Live do Cafezinho: bate papo com o cineasta cearense Wolney Oliveira

Foto: CNN

Vice-presidente Mourão e Ciro Gomes debatem na CNN

Por Redação

12 de setembro de 2020 : 17h36

A CNN transmite neste sábado (12) às 21h um debate entre o vice-presidente da República Hamilton Mourão e Ciro Gomes, vice-presidente nacional do PDT, no programa O Ponto.

A dinâmica do programa se dá no sentido de apresentar duas entrevistas sobre os mesmos assuntos com cada um dos dois, feitas uma depois da outra.

A chamada do canal prenuncia uma conversa sobre Amazônia, militares no Governo, e eleições 2022.

Eles nunca interagiram um com o outro, mas já trocaram ofensas de maneira indireta.

Ciro Gomes chamou o vice-presidente de “jumento de carga” nas eleições de 2018, tendo repetido o apelido enquanto Mourão já ocupava o cargo.

Mourão já demonstrou menosprezo a críticas de Ciro que foram acompanhadas pelo apelido, chamando de “baixaria”.

Os dois já tiveram convergências, contudo, quando, por exemplo, Mourão criticou a politização dos motins de policiais militares no Ceará.

Já divergiram também em mais de uma ocasião a respeito do papel das Forças Armadas diante da política nacional.

As primeiras críticas de Ciro ao vice-presidente foram, de fato, referentes a suas posições “golpistas” no ano de 2017, quando Mourão definiu como “dever do exército” a “garantia do funcionamento das instituições e da lei e da ordem”.

Na ocasião, o então general defendeu que o Exército interviesse em caso de o Judiciário ser incapaz de resolver a crise política.

Ciro também já afirmou que Mourão teria interesse na cadeira de presidente da República, tramando pela eventual queda de Jair Bolsonaro.

Você poderá assistir pelo site da CNN.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

22 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

carlos

14 de setembro de 2020 às 06h53

O cidadão que elogiou o Ciro, apenas em discurso, é tão superficial assim se decidir o voto? Foi através desse discurso fácil que me enganei, aliás tudo no discurso é muito bonito, na prática é que tem dar certo.

Responder

Genalvo

13 de setembro de 2020 às 15h33

Gosto do Ciro e votaria nele para qualquer cargo, porém, acho que ele falta com a verdade quando diz que Dilma destruiu o poder de compra do salário mínimo, especialmente se levarmos em conta que este atingiu seu maior poder de compra (dos último 50 anos) em 2014/2015. A partir de 2015, não foram apenas os erros da Dilma que desestruturaram o país.

Responder

    Justiceiro

    14 de setembro de 2020 às 09h56

    O tarifaço na conta de luz não foi obra da Dilma? O estelionato eleitoral das leis trabalhistas, o PIB que caiu em todos os anos depois da reeleição, a lista é grande… Tb gosto da Dilma como pessoa, de boa índole, mas como presidenta foi um desastre, não tem como não responsabilizá-la.

    Responder

Alan C

13 de setembro de 2020 às 10h11

Não foi debate, foi entrevista.

Responder

    Batista

    14 de setembro de 2020 às 12h57

    E daí?

    Haddad também não estaria na Laje com Tatto, à tarde, e sim com engenheiros no Jardim São Luiz, de manhã.

    Nem os ‘narciristas’ estão a entender o subtexto e quem entende, passam logo ‘dona Solange’ rápida no espertalhão da Adelaide.

    Só rindo!

    Responder

      Alan C

      15 de setembro de 2020 às 19h19

      Um fez pergunta pro outro??

      Larga de ser lulopetista, entendeu né…..

      Responder

Tiago Barbosa Ribeiro

13 de setembro de 2020 às 06h21

40 anos de vida pública. Advogado, formado pela Universidade Federal do Ceará. Economista pela Harvard Law School. Membro do Fórum Econômico Mundial. Recusou receber aposentadoria para os cargos políticos que tivera. Foi Governador do Ceará (mais bem avaliado do Brasil), Prefeito da cidade de Fortaleza (mais uma vez, o mais bem avaliado do Brasil) e Deputado Federal (mais bem votado do Brasil).

Foi Ministro da Fazenda do Governo Itamar Franco, ajudou a criar o Plano Real e entregou o país com inflação quase ZERO. Ganhou prêmio de combate à mortalidade infantil na plenária da UNICEF. Não é proprietário de TV, rádio ou jornal impresso e não possui nenhuma empresa. Não aumentou seu patrimônio em função de sua ascensão à política. Tem um projeto nacional de desenvolvimento para o país desde 1996, registrados no livro “Próximo Passo: Uma Alternativa Prática ao Neoliberalismo”. O Ceará, que foi governado por Ciro, possui 86 das 100 melhores escolas públicas brasileiras avaliadas pelo Ideb. Sobral, a cidade de Ciro, tem a MELHOR educação pública do Brasil.

