Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Heloísa Helena abandona PSOL

Por Miguel do Rosário

10 de setembro de 2012 : 13h54

ARRUMANDO AS MALAS
Heloísa Helena deixará o PSOL

Segundo a ex-senadora, ‘Todo partido tem malandro’

No Jornal Extra de Alagoas

Heloísa lembra que o PSOL é totalmente diferente do que criou e justifica a iminente saída: ‘Não tenho relação mística com os partidos, perdi isso com o PT’ Foto: Reprodução

A fundadora do PSOL vai deixar o próprio partido no primeiro semestre de2013. A ex-senadora Heloísa Helena só espera Marina Silva dar o sinal verde para a criação de uma legenda. ‘Pretendo generosamente ajudá-la’. O seu partido cresceu tanto a ponto de Heloísa perder as rédeas, diante das correntes diversas nas hostes. ‘As centelhas que o PSOL criou foram grandes’, desabafa, e complementa com uma ironia sem medo de tiro no pé: ‘Todo partido tem malandros’, insinuando nisso a sua sigla.

De palavra

Heloísa lembra que o PSOL é totalmente diferente do que criou e justifica a iminente saída: ‘Não tenho relação mística com os partidos, perdi isso com o PT’.

Decisão

Heloísa perdeu a vontade com o PSOL desde quando saiu da Executiva Nacional. ‘Eles me obrigaram a defender o aborto, e vi que não era mais o partido que fundei’.

Ideologia

Heloísa é das poucas políticas de renome nacional, hoje, a valorizar as diretrizes que representa: ‘Eu me organizo em torno de ideias’.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

13 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Antonio Carvalho

14 de setembro de 2012 às 16h13

É difícil reconhecer seus próprios erros!
Normalmente disfaçamos ou não o reconhecemos como tal!
O mundo não gira em torno de mim, eu serei protagonista nele, de forma positiva, flexível e aceitando dificuldades e erros na trajetória.
O processo político é bem complicado, pois, envolve pessoas do ego grande, de vastos interesses, de visão dogmática ou pragmática.
No PSOL ou em qualquer partido há aproveitadores, pessoas que se aproveitam da onda do momento e trazem discursos conforme a ocasião, ideologia ou sistemas.
Jesus Cristo na última Ceia sabia que todos o abandonaria, trairia ou negaria, contudo se ofereceu como alimento e como salvação. Assim, não cobrando fidelidade.
A fidelidade é sua, não do outro!
Para o outro resta o Perdão. Ou a expulsão…

Responder

Luiz Eduardo

11 de setembro de 2012 às 23h59

Heloisa Helena é uma tremenda traíra.
Com um ego gigantesco, autoritária, histérica, posando de pura, de ética.
Marina Silva é muito parecida com ela.
Não dá para esperar nada de bom vindo dessas senhoras “impolutas”.
Cruz credo!

Responder

Pedro Cruz

11 de setembro de 2012 às 16h21

Isso é uma traíra de merda. Essa traíra mediocre era “amiga” de Delubio, da familia, da mãe. Conhecia Delubio como a palma de sua mão. À época saiu festejando com seus novos amigos, os mosqueteiros da ética da inveja, atirando contra seu velho companheiro de tantas LUTAS. Isso é um verme, muito pior que qualquer fascista.

Responder

@lularicardi

11 de setembro de 2012 às 12h44

Malandrinha essa Heloisa Helena http://t.co/kU5O25WT

Responder

@VerdadeBancoop

11 de setembro de 2012 às 12h10

Heloísa Helena abandona o PSOL. “Todo partido tem malandros”. http://t.co/VcM9Y5nz

Responder

Daniel

11 de setembro de 2012 às 11h25

Hum… O problema do sistema partidário brasileiro é que têm partido demais, ideologias de menos, incapacidade dos partidários de aceitar leves diferenças e a completa falta de caráter do partidário em geral. E porquê?

Por exemplo, as mega coligações são um exemplo ÓBVIO de que têm partido demais. Pois se têm idéias similares o bastante para se envolverem em coligações então porquê simplesmente não fazem parte do mesmo partido?

E parte da resposta é que os partidários não conseguem aceitar leves diferenças de opinião, cada um que diverge já sai criando um novo partido (como o PSOL, que desmembrou do PT) ao invés de tentar resolver as diferenças.

E se não conseguem chegar à um acordo nas idéias então porquê se juntam em mega coligações? Aqui entra a parte da falta de caráter: Nas idéias divergem completamente, mas todos se juntam rapidinho quando o objetivo é conseguir um “carguinho” ou uma “boquinha”.

Os que “vestem a camisa” da sua idelogia – seja ela qual for – podem ser contados nos dedos das mãos, o resto está só procurando uma boca fácil.

Responder

Pedro Cruz

10 de setembro de 2012 às 21h47

Deve ser terrível ser a Deusa da pureza, a única do mundo. A mais pura, a mais ética, a mais leal do mundo. Pena que não cosegue conviver com ninguem, tamanha é a distância de seus predicados comparados aos outros simples mortais. Deveria tentar uma organização com os mosqueteiros da veja. Ela estava muito à vontade naquela foto. HH, que triste figura!!!

Responder

    Ricardo Melo

    11 de setembro de 2012 às 10h32

    Irretocável o comentário.

    A presunção de pureza e ética dela é semelhante aos arroubos e devaneios de Robespierre.

    Mas peraí, não foi ela que foi condenada em um processo de sonegação de imposto de renda envolvendo alguns milhões.

    Nos seus últimos dias de “palco”, Robespierre também teve que escutar ironias a respeito de sua suposta autoridade moral, divina e republicana. Com direito a sonoras gargalhadas vindas da Convenção.

    Se Heloisa Helena fosse mais inteligente, não tentaria ser levada assim tanto a sério.

    Responder

@lfsmoreira

10 de setembro de 2012 às 21h35

Até tu Brutas? “@LuizAlaca: Heloísa Helena abandona PSOL http://t.co/db2UNqMF

Responder

@LuizAlaca

10 de setembro de 2012 às 21h24

Heloísa Helena abandona PSOL http://t.co/9Ew2idqn

Responder

Ivonete

10 de setembro de 2012 às 21h00

As vezes sinto até compaixão por essa enjoada!

Responder

Leonardo M. G.

10 de setembro de 2012 às 17h20

Ou seja, ela quer o controle ideológico absoluto do partido em que ela está. A não ser que funde um PSTU da vida NUNCA vai ficar muito tempo em partido nenhum. E é por isso que PSOL, PSTU, PCO, PCB e correlatos nunca vão ganhar muita coisa, se continuarem focando nas diferenças ao invés de focar nas semelhanças – que é uma coisa que ainda hoje o PT e outros partidos grandes (para o bem e para o mal) fazem. Os nanicos de esquerda poderiam realmente formar um partido de porte pequeno-médio e encurralar o PT, mas preferem ser “puros ideologicamente” (um é stalinista, outro trotskista, outro maoista, etc)… Só pode dar nisso.

Responder

@migueldorosario

10 de setembro de 2012 às 13h54

Heloísa Helena abandona PSOL http://t.co/V2VXAiCS

Responder

Deixe um comentário