Assista aqui a audiência com o ministro da Educação

A participação da maçonaria na ditadura militar

Por Denise Assis

19 de setembro de 2017 : 10h45

Maçonaria, palco de ameaça de intervenção militar, teve agentes da repressão como membros

Por Denise Assis, colunista do Cafezinho

Depois da estapafúrdia declaração do cantor sertanejo, Zezé de Camargo, de que no Brasil não houve uma ditadura, a semana passada terminou assombrada por um evento na loja maçônica de Brasília, em que o general Hamilton Mourão propôs intervenção militar para acabar com a crise na política. Por curiosa coincidência, seu sobrenome é o mesmo do general Mourão Filho, líder do movimento que depôs o presidente João Goulart.

O tema – motivo da criação de uma Comissão Nacional da Verdade, e várias outras pelo país afora, que buscaram elucidar assassinatos e desaparecimentos forçados nas dependências de quartéis e demais órgãos do Estado, contra discordantes da ditadura apoiada por uma parcela expressiva de civis, e implantada pelos militares, em 1964 – levou pânico a vários segmentos progressistas da sociedade.

E não é para menos. Apesar de o comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, afirmar que “não há qualquer possibilidade” de intervenção militar no Brasil, em resposta ao general Antônio Mourão, a desinformação sobre os fatos ocorridos naquele período, o dos anos de arbítrio, podem levar incautos a torcer por este desfecho.

Nunca é demais lembrar que nos anos mais duros da ditadura, o Grande Oriente do Brasil, como os maçons a chamam, manteve em seus quadros homens da repressão. É o que fica patente em um documento da Polícia Política, encontrado durante pesquisas da CEV-Rio, no arquivo do Estado do Rio de Janeiro (Aperj).

Em carta dirigida ao “Sr. Coronel Diretor do Departamento de Ordem Política e Social- (DOPS)”, protocolada sob o número 4584, em 11 de dezembro de 1970, um dos mais duros do regime, um “ex-funcionário” daquele departamento, de nome Darcy Schettino Rocha, “brasileiro, casado, natural da Guanabara”, dedura o diretor do Grande Oriente do Brasil (Maçonaria), Moacyr Arbex Dinamarco.
Em sua carta, diz que a loja está cheia de “elementos que, por força de sua profissão” (ele foi chefe da Seção de Ordem Pública, da Seção de Ordem Política) seriam “subversivos, comunistas e corruptos”.

No exercício de “deduragem”, Darcy acusa o “atual Grão-Mestre Geral, Moacyr Arbex Dinamarco” de, apesar de tê-lo procurado, acenando com o “saneamento, com a expulsão da Ordem, de elementos notoriamente conhecidos por exercerem atividades comunistas”, agora fazia vista grossa à presença deles. Na opinião de Darcy, a promessa de Moacyr foi apenas para ficar bem com as Forças Armadas.
As denúncias do “araponga” descem a minúcias do tipo: um pretenso movimento contra a sua entrada para o Grande Oriente, por ser do DOPS, bem como a de um colega, de nome Heraldo Alves da Silva, pertencente ao Cenimar (Centro de Informações da Marinha).

Na carta, ele expõe a estratégia que adotou para barrar o movimento contra a sua entrada e a de outros integrantes dos quadros da repressão. “Vendo que, na defesa dos interesses maiores de seus ideais teria de travar na ordem maçônica o mesmo combate que sempre manteve contra o comunismo e os já citados elementos”, para lá encaminhou outros companheiros do DOPS, “a fim de poder lutar com mais desembaraço e eficiência”. (No recorte abaixo, leia outras “providências” tomadas pelo agente, a fim de “sanear” a Ordem):

Não satisfeitos com as providências do Grão-Mestre, os templários exigiram a expulsão imediata do grupo que, segundo o “araponga”, estavam “usando a Maçonaria como escudo para as suas atividades comunistas e criminais (estelionatos), e toda a sorte de falcatruas e aliciamento para o PC, que não quer perder a frente que tem no interior do Grande Oriente”.

Diante da pressão exercida sobre o Grão-Mestre Geral, Moacyr Arbex Dinamarco, na descrição pormenorizada de Darcy, revoltou-se contra os templários: “o tenente coronel Bilac Vargas Dalkastanhy, o major Armando Encarnação Moreira; o capitão Antonio José Blanco; o tenente Heraldo Alves da Silva (Marinha); e os civis: Dr. João de Araújo Pedrosa; Arthur Alves de Carvalho; o Dr. Carlos Eduardo Peçanha e o declarante”.

A Maçonaria, palco do discurso do general Mourão, não é de hoje, esteve às voltas com os principais momentos políticos. Os maçons costumam até mesmo tentar capitalizar a Inconfidência Mineira como um movimento orquestrado pela instituição. Porém, não existe documentação que corrobore a versão. Muito menos, a de que Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes, tenha pertencido aos seus quadros, conforme afirmam.

