Fundador do Instituto Ideia vê chance de Lula vencer no 1° turno

Imagem: Ricardo Stuckert

A pré-campanha de Lula-Alckmin e a correção das reformas

Por Gabriel Barbosa

11 de junho de 2022 : 11h14

A pré-campanha presidencial da chapa formada pelo ex-presidente Lula e o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSB), já começa a trabalhar na perspectiva de não ruptura das reformas trabalhista, aprovada no governo de Michel Temer (MDB) e em breve, a previdenciária, articulada por Rodrigo Maia (PSDB-RJ) e chancelada pelo Centrão em 2019.

O papel do presidente nacional do Solidariedade, Paulinho da Força (SP), tem sido de mediar os interesses dos sindicatos (de centro-direita) que representam tanto os trabalhadores quanto os empresários (sindicatos patronais).

Outro papel exercido pelo dirigente sindical (junto com Alckmin) tem sido, nos últimos dias, de acalmar os agentes do mercado financeiro que ficaram surpresos com a divulgação prévia da plataforma econômica da chapa lulista. A estratégia é semelhante a do senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), na pré-campanha de Simone Tebet (MDB).

A perspectiva é que a chapa Lula-Alckmin continue investindo numa plataforma de governo liberal-social, sem a ruptura das reformas aprovadas pelo Congresso Nacional. O objetivo é fazer correções para diminuir as distorções, por exemplo, entre o setor público e privado.

Na realidade, as agremiações partidárias que compõem a frente pró-Lula (PSB, Rede, Solidariedade e PV) são favoráveis as reformas econômicas de cunho liberal, iniciadas no governo do ex-presidente Michel Temer (MDB).

Nos próximos dias, haverá o acerto para a adesão, ao palanque de Lula, dos diretórios do PSDB do Rio de Janeiro e de São Paulo. Já nas próximas semanas, é aguardado o apoio do ex-ministro Gilberto Kassab (PSD). A executiva do PSD pode auxiliar no discurso pró-mercado do ex-presidente Lula.

Esse texto teve a colaboração do sociólogo Luiz Cláudio Ferreira Barbosa

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM. Pós-graduando em Comunicação e Marketing Político.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

9 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

marco

13 de junho de 2022 às 05h43

Esse avatar é puxa saco do Lula e do Alckmin.
Defensor da criptografia feita pela Kriptus E ED intimamente ligada as Forças Armadas e do hardware da Positivo, aquela empresa do senador Oriovisto, condecorado com a medalha principal do Exército brasileiro e que tem em sua prontuário a surpreendente vitória nas eleições de 20018 sobre o franco favorito, o ex senador Requião.

Responder

marco

12 de junho de 2022 às 15h34

As urnas podem ser seguras, o “problema’ é quem programa as mesmas.
Existem controvérsias á respeito ,para dizer o mínimo.

Responder

dudu

12 de junho de 2022 às 13h58

Porque Lewandosky, Toffoli e Cia nao levaram pra casa deles esse estrume ambulante ao inves de coloca-lo novamente no meio dos pés dos brasileiros.

No ano de 2022 ainda ter que falar dessa desgraça é ridiculo.

Responder

José Ricardo Romero

12 de junho de 2022 às 07h27

Perfeito, Willian. A respeito deste artigo, licencinha prá vomitar.

Responder

marco

11 de junho de 2022 às 17h14

[ ás urnas são seguras ] . tivemos várias eleições e ninguém nunca reclamou . só agora que o meu presidente lula vai ganhar a eleição . começou a choradeira . obs: lula vai terminar a sua história com (4 ) mandatos de presidente da república do brasil .

Responder

William

11 de junho de 2022 às 13h31

Dupla perfeita, os dois se integram perfeitamente assim como o saco e o lixo…kkkkkkkkk

Essa pseudo esquerda Brasileira é uma vergonha, ao invés de se livrar das desgraças do passado e pensar no futuro ficam perdendo tempo bajulando essa porcalha humana que dá nojo em qualquer pessoa minimamente civilizada.

Responder

Fanta

11 de junho de 2022 às 12h36

Brasil, ano 2022, Lula e Alckmin juntos e misturados com a nata da politica brasileira…kkkkkkk

Brasil, o Pais do futuro…kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Responder

Zulu

11 de junho de 2022 às 11h59

A face mais podre e nojenta da politica brasileira, a falenciada civilizaçào huamana, o retrato do imenso atraso civil e cultural do Brasil.

Um lavador de dinheiro profissional e uma sem vergonha camuflado de politico….somente pensar em discutir alguma coisa que venha dessas duas figuras asquerosas chega a embrulhar o estomago.

Responder

Tony

11 de junho de 2022 às 11h52

Debi e Loide ja ganahram as eleiçoes ?

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina