Live do Cafezinho: bate papo com o cineasta cearense Wolney Oliveira

Foto: Poder360 / PoderData.

PoderData: Melhora a aprovação do Governo Bolsonaro

Por Redação

06 de agosto de 2020 : 21h17

O Poder360 divulgou uma nova pesquisa PoderData nesta quinta-feira (06).

O levantamento mostra que a administração de Jair Bolsonaro tem 45% de aprovação e 45% de desaprovação, ou seja, uma oscilação de 2 pontos positiva para o presidente em relação à última pesquisa.

Na região sul, a percepção positiva passou de 46% para 55% entre essa pesquisa e a anterior a ela.

Os dados indicam também que o percentual de pessoas de 16 a 24 anos que rejeitam a administração de Bolsonaro caiu, de 46% para 39%.

O mesmo aconteceu no sudeste, onde a desaprovação caiu de 51% para 43%.

O PoderData também perguntou a opinião dos entrevistados sobre o trabalho do presidente.

A avaliação positiva de Bolsonaro foi de 30% para 32%, e a negativa (ruim/péssimo) foi de 43% para 41%.

Abaixo, a estratificação completa:

Por renda, a maior rejeição (ruim/péssimo) de Jair Bolsonaro é de 63% entre quem ganha mais de 10 salários mínimos, e a menor é de 33% entre desempregados ou sem renda fixa.

Já a maior aprovação (bom/ótimo) é de 37%, entre quem ganha de 2 a 5 salários mínimos ou de 5 a 10 salários mínimos; a menor aprovação é de 19 entre quem ganha acima de 10 salários mínimos.

Dos 25% que consideram o governo Bolsonaro “regular”, 53% aprova o Governo.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

9 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Monza 87

07 de agosto de 2020 às 13h24

Já já os 600 reais dados pelo congresso acabam e aí o golden shower vai tomar uma mijada kkkkk

Responder

Vixen

07 de agosto de 2020 às 13h05

Eu queria saber como os brasileiros pretendem votar para um candidato se nem saber as posiçoes dos mesmos a respeito de varios assuntos, me refiro a Moro e Mandetta principalmente dos quais pouco o nada se sabe.

Responder

Walter

07 de agosto de 2020 às 11h56

Lula não foi incluído porque só ele pode vencer Moro/Bolsonaro

Responder

    Beleleu

    07 de agosto de 2020 às 13h08

    Lula nao foi incluido porque ele mesmo disse que nao quer ser candidato…e nem vai poder.

    Responder

Alexandre Neres

06 de agosto de 2020 às 21h28

Cadê a pesquisa presidencial do Datapoder360? Justo este blogue que comenta qualquer pesquisa de Instituto que abriu ontem em uma biboca. É a maldição da terceira via. O projeto de marinização de Ciro caminha a passos largos. 6% junto com Mandetta e Dória? Aff. Aqui se faz, aqui se paga.

Responder

    James

    07 de agosto de 2020 às 07h57

    Bolsonaro: 38%
    Haddad: 14%
    Moro: 10%
    Ciro: vergonhosos 6%
    Mandetta: 5%
    Dória: 4%
    Dino: 3%

    O Ciro, é aquele cara que se diz de esquerda, mas ao invés de concentrar esforços em bater no fascista que tomou de assalto o país, fica o tempo todo batendo no maior partido de esquerda para tentar justificar sua derrota nas eleições de 2018.
    Essa estratégia não parece ser das mais brilhantes, pois já conseguiu a proeza de passar de terceiro para quatro colocado com insignificantes 6% de intenção de votos e, pelo andar da carruagem, em breve estará em oitavo.

    Responder

      Batista

      07 de agosto de 2020 às 15h24

      Como assim, “conseguiu a proeza de passar de terceiro para quarto colocado”?

      Os fatos não deixam dúvida isso ter deixado de ser proeza, pois o auto denominado “Cirão das Massas”, alterna em cada candidatura a presidente, o terceiro e o quarto lugar, portanto, se em 2018 foi terceiro, em 2022 será quarto colocado, mantendo a escrita, faltando apenas saber quem estará à sua frente, em terceiro, substituindo o Garotinho de 2002, sabendo-se Lula, com testemunho da Odebrecht, em primeiro, repetindo aquela eleição, para tirar o Brasil atolado do brejo fétido em que os golpistas o colocaram, a partir de 2013, a pedido do ‘irmão’ do norte.

      Responder

      Ipê

      08 de agosto de 2020 às 10h06

      Ciro Gomes é só mais um político populista e oportunista.

      Responder

    Hilux12

    07 de agosto de 2020 às 12h37

    Para Cirolipa a Presidencia da Republica do Brasil é pouca coisa e é por isso que nao ganha uma nem pela lei dos grandes numeros…o lugar dele è na Presidencia do Planeta Terra….kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Responder

Deixe uma resposta