Fundador do Instituto Ideia vê chance de Lula vencer no 1° turno

Endividamento cresce no Brasil, mas ainda é pequeno

Por Miguel do Rosário

12 de janeiro de 2012 : 08h36

Aproveitando um editorial da Folha publicado hoje (Crédito sustentável), no qual o jornal, algo insolitamente, desmente previsões sombrias acerca do endividamento das famílias e lembra que este se encontra em patamares ainda muito inferiores a outras economias desenvolvidas, eu trago aqui algumas notícias recentes, sobre o mesmo tema, que esqueci de comentar.

Primeiro, um clipping dessas notícias. Na terça-feira, a Folha publicou uma matéria dizendo que o endividamento das famílias pode bater recorde em 2012, atingindo 51,3% da renda anual. Na mesma reportagem, porém, fomos informados (e dou parabéns à Folha por ter feito isso) de que este percentual era bem menor do que o observado em outros países:  nos EUA, por exemplo, ele é de 125%.

 

O editorial da Folha acrescenta algumas explicações. Essa dívida partiu de uma base muito baixa no Brasil, apenas 27% em 2001, e tem sido inflada especialmente pelo crescimento do crédito imobiliário. Aliás, essa é a razão desses percentuais serem, à primeira vista, assustadoramente alto: eles incluem a casa própria, paga ao longo de toda uma vida.

Ontem, tivemos uma má notícia. A inadimplência no Brasil registrou, em 2011, a maior alta em 9 anos.

 

Os economistas entrevistados pela Folha, porém, não se mostraram preocupados:

O economista Wermeson França, da LCA Consultores, estima que o calote junto a bancos fechou 2011 pouco acima de 7%, o que seria o patamar mais alto desde 2009, ano de crise. Ainda assim, ele não se mostra preocupado.

“Dessa vez, não está havendo desemprego e a renda deve voltar a subir neste ano, por conta de uma inflação mais baixa e do aumento do salário mínimo”, diz.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe um comentário

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina