Bahia: Refinaria privatizada provoca desabastecimento de Gás de Cozinha

Imagem: Divulgação

Cinco grandes estatais saem da bolsa de Nova York

Por Redação

14 de agosto de 2022 : 18h13

Cinco das maiores empresas estatais da China anunciaram, nesta sexta-feira, que vão se retirar da Bolsa de Nova York (Nyse) nos EUA. Juntas, as empresas têm US$ 318,5 bilhões em valor de mercado. As companhias que solicitaram a deslistagem de suas American Depository Shares (ADS) são: China Life Insurance Co., PetroChina Co., China Petroleum, Chemical Corp., Aluminum Corp. e a Sinopec Shanghai Petrochemical Co.

A Comissão Reguladora de Valores Mobiliários da China (SCRC, equivalente à CVM brasileira) comentou as decisões. “A listagem e a deslistagem são práticas comuns no mercado de capitais. De acordo com os anúncios dessas empresas, elas cumpriram rigorosamente as regras e regulamentos relevantes dos EUA desde que foram listadas nos mercados dos EUA, e as decisões de exclusão foram tomadas por considerações comerciais”, disse um funcionário do CSRC em resposta à agência de notícias Xinhua.

“Essas empresas estão listadas em vários mercados e apenas uma pequena parte de seus títulos é negociada nos mercados dos EUA”, acrescentou o funcionário. O plano de fechamento de capital não prejudicará a capacidade dessas empresas de levantar fundos por meio dos mercados de capitais domésticos e estrangeiros, disse ele.

Pequim e Washington estão em negociações para resolver uma longa disputa de auditoria que pode resultar na expulsão de empresas chinesas das bolsas norte-americanas se não cumprirem as regras de auditoria estadunidenses, informa a agência russa Sputnik.

Os anúncios das companhias ocorrem faltando mais dois anos para o fim do prazo que os EUA deram a empresas chinesas para aceitarem uma supervisão de autoridades regulatórias norte-americanas.

Fonte: Monitor Mercantil

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

AFONSO ANDRADE

16 de agosto de 2022 às 10h28

Isso demonstra o emprenho em construir um novo modelo econômico mundial baseado no socialismo e o brasil tem muito a contribuir com a eleição do Lula … o capitalismo neoliberal morreu …o mundo descobriu que o deus mercado não existe … era fake …

Responder

Paulo

15 de agosto de 2022 às 19h31

O Brasil deveria fazer o mesmo. Estamos de mãos amarradas com ações na Bolsa dos EUA…

Responder

Ricardo

15 de agosto de 2022 às 11h41

Será que o Lula teria coragem de fazer o mesmo com a nossa Petrobrás? Ciro faria facilmente, mas Lula ama os banqueiros. Lula recompraria as ações da Petrobrás dos banqueiros e retiraria da bolsa de NY? O CAFEZINHO teria coragem de fazer esta pergunta ao Lula?

Responder

Deixe um comentário para AFONSO ANDRADE