Bahia: Refinaria privatizada provoca desabastecimento de Gás de Cozinha

Foto: Painel NBC

Já são 2 milhões de infectados e OMS alerta contra a suspensão prematura do bloqueio

Por Tulio Ribeiro

13 de abril de 2020 : 22h30

A pandemia de Covid-19 ultrapassou dois milhões de infecções em todo o mundo, segundo dados coletados pela Universidade Johns Hopkins, em meio a uma crise que as autoridades mundiais de saúde dizem ser “10 vezes mais mortal” que o surto de gripe suína de 2009.

O novo marco chegou na noite de segunda-feira com a atualização mais recente do rastreador de coronavírus Johns Hopkins, que coloca o total de infecções em todo o mundo em 2.019.320, com quase 120.000 mortes. 

À medida que o número de doenças e mortes continua a subir, a Organização Mundial da Saúde (OMS) alertou que as medidas de contenção não devem ser relaxadas prematuramente, pois o vírus ainda está se espalhando rapidamente, assim reportou a RT.

“Sabemos que em alguns países, os casos dobram a cada três a quatro dias”, disse o  chefe da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, em um briefing em Genebra na segunda-feira, observando que o Covid-19 foi 10 vezes mais mortal que a pandemia do H1N1. “No entanto, enquanto o COVID-19 acelera muito rápido, desacelera muito mais lentamente.”

Tulio Ribeiro

Túlio Ribeiro é graduado em Ciências econômicas pela UFBA,pós graduado em História Contemporânea pela IUPERJ,Mestre em História Social pela USS-RJ e doutorando em ¨Ciências para Desarrollo Estrategico¨ pela UBV de Caracas -Venezuela

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe um comentário