o governo, por um fio, terá de debelar em questão de dias.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

55 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Jefferson

29 de maio de 2017 às 15h39

Fora Temer

Responder

Forese Sergio

23 de maio de 2017 às 16h46

imprensa golpista

Responder

Chico Borges

23 de maio de 2017 às 14h10

FORA TEMER CANALHA.

Responder

Luiz Lucivan Ribeiro do Nascimento

22 de maio de 2017 às 22h29

Estão se canibalizando por algum motivo. Breve a verdade surgirá. A informação é uma arma da democracia ao toque de um indicador. Quem for podre que se quebre!!!!

Responder

marlene

22 de maio de 2017 às 22h09

#VoltaDilma

#StfAnuleOgolpe

Responder

Maria Aparecida

22 de maio de 2017 às 22h26

Vai fora

Responder

Jailde Cavalcanti

22 de maio de 2017 às 20h03

Um Ditado popular: “A mentira tem pernas curtas”…..

Responder

João Bertoldo Oliveira

22 de maio de 2017 às 18h42

É o cúmulo da hipocrisia a matéria da Folha. Me pergunto: eles não tem vergonha?

Responder

Atreio

22 de maio de 2017 às 14h26

sem crime, sem impeachment!

Dilma volta e canalhas já se mijam de medo em brasilia.

Brasil, seu lindo!

Responder

    Sergio L

    22 de maio de 2017 às 15h59

    Concordo!
    Dilma volta, completa seu mandato e prepara as eleições de 2018.

    Responder

    marlene

    22 de maio de 2017 às 22h12

    De fato, essa é a única solução pacífica.
    Dado que foi golpe, é obrigação do STF anular o impitím.
    Não há como dar continuidade a um evento reconhecidamente como golpe, farsa, crime…

    Responder

Gilberto Otavio

22 de maio de 2017 às 17h10

Ordens da matriz.

Responder

Márcio Martins

22 de maio de 2017 às 13h36

Da última vez meu au-au recusou-se a usar a folha como depositário de seus restos…e olha que tentei…nada. Precisei catar no chão!

Responder

Rogério Bezerra

22 de maio de 2017 às 13h26

Miguel! Nem todos os seus leitores suportam ler o que escreve a Folha sem passar mal.
Assim como não consigo assistir Globo, RBS Record e demais, ler a Folha me corrói.
Não precisava mostrar o texto, ok? Seu comentário já bastava! Rarrarar

Responder

beth

22 de maio de 2017 às 12h41

Como de hábito, o jornal dos Frias é firmíssimo em sua falta de firmeza…hahaha velhos filmes, velhos tempos.

Responder

Lourdes Regina

22 de maio de 2017 às 12h38

Caro Sr Miguel do Rosário. A retomada econômica não será às custas da retirada de direitos do trabalhador. É Temer só conseguiu aprovar seus projetos porque tinha uma base tão golpista e tão corrupta quanto ele mesmo. Uma bancada que é comprometida com o capital especulativo e tem como principal aliada a imprensa golpista que ajudou a tirar uma presidenta eleita e honesta. Não vamos aceitar isso mais. Que caia o Temer e sua corja, junto com suas reformas absurdas!

Responder

Elenilce Sartori

22 de maio de 2017 às 15h37

Paulo, estou aguardando ansiosa cenas dos próximos capítulos. Kkkkk. E também preocupada

Responder

Ricardo Alcantarilha

22 de maio de 2017 às 15h29

*FATOS SOBRE OS 5 GENERAIS PRESIDENTES QUE O SEU PROFESSOR DE HISTÓRIA NUNCA LHE FALOU*

1 – Quando *Castelo Branco* morreu num desastre de avião, verificaram os herdeiros que seu patrimônio limitava-se a um apartamento em Ipanema e umas poucas ações de empresas públicas e privadas.

2 – *Costa e Silva*, acometido por um derrame cerebral, recebeu de favor o privilégio de permanecer até o desenlace no palácio das Laranjeiras, deixando para a viúva a pensão de marechal e um apartamento em construção, em Copacabana.

3 – *Garrastazu Médici* dispunha, como herança de família, de uma fazenda de gado em Bagé, mas quando adoeceu precisou ser tratado no Hospital da Aeronáutica, no Galeão.

4 – *Ernesto Geisel*, antes de assumir a presidência da República, comprou o Sítio dos Cinamonos, em Teresópolis, que a filha vendeu para poder manter-se no apartamento de três quartos e sala, no Rio.

5 – *João Figueiredo*, depois de deixar o poder, não aguentou as despesas do Sítio do Dragão, em Petrópolis, vendendo primeiro os cavalos e depois a propriedade. Sua viúva, recentemente falecida, deixou um apartamento em São Conrado que os filhos agora colocaram à venda, ao que parece em estado de lamentável conservação.
OBS: foi operado no Hospital dos Servidores do Estado, no Rio.

*NENHUM DELES* mandou fazer um filme pseudo biográfico, pago com dinheiro público, de
auto-exaltação e culto à própria personalidade!