O que está nos anais da Maçonaria é que no dia 17 de junho de 1822, os maçons do Rio de Janeiro se reuniram em sessão extraordinária, presidida por João Mendes Viana, mestre da Loja Comércio e Artes na Idade do Ouro, única até então existente no Rio de Janeiro. A solenidade teve por objetivo a criação e instalação do Grande Oriente Brasílico ou Grande Oriente do Brasil, na qual José Bonifácio de Andrade e Silva foi escolhido como Grão-Mestre. Em 02 de agosto de 1822, D. Pedro I compareceu à sessão da Ordem, sendo iniciado conforme a liturgia maçônica, adotando o codinome de Guatimozin*.

Outro fato inegável é a posição assumida pela Ordem, em 2016, contra a presidenta eleita, Dilma Rousseff. Os maçons chegaram a organizar uma passeata por Copacabana, para pedir a sua destituição.

Michel, que a destituiu, é apontado como maçon, do ramo mais conhecido como “Illuminati”, grupo de uma elite de empresários controladores dos principais conglomerados financeiros. Ele desmente, admite que já pertenceu à Ordem, mas diz que se desligou. Nas redes sociais, porém, a polêmica come solta.

* A informação sobre as adesões de José Bonifácio e D. Pedro I foram retiradas do artigo do maçon Luiz Gonzaga da Rocha, ver: WWW.oficinadagerencia.com/2008/08/d-pedro-i-era-maon-e-seu-codnome-era.html; de 25 de agosto de 2008

Denise Assis

Denise Assis é jornalista e autora dos livros: "Propaganda e cinema a Serviço do Golpe" e "Imaculada". É colunista do blog O Cafezinho desde 2015.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

76 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Braulino Francisco

04 de junho de 2018 às 20h26

Em 2009 Lula demarcou 30% de terras em áreas estratégicas, abundante em minérios e outras riquezas naturais, na amazônia, algumas em fronteira com Venezuela e Colômbia, para 0,2 da população brasileira (índios), onde ONG’s de fachada eram usadas por empresas estrangeiras para fazer a exploração das riquezas das regiões. Foram os maçons que denunciaram e impediram a roubalheira, um crime de lesa-pátria, que aconteceria com as bençãos e, provavelmente, participação direta de Lula. Alguém de ocafezinho sabe alguma coisa a respeito? Porque não fazem uma matéria a respeito, para mostrar a verdadeira face do corrupto Luis Inácio Lula da silva?

Responder

Carmen

10 de maio de 2018 às 09h03

Liberdade, igualdade e fraternidade para quem mesmo ???
Ohh vaidade humana, ohh vaidade humana !! … O verdadeiro demônio na terra !!

Responder

Amarildo Inácio dos Santos

27 de setembro de 2017 às 18h03

Vcs se ligaram de onde vem o logotipo do gmail?

Responder

José Marinho

23 de setembro de 2017 às 09h09

Vai virar ditadura de novo, fazer o quê né? As pessoas estão programadas assim. Pra eles a culpa toda é sempre dos homossexuais, mesmo que esses vivam na mais plena marginalidade social. Precisa ter um culpado, claro que sempre será alguém que eles acham que está longe, e é claro que o culpado é sempre o outro, ainda mais se for fraco e sem direitos.

Responder

M.'.l.'.C.'.T.'.M.'.R.'.

20 de setembro de 2017 às 18h30

Agora entendi, realmente sua deficiência intelectual é devido ao “doutorado”pela Puc, infelizmente é assim mesmo a escolha errada de instituições de ensino superior, acarretam deficiências no âmbito de agregar conhecimentos para o futuro, que pena,mais não desista caro doutor, você não tem culpa em escolher uma universidade falida, endividada sem credibilidade alguma, procure um pos doutorado lá fora para ver se consegue melhorar seu historico escolar, ae quiser posso indicar algumas .
Aproveitando o ensejo peço licença a todos para retirar-me deste blog por considerar que as opiniões aqui emitidas não são condizente para o nível que esperava encontrar, espero que tenha entendido pois não usei nenhuma abreviações maçônicas, e sei que existem muitas goteiras

Um abraço a todos

Responder

    Clá

    21 de setembro de 2017 às 06h24

    Soberba.

    Responder

    Luiz Carlos P. Oliveira

    21 de setembro de 2017 às 08h24

    Usou, mano. Mas tudo bem. T.F.A.
    S.F.U.

    Responder

    Paulo Santos

    25 de março de 2019 às 11h51

    TFA

    Responder

marcos paes

20 de setembro de 2017 às 15h57

Não só a maconaria, como todos os grupos religiosos do país, incluindo espíritas, a igreja católica,grupos evangélicos todos pelo mesmo propósito não permetir que o inferno instaurado hoje fosse instaurado naquele tempo, 64 a “ditadura ” que o povo pediu, deixem de falar bobagem e estudem pra escrever alguma coisa, leiam sobre a marcha de Deus para a família, que o povo de bem que pediu a intervenção, #FORACOMUNISTAS

Responder

Nilo Sergio Campos

20 de setembro de 2017 às 15h54

Enquanto os cães ladram a caravana passa.
VIVA A ORDEM MAÇÔNICA NO MUNDO.

