Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Presidenta Dilma Rousseff durante reunião dos Chefes de Estado e de Governo dos BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul). Los Cabos - México, 18/06/2012 Foto: Roberto Stuckert Filho/PR. Data: 18 Jun 2012

Banco do Brics eleva carteira de projetos para US$ 10 bilhões

Por Redação

27 de junho de 2019 : 11h25

Se o presidente Bolsonaro ou seu ministro da Economia, Paulo Guedes, tivessem um mínimo de compromisso com a geração de empregos no Brasil, poderiam articular para que o novo banco dos Brics aumentasse o financiamento de projetos de infra-estrutura em nosso país.

***

Novo Banco de Desenvolvimento do BRICS aprova verba para dois novos projetos

2019-06-27 10:06:51丨portuguese.xinhuanet.com

Shanghai, 27 jun (Xinhua) — O Novo Banco de Desenvolvimento do BRICS (NBD) aprovou o financiamento de dois novos projetos, elevando os fundos de carteira de projetos do NBD para cerca de US$ 10 bilhões.

Um dos projetos é a substituição de ônibus movidos a gás por veículos elétricos em Yinchuan e o outro, a redução da defasagem logística através da construção de uma infraestrutura de logística multimodal em Lanzhou, ambos no noroeste da China.

O banco com sede em Shanghai aprovou um total de 37 projetos nos cinco países membros num valor total aproximado de US$ 10 bilhões.

O presidente do NBD, K.V. Kamath, disse que o banco está se preparando para emitir bônus em outros países do BRICS depois das duas bem-sucedidas rodadas de emissão de bônus na China.

O NBD, estabelecido pelo Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, foi inaugurado formalmente em 21 de julho de 2015 em Shanghai.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Aparício

27 de junho de 2019 às 14h16

Esse site é uma piada. Que análise ridícula. Agente tentando diminuir a dívida interna gigantesca deixada pelos petralhas, e a solução maravilhosa do autor da matéria é individamento externo. Vai ser burro assim lá em Cuba, meu amigo, vá de uma vez. Eu não entendo porque vocês não se mudam de uma vez pra Cuba, pra China, pra Conchinchina e deixa agente reconstruir o país em paz. Me explique isso!

Responder

Flávio

27 de junho de 2019 às 12h54

Ué, Não entendi. O Brasil de Lula e Dilma tinha dinheiro de sobra para financiar a infra-estrutura de Cuba, Venezuela e países africanos e não tem dinheiro para financiar a própria infra-estrutura , necessitando da merreca do banco do Brics?

Responder

    Marcio

    27 de junho de 2019 às 13h04

    A famosa exportaçao da engenharia brasileira da Odebrecht…rsrs

    O Brasl jà era.

    Responder

Marcio

27 de junho de 2019 às 11h55

Brasil em via de Desenvolvimento…?!?! Deve ser piada.

Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?