Cafezinho 5 minutos – comentários diários de Miguel do Rosário

O país que eles querem

Por Denise Assis

19 de janeiro de 2018 : 16h12

Denise Assis

 

Qualquer que seja o resultado do julgamento de apelação no TRF-4, que poderá corroborar ou não a sentença dada pelo juiz Sérgio Moro, condenando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a nove anos e meio de prisão, no próximo dia 24, ele será determinante para a mudança, já no dia 25, da feição do país.

O dia 25 de janeiro marcará o início do embate eleitoral a ser realizado em outubro. E, para isto, o conjunto do oligopólio da mídia anuncia o método como agirá, ao longo do ano, formatando pensamentos como se o cérebro do conjunto de pessoas que formam a população, fosse massinha de modelar, que podem dispor ao seu bel prazer.

Para isto, a TV Globo, sempre ela, colocou em pauta uma campanha “engraçadinha”, mobilizando a população a vestir o seu melhor figurino, dirigir-se para um ponto turístico característico de sua cidade, e de lá mandar o recado: qual o país que queremos?

Ora, meus amigos. Não sejamos ingênuos. A resposta a esta pergunta não será, obviamente, um resumo do país com o qual você sonha, mas modelará o país que a TV Globo quer para você. Evidente que todas as mensagens serão filtradas e enfileiradas de modo a fazer surgir do conjunto de vídeos o país com a cara do Luciano Huck. Um país de faz de contas, onde tudo pode ser “passado a limpo”, como no quadro “Lata Velha”, do programa do rapaz, em que um carango caindo aos pedaços, passa por uma competente fuselagem e surge estalando de novo, no palco, arrancando lágrimas do humilde proprietário.

Ninguém nunca acompanhou por quanto tempo a carcaça corroída pela ferrugem, o motor recauchutado e o mecanismo das portas aguentaram depois do show. Certo é que, no ápice do programa, faz bonito. É como os candidatos apoiados pela emissora. No palco do debate aparecem bem penteados e bem treinados nas respostas, mas bastou uma lente de aumento, para que surjam em conversas com traficantes confessos, falando em mandar matar, com a tranquilidade de quem comenta um evento festivo.

O país que a Globo quer que vocês definam em suas mensagens de vídeo, é o país que proclama a culpa dos que não foram julgados, escolhem em quem você vai votar e constará da plataforma de governo de candidatos fascistas, prontos para avançar nos direitos adquiridos pelos trabalhadores, ao longo de duras lutas. É isso o que “eles” querem. Que vocês desenhem o candidato a ser montado, com a cara do conjunto de mensagens filtradas. Depois, tal como em 1964, quando por dois anos a propaganda massiva de toda a mídia (com exceção da Última Hora) exortou a população a ficar do lado do golpe, terem o mesmo argumento usado até hoje – apesar do pedido de desculpas tardio – para justificá-lo: “a população pediu”. Cuidado com o que você pede. A Globo, mais que Deus, pode atendê-lo.

Denise Assis

Denise Assis é jornalista e autora dos livros: "Propaganda e cinema a Serviço do Golpe" e "Imaculada". É colunista do blog O Cafezinho desde 2015.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

8 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Danyyel

20 de janeiro de 2018 às 08h50

O Brasil que eu quero é um país que a globo não quer!

Responder

Luiz Carlos P. Oliveira

20 de janeiro de 2018 às 06h55

Vou mandar meu vídeo. Eu, todo feliz, ao fundo o prédio da Globo com um cartaz dizendo “FECHADA POR ORDEM JUDICIAL”.

Responder

Carlos

20 de janeiro de 2018 às 00h51

As organizações Globo merecem o mesmo destino dos traidores da pátria, se tornar finada, seja de que forma for.

Responder

John Jahnes

19 de janeiro de 2018 às 21h48

Moro é um dos Togados participantes do Plano Atlanta?

“Plano Atlanta”
https://www.conversaafiada.com.br/politica/o-golpe-nasceu-em-atlanta-georgia

Parece que o verdadeiro objetivo deles é: Enriquecer bandidos políticos e todos seus amigos, fazendo o povo sofrer e trabalhar quase de graça até o fim de suas vidas.Quanto mais problemas o povo tiver, mais ricos esses bandidos políticos ficam. Isso só pode acontecer e ser bem sucedido, se houver o apoio de grandes empresários, também bandIdos corruptos, de bandidos de Togas e da grande mídia t~so corrupta quanto todos eles, dos países envolvidos.
VEJA, FAÇA UMA REVISÃO NOS ACONTECIMENTOS ATUAIS NO BRASIL E SAIBA QUEM SÃO OS POLÍTICOS, OS EMPRESÁRIOS E OS TOGADOS QUE ELES USAM E QUE TEM O APOIO DAS MÍDIAS QUE TAMBÉM SÃO MÍDIAS CORRUPTAS.
http://port.pravda.ru/mundo/12-07-2017/43625-plano_atlanta-0/

Responder

Luís

19 de janeiro de 2018 às 19h09

a globo e o peso morto da sociedade brasileira…todo império uma hora desmorona…é bom o poder judiciário refletir até onde vai se submeter a esta família

Responder

    fernando

    19 de janeiro de 2018 às 19h25

    bem que os militantes de esquerda do rio poderiam ajudar esse império desmoronar!!!

    Responder

José Drumond Saraiva

19 de janeiro de 2018 às 17h57

Texto muito bom e pertinente!

Responder

Agnaldo

19 de janeiro de 2018 às 17h06

Na minha cidade, HUCK é chamado de VASELINA ESTRAGADA. O que se pode fazer com vaselina estragada? Eu não me arrisco a experimentar.

Responder

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com