Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

James Ensor

Meus planos para 2013

Por Miguel do Rosário

30 de dezembro de 2012 : 14h47

James Ensor

 

Queridos leitores e leitoras, quero falar um pouco sobre os planos do Cafezinho para 2013, e filosofar um pouco sobre eles. Ao final, você encontrará ainda uma análise sobre a última pesquisa CNI/Ibope.

Em primeiro lugar, resistimos e crescemos. 2012 foi um ano bom para mim. Consegui manter uma razoável disciplina, atualizando o blog todos os dias, de segunda a sexta e, eventualmente, também aos finais de semana. Pela primeira vez, na minha trajetória de blogueiro, fechei alguns contratos de publicidade. Ganhei muitos assinantes. Um ano de bastante trabalho e, finalmente, algum retorno.

Para 2013, meu plano consiste em manter o sistema que concilia a necessidade de financiar o espaço com a de divulgá-lo e participar dos debates públicos nacionais. Às segunda-feiras, um post de conteúdo livre e, no resto da semana, análises da política nacional exclusivas para os assinantes.

Admito que nem sempre sinto o otimismo que tento repassar aos leitores. Quanto mais de perto observamos a produção de salsichas, mais nos distanciamos daquele estado de espírito que tínhamos perante a visão de um suculento hot-dog.

Deparo-me, portanto, com o esforço para não desenvolver o cinismo que deforma o caráter de tantos jornalistas especializados. Entender e analisar a política requer não apenas um esforço sistemático e rigoroso para obter o maior volume possível de informação, mas também algum talento para ver as coisas do alto, sob uma perspectiva histórica.

Além disso, política não é uma ciência exata. Sua relação profunda com a linguagem aproxima-a da arte, com suas tragédias, dramas e comédias. Percebi, há tempos, que os embates políticos não se dão apenas ao nível partidário ou eleitoral. As batalhas se espraiam em todo corpo social, contaminando não apenas qualquer manifestação linguística, seja escrita, visual ou auditiva – elas acontecem também nos lugares mais recônditos e privados do espírito.

E isso é tão demasiadamente humano!

Os desafios, naturalmente, são imensos e complexos. Nem sempre estarei inspirado, e isso é o que mais oprime um blogueiro: saber que, fatalmente, cometerá erros. Não me refiro apenas a equívocos de ordem factual ou analítica, mas erros ainda mais acabrunhadores, para quem escreve: uso de lugares comuns; argumentação medíocre; textos enfadonhos ou mal escritos.

Os riscos mais perigosos, com os quais temos de lidar diariamente, são os de ordem política ou ideológica, porque estes não recebem nenhum compaixão do público. Neste caso, também há mais arte do que ciência. Como encontrar o equilíbrio para dosar a defesa de ideais utópicos com a aceitação das etapas necessárias para realizá-los? Como fazer isso se não há jamais certeza em relação às estratégias mais eficazes?

Para superar esses dilemas pediremos socorro, como temos feito, à filosofia, à história, até mesmo à arte, embora sabendo que todos esses campos são antes manipulados por nós do que nós por eles; ou seja, a gente acaba, quase sempre, adaptando o conhecimento externo às nossas intuições mais profundas. Trata-se de um problema epistemológico crônico: lemos os autores clássicos para que eles sirvam às nossas ideias, para reforçá-las, e não realmente para aprendermos algo novo.

No entanto, acredito no conhecimento. Este não vem dos livros, mas da vida. Os livros podem abrir alguns caminhos. Ensinam-nos a escrever e a argumentar. Mas somente o escutar atento do mundo pode orientar verdadeiramente o espírito humano. A sobrevalorização do livro, de determinados autores ou campos de conhecimento, nasce de uma tentativa vã de valorização do nosso próprio patrimônio simbólico e intelectual. Vaidade e poder, como sempre.