*NENHUM DELES* usou dinheiro público para fazer um parque homenageando a própria mãe.

*NENHUM DELES* usou o hospital Sírio e Libanês.

*NENHUM DELES* comprou avião de luxo no exterior.

*NENHUM DELES* enviou nosso dinheiro para “ajudar” outro país.

*NENHUM DELES* saiu de Brasília, ao fim do mandato, acompanhado por 11 caminhões lotados de toda espécie de móveis e objetos roubados.

*NENHUM DELES* exaltou a ignorância.

*NENHUM DELES* falava errado.

*NENHUM DELES* apareceu embriagado em público.

*NENHUM DELES* se mijou em público.

*NENHUM DELES* passou a apoiar notórios desonestos depois de tê-los chamado de ladrões.

Autor: Jornalista Paulo Chagas.

VOCÊ SABE LER E ENTENDER O QUE LEU,
COMPARTILHE COM OS QUE NÃO SABEM. ELES PRECISAM SER INFORMADOS!
SÓ NÃO COMPARTILHA QUEM É CONIVENTE COM A SITUAÇÃO DESTA CAMBADA DE LADRÃO.

Responder

    Ricardo Alcantarilha

    22 de maio de 2017 às 17h11

    Uol não………..aí é a favor do PT.
    Me mostre outro confiável.
    Não me convenceu.

    Responder

    Ricardo Alcantarilha

    22 de maio de 2017 às 17h17

    Nunca na história deste país se roubou tanto como no governo PT.
    A história está aí…..já foi escrita.

    Responder

    Atreio

    22 de maio de 2017 às 14h24

    ô ricardinho, tá bem?

    respira fio.
    babou o golpe.

    dilma volta e canalhas ja´se mijam em brasilia,

    semcrime, sem impechment!!

    Responder

    Conrado Junior

    22 de maio de 2017 às 21h03

    Ricardo Alcantarilha, peça ao seu professor de História, um curso intensivo. Te aconselho, pois você precisa com urgência.

    Responder

    Gail Fajardo

    22 de maio de 2017 às 21h29

    Uns Santos! Kkklkkkkk

    Responder

    Ricardo Alcantarilha

    22 de maio de 2017 às 21h49

    PT aqui comigo não funciona Conrado Junior.
    Não preciso estudar não……eu sei muito bem o que digo.
    Eu não sofri lavagem cerebral imposta por esses acéfalos
    Vc está enganado.
    Ah e mão dependo da máquina pública para viver não…….
    Meu sustento e honesto e fruto do meu suor.

    Responder

    Ricardo Alcantarilha

    22 de maio de 2017 às 21h50

    Santos ou não ……foram muito melhores do que esses bandidos do PT, PMDB, PSDB.
    Muito melhores do que esse bêbado corrupto ……….da analfabeta guerrilheira que foi presidanta.

    Responder

    Chico Borges

    23 de maio de 2017 às 14h15

    Ricardo Alcantarilha DEFENSOR DE ASSASSINOS E TORTURADORES.O INFERNO TE ESPERA.

    Responder

    Ricardo Alcantarilha

    23 de maio de 2017 às 14h26

    Vai trabalhar vagabundo, deixa de viver as custas do governo.
    Defensor de assassino…..o que vc é defendendo o PT…??????
    Vc é um idiota de.um burro isso sim.

    Responder

Ricardo Alcantarilha

22 de maio de 2017 às 15h25

Cadeia Para o Temer
Cadeia para o Lula
Cadeia para Dilma
Cadeia para Aecio
Cadeia aos políticos corruptos e ladrões.
Extinção imediata dos partidos PT, PMDB, PSDB…….
Vamos passar o Brasil a limpo

Responder

    Conrado Junior

    22 de maio de 2017 às 21h04

    Em quem você votou na eleição passada?

    Responder

    Ricardo Alcantarilha

    22 de maio de 2017 às 21h52

    Não votei…….não voto desde.a eleição de 2002 quando Lula foi eleito.
    Tenho minha consciência limpa e tranquila.
    Caso não acredite lhe mando todas as justificativas.
    Não pactuo com ladrões, desonestos, pilastra a corruptos.

    Responder

      ray

      22 de maio de 2017 às 21h19

      quem não vota não tem opinião politica crível !!!!

      Responder

    Chico Borges

    23 de maio de 2017 às 14h17

    CADEIA PARA SUA MÃEZINHA, SEU FILHOTE DA DITADURA.,

    Responder

    Chico Borges

    23 de maio de 2017 às 14h17

    AMEBA.

    Responder

    Ricardo Alcantarilha

    23 de maio de 2017 às 14h25

    Opa….além de. Acéfalo é ignorante.
    Discípulo de bandidos.
    Ameba é vc Chico Borges…….seu escroto…ignorante .
    Burro

    Responder

Luiz Antonio Polli

22 de maio de 2017 às 15h21

Alguém aí da lê essa porcaria?

