Às 11:30, a Conexão Cafezinho recebe Brizola “Carlito” Neto: as relações entre trabalhismo e comunismo

Fabrício Queiroz no dia de sua prisão em Atibaia. Foto: reprodução.

Wassef fala de “plano para matar Queiroz”

Por Redação

26 de junho de 2020 : 08h22

Em entrevista à Veja, Frederick Wassef, ex-advogado da família Bolsonaro, afirmou ter protegido Fabrício Queiroz, preso dia 18, de um “plano para matá-lo”.

Wassef afirmou ainda que Flávio e Jair Bolsonaro não tinham informações sobre o paradeiro de Queiroz em Atibaia.

“Passei a ter a informação de que Fabrício Queiroz seria assassinado”, afirmou, concluindo que “tinha a mais absoluta convicção de que Queiroz seria executado no Rio de Janeiro”.

“Além de terem chegado a mim essas informações, tive certeza absoluta de que quem estivesse por trás do homicídio iria colocar na conta da família Bolsonaro”, afirmou.

Segundo Wassef, havia um plano traçado para assassinar Fabrício Queiroz e dizer que foi a família Bolsonaro em “suposta queima de arquivo para evitar delação”.

Afirmando ter “omitido” a informação sobre onde estaria escondido Queiroz do presidente e sua família, o ex-advogado dos Bolsonaro comparou a suposta tentativa de incriminar a família do presidente “ao que tentaram fazer no caso Marielle”, lembrando “a história do porteiro que mentiu”.

Wassef negou ainda ser o titular do apelido de “anjo”.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Paulo

26 de junho de 2020 às 19h30

Esse advogado de porta de cadeia se entrega a cada declaração – e aos Bolsonabos…

Responder

Ronei

26 de junho de 2020 às 11h08

Esse Wassef è sujeito pitoresco mas é tudo menos que bobo.

Responder

gasparzinho

26 de junho de 2020 às 10h52

Esquerdetes caindo do cavalo novamente em 3,2,1….kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Responder

Francis Bacon

26 de junho de 2020 às 09h05

Então ele tem o que delatar sobre a família Bolsonaro? Não ganhou dinheiro vendendo carros e nem é o responsável pelos desvios da rachadinha? Interessante.

Responder

Deixe uma resposta