Se o problema é escolaridade, aqui você tem. Se o problema é experiência, aqui você tem. Se o problema é ficha limpa e honestidade, aqui você tem. Se o problema é um bom currículo, aqui você tem. Meu voto teve endereço em 2018 e tem endereço em 2022. Tenho certeza absoluta que não há ninguém com a capacidade desse rapaz para assumir a cadeira de chefe de Estado no momento. Pense bem no Brasil que você quer no futuro, porque eu já pensei e todas as contas só me levam a um denominador: #CIRO2022 !

Responder

    Jerson7

    13 de setembro de 2020 às 11h36

    Kkkkkk…ouvi dizer que o Cirolipa caminha sobre as aguas também, é verdade… ? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Responder

    Mariel

    14 de setembro de 2020 às 12h54

    O grande problema do ciro, q põem tudo o resto fora, é q ele é keynesiano.
    Aí não dá!

    Responder

    Luiz

    15 de setembro de 2020 às 07h57

    Exatamente. Ele foi tudo isso , além de espancador de mulher, drogado, mentiroso, safado, canalha etc etc etc etc .

    Responder

Arthur Fonzarelli

13 de setembro de 2020 às 00h16

Depóis dessa não há chances de Mourão ser vice em 2022,

Responder

    Rodrigo de Albuquerque

    13 de setembro de 2020 às 14h23

    Aceita que dói menos, petista – ou será petralha? CIRO GOMES é o UNICO capaz de vencer o “presidente” Jair Bolsonaro e consertar esse país quebrado e destruido por gestões direitopatas e esquerdopatas petistas. O PT acabou, Lula ficou nanico e CIRO GOMES está CRESCENDO e APARECENDO!!

    Responder

      Germano

      14 de setembro de 2020 às 08h17

      Com 6% de intenções de voto tem alguma chances de ganhar da margem de erro e dos nulos.

      Responder

Germano

13 de setembro de 2020 às 00h14

Com fascistas enrustidos como Cirolipa não se discute….Mourao tá doidinho oara perder a vaga de vice presidente, não vai demorar isso acontecer.

Responder

enganado

12 de setembro de 2020 às 19h54

CIRCO COMES no prato da Direita X DINOSSAURO, mais ou menos uma conversa entre cobra e jacaré. Os BANQUEIROS / EMPRESÁRIOS / ANGLO_ZIONISTAS / CIA / NSA / . . . etc vão adorar o teatrinho. O ___braZiU$$$A___ continua a mesma palhaçada desde os GOLPES_MILITAR de 2016 e 2018.

Responder

    ligadaum

    13 de setembro de 2020 às 10h12

    Ah agora 2018 tbm teve golpe???
    Vai lah… sigam se botando fora.

    Responder

    Marco Vitis

    13 de setembro de 2020 às 12h46

    O seu codinome revela um ato falho, porém verdadeiro, de sua consciência.

    Responder

    Rodrigo de Albuquerque

    13 de setembro de 2020 às 14h27

    Encare a realidade, PETRALHA!! Seu PT acabou!! Lula não é mais porcaria nenhuma, ficou nanico e insignificante!! CIRO GOMES é o UNICO que pode vencer o “presidente” Bolsonaro!! É melhor você pegar uma ficha para ser candidato para pegar na alça do caixão do PT quando este for morto e enterrado nestas eleições municipais!! Não vai ganhar prefeitura alguma!! Será humilhado e expulso da política brasileira!! Mas temos vagas, se quiser pular pro nosso lado…

    Responder

      Batista

      14 de setembro de 2020 às 16h06

      Pensa mais que sofre menos cara-pálida.

      Ao menos se desse ao trabalho de clicar o play e ver um frame que fosse das entrevistas disponíveis, talvez percebesse que a Mourão concederam 60 minutos e a Ciro 21 minutos.

      E caso percebesse isso, quem sabe desconfiasse por que não entrevistam Lula e o tamanho da abobrinha em escrever que, “CIRO GOMES é o UNICO capaz de vencer o “presidente” Jair Bolsonaro.”

      Esse ‘acidente’ de percurso que a classe dominante teve que engolir em 2018 para não ser derrotada pela quinta vez seguida, pelo PT, sabendo-o letal ao correr do tempo no poder, à sobrevivência da Casa Grande, mantenedora da desigualdade, que os abriga e garante há 520 anos.

      Responder

    Clarice

    13 de setembro de 2020 às 16h40

    Acho que a banqueirada deve é morrer de saudades do Lula, época em que mandavam no Brasil… Meirelles, Mantega, Levy…

    Responder

      Batista

      14 de setembro de 2020 às 13h30

      Boa, Clarice!

      Sensacional tu lembrar que houve época em que a banqueirada MANDAVA no Brasil.

      Faz sentido, explica porque quarenta anos depois, ainda não sabem como explicar o teto de 12%, rumo ao 8º ciclo após 2022.

      Responder

        Alan C

        15 de setembro de 2020 às 19h20

        Já vi tentativa de malabarismo argumentativo, mas isso que li acima foi demais rs

        Responder

Deixe uma resposta