Responder

    APARECIDO

    13 de maio de 2019 às 12h37

    VC VAI VE O FOGO VARRENDO TUDO QUANTO É BODE MAÇOM EU VI O SENHOR JESUS ME MOSTROU ATERRA E AS ESTRELAS CAINDO A LUA VIRAR SANGUE O SOL CAINDO SE VCS DOMINAREM O MUNDO O QUE FARAM SEM A LUZ DO SOL E A LUA ? MORRERAM DE FRIO E DE FOME PORQUE NÃO DARA MAIS NADA DE ALIMENTO NA TERRA COMO PODE VCS SER TÃO BURRO ASSIM ? ACHA QUE MANDA EM COISA QUE NÃO É DE VCS? O QUE VCS ACHA QUE SÃO ?? SÃO UM BANDO DE VELHO RETARDADO CADUCANDO E QUERENDO SER DEUS ACHA QUE NUNCA VAI MORRER E VIRA COMIDA DE VERME ACORDAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA RETARDADO ATÉ O HOMEM MAIS SADIO DO MUNDO VAI VIRA COMIDA DE VERMES ACORDAAAAAAAAAAA BANDO DE MAÇOM BURROOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

    Responder

Juliano Ribeiro dos Santos

20 de setembro de 2017 às 14h40

Boa Tarde Irmãos! Acho que o que se fala ou faz nas lojas deveria ficar entre nós. Pois julgo que a sociedade não está pronta para verdadeira verdade. Se julgam sábio. Mas realmente nós Maçons e irmãos Rosa Cruz, buscamos e desejamos o bem da sociedade brasileira e de todos os países. Falam mal de nossas irmandades sem nos conhecerem. Defenderei a Maçonaria e a Rosa Cruz com minha própria vida. Antes de falarem mal de nós tentem estudar sobre nós. E não criarem contos de terror sobre nós. Juliano Ribeiro dos Santos.’.

Responder

    Fernando Leal

    27 de maio de 2018 às 07h32

    Não é melhor ser cristão do que maçom?

    Responder

      Thiago Noronha

      13 de julho de 2018 às 18h21

      Boa noite
      Maçonaria não é religião .
      Da p ser os dois , eu sou maçom e sou cristão .

      Responder

Masculino

20 de setembro de 2017 às 14h27

Muito bom!!! Oportuno para o momento da inercia que o Brasil vem vivendo politico e/ou Economicamente.

Responder

Alan

20 de setembro de 2017 às 14h16

“Ditadura” só houve para vagabundos!

Responder

Marcelo mallens

20 de setembro de 2017 às 13h08

Vcs acham isso errado? Eu tô adorando a ideia de um regime militar,temos que acabar com essa patifaria

Responder

Luiz Carlos P. Oliveira

20 de setembro de 2017 às 10h53

CLÁ: qual a parte que você não entendeu quando eu disse que não são códigos, mas apenas abreviações de frases, que só maçons reconhecem? Preciso desenhar para você entender?

Responder

    Clá

    20 de setembro de 2017 às 12h58

    Para Luiz Carlos P. Oliveira:
    Luiz, eu entendi todas as partes do que você falou; não é necessário desenhar. No entanto, reafirmo minha posição de que tanto faz se são códigos ou abreviações. O que chama atenção é que vocês usam as abreviações que só maçons reconhecem em um espaço que é extra-muros da Maçonaria e um espaço que é destinado aos comentários de cidadãos brasileiros que não necessariamente são maçons, mas que têm o direito de saber o que está sendo dito a respeito deles, enquanto pessoas, da Nação à qual pertencem e dos projetos que são pensados para o país em que vivem. Eu estou me referindo a você, que é maçon, de forma aberta, explícita, educada e em boa Língua Portuguesa. Por que você não faz o mesmo? Por que você se coloca em um espaço que é público, comum, usando uma linguagem que é restrita ao seu círculo da Maçonaria e que exclui e isola os demais cidadãos? Quer tendência mais anti-democrática do que esta?

    Responder

      Luiz Carlos P. Oliveira

      20 de setembro de 2017 às 13h25

      Anti-democrático seria escrever um texto (falso, por sinal) sobre a maçonaria e não permitir que um maçom a defendesse. Para nós não interessa as abobrinhas que se escrevem sobre os maçons, mas jamais permitirei que falem mentiras sem que eu desminta item por item. Tem golpistas na maçonaria? Tem. Tem gente de direita e de esquerda? Também tem. Agora, o que não se pode dizer é que todos os maçons ou são de esquerda ou de direita. Sabe por que? Porque Liberdade (em todas as suas formas) é respeitada por todos os maçons, dentro ou fora da Maçonaria. Assim como nas famílias, nas religiões, nas amizades, em clubes sociais ou onde exista reunião de pessoas, não existe um só pensamento. Cada ser humano é UNO, então devemos respeitar o seu pensamento, sua posição política, sua religião, seu ateísmo, seu clube de futebol, etc. Seria pedir demais à sociedade, ou devemos ser robôs, sem vontade própria? Muitos maçons são de direita, muitos de esquerda, alguns são militares. E cada um atua de acordo com suas convicções. Pedir para a Maçonaria expulsar um membro porque ele é militar e apoiou a ditadura não é democrático, não é liberdade, não é fraternidade, não é igualdade, as três bases do ensino maçônico. A tua família, por exemplo, todos são de direita? Todos são de esquerda? Não, né? Sabe por que? Porque não somos produzidos em série, cada um escolhe o que apoiar, que religião irá seguir, para qual clube irá torcer, qual profissão vai seguir… e por aí vai. Então, a maneira com que vamos nos identificar só diz respeito a nós, a mais ninguém. Eu só não entendo o fetiche que isso ainda causa em muita gente.

