Haddad e Dilma em Belo Horizonte

Dois grandes momentos de Guilherme Boulos

Por Pedro Breier

11 de setembro de 2018 : 19h47

Os “50 tons de Temer”, expressão que Guilherme Boulos estreou no debate da Band, para referir-se aos candidatos da direita, não foi a única bela tirada do candidato do PSOL nessa campanha.

No último debate, na TV Gazeta, o alvo de Boulos foi justamente o candidato oficial de Temer:

Você gosta muito de dizer “Chama o Meirelles”. Eu não vou chamar o Meirelles, eu vou taxar o Meirelles.

Vale a pena assistir:

Outro momento muito feliz de Boulos se deu durante a sabatina do Uol/Folha/SBT. Perguntado sobre a situação venezuelana, Boulos ironizou, dizendo que está pensando em ser candidato a presidente da Venezuela, de tanto que lhe perguntam sobre o país, e que ninguém pergunta sobre a Argentina, “que todos vocês, da imprensa, achavam lindo como modelo e olha o buraco que tá agora”. O vídeo está no ponto para vocês, leitoras e leitores do Cafezinho:

É sempre revigorante ver um representante do campo popular desnudando os porta-vozes do capital.

Pedro Breier

Pedro Breier, colunista d'O Cafezinho, é formado em direito mas gosta mesmo é de jornalismo. Nasceu no Rio Grande do Sul e hoje vive em São Paulo.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Rossi

12 de setembro de 2018 às 12h34

Este Boulos é de longe o pior de todos os candidatos. Eu dei muitas risadas quando o Meireles disse qual seria a primeira medida do Boulos, caso ele ganhasse a eleição, “Sua casa, minha vida”…

Responder

Antonio Passos

12 de setembro de 2018 às 00h12

Confesso que não assisto debates, porque se assistir posso quebrar a televisão de raiva. Mas gosto de ver esses trechos sensacionais. Boulos MITOU, como se diz !

Responder

Paulo

11 de setembro de 2018 às 23h18

Desprezo o movimento que ele comanda, e, em grande parte, as ideias que defende, mas devo admitir que concordo com ele, nas duas estilingadas: precisamos falar mais da Argentina!

Responder

Alan Cepile

11 de setembro de 2018 às 21h03

Boulos está sendo importante no debate, Manuela seria importantíssima tb, pena que saiu da cena.

Responder

Elena

11 de setembro de 2018 às 19h58

Grande Boulos! Acho que ele sabe que está de para-queda nessas eleições, mas o momento dele vai chegar e acho que não deve estar muito longe disso acontecer. Pena que não estarei presente quando esse momento chegar, mas que os jovens guardem bem esse nome: “Guilherme Boulos”. Tenho certeza de que no futuro não muito distante ele vai brilhar, e muito!

Responder

    Lucilene

    12 de setembro de 2018 às 10h22

    Elena:
    Sabe quem Boulos me lembra? O Lula em início de carreira política. Até a maneira exaltada de falar. Muito inteligente e articulado… Terá um grande futuro político, tal como o padrinho. Se cuide bem e viva muitos anos para vê-lo brilhar. AB

    Responder

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com