Genial/Quaest: Veja os números da corrida pelo governo da Bahia

Imagem: Rafaela Felicciano / Metrópoles

Moro ataca o STF por ter anulado a condenação de Lula

Por Redação

07 de janeiro de 2022 : 22h19

Durante sua viagem a Paraíba, o ex-juiz e pré-candidato a presidência, Sérgio Moro (Podemos), voltou a atacar o Supremo Tribunal Federal (STF) por ter anulado a condenação do ex-presidente Lula no âmbito da Operação Lava Jato.

Na entrevista que concedeu a uma Rádio de Pernambuco, Moro voltou a negar que foi parcial nas condenações contra o ex-presidente. Em 2021, o STF decretou a parcialidade do ex-juiz no caso do triplex do Guarujá, sítio de Atibaia e do Instituto Lula.

​”Infelizmente, alguns tribunais, inclusive o STF, parte dele, têm anulado condenações, não dizendo, porque eles não conseguem, que as pessoas são inocentes, mas dizendo que não podiam ter sido julgados em Curitiba e que o juiz tinha animosidade em relação ao acusado. Fiz meu trabalho aplicando a lei”, disse.

Ainda nas palavras de Moro, a anulação da condenação contra o líder progressista foi um erro. “A anulação da condenação do ex-presidente Lula foi um baita erro Judiciário”, disparou.

Mas apesar dos ataques, o ex-juiz diz que respeita a Suprema Corte e suas decisões. Ele sugeriu que tem proximidade com o presidente do STF, Luiz Fux.

“Tenho grande respeito pelo STF como instituição. O presidente do Supremo é uma grande personalidade e tem um sério compromisso no combate à corrupção”.

Por fim, Moro defendeu o fim do foro privilegiado. Vale lembrar que o ex-juiz largou a consultoria Alvarez & Marsal para tentar ganhar um cargo eletivo.

“Com o fim do foro privilegiado, um governante que fizer algo errado vai ser julgado igual a outra pessoa. Também defendo a criação de uma corte nacional anticorrupção. Vamos criar um tribunal específico usando juízes selecionados com vocação e passado ilibado para romper essa tradição de impunidade com a corrupção”.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

10 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Silvia

10 de janeiro de 2022 às 17h07

Foi tão imparcial e agiu de tanta má fé, que inclusive as notas fiscais das supostas reformas do triplex eram de lojas de Curitiba. Por que supostas? Porque o apartamento foi invadido por sem tetos e fotografado. NADA!!! NENHUMA reforma. O tal do “Juiz que SE CORROMPEU” e entrou pata a história como: “o JUIZ LADRÃO”, continua corrompido e ladrão! Tem jeito não!!!!

Responder

Samuel Brito

10 de janeiro de 2022 às 00h58

O cara prega a criação de um tribunal de exceção na maior cara dura!
Onde estão os democratas desse país, Inclusive os da direita?
Sinceramente, não acredito que esse cara tenha passado em um concurso para magistratura!

Responder

Batista

09 de janeiro de 2022 às 15h57

Marreco e Narciro gerando aprendizes convictos e devotos.

Porém, pra infelicidade deste lote de marrequitos, também em relação a justiça com Jota maiúsculo, a parcialidade permanece bisavó da HIPOCRISIA.

Portanto, prossigam esperneando.., é o que resta.

Responder

LAERCIO JOSE DE CARVALHO

08 de janeiro de 2022 às 14h02

Ex Juiz cafajeste e sem vergonha. Se pudesse colocaria Lula na cadeia novamente para ter mais chance de ser presidente. Vai ficar esperando, ladrão safado.

Responder

Willy

08 de janeiro de 2022 às 12h09

Em paises civilizados, democraticos e de gente que sabe escrever se diz “critica” e nao ataca.

Responder

Justino

08 de janeiro de 2022 às 08h25

Ataca ou critica?? O Cafezinho sabe q há diferença nisso???

Responder

Paulo

08 de janeiro de 2022 às 00h04

Certinho, certinho, o Moro. Se o povo vai entender, em tempos de pós-verdades, eu já não sei. Sei de uma coisa: se o povo escolher um dos dois corruptos, à direita e à esquerda, e não aquele que os condenou, processual e ideologicamente, condenado está…

Responder

Fanta

07 de janeiro de 2022 às 23h05

Uma Corte Constitucional que alem de soltar bandidos como se fosse um tribunal penal, que autoriza uma busca e apreensão na casa de Sérgio Reis, que censura revistas, manda prender presidentes de partidos, jornalistas, deputados, ecc… não pode ser levada minimamente a sério.

Responder

Zulu

07 de janeiro de 2022 às 23h02

O STF é uma coisa vergonhosa.

Responder

Tony

07 de janeiro de 2022 às 22h28

No País das bananas, terra fértil para tudo que pilantra uma Corte Constitucional se torna última instância penal e inventa lei e sentencias conforme interesses políticos.

Ter apadrinhado o STF por anos rendeu seus frutos para quem assaltou os cofres públicos por anos sem ser incomodado…. até a Lava Jato.

Responder

Deixe um comentário para Fanta

Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro Janela Partidária 2022: Quem ganhou, quem perdeu? Caro? Gasolina, Gás e Diesel: A atual política de preços da Petrobrás As Maiores Enchentes do Brasil