Quero dizer o seguinte: Faulkner não foi o escritor genial porque leu esse ou aqueles livros, mas apesar de tê-los lido. Afinal, qualquer um pode ler livros, mas raros podem escrevê-los. A mesma coisa vale para a política. Qualquer um pode posar de intelectual sabido e apontar os erros teóricos, práticos, estratégicos, administrativos ou éticos das lideranças políticas. Mas o que faria em seu lugar? O que garante que não cometeria erros ainda maiores?

E, no entanto, a crítica é a mãe da virtude, do conhecimento e de qualquer desenvolvimento. Como conciliar, portanto, a necessidade visceral que temos de criticar aqueles que nos representam politicamente, sem que nossa crítica seja instrumentalizada por nossos piores inimigos?

Como fazer essa crítica sem nos deixarmos levar, sobretudo, por esta absurda, incomensurável vaidade que persegue todo ser humano, e que o faz pensar em si mesmo sempre como a principal referência ética e ideológica do mundo?

E todavia temos que nos atrever, com todos os riscos inerentes, a cometer erros, pois em caso contrário ficaríamos paralisados.

Estes pensamentos, a meu ver, estão por trás de todo o “desencanto” com a política. Quando alguém se desencanta com a política, em geral explica a si mesmo e aos outros que tal postura se deu em virtude de uma conclusão negativa sobre a sociedade, suas instituições e seus líderes. No entanto, no fundo, talvez o desencanto nasça antes de um desencanto consigo mesmo, com a sua incapacidade intelectual de assimilar a realidade profundamente complexa, dialética e dinâmica da política humana. Não é fácil mesmo! Também seria injusto atribuir essa incapacidade à falta de talento, de cultura, de inteligência. Não é assim. Ninguém é necessariamente burro por não entender como funciona uma televisão. Mas devemos evitar comparar política com qualquer outra arte ou ciência, porque ela talvez seja o conhecimento mais acessível de todos, o mais próximo da intuição, o mais ligado aos mais espontâneos conhecimentos morais de um indivíduo.

Enfim, O Cafezinho continuará tentando oferecer a seus leitores a humilde contribuição de alguém que considera a política uma oportunidade magnífica para entendermos um pouquinho melhor o homem, a mulher, e a história de suas lutas.

Um feliz Ano Novo para todos!

PS: não esqueçam de fazer uma assinatura do Cafezinho! Só assim teremos um blog forte em 2013!

PS2: Os links sugeridos neste último post do ano são este artigo, da Carta Maior, onde se mostra a relação espúria e antidemocrática entre mídia e poder nos EUA.

PS3: Confira também a íntegra da última pesquisa CNI/Ibope com a avaliação do governo federal. Abaixo, destaco o gráfico que me chamou a atenção. Repare que, apesar de todo o bombardeio sobre o mensalão, o qual atinge o PT, o percentual dos que aprovam a presidente Dilma subiu de 77% (na pesquisa de setembro de 2012) para 78% (dez/12).

É impressionante,  sobretudo, o crescimento da popularidade junto às classes mais altas, que acompanham mais o noticiário e os grandes jornais de opinião: entre os que ganham mais de 10 salários, a aprovação de Dilma saltou de 68% (em set/12) para 81% em dezembro.

Ou seja, Dilma conseguiu realizar uma delicada proeza. Seu governo tem enorme popularidade junto aos mais pobres, entre os quais apenas 8% o consideram ruim ou péssimo, mas também conseguiu seduzir as classes médias. Com isso, a presidenta tolhe as esperanças da oposição, que consistiam justamente em explorar um suposto preconceito destas em relação ao PT.  Joaquim Barbosa pode ter virado celebridade no Facebook, e o ódio antipetista pode ter subido alguns graus em seus nichos de sempre, mas a maioria da população, tanto pobres quanto classe média, prefere antes se ater à observação empírica da realidade, do que sucumbir ao moralismo tendencioso dos jornais.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

17 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Messias Franca de Macedo

02 de janeiro de 2013 às 23h10

… Estamos em guerra!… [Passamos pela nossa, digamos, ‘primavera árabe’!… E, agora, estamos vivenciando o nosso, digamos, ‘verão árabe’!…]… Alguém de sã e liberta consciência duvida?!…
… Quem (sobre)viver verá!…

AVISO AOS ‘EXILÁVEIS’! [RISOS]: um destino ‘plausível – e crível’ (sic) – pode ser a Pasárgada do Manuel Bandeira!