      Responder

        Clá

        20 de setembro de 2017 às 16h34

        Agora você escreveu com transparência e clareza, sem se esconder atrás de abreviações. Melhorou.

        Responder

          Silvério

          20 de setembro de 2017 às 22h49

          O Luiz Carlos além de escrever com clareza e transparência foi muito feliz nas suas colocações. Entendo sua indignação quando falam mal de uma organização que conhecemos e admiramos. A maçonaria é perfeita e seu papel na sociedade, embasada na moral e bons costumes, é ensinar, preparar e melhorar o homem para contribuir com o bem estar e a felicidade da humanidade. Os comentários negativos vindos de pessoas que não conhecem a ordem não alteram a essência da maçonaria. Acredito que seja por isso que a maçonaria venha existindo há séculos. E sempre sob a tríade LIBERDADE, IGUALDADE E FRATERNIDADE

          Responder

          Luiz Carlos P. Oliveira

          21 de setembro de 2017 às 08h29

          As abreviações são para os maçons entenderem. E posso lhe garantir que não existe nada de imoral ou ilegal nelas.

          Responder

    Marcelo

    20 de setembro de 2017 às 14h41

    Colunas com os 14 símbolos zodíacos, constelações no teto, lua minguante opondo-se ao sol. O olho que tudo vê, Tudo igualzinho um oráculo. Daí você vem me dizer que maçom não é astrônomo. Não sei como existe capricorniano na maçonaria, eles tem natureza cética.

    Responder

    CRISTIANE APARECIDA GOMES MACHADO

    20 de setembro de 2017 às 15h12

    Luiz Carlos, eu tenho uma dúvida sobre a maçonaria.
    A maçonaria prega a Igualdade e a Liberdade, então porque é uma entidade que sempre esconde as suas reais intenções????
    Porque seleciona muito as pessoas para entrar em sua ordem?????
    Porque se coloca mulheres para fora dos seus espaços???
    Porque é tão elitizado e a maioria dos seus membros acabam crescendo financeiramente?
    Porque é assim a maçonaria de Belo Horizonte, já participei do grupo de mulheres maçons, aqui é extremamente muito estilizado e as mulheres parecem crianças de pré primário.

    Responder

      Luiz Carlos P. Oliveira

      21 de setembro de 2017 às 08h31

      As abreviações são para os maçons entenderem. E posso lhe garantir que não existe nada de imoral ou ilegal nelas.

      Responder

Tiago Alves

20 de setembro de 2017 às 10h44

Comentários e campanhas tendenciosas contra a Ordem, e acusações caluniosas são feitas a séculos, em especial de religiosos recalcados e robôs ideológicos esquerdopatas, que é o que parece estar na moda neste ja sofrido país.
Do que vocês têm tanto medo, que sao ditaduras, que estao agora na Venezuela, Coreia do norte, e regimes islamicos que vocês tanto apoiaram nos regimes Lula e Dilma e continuam apoiando com a Barbie comunista do PT , vocês mesmo sem não citam. E isso sem falar do passado que vocês tanto se agarram, mas que em Cuba fuzilavam gays, e a própria URSS, o paraíso de vocês, que aniqulavam gays, maçons e religiosos, igualmente, aliás foram pioneiros.
Sabotar as instituições de um país com a família incluida, já sabemos todos que faz parte da Bíblia de vocês, escrita pelo seu Deus Max, que agora na linguagem tupiniquim se chama Lula.
Não adianta, não passarão, e usar sujos argumentos pra nos “salvar” tambem já não cola, melhor irem viver nos países mencionados acima, por que, o que vocês odeiam que é o Brasil não está mais para ridiculas caravanas populistas e papos messiânicos

Responder

    Miguel do Rosário

    20 de setembro de 2017 às 11h47

    De que porão escuro surgiram esses comentários?

    Responder

    Luiz Carlos P. Oliveira

    20 de setembro de 2017 às 13h32

    TIAGO ALVES: se você é maçom, acho que foi convidado por engano. A menos que seja um destes maçons cibernéticos, você até pode ter entrado na Maçonaria, mas uma coisa eu te garanto: a Maçonaria NÃO ENTROU EM VOCÊ. Isso que você fez aqui é discurso de fascista, você não tem tolerância e nem respeita o contraditório. Não lhe ensinaram isto em sua loja?

    Responder

Luiz Carlos P. Oliveira

20 de setembro de 2017 às 10h02

Ainda bem que a Ordem não aceita qualquer um. Imagina esse pessoal qie faz comentários aqui, dentro de uma loja. Teríamos que conviver com esses semi-analfabetos, juízes do mundo, onde só a religião deles é a certa? Deveriamos dizer à eles que religião é tema proibido dentro da maçonaria? Será que esses cegos entenderiam isso?

Responder

    Clá

    20 de setembro de 2017 às 13h00

    Se achar mais e melhor do que as demais pessoas é o primeiro passo para a discriminação e para a violência.

