Live do Cafezinho (19h): que segurança pública que queremos?

Petróleo já é principal produto de exportação do Brasil

Por Redação

04 de novembro de 2019 : 18h45

Somando o óleo bruto e derivados, o petróleo já figura como o produto mais importante na pauta das exportações brasileiras.

No acumulado dos 10 primeiros meses do ano (jan/out), e considerando todos os produtos, o Brasil exportou um total de US$ 185,5 bilhões, queda de 7% sobre o ano anterior. Em valores absolutos, as exportações deste ano caíram 13,4 bilhões sobre o ano anterior.

A exportação de petróleo e derivados, por sua vez, foi responsável pela geração de US$ 24,3 bilhões em divisas para o país, o que correspondeu a 13% do total de todas as exportações brasileiras. Em relação ao ano anterior, porém, não houve aumento.

O primeiro lugar foi assumido por causa também da queda expressiva das exportações do complexo soja, que caíram 22%, gerando US$ 23 bilhões em Jan/Out deste ano.

As exportações de produtos mais sofisticados, como máquinas em geral, registraram queda expressiva.

A importância do petróleo em nossa balança comercial mostra o peso que o pre-sal já está jogando na economia brasileira.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Thiago

06 de novembro de 2019 às 07h43

TRISTEZA

“O próximo dia 06 de novembro tem tudo para ser o dia mais triste da História recente do Brasil. Mais que o impeachment de Dilma, mais que a prisão de Lula, mais que o golpe de Temer, mais que a eleição do fascista (se bem que é difícil existir algo mais triste que isso). Mesmo porque todos esses dias aconteceram para que chegasse finalmente o que vem por aí no sexto dia do próximo mês: o Mega Leilão do Pre-sal, ou melhor, do chamado “excedente da cessão onerosa”. Palavrão que significa em português claro: Todo o excedente das reservas de petróleo encontradas que não eram previstas pela Petrobrás quando fez o investimento em perfurar os poços em profundidade.

A Petrobrás esperava encontrar uma quantidade, mas encontrou três vezes mais. São esses dois terços a mais que serão entregues para o capital inter e transnacional. Um patrimônio estimado em mais de um trilhão de reais. Os tais royalties que durante anos tanto se falou no Brasil e cuja destinação para o “eu quero mais emprego, mais saúde e educação” era pauta fundamental dos protestos de 2013. Mas como na canção de Rita Lee, “tudo virou bosta”.

Socializada hoje só as manchas do crudo misterioso que se espalha pelo litoral nordestino. Mas o mais bizarro disso tudo é que todo esse petróleo excedente será explorado agora sem a parceria da Petrobrás, desde que durante o golpe o Congresso Nacional aprovou a proposta de José Serra de extinguir o sistema de partilha criado no governo Lula (uma das coisas mais geniais dos governos petistas).

Ou seja, a Petrobrás investiu sozinha no desenvolvimento da caríssima e especialíssima tecnologia de extração do pre-sal. Mas daqui em diante nem parceira será mais, perdendo o controle não só do crudo, mas da própria tecnologia desenvolvida pelo Brasil a um custo altíssimo.

Dia 06, o futuro do Brasil será literalmente entregue e o país será velado, cremado e sepultado. Ou o povo (esquerda, centro e direita) se une enquanto é tempo e paramos o país em greve geral e nas ruas, ou assinaremos embaixo do maior suicídio já visto de uma quase-nação.”

Antônio Lisboa (autor do texto)

OBS: separado em blocos para facilitar a leitura

Responder

Mocelin

05 de novembro de 2019 às 08h20

Um povo que elege políticos impostores, ladrões e traidores corruptos não são vítimas … mas cúmplices ”
– George Orwell

Responder

Paulo

04 de novembro de 2019 às 21h48

Pois é! No seu melhor momento, depois de ter roído o osso para achar, explorar e refinar petróleo no Brasil, querem vender a Petrobrás…qual a lógica por trás disso? Não, não me digam que querem evitar o mau uso político da estatal, pois foi pra isso que esse (des)governo foi eleito…

Responder

Paulo Souza

04 de novembro de 2019 às 19h27

COMO PODE ESSE GOVERNICHO BOZO ENTREGAR NOSSO PRÉ-SAL A EMPRESAS ESTRANGEIRAS???? CRIME DE LESA-PÁTRIA DOS BOLSOMINIONS PATRIOTÁRIOS….

Responder

Deixe uma resposta