É VAPT VUPT!…

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Messias Franca de Macedo

02 de janeiro de 2013 às 23h01

PRA MATAR OS(AS) GOLPISTAS DE RAIVA(!), SUGESTÃO:

Próxima capa da respeitável revista Carta Capital, em letras garrafais!

ÁLVARO DIAS, ‘O CAÇADOR DE CPMIs’, EXIGE A ABERTURA [imediata!] DA ‘CPMI DOS [míseros/ínfimos (sic)] 16 MILHÕES DE REAIS “HABILMENTE” [risos] SONEGADOS POR ÁLVARO DIAS, SEGUNDO A PRÓPRIA FILHA DO [DEMo]TUCANO’!

É VAPT VUPT!…

Que país é este, sô?!…

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Messias Franca de Macedo

02 de janeiro de 2013 às 21h34

… ‘O GOLPISMO CONTINUA’, EDIÇÃO 2013, DOIS DIAS, EM DOIS ATOS! ENTENDA

ATO GOLPISTA I – primeiro de janeiro, feriado [não para o PIGolpista/terrorista/antinacionalista!]: ‘Ocorrido 05 (cinco) anos antes do mensalão do PT, MENSALÃO mineiro não será julgado em 2013’ CACHOEIRA – perdão, ato falho -, FONTE: PIG, sucursal ‘Folha da ditabranda dos Frias’!

ATO GOLPISTA II- dois de janeiro: *MP-MG ACUSA CARTA CAPITAL DE FORJAR DOCUMENTO
(…)
O Coordenador do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça Criminais (Caocrim), Joaquim José Miranda Júnior, acusa a revista de forjar documento reproduzido em reportagens relacionadas ao chamado mensalão mineiro (ou tucano)
(…)

FONTE: http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/89500/MP-MG-acusa-Carta-Capital-de-forjar-documento-MP-MG-acusa-Carta-Capital-forjar-documento.htm

*MP: MI(ni)STÉRIO PÚBLICO (sic)

O PANO DE FUNDO GOLPISTA/TERRORISTA! O PIG é rápido no gatilho(!): aproveitou as merecidas e legítimas férias de muitos blogueiros sujos, e tome-lhe metralhadora giratória a blindar o [DEMo]tucanato!…

RESCALDO I – esse é “o **’brazil’ mudado por um menino pobre chamado Joaquim!”
**’brazil’: aspas monstruosas, letras submicroscópicas e grafado ‘z’,
faça o favor,
revisor!

RESCALDO II – RESCALDO: “NUMDISSE”?!… O MENSALÃO TUCANO SERÁ JULGADO PELO “INCLEMENTE STF” NO DIA EM QUE NASCER DENTES EM *AVES, INCLUINDO TUCANOS(!)!…

RESCALDO III – comecemos a preparar ‘a vaquinha’ para ajudar o jornalista Leandro Fortes pagar ‘a dosimetria da multa [a galopar(!)] cavalar’!…

EM TEMPO DE GOLPISMO TELEVISIONADO, CONLUIO PIG/STF!: ‘mensalão mineiro’ significa uma ‘neoexpressão’ criada, ardilosa e capciosamente, pelo PIG objetivando anuviar/ocultar as delinquências contumazes da [nefasta, famigerada, entreguista/antinacionalista…] sigla PSDB/DEMo!…

NOTA FÚNEBRE: somos um povo ou uma penca de bananas?!…
… Com a palavra a reação!…

