Boulos em Recife

Notas internacionais. Por Ana Prestes – 10/07/18

Por Redação

10 de julho de 2018 : 11h59

Notas internacionais (por Ana Prestes) 10/07/18*

– É cada vez mais dramática a situação na Nicarágua. O diálogo entre governo e oposição foi mais uma vez interrompido pelas forças religiosas. A suspensão se deu por um ataque ocorrido a um grupo de padres e jornalistas na cidade de Diriamba, a cerca de 40 quilômetros de Manágua. O ataque é atribuído a partidários do governo. A cidade de Diriamba, assim como a vizinha Jinotepe, ambas do departamento de Carazo, se encontrava sitiada por grupos opositores que mantinham a população local como refém. Forças do governo haviam conseguido liberar os municípios no último fim de semana. A escalada da tensão ocorre no mesmo dia, este 10 de julho, em que se organiza em Manágua o Simpósio Ecumênico pela Paz da Nicarágua.

– Ontem, 9 de julho, foi comemorado o Dia da Independência na Argentina. As manifestações foram gigante e massivas, sob o lema “La Patria no se rinde” contra as medidas econômicas e sociais do governo Macri, especialmente contra o acordo de empréstimo com o FMI. O presidente, que estava em um ato oficial enquanto ocorriam os protestos, disse que o país está “passando por uma tormenta fruto de muitas circunstâncias, mas que o rumo do barco está claro e segue sendo o mesmo”. Houve protestos também na região de Neuquén, localizada no centro do país e onde está sendo estabelecida uma base norte-americana de “ajuda humanitária”. A região abriga a Rota do Petróleo e um território Mapuche.

– Está perto do fim um resgate que gerou a solidariedade do mundo inteiro. Na Tailândia, das 13 pessoas presas em um caverna, sendo 12 crianças e adolescentes até 16 anos e um adulto de 25, faltam apenas três para serem resgatadas. O grupo reúne um time de futebol e seu técnico. Chamou atenção de todo o mundo a organização e o profissionalismo das autoridades tailandesas na operação do resgate. As crianças retiradas até agora não tiveram sua identidade revelada nem mesmo para seus familiares, por exemplo. Somente quando todos estiverem resgatados, suas identidades serão reveladas. Pelo menos 90 pessoas foram envolvidas na operação, sendo 40 tailandesas e 50 de outras nacionalidades. Profissionais altamente qualificados de vários campos de estudo como geólogos, metereologistas e médicos foram incorporados e até uma microcapsula submarina foi desenvolvida, em um esforço tecnológico para superar o desafio de salvar a vida do grupo.

– A crise do governo de Theresa May no Reino Unido teve mais um capítulo no dia de ontem (9). O Ministro das Relações Exteriores, Boris Johnson, pediu para deixar o cargo. No dia anterior, domingo 8, já havia pedido demissão David Davis, ministro responsável pela condução do Brexit. Ambos pediram para sair logo após o governo britânico ter pactuado um plano para manutenção de laços de relação econômica com União Europeia, mesmo saindo do bloco.

– Marcelo Ebrard Casaubónbrard, deverá ser o novo chanceler do México quando assumir López Obrador em 1o. de dezembro. Em uma de suas primeiras entrevistas, já anunciou que o novo governo não irá interferir na política interna da Venezuela e da Nicarágua, o que inclui uma crítica à forma como governos da região tentam manobrar na OEA por uma política intervencionista.

– Em Cuba, um dos pontos polêmicos da nova constituição é a possibilidade de casamento entre pessoas do mesmo sexo. Nos últimos dias cinco igrejas protestantes se declararam contra o reconhecimento do matrimônio. O documento, assinado pelos representantes das igrejas, diz que “a ideologia de gênero não guarda relação alguma com nossa cultura, nossas lutas de independência, nem com nossos lideres históricos da Revolução”.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Hans

11 de julho de 2018 às 11h11

No encontro da OTAN Trumnp diz que Alemanha é prisioneira da Rússia.

“Estamos protegendo a Alemanha, estamos protegendo a França, estamos protegendo todos esses países e muitos dos países saem e fazem um acordo de oleoduto com a Rússia, onde estão pagando bilhões de dólares para os cofres da Rússia. Eu acho que isso é muito inapropriado ”.

“Nunca deveria ter sido permitido que isso acontecesse. A Alemanha é totalmente controlada pela Rússia porque vai receber 60-70% da sua energia da Rússia e um novo gasoduto.

“Você me diz se isso é apropriado porque acho que não é. Além disso, a Alemanha está pagando apenas um pouco mais de 1% [do PIB sobre as contribuições de defesa da Otan], enquanto os Estados Unidos estão pagando 4,2% de um PIB muito maior. Então, acho que isso também é inapropriado. ”

Ou seja, o presidente americano quer decidir o que é apropriado e o que não é apropriado para a Alemanhã e que projeto a Alemanhã pode ou não pode desenvolver em conjunto com a Rússia.

Responder

Ultra Mario

10 de julho de 2018 às 16h03

A situação da Argentina me preocupa, é isso que está vindo pra cima do Brasil se não elegermos um candidato que privilegie o povo e a soberania nacional acima dos interesses do tal mercado.

Já estamos torrando as nossas reservas, em vão, para conter a alta do dólar… isso não pode continuar.

Responder

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com