Boulos no programa de Maurício Meirelles

Aliados de Temer querem pressionar Janot com pedido de impeachment

Por Luis Edmundo

19 de junho de 2017 : 08h43

Foto: José Cruz/Agência Brasil

No jornal Estado de São Paulo, a Coluna do Estadão, assinada por Andreza Matais e Marcelo de Moraes, informa que “governistas vão apertar o cerco contra o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, na semana em que ele pode apresentar denúncia contra Michel Temer”.

A ideia, segundo a coluna, é que seja aceito no Congresso pedido de impeachment contra o procurador-geral. A base do pedido será “a gravação revelada pela IstoÉ de conversa entre dois procuradores”, de acordo com a nota, e nenhum deles é Janot.

Abaixo, a nota da Coluna do Estadão

Governistas vão apertar o cerco contra o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, na semana em que ele pode apresentar denúncia contra Michel Temer. O movimento para emparedar Janot passa por aceitar pedido de impeachment contra ele. A peça não chegou ao Senado, mas é discutida por vários atores e seria assinada por não políticos. A base é a gravação revelada pela IstoÉ de conversa entre dois procuradores, um deles está preso acusado de ter sido comprado pelo delator Joesley Batista, na qual Janot é acusado de perseguir opositores, incluindo o senador José Agripino (DEM-RN), por apoiarem candidato rival a sua sucessão na PGR.

Luis Edmundo

Luis Edmundo Araujo é jornalista e mora no Rio de Janeiro desde que nasceu, em 1972. Foi repórter do jornal O Fluminense, do Jornal do Brasil e das finadas revistas Incrível e Istoé Gente. No Jornal do Commercio, foi editor por 11 anos, até o fim do jornal, em maio de 2016.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »
x
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com