Que país é este, sô?!…

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Messias Franca de Macedo

02 de janeiro de 2013 às 17h18

O GOLPISMO NÃO SOSSEGA! OU [MAIS] UMA BLINDAGEM ESPÚRIA AOS CRIMES DO [DEMo] TUCANATO! ENTENDA

MP-MG ACUSA CARTA CAPITAL DE FORJAR DOCUMENTO

O Ministério Público de Minas Gerais (MP-MG) requisitou instauração de inquérito policial à Delegacia do Departamento de Falsificações e Defraudações de Belo Horizonte, para apurar eventual estelionato jornalístico em reportagem de capa da revista Carta Capital de 9 de novembro. O Coordenador do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça Criminais (Caocrim), Joaquim José Miranda Júnior, acusa a revista de forjar documento reproduzido em reportagens relacionadas ao chamado mensalão mineiro (ou tucano).
(…)
Em férias, o jornalista Leandro Fortes, que assina a matéria em questão (à época, ele resumiu a reportagem no site da revista), disse ao *Comunique-se não ter conhecimento da acusação por parte do MP-MG.

FONTE: http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/89500/MP-MG-acusa-Carta-Capital-de-forjar-documento-MP-MG-acusa-Carta-Capital-forjar-documento.htm

*http://portal.comunique-se.com.br/index.php/editorias/28-carreira/70521-carta-capital-e-acusada-de-forjar-documento-em-reportagem-sobre-mensalao-tucano.html

RESCALDO: “NUMDISSE”?!… O MENSALÃO TUCANO SERÁ JULGADO PELO “INCLEMENTE STF” NO DIA EM QUE NASCER DENTES EM *AVES, INCLUINDO TUCANOS(!)!…
[Por que as aves não têm dentes?
por Yuri Vasconcelos
Porque eles não são mais necessários. Os antepassados desses animais, como o Archaeopteryx, uma mistura de ave com lagarto que viveu há cerca de 150 milhões de anos, tinham dentes bem desenvolvidos. Mas, com o tempo, a dentadura perdeu sua função e deixou de existir, dando lugar ao bico, que é um prolongamento das maxilas, os ossos responsáveis pela movimentação da boca. Como qualquer processo evolutivo, essa transformação radical não aconteceu de uma hora para outra e só foi concluída há algumas dezenas de milhões de anos, quando surgiram as aves atuais. Em vez de triturar a comida na boca, elas engolem a refeição inteira. E como elas se viram sem os dentes? A ausência de mastigação é compensada por um sistema digestivo poderoso, que conta com dois estômagos: um químico – o proventrículo, que começa a dissolver o alimento – e outro mecânico – a moela, que destroça o que sobrou do rango (veja ilustração abaixo). Só depois de passar por esse triturador natural é que a comida segue para o intestino e é absorvida.

FONTE: http://mundoestranho.abril.com.br/materia/por-que-as-aves-nao-tem-dentes%5D

… ADEMAIS, o conluio PIG/MP/STF é ‘peixe’ dos [DEMo]tucanos!…
… Viva a [seletiva!] prescrição no Direito Penal!…
… Viva “o ‘Brazil’ mudado radicalmente [risos] por um menino pobre chamado Joaquim!”…
… Viva o carnaval – as máscaras e as togas – que vão “bombar em vendas” – do justiceiro (sic) Joaquim do **“supremoTF”! Viva o Lucro e o capital!… Capital, leia-se, “grana”! [Carta] Capital, a revista, agora, pasme, ***“ré do MENSALÃO DOS [DEMo]TUCANOS”!
**“supremoTF”: aspas monstruosas e letras submicroscópicas!

***EM TEMPO: em se tratando de uma republiqueta de bananas, parodiemos o ex-governador da Bahia, Octávio Mangabeira: “Pense num absurdo! No ****Brasil tem precedente!”
****originalmente, “… Na Bahia tem precedente!”

