Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Veja entra na Vaza Jato e divulga nomes de testemunhas repassados por Moro a Dallagnol

Por Redação

28 de junho de 2019 : 10h27

Reproduzimos abaixo, apenas alguns trechos.

Na Veja

As ‘testemunhas’ que puseram em xeque a imparcialidade de Sergio Moro

June 28, 2019

Das muitas mensagens trocadas entre o então juiz Sergio Moro e o procurador Deltan Dallagnol, o chefe da força-tarefa da Lava-Jato, a mais comprometedora até o momento é a que mostra Moro passando ao procurador a dica de duas testemunhas que teriam informações relevantes sobre negócios envolvendo a família do ex-presidente Lula. Para a maioria dos especialistas, essa parceria investigativa teria beneficiado uma das partes envolvidas no processo — no caso, os acusadores, o que seria ilegal. Seguindo a orientação do juiz, Dallagnol procurou as pessoas citadas, mas elas teriam se recusado a colaborar. Em resposta a Moro, o procurador chegou a sugerir que se forjasse uma denúncia anônima para justificar a expedição de uma intimação que obrigasse as testemunhas a depor no Ministério Público.

O diálogo entre Moro e Dallagnol foi publicado pelo site The Intercept Brasil há três semanas, mas o nome das testemunhas não havia sido divulgado. VEJA localizou os dois personagens ocultos da história. O primeiro deles é o técnico em contabilidade Nilton Aparecido Alves, de 57 anos. Na mensagem, o então juiz da 13ª Vara Federal de Curitiba relata ao procurador ter recebido a informação de que uma pessoa fora instada “a lavrar escrituras de transferências de propriedade de um dos filhos do ex-presidente”. “Seriam dezenas de imóveis”, segundo Moro. Durante o governo do petista, pipocaram na internet inúmeros boatos sobre supostos negócios imobiliários envolvendo o clã presidencial. Pela primeira vez, havia uma testemunha com nome, sobrenome e telefone. Vinte e quatro minutos depois da mensagem, Dallagnol escreve que tentou fazer contato com o técnico em contabilidade, mas a testemunha “arriou”, “disse que não tem nada a falar” e, “quando dei uma pressionada”, relata o procurador, “desligou na minha cara”.

(…)

Colaborou Laryssa Borges

Publicado em VEJA de 3 de julho de 2019, edição nº 2641

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

32 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Sebastião Farias

28 de junho de 2019 às 23h33

É lamentável, tudo isso. Aos que se dizem cristãos, sejam evangélicos, católicos, etc, que apoiam as maldades e injustiças praticadas ao povo e á nação brasileira, é bom irem meditando sobre seus atos pois, se aproxima o grande julgamento de todos, pelo Juiz Supremo, que é Deus. Lembrem e não esqueçam, quando um servidor público ou um juiz, desrespeita a Constituição, desrespeita a ética e as boas práticas jurídicas, desrespeita as leis e, a sua condição de árbitro imparcial do povo, desrespeita os direitos dos cidadãos, desrespeita a justiça imparcial e igual para todos, não promove a justiça nem a paz social, etc, esses cidadãos, não merecem mais, a dignidade da função pública de juiz de direito e árbitro.
Ao juiz injusto, és o que lhe aguarda, conforme a Bíblia Sagrada: “Tu não queres nada com juízes desonestos, pois eles fazem a injustiça parecer justiça, ajuntam-se para prejudicar as pessoas honestas e condenam à morte os inocentes. Ele castigará esses juízes por causa das injustiças que eles têm cometido; o Senhor, nosso Deus, os destruirá por causa dos seus atos de maldade.” (SALMOS 94 v. 20-21, 23).
Jesus já advertia seus Discípulos e ao povo cristão de seu tempo sobre injustiça: “Se a vossa justiça não for maior que a dos escribas e fariseus, não entrareis no Reino dos Céus” (São Mateus. 5,20). Será que Jesus nos faz um pedido impossível? Que tal, daqui em diante, lermos mais a Bíblia com humildade e, buscarmos com fé e esperança, o Seu amor, a Sua verdade e justiça e, encontrando-as, que são o próprio Deus, dividamo-las, com nossos irmãos.
Vamos todos a partir de agora, para o bem do Brasil e de seu povo, tomarmos a iniciativa de levarmos aos cidadãos em quaisquer locais públicos, em shows musicais de quaisquer espécies, nos teatros, nos cinemas, nos eventos sociais e esportivos diversos, nas escolas, nos colégios, nas universidades, etc, a leitura pública de pelo menos, dos 07 primeiros Artigos da Constituição Federal, para lembrar a todos os cidadãos brasileiros e, principalmente, aos que nunca ouviram isso, de que, é o povo que detém o Poder e autoridade constitucional e não, os parlamentares e as autoridades por ele eleitas, assim como os membros do Poder Judiciário nomeados nos termos da CF.
Também, vamos, dentro do possível, iniciar nos meios de comunicações que aceitarem o desafio e nas redes sociais do país, uma Campanha Nacional de Conscientização Política e Cidadania, para que os cidadãos brasileiros sejam estimulados, para seu bem, a lê mais, consultar e dividir com os nossos patrícios menos informados, o nosso aprendizado constitucional.
Da mesma forma, incentivarmos nossos irmãos, a fazerem o mesmo, lendo e consultando mais a Constituição Federal, a Constituição de seu Estado e, a Lei Orgânica de nosso Município, para nos conscientizarmos mais de nosso poder constitucional e assim, podermos realmente, capacitados e informados, mudarmos este Brasil que temos, num Brasil do povo e para o povo, verdadeiramente, mais cristão, mais justo, mais igual e fraterno e mais feliz, como dispõe e recomenda, a nossa Constituição Federal.
Mais um lembrete que se dizem cristãos e que desrespeitam essa mesma CF, que não esqueçam que, no Preâmbulo dela, está gravado em seu final: “promulgamos, sob a proteção de Deus, a seguinte CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL”. Isto quer dizer que falar da nossa CF e à ela, fazermos correções de textos sagrados, só é feio para os que negam a Deus, donde todo o poder, autoridade e justiça provêm e, é dado por Ele, ao povo, para garantia de seu bem-estar comum.
Somente com uma educação cidadã e com uma conscientização política de nossa condição de cidadão brasileiro, que compõem o POVO e a Nação, mudaremos juntos, este país que é nosso, de nossos filhos, netos e das gerações futuras.
São esses, o nosso comentário, observação e contribuição à matéria e ao nosso povo. Que cada um faça, conforme suas possibilidades, a sua parte.
Paz e bem.
Sebastião Farias
Um brasileiro nordestinamazônida

