PARIS CAFÉ: Lula volta ao jogo e polariza com Bolsonaro. Quais os novos desafios?

PDT oficializa retorno de Miro Teixeira para coordenar campanha de Ciro Gomes

Por Redação

07 de fevereiro de 2021 : 09h51

A direção nacional do PDT já acertou a volta do ex-deputado Miro Teixeira para coordenar a campanha presidencial do ex-ministro Ciro Gomes. O convite partiu do presidente Nacional do partido, Carlos Lupi, e do próprio Ciro.

Miro é advogado, jornalista, ex-deputado e teve passagens pelo MDB, PP ,PDT, PPS, PT, PDT novamente, PROS e Rede. 

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

2 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Alexandre Neres

07 de fevereiro de 2021 às 13h16

Tem certos políticos que guardam uma certa aura de corretos, éticos e epítetos assim por incautos, que não sabem o que fizeram no verão passado. Miro Teixeira é um desses, Pedro Simon outro. Não estou dizendo que são os piores, só não são nada diferentes dos demais como os ingênuos supõem.

Miro Teixeira é um oportunista, um dos maiores traidores do trabalhismo de Brizola. Porém, o seu maior defeito deve ser o motivo por que o neotrabalhismo o convidou para suas hostes. Miro Teixiera é unha e carne com a Globo. Tem uma ligação íntima e estreita com a Vênus Platinada.

Responder

    NeoTupi

    08 de fevereiro de 2021 às 20h39

    Tão ligado à Globo que votou junto com Cunha a favor do golpe contra Dilma em 2016, quando ainda era deputado. Mas se ferrou em 2018. Candidatou-se a senador pela Rede e teve só 3% dos votos.
    Agora os donos da Globo seguem o Ibope. Vão apoiar a direita q estiver melhor nas pesquisas, seja Dória, Huck, ou outro. Podem até se entenderem com o Bozo, trocando a renovação das concessões em 2022 por fazer um jornalismo puxa saco e de campanha eleitoral bolsonarista.

    Responder

Deixe uma resposta para Alexandre Neres