RESCALDO II: comecemos a preparar ‘a vaquinha’ para ajudar o jornalista Leandro Fortes pagar ‘a dosimetria da multa [a galopar(!)] cavalar’!…

República de ‘Nois’ Bananas
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Messias Franca de Macedo

02 de janeiro de 2013 às 14h56

… A sociedade civil brasileira também vai exigir e esperar que a presidente da República, Dilma Vana Rousseff, A Magnífica, no uso de suas atribuições e responsabilidades, declare que o não julgamento do *mensalão [DEMo]tucano em **2013 é mais um acinte perpetrado pelo conluio STF/PIG contra o nosso, digamos, ‘tênue’ Estado subDemocrático e de Direito?!… Ou esta imperiosa denúncia é tarefa e dever do PT, demais partidos políticos e instituições outras que corroboram com este ***embate?!…
*mensalão [DEMo]tucano, ardilosa e capciosamente, denominado pelo PIG de mensalão mineiro! O verbete ‘mineiro’ objetiva anuviar/ocultar a [nefasta e famigerada] sigla PSDB/DEMo;
**o mensalão [DEMo]tucano [nascedouro do ‘Valerioduto’] ocorreu cinco anos antes do mensalão do PT, portanto, deveria ter sido julgado previamente; não será julgado em 2013!… Imagine “o fim que terá a Ação Penal 536 em 2014, Copa do Mundo no Brasil e, sobretudo, ano de eleição presidencial!” No mínimo, prescrição para todos os anos e sempre!…;
***embate lídimo, salutar, democrático e civilizatório!… Lei dos Meios JÁ passou da hora!…

“E ‘vamo que vamo’!” A Lei dos Meios JÁ passou da hora!…

BRASIL (QUASE-)NAÇÃO
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Messias Franca de Macedo

02 de janeiro de 2013 às 12h07

DILMA E A LEY DE MEDIOS:
ELA ROMPEU COM O PT
Ela foi à luta insurrecional de avião. Não foi na boleia de um pau de arara. E, provavelmente, o Lula foi o único proletário com quem conviveu.
Publicado em 02/01/2013
em http://www.conversaafiada.com.br/politica/2013/01/02/dilma-e-a-ley-de-medios-ela-rompeu-com-o-pt/#comment-1011080

###############################

… Eu creio que estamos sendo muito ácidos com a presidente Dilma Rousseff e excessivamente dóceis com o PT [do Paulo Bernardo, do José Eduardo Cardozo & Cia (quase-)tucana!]! A presidente é a instituição Presidência da República! O PT é uma das molas propulsoras da sociedade! Portanto, cabe ao PT, demais partidos políticos e instituições outras que corroboram com este embate – lídimo, salutar, democrático e civilizatório -, provocarem [no bom sentido!] o restante da sociedade civil no sentido de se colocar em pauta a discussão, definição de uma Lei de Meios adequada à nossa realidade e encaminhamento para a sanção presidencial! Realmente, a presidente Dilma Rousseff tem muita coisa para tratar e resolver: não irá despender energias e tempo neste enfrentamento, cujos protagonistas deverão ser outros! Ou alguém de sã consciência duvida de que a presidente Dilma desconheça a natureza nefasta do PIG?!…

… É questão de estratégia!… A sanção presidencial “irá comprovar que a presidente Dilma Rousseff, A Magnífica, concorda literalmente com a imprescindível adoção da Lei dos Meios!” Lei dos Meios! ‘Ley de Medios’ é com a Cristina Kirchner, presidente da Argentina! …Ademais, por que a presidente Dilma Rousseff iria reproduzir os primeiros passos já dados pela Cristina Kirchner?! Cristina e Dilma, ambas competentes e intrépidas! E mais: a presidente Dilma Rousseff saberá – em outra situação – retribuir o papel jogado, neste tópico, pela colega portenha!…

EM TEMPO – respeitosamente, jornalista Paulo Henrique Amorim: um avião ao invés de um pau-de-arara não torna Dilma Rousseff maior ou menor do que o [eterno] presidente Lula!…No plano ideológico, duvido que o Lula seja mais proletário do que a Dilma!…

“E ‘vamo que vamo’!” A Lei dos Meios JÁ passou da hora!…

BRASIL (QUASE-)NAÇÃO
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Miguel do Rosário

01 de janeiro de 2013 às 20h58

Oi Ivan, será um prazer. Eu te ligo para a gente combinar.