Responder

Ederson

28 de junho de 2019 às 21h22

Que lixo esse cafezinho..
A parcialidade ou não de um juiz..
não é mais grave que os crimes cometidos pelo marginal bandido corrupto..condenado em 3 instâncias com provas licitas e incontestáveis do roubo que cometeu no pais..
do crime organizado onde o chefe é o demônio de nove dedos chamado Lula.

Responder

    Mercier

    28 de junho de 2019 às 21h32

    Tanto ódio.
    A natureza é sábia. Tudo que desejamos para outros, retorna para nós.

    Responder

    Esquerda de aço a aço!

    28 de junho de 2019 às 22h51

    demônio é esse cão que ganhou as eleições ilegalmente!

    Responder

      Ederson

      29 de junho de 2019 às 01h47

      É só quando a esquerda ganha as eleições que é democracia..
      quando ela perde é golpe é ilegalmente..
      A igualdade de oportunidade enfurece os perdedores…essa é a esquerda !
      o Lula não é o pai dos pobres ele é o pai da pobreza da corrupção do mau carácter…o cão é o próprio nove dedos.
      o pior cego é aquele quer não quer ver..

      Responder

    tomáz turbando

    01 de julho de 2019 às 13h57

    grande jurista, apresente-nos suas provas então, coisa que o juizeco marreco arranjou você poderá mostrar que o seu idolo não é esse salafrário que todos pensamos que é.

    Responder

El Bartho

28 de junho de 2019 às 18h29

Agora vai….kkkkkk

Bolsonaro vende bijuteria de nióbio no Japão como vendedor da Polishop

https://www.youtube.com/watch?time_continue=28&v=YO4CbISNTNs

Responder

    El Bartho

    28 de junho de 2019 às 18h42

    Semana que vem viajo para Berlin, graças a Deus tenho passaporte italiano kkkkkkkkk

    Responder

      Militonto Companheiro

      28 de junho de 2019 às 20h33

      Sucesso em sua empreitada em lavar privadas na europa. Que você possa servir de exemplo e seja norte de todos os companheiros petistas que estão insatisfeitos com o governo fascista de Bozo !

      Responder

Justiceiro

28 de junho de 2019 às 15h42

HUASHUASHUIASHUASHUAS

Larguem disso! Esse vazamentos já eram. Depois que o decano disse que conversas vazadas que não passaram por perícia não valem nada e depois que o Corregedor do CNMP disse a mesma coisa, em relação a um processo contra Dallagnol, ou a biba entrega todo o material para a perícia ou vai ficar vendendo merd@.

A biba vai pro buraco e ainda vai levar a Folha e a Veja, que ninguém mais ler.

HUASHUASHUAHUASHUASHUAS

Responder

    Justiceiro

    28 de junho de 2019 às 16h55

    Consertando…

    .em vez de “ninguém ler”, leia-se ninguém lê.