    Responder

Luiz Carlos P. Oliveira

20 de setembro de 2017 às 09h40

PAULO NUNES: você entende tanto de maçonaria quanto um jumento entende de física quântica, aqiela que diz que um átomo pode se comportar como partícula ou como onda, de acordo com o observador… mas deixa prá lá, isso é demais para seus parcos neurônios.
A maçonaria não é, nunca foi e nunca será uma religião, a não ser na cabeça de crentes sem noção, como parece ser o seu caso. Poderia lhe dar mais de uma centena de provas de que ela não é religião, mas você foi programado para acreditar que ela é. Parafraseando um ditado que os crentes adoram, “não vou dar pérolas aos porcos”. Vá estudar.

Responder

    Paulo Nunes

    21 de setembro de 2017 às 09h31

    Pois então, foi o que eu escrevi, que a maçonaria, essa reunião de babacas que se reúnem secretamente para ficar inventando frescuras, NÃO É UMA RELIGIÃO e sim uma sociedade com fins lucrativos. LÊ COM ATENÇÃO IDIOTA!
    O problema disso tudo, mais do que a reunião de babacas e idiotas (idiota = os que tem suas idiossincrasias, geralmente párias da política), é que seus tentáculos vão muito além das salinhas enfeitadas a lá tenda cigana (frescurada pura!), se infiltram na política, economia e em tudo o que não diz respeito à sociedade (aberta e legal)
    Hoje é complicado falar dessas coisas mas, tenho a impressão que, além de tudo, a maçonaria é um grande armário. quá quá quá

    Responder

      Paulo Nunes

      21 de setembro de 2017 às 09h43

      Por outra – L.O.L.
      que também significa (em inglês), qua qua qua (em alto e bom som)
      Ou PVAI. PTE. PPRA. PPORRA!

      Responder

Luiz Carlos P. Oliveira

20 de setembro de 2017 às 09h19

S.M.?
Para os que me entenderem, “A.A.M.E.C.”
É deprimente ler alguns comentários aqui, alguns de fundamentalistas religiosos, que atiram para tudo quanto é lado. Comunistas, socialistas, maçons, qualquer coisa serve como alvo para disfarçar (será mesmo?) a ignorância e a cegueira desse pessoal. Faço o possível para entendê-los, mesmo sabendo que uma pedra bruta, sem esforço e perseverança, sempre será uma pedra bruta. Algumas pedras preferem ficar na mais completa cegueira, outras percebem a escuridão à sua volta e buscam a luz. Nesses tempos conturbados, parece que as trevas vencem a luz. Mas, o que são as trevas, senão a ausência da luz? Mas esta se impõe e, à uma ínfima fagulha dessa luz, as trevas deixam de existir.
A.G.D.G.A.D.U.

Responder

    Clá

    20 de setembro de 2017 às 09h40

    Lance luz, então, nos códigos que você está usando aqui, em um espaço que é destinado a comentários de um blog de jornalismo independente. Para quê usar códigos fora do âmbito da Maçonaria? Jogue luz nessa escuridão toda, para que todos possam enxergar o que vocês querem dizer por trás desses códigos não compartilhados fora dos muros da Maçonaria.

    Responder

Altamiro

20 de setembro de 2017 às 08h42

Nunca pensei que num só local, iria me deparar com comentários tão sem sentido. Tão mal redigidos, mal elaborados, e sem domínio de saber. Se querem saber o que é , e o que os Maçons promovem em suas reuniões, aja como uma pessoa de Honra, não se envolva em ilícitos, procure ambiente de pessoas civilizadas, esclarecidas e de bons costumes. Dessa forma você poderá fazer boas amizades e fazer por merecer a ser iniciado nesta sublime Ordem. Onde os pilares são: Liberdade, Igualdade, FRATERNIDADE. OBRIGADO e nunca se esqueça que o importante é Fazer o Bem. T.’.F.’.A.’.

Responder

M.'.l.'.C.'.T.'.M.'.R.'.

20 de setembro de 2017 às 08h23

Caro (a) Cla
Então no Brasil todos falam só lingua portuguesa, realmente vc é uma pessoa desprovida de cultura, procure voltar os bancos da escola, se é que pertenceu a aguma?pesquisar é bom! peça ajuda a alguém mais sábio, escute mais e fale menos vc conseguirá melhorias do seu modo de pensar, refletir etc…
De N.’.ao S.’.,do Or.’.ao Oc.’.,do Z.’.ao N.’. Reconhecido MM.’.ilr.’.C.’.T.’.M.’.R.’. receba novamente um T.’.F.’.A.’.
S.’.S.’.S.’.
Salvador Montana

Responder

    Clá

    20 de setembro de 2017 às 13h02

    Quanto ao grau de escolaridade, Salvador Montana: Doutorado pela PUC-SP

    Responder

Welington Alves

20 de setembro de 2017 às 07h06

A Maçonaria luta pelas causas justas.
Sao homens livres e se bona costumes.
Somos contra qualquer ato lilegal.
Liberdade Igualdade e Fraternidade é nosso lema.
É uma pena ainda existirem pessoas que não conhecem e nem procuram conhecer a Maçonaria.
E sim, alguns de nós, nao tds, somos a favor da intervenção militar, pois é a unica solução no momento.

Responder

Bafomet

20 de setembro de 2017 às 06h37

Ha ha. Os comentários são hilários. Cada uma que me aparece.

Responder

    Luiz Carlos P. Oliveira

    20 de setembro de 2017 às 09h50

    BAPHOMET.

    Responder

Guto Siqueira

20 de setembro de 2017 às 01h18

Quanta baboseira!!!
Triste isso.

Responder

A.G

19 de setembro de 2017 às 23h28

Acho bastante triste ver que as pessoas tentam ser melhores que as outras, a todos vcs que não fazem parte da ordem procurem saber mais antes de falar bobagem, a ordem está intimamente ligada a todas as grandes revoluções e afins na busca do melhor para todos. Sobre D.Pedro I ele foi iniciado e elevado para que a independência do Brasil fosse feita e não por puxa saco. Parem de falar sobre o que não sabem pesquisem antes para saber bem, muitos de vcs vivem por feitos em que a ordem ajudou, e a maior forma de dominação não é a escrita e sim a ignorância
A.G

Responder

Michel behrens

19 de setembro de 2017 às 23h00

Nao estamos vivendo uma ditadura? Onde escandalos de roubos e mais roubos aparecem! E ainda acham q tem moral p comandar um país? Lula de lider sindical a milionario junto com os filhos q enriqueceram sem trabalhar!
E essa comissao da verdade é tao manipulada q chega da nojo mas vcs ainda vem falar com a populacao atraves de meios de comunicacao e sabemos bem quem esta por traz disso.
A tal ditadura é muito diferente do que vemos na venezuela cuba e por ai vai e ai é o erro de vcs q dizem q aqui teve ditadura e apoiam fidel kim e demais eu nao quero uma coreia ou uma cuba !

Que o general mourao nos proteja do caos q esta por vir

Responder

    Miguel do Rosário

    20 de setembro de 2017 às 08h44

    Lula milionário? Imoral é um maçônico mentiroso ou trouxa, que acredita em qq coisa que lê na internet.

    Responder

      Luiz Carlos P. Oliveira

      20 de setembro de 2017 às 09h32

      MIGUEL: esse Michel, que disse que o Lula é milionário, não é maçom. E não é correto chamar maçons de “maçônicos”. Quanto à Tiradentes ser maçom, não temos a menor dúvida. Mas é interessante ver como alguns atacam a Maçonaria sem um minimo de conjecimento sobre ela. Por exemplo, chamar a maçonaria de sociedade secreta. Lojas maçônicas tem endereço, nome e CNPJ (é, todo mundo sabe onde elas estão localizadas). Confundem uma sociedade “discreta” com “secreta”. E os tais “segredos” atribuídos à Maçonaria não passam de fantasias criadas pelos pais da igreja. Além disso, negar que a Maçonaria teve participação direta nos grandes momentos da política nacional só atesta ignorância no assunto. Os irmãos Andrade eram maçons, D. Pedro II era maçom, Duque de Caxias era maçom, Bento Gonçalves, David Canabarro e mais de uma centena de grandes homens no Brasil. Hoje, lamentavelmente, qualquer um pode ser maçom, via internet, o que não é reconhecido pela Maçonaria oficial. Maçom de internet não é maçom, apenas um “pseudo maçom”.

      Responder

Mestre

19 de setembro de 2017 às 22h00

Estamos chegando.’.

Responder

M.'.l.'.C.'.T.'.M.'.R.'.

19 de setembro de 2017 às 21h58

Estamos chegando.’.

Responder

M.'.l.'.C.'.T.'.M.'.R.'.

19 de setembro de 2017 às 21h57

Quanta desinformação! O Grande Oriente, na época da ditadura, era comunista!!! E não foram todos que se uniram contra a Dilmamãe de vocês. Apenas um grupo, sem vinculação superior. Alias, politica partidária é assunto proibido. Estudar mais, depois dar opiniaozinha. Boa sorte.

Responder

João Alexandre

19 de setembro de 2017 às 20h41

Uma seita, religião, sociedade dê o nome quê quiser…eu frequentar um lugar onde minha esposa não pôde está presente junto comigo.. já está dizendo a quê ela serve..onde se professa que existem outras verdades maiores que as do nosso irmão maior Jesus Cristo, tô fora! Conheço vários maçons e não tem um , um só que conheço que não traía suas esposas.. não podem fazer isso é contra as normas, mais fazem!!

Responder

    Luiz Carlos P. Oliveira

    20 de setembro de 2017 às 09h46

    Além de analfabeto você é fofoqueiro. Kkkkkkkk
    E os seus pastores? Conheço dezenas que, mesmo sendo pastores, largaram suas esposas, trocando-as por mulheres bem mais jovens. Pregar moral de cuecas?

    Responder

Jorgelino Nunes

19 de setembro de 2017 às 20h23

Maconheirada treme só de ouvir falar em governo militar…
Sem falar que o Brasil foi o único país no mundo que teve uma dita “Ditadura” com cinco presidentes intercalados em 4anos de mandato… Diferente dos governos Socialistas “Democráticos”!
Qto a Maçonaria… Se Proclamação da República, Abolição de Escravatura, Iluminismo Francês for atividades escusas premeditadas por essa instituição, prefiro estar do lado deles…
Para haver Progresso é preciso Ordem!

Responder

    Miguel do Rosário

    20 de setembro de 2017 às 08h47

    ~maconheirada~ ahahahaah. a maconheirada está na California, principal estado produtor de maconha – legalizada – dos estados unidos, e o estado mais rico do país também.

    Responder

    Luiz Carlos P. Oliveira

    20 de setembro de 2017 às 09h47

    Além de analfabeto você é fofoqueiro. Kkkkkkkk
    E os seus pastores? Conheço dezenas que, mesmo sendo pastores, largaram suas esposas, trocando-as por mulheres bem mais jovens. Pregar moral de cuecas?

    Responder

    Luiz Carlos P. Oliveira

    20 de setembro de 2017 às 10h59

    A ditadura militar não foi ditadura porque teve 5 presidentes intercalados? Eleitos por quem? Pelo povo? Pelo Congresso? Você está de sacanagem ou não tem mesmo a mímima noção do que seja uma ditadura? Ah, entendi. Ditadura, para você, é o povo eleger seu presidente, como na Venezuela, né? Tá explicado…

    Responder

figueirasanches

19 de setembro de 2017 às 20h05

Estão se borrando de medo, não é, comunistas safados?

Responder

    Miguel do Rosário

    20 de setembro de 2017 às 08h46

    ué, por que “comunistas” teriam medo? A intervenção militar é para pegar corruptos ou comunistas?

    Responder

Paulo Nunes

19 de setembro de 2017 às 17h09

Maçonaria = sociedade secreta com fins lucrativos.
Pela histórica associação de duvidosos partícipes com interesses escusos, este é o caso de agrupamento paralelo ao Estado que deveria ser investigado, desbaratado e eliminado. Os danos, sempre camuflados pelo caráter secreto podem ser maiores do que os que se encontram nas manchetes da grande mídia, e seus representantes maçons.
A rigor, a maçonaria não deve estar enquadrada em crença religiosa protegida pela constituição!

Responder

Véio Zuza

19 de setembro de 2017 às 17h06

Véio Zuza é um curioso: quem é mesmo que “bateu o retrato” do generall no tal “evento”? Será que… não, deve ser nenhum dos…

Responder

Clá

19 de setembro de 2017 às 16h13

A Maçonaria sempre apoiou tudo o que existiu de mais podre na História do Brasil e continuam apoiando. Não é à toa que seus rituais são secretos. Se vocês, maçons, preferem atuar nas sombras, esta é a maior prova de que o que vocês fazem não presta. Vocês são uma organização criminosa; são cúmplices de criminosos que assaltaram o poder e estão destruindo a democracia. Mostrem a cara. Mostrem o que fazem, o que pensam; mostrem de que lado estão. Se querem apoiar o crime, a ditadura, ou qualquer outra prática espúria, façam isso com honradez e com transparência, assumindo posições claras. Não há nada mais covarde do que o anonimato.

Responder

    Jasom Freire

    19 de setembro de 2017 às 23h04

    Kkkkkkkkkkk se pelam de curiosidade pra saber os segredos da Maçonaria, com certeza se alguém convidassem uns desses barrigas amarelas , eles aceitariam na hora! Vocês devem agradecer a Maçonaria por vocês terem a liberdade que tem hoje, liberdade que não sabem utilizar. Preferem defender aberrações que destroem as bases familiares. A maçonaria defende a família, defende os bons costumes , a democracia , combate a tirania e o fanatismo.

    Responder

Marina

19 de setembro de 2017 às 15h44

Gente a maracutaia maçonica nascida dentro do antro de salonao construido por hirão abi, se perpertua com seus interesses obscuros até hoje pra trazer o governo unico mndial, onde a religiao da nova era sera a regra a ser seguida. Lutem contra jabulon, não se rendam a essa egregora maldita de gadu.

Responder

O JUIZ

19 de setembro de 2017 às 14h51

Os três patetas da foto, refletem bem em suas faces, a verdadeira “cara” dessa milícia.
Onde houver coisa ruim lá estará esse pessoal.
É mais uma dessas “organizações” que trabalha contra os brasileiros.
Tem que ser repudiada de todas as formas.

Responder

    M.'.l.'.C.'.T.'.M.'.R.'.

    19 de setembro de 2017 às 17h13

    Lamentável formas de expressão com palavras de baixo nível, procure aprimorar mais seus conhecimentos antes de expor seus pensamentos ao público em geral.
    Que G.’.A.’.D.’.U.’. nos ilumine .recebam todos um Gr.’. T.’.F.’.A.’.

    Salvador Montana

    Salvador Montan

    Responder

      Clá

      19 de setembro de 2017 às 18h18

      Veja, na sua escrita, como você usa códigos não compartilhados por pessoas de fora da Maçonaria. Apoiar ameaças ditatoriais e se esconder atrás de códigos secretos, inclusive na escrita, isto sim é lamentável. Lamentável a falta de coragem de assumir o que você pensa. Ao invés disso, você usa códigos que o protegem, que deixam o seu pensamento no anonimato. Diga o que você tem a dizer em Língua Portuguesa; esta é a língua compartilhada pela população que vive no Brasil. Qualquer outro código, que não a Língua Portuguesa, serve para ocultar posições. Isso é LA-MEN-TÁ-VEL !

      Responder

        JB

        19 de setembro de 2017 às 19h58

        Realmente desmedido foi utilizar esse tipo de linguagem em público, mas nada mais foi dito pelo Irmão acima, além do que palavras de tolerância e fraternidade. Muito se engana se pensa que nossos estudos são em interesses próprios, mas cada um tem direito à sua opinião. Em outras palavras e em português bem claro, que Deus o ilumine e um grande abraço para ti.

        Responder

        Paulo Nunes

        19 de setembro de 2017 às 20h18

        Muito bem Clá! A linguagem é uma das formas mais usadas de dominação; siglas então, nem se fala! Elas escondem pelo menos um dos significados de um ou mais termos que não querem que apareça…

        Responder

        M.'.l.'.C.'.T.'.M.'.R.'.

        20 de setembro de 2017 às 00h17

        Caro (a) Cla
        Então no Brasil todos falam só lingua portuguesa, realmente vc é uma pessoa desprovida de cultura, procure voltar os bancos da escola, se é que pertenceu a aguma?pesquisar é bom! peça ajuda a alguém mais sábio, escute mais e fale menos vc conseguirá melhorias do seu modo de pensar, refletir etc…
        De N.’.ao S.’.,do Or.’.ao Oc.’.,do Z.’.ao N.’. Reconhecido MM.’.ilr.’.C.’.T.’.M.’.R.’. receba novamente um T.’.F.’.A.’.
        S.’.S.’.S.’.
        Salvador Montana

        Responder

        Luiz Carlos P. Oliveira

        20 de setembro de 2017 às 10h09

        Confundir abreviatura de uma frase com “códigos secretos” é de uma extrema burrice. As abreviaturas apenas servem para os maçons se reconhecerem. Tente inventar uma abreviatura aqui, para se passar por maçom, e serás desmascarado (a) na mesma hora. E, para os ignorantes no assunto, existem lojas maçônicas que já aceitam mulheres. Apesar de ser difícil achar uma mulher que saiba guardar “segredos”. Kkkkkkkkk. Você conhece alguma? A minha não sabe. Kkkkkkk
        E não me chamem de machista, não se trata disso.

        Responder

    Luiz Carlos P. Oliveira

    20 de setembro de 2017 às 09h53

    Sr. Juiz, suas afirmações tem alguma base ou são simples palavras, jogadas ao vento, de quem nada sabe ou nada tem a dizer? Pessoas normais só opinam sobre assuntos que conhecem a fundo. Outros, recorrem ao Google e copiam opiniões de terceiros. Aposto que nunca pensou nisso, não é?

    Responder

Fabio

19 de setembro de 2017 às 14h49

Os maçons também tentam capitalizar a proclamação da república,ASOS republicanos históricos os acusavam de sustentar a monarquia ocupando cargos. O costume não mudou

Responder

Schell

19 de setembro de 2017 às 14h33

Assim: em junho de 1822, D. Pedro I foi iniciado (ou noviciado) na maçonaria e, em agosto do mesmo ano, subiu 33 degraus e foi declarado mestre dos mestres, ou coisa parecida. Ou seja, mais caras de pau, impossível; mais puxa sacos, impossível; mais salamadequeanos, impossível; mais subservientes, impossível. De lá para cá, vê-se pulularem de ordem em ordem, de loja em loja, figura grudadas-nas-mamas-pública a fazerem misérias e misúrias com verbas governamentais. Aliás, dizem que as franquias dos Correio foram entregues (nos anos 90) apenas a maçons (bem “recomendados” e, até hoje, ninguém consegue realizar a licitação pública para a exploração legal das mesmas: cada vez que o assunto surge no congresso (ainda mais, agora, com a ladroeira lá generalizada), malas de dinheiro cruzariam o país… Sem contar o que se locupletam pessoas de má índole sobre irmãos de boa índole. Tudo o que (sempre) atrapalha o desenvolvimento sócio-econômico-cultural brasileiro está encasquetado (epa!) na maçonaria. Lamentável.

Responder

    Marina

    19 de setembro de 2017 às 15h43

    Gente a maracutaia maçonica nascida dentro do antro de salonao construido por hirão abi, se perpertua com seus interesses obscuros até hoje pra trazer o governo unico mndial, onde a religiao da nova era sera a regra a ser seguida. Lutem contra jabulon, não se rendam a essa egregora maldita de gadu.

    Responder

    Luiz Carlos P. Oliveira

    20 de setembro de 2017 às 13h42

    E cabe à você julgar por que Dom Pedro era maçom? Leu sobre a história daquele período? E mais: o que esses fatos de 190 anos atrás afetam a sua ou a nossa vida? Faz isso só para ter o que falar da Maçonaria?

    Responder

Irion

19 de setembro de 2017 às 12h36

Picaretas!

Responder

Deixe uma resposta

x
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com