Menu

Ana Hickmann revela que não sabia das dívidas do marido e que foi agredida “por muito tempo”

A modelo e apresentadora Ana Hickmann quebrou o silêncio sobre as acusações envolvendo seu marido, o bolsonarista Alexandre Correa. Em um momento emocionante, entre lágrimas, Ana revelou ter sido vítima de violência doméstica ao longo de um período prolongado. O vídeo de divulgação do programa “Domingo Espetacular” da Record TV, compartilhado nas redes sociais, apresenta […]

sem comentários
Apoie o Cafezinho
Siga-nos no Siga-nos no Google News
REPRODUÇÃO

A modelo e apresentadora Ana Hickmann quebrou o silêncio sobre as acusações envolvendo seu marido, o bolsonarista Alexandre Correa. Em um momento emocionante, entre lágrimas, Ana revelou ter sido vítima de violência doméstica ao longo de um período prolongado.

O vídeo de divulgação do programa “Domingo Espetacular” da Record TV, compartilhado nas redes sociais, apresenta Ana compartilhando detalhes sobre a agressão, que ocorreu após uma discussão na presença do filho do casal.

“Ele veio sim para me dar cabeçada. Comecei a gritar mesmo, ele não me soltava. Fiquei com medo dele. Sou eu que estou aqui machucada, fui machucada durante muito tempo”, desabafou Ana.

A apresentadora também abordou as dívidas contraídas em seu nome pela administração de Alexandre. Surpreendentemente, ela descobriu que estava devendo para instituições financeiras:

“Saí da roça, construí tudo isso, nunca devi nada para ninguém, agora estou devendo para o banco. Não é vergonha alguma vender casa, apartamento, resolve… Só que comecei a descobrir mais coisas. Foi aí que ele não gostou, e foi aí que eu mexi onde ele não devia”.

Apoie o Cafezinho
Siga-nos no Siga-nos no Google News

Comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário

Escreva seu comentário

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!


Leia mais

Recentes

Recentes