Economistas discutem a desindustrialização no Brasil

Valor divulga pesquisa presidencial para 2022

Por Redação

19 de junho de 2019 : 14h14

Hoje o jornal O Valor divulgou pesquisa encomendada pelo PSDB ao Paraná Pesquisas, para as eleições presidenciais de 2022.

A nota do jornal informa que a pesquisa foi feita ainda na gestão de Geraldo Alckmin na presidência do PSDB, o que significa que foi feita antes do dia 31 de maio, quando o cargo foi passado para Bruno Araújo. Não foi informada a data exata, nem a quantidade de entrevistados.

Se as eleições de 2022 fossem hoje (quer dizer, na data quando foi feita a pesquisa), Bolsonaro seria o líder, com 26% das intenções de voto, seguido de Sergio Moro, com 16%, Ciro, 14%, Lula, 13% (que a matéria lembra que está inelegível) e João Dória, 5%.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

15 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Cláudio

18 de outubro de 2019 às 11h21

O ex-presidente Lula ganharia no primeiro turno

Responder

Netho

04 de outubro de 2019 às 17h53

Claro está que uma dobradinha da extrema-direita emerge como potencial vencedora em 2022.
Basta o atual presidente juntar-se com o atual ministro da justiça, que a extrema-direita passaria ao segundo turno e levaria, outra vez, ao plebiscito do anti-petismo, cada vez mais encalacrado com as alcaguetagens do “Italiano Palocci” e, mais recentemente, de “Duque”, o larápio do lulo-petismo na Petrobrás.
Nem o genocídio em curso na Amazônia que atinge as poucas etnias restantes, como demonstra a Revista Piauí, que de esquerda não é, seria capaz de impedir a reeleição da extrema-direita com a direita, apesar de todas as estupidezes e estultices nas áreas de costumes, ambiental e educacional, além das derrapagens e abalroamentos nas áreas previdenciária, tributária e econômica como um todo, que afundaram o país, ainda mais, na recessão econômica rediviva.
https://piaui.folha.uol.com.br/sob-bolsonaro-invasoes-de-terras-indigenas-superam-2018/

Responder

Marcus Vinicius Machado Padilha

03 de outubro de 2019 às 11h35

Deve ser decepcionante para o Doriana saber que perderia, principalmente pro Lula.

Responder

Alfredo Vinas

02 de outubro de 2019 às 14h27

Se a eleição do ano 3000 fosse agora, em quem você votaria?

Responder

henrique de oliveira

19 de setembro de 2019 às 14h05

Pois é a Paraná pesquisa não é muito confiável , afinal na eleição de Dilma esse instituto dizia que Aécio já estava eleito e deu no que deu , não divulgaram quantas pessoas foram entrevistada , então pode ser apenas uma e já levou o resultado para a mídia , mas na verdade o Bozo não ganha mais nada , Moro se a justiça for para todos estará na cadeia , Ciro não engana mais ninguém , e LULA é o único que pode nos tirar da fossa que os paneleiros e idiotas nos colocaram.

Responder

    Renato

    25 de setembro de 2019 às 07h40

    Confiável é o Vox Populi !

    Responder

Doda

13 de setembro de 2019 às 13h26

Votei no Bolsonaro, pois prefiro ver o capeta na presidência a qualquer petista.

Uma nova eleição onde seria necessário escolher entre o Bolsonaro ou Lula e seus postes seria uma tragédia para o Brasil!

Responder

    Vinicius

    16 de setembro de 2019 às 14h55

    Eu já não quero parte com Capetas e seus minions. Eu sou de Jesus, Lula livre!

    Responder

      Renato

      25 de setembro de 2019 às 07h42

      Você quer parte com os corruptos. Eu entendo !

      Responder

        Marcus Vinicius Machado Padilha

        03 de outubro de 2019 às 11h38

        Aí teria de votar no Moro, né? Ele conseguiu corromper a justiça, o processo eleitoral e o devido processo legal. Esse, em matéria de corrupção, é imbatível! Ou tu é daquele tipo de ignorante que acha que corrupção só se faz com dinheiro?

        Responder

Joanan Mendonça Jr.

14 de agosto de 2019 às 14h17

Essa pesquisa com Sergio Moro e Bolsonaro não faz sentido. Um está estreitamente alinhado ao outro. Esses 16% seria de bolsonaro se Moro não estivesse e os 26 de bolsonaro seria de Moro se bolsonaro não estivesse.

Responder

    Márcio

    18 de setembro de 2019 às 14h19

    E hj, vc ainda acha que Bolsonaro e Moro estão de mesmo lado, depois de Bolsonaro rejeitar todas as indicações de Moro, mudar superintendente da PF, etc…? Bolsonaro engoliu Moro e estancou a lava Jato, claramente.

    Responder

Wagner de Moraes Oliveira Silva

26 de julho de 2019 às 17h42

Acho interessante essa pesquisa e como eleitor do bolsonaro, confesso que ele tem sido uma decepção e acredito que o nosso futuro presidente será João Dória ou Fernando Haddad !

Responder

    José H. Fialho

    16 de outubro de 2019 às 11h21

    Interessante, viu Wagner!! Por motivos diferentes, também acho que o bicho vai se dar entre o Dória e Haddad, mesmo porque, até lá, o Messias já era, levando consigo para o buraco o judge Moro.

    Responder

    José H. Fialho

    16 de outubro de 2019 às 11h23

    Interessante, né, Miguel, nunca disse nada sobre as intenções de voto do brasileiro, principalmente para o cafezinho, a quem não visito há muito tempo. Até nunca mais.

    Responder

Deixe uma resposta