    Responder

Somos Todos Tontos

28 de junho de 2019 às 14h54

Parece que o bolsococa pegou feio pra Bolsonaro.
O Paraná pesquisas divulgou nova pesquisa , feita entre dias 20 e 25 , diferente do Ibope que foi entre dias 20 e 23.
51% desaprovam o governo contra pouco mais de 40% que aprovam.
40% consideram o governo ruim ou péssimo , contra 30% de ótimo e bom.
Detalhe mais importante , no Sudeste 49,8% desaprovam Bolsonaro , no Nordeste 63% desaprovam.
Nas duas regiões mais populosas Bolsonaro vai mal , mesmo no conservador Sudeste.

Responder

    manada de burros encantados por Lula

    28 de junho de 2019 às 16h32

    O problema companheiro , é que a pessoa só precisa de popularidade para se eleger , e Bolsonaro já se elegeu ( ainda por cima , botando na bunda de nosso Lula e na bunda de nosso Haddad) . Depois que o cara se elege, ele não precisa mais de popularidade, mas ainda sim ,a popularidade de Bolsonaro é ainda bem maior que a de nossa querida Dilma, a Anta !

    Responder

      Somos Todos Tontos

      28 de junho de 2019 às 18h02

      Nossa você é muito inteligente mesmo.
      E como ele vai se reeleger Einstein?
      Dilma terminou o primeiro mandato com aprovação bem maior do que essa.
      Nem vou comparar com os 88% de ótimo/bom e 90% de aprovação que Lula atingiu.

      Responder

        Companheiro militonto

        28 de junho de 2019 às 20h19

        Não tão inteligente quanto qualquer dos nossos irmãos maconheiros petistas. Companheiro, quem vive de passado é museu. Lula saiu com 90% , mas não conseguiu eleger o poste Haddad e não se viu ninguém indo às ruas para defendê-lo por ocasião da prisão. Dilma, nossa querida Anta, chegou a 88% (?) , mas terminou com 70% de rejeição. O Congresso e os brasileiros meteram o pé na b.u.n.d.a de Dilma e depois os mineiros , quando a Anta tentou se candidatar ao senado por lá , caro militonto companheiro. .

        Responder

carlos

28 de junho de 2019 às 14h33

Esse tal moro pode ser tudo menos juiz, segundo o Kakay ele era pra estar preso preventivamente, mas quem vai investigar, eis a questão, o supremo esse trocado pelo STJ MPF , MPF e CNJ tudo são parte da organização criminosa segundo uma associação de magistrado, o que falta acontecer mais.

Responder

Somos Todos Tontos

28 de junho de 2019 às 13h02

Está claro para mim que o Brasil não é mais uma democracia.
Moro cometeu crimes em série e continua cometendo usando o cargo para blindar o casal Bolsonaro.
Muitas pessoas de direita já enxergam isso e não há mais um defensor de Moro que não seja eleitor de Bolsonaro , o que diz muito , não há maior vergonha para um juiz do que ser apoiado por gente que votou num exaltador da tortura e das mílicias.
Aliás , é uma vergonha para qualquer ser humano decente.

Responder

Anônimo

28 de junho de 2019 às 11h35

Não e lava jato vcs escreverão vaza jato

Responder

Anônimo

28 de junho de 2019 às 10h51

JÁ NÃO CONFIAVA EM SERGIO MORO E AGORA TENHO CERTEZA QUE ELE NÃO PASSA DE UM JUIZ PIRATA A SERVIÇO DA CASA GRANDE.

Responder

    Fábio Lima

    28 de junho de 2019 às 12h14

    Sérgio Moro ( o juiz que botou Lula preso, babaca ) está CAGANDO para sua opinião ! kkkkkkkkkkkkkkkkk

    Responder

      Batista

      28 de junho de 2019 às 12h33

      E para o seu discernimento de legal e ilegal, normal e criminoso, seu tapado adestrado.

      Responder

        Fábio Lima

        28 de junho de 2019 às 13h57

        Eu o Grande Sérgio Moro, remelento militonto, compartilhamos o mesmo entendimento a respeito de legalidade e ilegalidade. Saudações. E não se esqueça que Lula, BABACA, está e vai continuar preso ! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

        Responder

    Alan C

    28 de junho de 2019 às 13h16

    “vai depender da articulação com os americanos”

    Entendedores, entenderão…

    Responder

Gilmar Tranquilão

28 de junho de 2019 às 10h49

Que meigo, guerrinha de bandidos golpistas.. que se matem! kkkkk

Responder

    Fábio

    28 de junho de 2019 às 12h25

    Ainda esse mimimi de golpe, militonto ?

    Responder

      Gilmar Tranquilão

      28 de junho de 2019 às 17h41

      Ainda esse mimimi bolsoburro?? kkkkkkkk

      Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?