Abraço!

Responder

Ivan Moraes

01 de janeiro de 2013 às 20h55

Oi, M e P:

Voces estao convocados pra um almoco ou janta. Talvez janta fosse melhor porque minhas 4 esposas e numerosos filhos vao estar aqui. Nao, recusar eh impossivel. Me chamem: (908) 349 8402

Nao chamei ainda, primeiro porque nao quero lidar com problemas telefonicos carissimos que a cachorrada das teles brasileiras anda exportando pra ca, e segundo porque meu telefone, como ando falando ha TRES ANOS, esta grampeado.

Voces tambem estao convocados pra uma visita ao aquario ou centro de ciencia -ja que nao da pra ir pra praia!

Abracao.

Ivan

Responder

Messias Franca de Macedo

01 de janeiro de 2013 às 15h01

*”Os supremos do supremoTF” MERECEM O LAUTO REAJUSTE SALARIAL! ENTENDA

*”Os supremos do supremoTF”: aspas monstruosas e letras submicroscópicas!

Mensalão **mineiro, 5 anos mais antigo, não será julgado em 2013

01/01/2013 – 06h30
CACHOEIRA – perdçao, ato falho -, FONTE: http://www1.folha.uol.com.br/poder/1208595-mensalao-mineiro-5-anos-mais-antigo-nao-sera-julgado-em-2013.shtml
DE SÃO PAULO

**o verbete ‘mineiro’ é uma estratégia do PIGolpista/terrorista/antinacionalista de, digamos, anuviar/ocultar a sigla PSDB/DEMo! ‘Hábil’ PIG, engana os incautos!…

RESCALDO: é ou não é um baita reconhecimento aos inestimáveis serviços prestados pelos “supremos” à população brasileira e ao nosso ‘tênue’ Estado subDemocrático e de Direito?!… ‘Muitcho’ bem!… Viva o ‘Brazil’ dos “supremos cheirosos e dos cheirosos supremos não-togados!…”

… Lá isto é jornalismo?!… Lá isto é corte suprema, sô?!…
Viva a cronologia (sic) e a prescrição inscrita no Código Penal!…

EM TEMPO: e ‘nois’ bananas continuemos a comer poeira com rapadura!…

‘Nois’ sofre porque ‘nois’ merece! Ô!…

República de ‘Nois’ Bananas
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Messias Franca de Macedo

01 de janeiro de 2013 às 14h34

“… A Globo pensa que tem um poder que na verdade não tem!…” Luiz Inácio Lula da Silva, presidente da República à época da declaração supramencionada.

(Uma “corte suprema” praticamente *paralisa o país durante longevos quatro meses e meio ao protagonizar uma ópera bufa de cunho falso moralista, golpista/terrorista, colocando em risco à nossa subdemocracia de bananas e atentando contra o Estado subDemocrático e de Direito!… E os atores mambembes da conspiração são agraciados com um lauto reajuste aplicado sobre as já polpudas remunerações e benesses outras, dois meses de férias ao ano & outras ‘coisitas’ mais!…
*como reconheceu, cinicamente, o próprio mentor intelectual da ‘patacoada televisionada’, o ministro relator da Ação Penal 470 e atual presidente do *”supremoTF”, “o supremo Joaquim Barbosa”!)

**”supremoTF”: aspas monstruosas e letras submicroscópicas!

RESCALDO: ao que parece, é a tal da coisa: ‘na prática, a teoria é outra!’

República de ‘Nois’ Bananas
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Messias Franca de Macedo

01 de janeiro de 2013 às 14h32

[AINDA SOBRE ‘O ANO DA JUSTIÇA'(!), AGORA, SEGUNDO A PRESIDENTE DILMA ROUSSEFF! OU SOBRE “A MILITÂNCIA DE ‘NOIS’ BANANAS”!…]

############################

Dilma sanciona salário de R$ 28 mil para ministros do STF

Segunda, 31 de Dezembro de 2012 – 14:00
Os salários dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e do procurador-geral da República passam de R$ 26,723,13 mil para R$ 28.059,29 a partir desta terça-feira (1º). O aumento foi sancionado sem vetos pela presidente Dilma Rousseff e publicado na edição desta segunda (31) do “Diário Oficial da União”. Acordado durante as greves de servidores deste ano, o aumento era uma reivindicação do Judiciário e foi bandeira da gestão de Cezar Peluso à frente do STF.
CACHOEIRA – perdão, ato falho -, FONTE: http://www.bahianoticias.com.br/

########################

… “E o salário, óóó!…!”

EM TEMPO: no próximo ano, os governos municipais, estaduais e federal anunciarão “o reajuste dos barnabés servidores públicos ‘não-supremos’ em conformidade [absoluta! Nem um tostão a mais!] à taxa inflacionária do ano que se finda!” Os anúncios seguidos da “costumeira choradeira dos ‘jestores’”, ademais a tal da Lei da Responsabilidade Fiscal criada pelos tucanos e abençoada pelo ‘petismo da governança’!…

… E continuemos a comer poeira com rapadura! Os togados vestem Prada – comem caviar e bebem ‘vinhos barris de carvalho’!…

República de ‘Nois’ Bananas
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Otto

31 de dezembro de 2012 às 00h41

Ô Miguel, você podia pelo menos liberar os textos pra assinantes depois de uma semana. Ajuda também no marketing!

Responder

    Miguel do Rosário

    31 de dezembro de 2012 às 09h47

    Sim, boa ideia.

    Responder

Messias Franca de Macedo

30 de dezembro de 2012 às 17h13

Prezado, impávido e sapiente jornalista Miguel do Rosário, sob determinada perspectiva, o seu texto enfeixa, de forma emblemática, o histórico de 2012, os anos pregressos – e o porvir incerto e inexorável, porém passível de ser plasmado com as rugas das nossas mãos e o suor das nossas elucubrações!…

Parabéns pelo trabalho e pelo espírito radicalmente democrático!

Felicidades!

EM TEMPO DE ALVÍSSARAS: Brasil prepara plano para ampliar mão de obra estrangeira

O governo quer fazer do Brasil um país mais aberto a imigrantes estrangeiros do que nações como Canadá e Austrália, famosas por buscar ativamente esse tipo de mão de obra.
(…)
COMPETITIVIDADE
Segundo *Paes de Barros, por causa da complexidade do processo, muitas empresas no país nem tentam contratar estrangeiros, apesar de não encontrarem um funcionário de qualificação semelhante no Brasil. “A dificuldade de trazer imigrantes qualificados afeta a competitividade do Brasil”, diz.
(…)

*Ricardo Paes de Barros, secretário de Ações Estratégicas da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República

FONTE: “grande” mídia nativa!

Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá…(4x)
(…)
Mesmo a quem não tem fé
A fé costuma acompanhar
Oh! Oh!
Pelo sim, pelo não…
(…)
Olêlê, vamos lá!

Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá…(4x)

Andar com Fé
Gilberto G(ênio)il

EM TEMPO: o Brasil vai “bombar” em 2013! Podem apostar!…

BRASIL (QUASE-)NAÇÃO
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Hamilton (@hpires2001)

30 de dezembro de 2012 às 15h26

Pô pelo menos libera os posts após uma semana…@migueldorosario: Meus planos para 2013 http://t.co/0bJToIZT

Responder

migueldorosario (@migueldorosario)

30 de dezembro de 2012 às 14h47

Quero falar um pouco sobre os planos do Cafezinho para 2013, filosofar um pouco sobre eles. Ao final, encontrará… http://t.co/5no3aVHo

Responder

migueldorosario (@migueldorosario)

30 de dezembro de 2012 às 14h47

Meus planos para 2013 http://t.co/pZ6gjNZT

Responder

Deixe um comentário