Responder

Marco Aurelio Tisi

22 de maio de 2017 às 14h50

Na foto, uma ” perua amarela ” que aquele ” pasquim nazista ” emprestava para os orgãos de repressão, na época da ditadura, para transportar os presos políticos para os porões de torturas, onde acontecia de tudo lá e mais um pouco !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Responder

Carlos Silveira

22 de maio de 2017 às 14h13

É cobra comendo cobra!

Responder

Hln Moac

22 de maio de 2017 às 14h06

Tem q se degladear

Responder

Rui Alexandre De Oliveira Saldanha

22 de maio de 2017 às 14h05

Mais uma constatação da necessidade de destruição, aniquilação e pulverização do PIG-partido da imprensa e mídia golpistas, capitaneado pelas organizações globo e seus congêneres-abril, bandeirantes, record, rede tv, folha, estadão, rádio itatiaia estado de minas, o tempo, etc, que participaram e alimentaram o impeachment da Presidenta Dilma Vana Rousseff, sem qualquer base legal, que levaram à destruição da economia e auto-estima do povo brasileiro e de seu futuro promissor!
Parem de ler, divulgar e assistir publicações dos órgãos do PIG-partido da imprensa e mídia golpista.
Eles não vos acrescentam nada, pois, são deformadores ou mentem descaradamente, para atender os interesses políticos e econômicos dos seus parceiros na alavancagem da midiotizacao!
Vocês gastam vosso dinheiro e são ludibriados diuturnamente, chegando ao absurdo de lutarem contra seu próprio direito, dos vossos filhos e netos!
Agora, todo PIG aparece como baluarte da moral e da cidadania, sendo que, a mídia golpista, retirou uma Presidenta da Republica eleita pelo voto popular, deu o seu aval para que temer assumisse e, agora, que parece que ele não irá entregar o que prometeu, quer saca-lo do poder, a exemplo do ocorrido com a Presidenta Dilma Rousseff.
Portanto, jamais confie nos órgãos da mídia golpista, revistas, jornais, redes de TV, sites de informacao golpistas, blogs golpistas, etc.

Responder

Roseli Verlindo

22 de maio de 2017 às 14h03

Folha falando em plena defesa e presunção de inocência. Só pra quem ela quer.

Responder

Marcos Campos Taveira

22 de maio de 2017 às 13h58

Se à Folha restasse um pingo de decência, não se referiria a Temer como presidente, mas como usurpador, o qual ela ajudou a assaltar o poder legítimo de uma presidente.

Responder

Dani Leitora Marques

22 de maio de 2017 às 13h46

LARGA MESMO. SEM SALVA VIDA.

Responder

Tania Nunes

22 de maio de 2017 às 13h43

Por pura vaidade de um Playboy irresponsável, o país se afundou
em um mar de lama, ( mais uma vez a MÍDIA CHAPA BRANCA, dando o GOLPE no Brasil ).
Por isso mais do que NUNCA ruas ..
#OcupaBrasília
#DiretasJã
Dia 24/05 vai ser dia de LUTA

Responder

Adriana CF Silveira

22 de maio de 2017 às 13h39

Responder

    Carrie Coleman

    22 de maio de 2017 às 15h34

    Deve estar se escondendo na embaixada americana como traidor que é

    Responder

Laercio Ferreira

22 de maio de 2017 às 13h37

UNI DUNI , TRÊS MIL , AS MÍDIAS FOLHA + GLOBO, ESTADÃO , QUE VÃO PR PQP , LULA LÁ , OS 54 MILHÕES VOTO CLAMAM , SEM ESTA EMPRESA TRANSNACIONAL DO CONGRESSO , E SEM REELEIÇÃO DO MESMOS PARLAMENTARES VIGARISTAS?? RENOVA BRASIL A PÁTRIA MAMADA DO BRASIL? SEM INTERFERÊNCIA EXTERNA??

Responder

Joel Araujo

22 de maio de 2017 às 13h35

Que episódio melancólico… é o que dá em embarcar num golpe!

Responder

Dirce Helena

22 de maio de 2017 às 10h28

Adorei o texto.

Responder

Paulo L Maia

22 de maio de 2017 às 13h27

Responder

Marilene Flores

22 de maio de 2017 às 13h26

Bem feito !

Responder

Adriana CF Silveira

22 de maio de 2017 às 13h25

Responder

Sérgio Neibert

22 de maio de 2017 às 13h24

Como seria bom para o país se os grandes jornais se digladiassem entre si. A unanimidade da midia é nefasta para o Brasil.

Responder

Roberto Gontijo

22 de maio de 2017 às 13h23

Só falta d. Marcela pedir o divórcio…

Responder

Paulo Benedito Santos

22 de maio de 2017 às 13h21

O juiz Sergio Moro tem TODAS AS PROVAS contra a irmã de Aécio há dois anos. Extratos bancários e tudo mais. Ela não tem foro privilegiado. No entanto foi necessário o STF intervir e decretar a prisão de Andrea Neves, porque Moro protege tucanos. Juizinho inútil e partidário.
CurtirMostrar mais reações · Responder · 2 · 10 h

Responder

Deixe uma resposta