Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Foto: Divulgação

Thiago Risso: Pontes para a esperança


Hoje, iniciamos mais um período de recesso escolar em diferentes estados e municípios. Será o primeiro recesso após o retorno integral das atividades escolares na Rede Municipal de Educação de Niterói. Ainda temos muito trabalho a ser feito, muitos desafios a serem superados e, por isso, nos perguntamos: Como impregnar de sentido esse momento ainda tão marcado por tantas perdas? Como minimizar os impactos da pandemia na vida dos nossos alunos, dos seus responsáveis, dos profissionais da escola e toda a comunidade?

Sabemos, como educadores e gestores, das dificuldades enfrentadas para inserir os alunos no cotidiano escolar, das questões comportamentais e pedagógicas que envolvem tal processo. De como tem sido desafiador despertar o interesse e o prazer pela aprendizagem após dois anos de distanciamento do ambiente escolar, de total perda da rotina, das interações sociais e de um convívio familiar tão fragilizado.
Nesse contexto, pensamos, coletivamente, um projeto que garantisse a escola aberta para receber nossas crianças e adolescentes no período das férias oferecendo alimentação, atividades esportivas, artísticas e lúdicas. Estamos comprometidos em implementar ações que, efetivamente, melhorem a vida dos alunos da Rede Municipal de Educação de Niterói. Esse é o espírito do Projeto TÔ DE FÉRIAS NA ESCOLA!

Os desafios são gigantescos! Tivemos pouco tempo para a organização, mas, não podemos fugir de nossa responsabilidade social. Como nos ensinou o mestre Paulo Freire, é porque podemos transformar o mundo, que estamos com ele e com os outros. Devemos buscar sempre o olhar amoroso para as necessidades dos nossos. Afinal, esse é o nosso papel social.
Assim, buscamos proporcionar duas semanas de interação, aprendizagem e ludicidade, além de, garantir a alimentação dos alunos, neste momento adverso enfrentado pelas famílias por conta da inflação elevada e desemprego acentuado.

É preciso coragem e disposição para arregaçar as mangas e ultrapassar cada barreira, seja ela qual for, no caminho de uma educação libertadora e crítica. E isso é o que temos visto nos profissionais da Rede Municipal de Niterói que abraçaram a ideia, mesmo em tempos tão difíceis.

Vocês estão construindo novas pontes para a esperança. Gostaríamos de agradecer a estes profissionais por todo empenho e enfatizar que juntos, vamos construir uma Niterói que trabalhe para a emancipação dos seus. Sigamos rumo a um novo horizonte.

Thiago Risso é pesquisador e Subsecretário de Projetos Educacionais Transversais e Coordenador do Programa

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina