Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Vídeo: análise das manifestações e sobre as vaias a Ciro

Por Miguel do Rosário

05 de outubro de 2021 : 14h48

O editor do Cafezinho, Miguel do Rosário, comenta sobre as manifestações Fora Bolsonaro realizadas no dia 2 de outubro, e as vaias com que o ex-ministro Ciro Gomes foi recebido na Paulista.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Gilberto

07 de outubro de 2021 às 18h27

O impeachment só não interessa ao LULA!!!

Responder

marco

07 de outubro de 2021 às 11h35

Vergonha alheia!
O Rosário ” agarrado no saco do Loola !!!

Responder

Jorge Juca

06 de outubro de 2021 às 22h46

Comentário acerca do indivíduo Rui Costa Pimenta, mais conhecido entre o pessoal de esquerda de verdade como Rui Bosta Fedorenta.

Seguindo o exemplo dos outros partidos nanicos de esquerda radical, o PCO fez oposição moderada aos governos do PT, a partir do primeiro semestre do governo Lula, quando ficou claro que o PT faria um governo alinhado com o sistema e o establishment. Na eleição de 2014, quando Dilma foi para o 2º turno com Aécio, o PCO optou por não apoiar Dilma. Lamentável, talvez, mas foi a postura de quem não via essa diferença toda entre os candidatos.

Toca para o impeachment em 2016. Alguma coisa muito estranha aconteceu e, de um partido que sequer apoiou o PT no 2º turno da eleição de 2014, o PCO passou a fazer a defesa absolutamente incondicional do PT, sem qualquer mínima crítica, seja à política econômica conservadora adotada pelo partido ao longo dos 16 anos no poder (juntando aí os anos do Temer, que afinal foi conduzido ao poder ao ser escolhido como vice de Dilma por Lula), seja ao governo marcado pela corrupção, e não estamos falando dos escândalos midiáticos, mas do fato do cérebro da economia, Antônio Palocci, ter devolvido a insignificante quantia de 100 milhões de reais aos cofres públicos, do tosco e analfabeto Geddel, pego com 50 milhões em malas de dinheiro, ter sido conduzido à vice presidência da CEF, de Temer, um notório super corrupto, ter sido escolhido como vice de Dilma, de Eduardo Cunha ter virado o todo poderoso aliado do PT, recebido todos os cargos em estatais que queria, até comprar o congresso e dar o golpe em Dilma.

Agora vamos raciocinar. Faz sentido um partido nanico de esquerda radical, supostamente socialista, apoiar INCONDICIONALMENTE um partido do sistema, que praticou 16 anos de política econômica neoliberal, conduziu a economia de acordo com os mesmos fundamentos estabelecidos pelo governo do PSDB, e que aliás continuaram sendo seguidos pelos governos Temer e Bolsonaro? O PT chegou a ser explicitamente apoiado pela Globo. Faz sentido um partido nanico de esquerda radical, formado por pessoas para quem os valores são mais importantes do que os interesses – quem está na política por pelos cargos, poder e grana não se filia a um nanico de esquerda radical – apoiar INCONDICIONALMENTE um partido que entrou de cabeça no mundo da corrupção, como claramente aconteceu com o PT após a chegada ao poder? Para a esquerda radical corrupção é uma coisa completamente nojenta, asquerosa, parte fundamental do sistema que transforma o Brasil num país tão injusto.

Detalhe: após passar de uma hora para outra a apoiar incondicionalmente os petistas, Rui Costa Pimenta (Bosta Fedorenta) passou a aparecer frequentemente os blogs petistas como grande símbolo da esquerda radical. O bacanão. Ele sempre havia sido ignorado pelos petistas até então.

Aí tem, e tem, e tem mesmo. Eu não tenho a menor dúvida. Não faz o menor sentido a guinada radical que o PCO deu. Não faz sentido a posição política para um partido pequeno de esquerda. Eu não tenho a menor dúvida: Bosta Fedorenta se vendeu pro PT. Tem grana nessa história. E esquerda radical corrupta é a coisa mais nojenta que pode existir.

Agora uma análise dos discursos que Rui Costa Pimenta faz no seu canal do YouTube. Aliás, por sinal, o único cara do partido que tem voz é ele. Não aparece nenhum outro líder pelo PCO, é sempre o mesmo cara. Bem, os discursos de Rui são basicamente coletâneas de afirmações, quase sempre bombásticas, que jamais são acompanhadas de qualquer argumento. É sempre “Ciro é um abutre da direita”, “O PT é o partido do povo”, “quem não apoia o PT apoia o sistema”, sempre afirmações fortíssimas que nunca vem acompanhadas de nenhum raciocínio, de qualquer esforço que sirva para tentar sustentar que aquelas afirmações estão corretas. A lógica de Rui é que o simples fato de estarem sendo proferidas pela sua boca – o grande símbolo da esquerda radical brasileira – transforma suas pérolas em grandes verdades universais. São basicamente coletâneas de argumentos de autoridade – sendo a autoridade um cara burro, tosco, ignorante, que não consegue produzir um único argumento.

Rui Costa Pimenta (Bosta Fedorenta) não é apenas um lixo moral. É também um grande lixo intelectual.

A esquerda radical brasileira está precisando de gente decente, e inteligente. Esquerda defendendo estado mínimo, no país mais desigual do mundo, não tem condição. Esquerda radical disposta a conciliar com corrupção, não dá. Esse negócio de PCO é um lixo.

Responder

    EdsonLuiz.

    07 de outubro de 2021 às 18h42

    Jorge Jucá,

    Ao ler a sua resposta, percebo a distância bem grande entre o que nós dois defendemos. Mas percebo também que concordaríamos se conversávamos sobre o que realmente é prioridade em um país com tanta pobreza como tem o Brasil e na radicalidade com que deve ser tratada essa realidade.

    Quanto a sua reflexão sobre a desfaçatez de Rui Pimenta, do PCO e do PT, eu fiquei muito bem impressionado. Todos deveriam ler, principalmente quem tem ligação com o PCO, com o PT é todos os que declaram ser de esquerda. Mas não adiantará se lerem, mas não refletirem no que leram.

    Você, na minha percepção, se posiciona de fato na esquerda, conhece os conceitos e categorias ideológicas para assumir esse posicionamento e, sendo de esquerda de fato e entendendo o que isso significa, inclusive o que significa guardar e praticar princípios, não manobra conceitos e categorias para disfarçar posicionamentos. E não disfarça pelo motivo simples de que, tendo de fato princípios e sendo de fato um cidadão ideologicamente de esquerda, não precisa de disfarces para existir.

    Estamos ideologicamente distantes, mas isso não evita que eu o respeite e admire.

    Edson Luiz Pianca.

    Responder

Anttonio Cesar Perin

05 de outubro de 2021 às 20h08

Meu amigo!!!!!!!!!!! LUL A ja ganhou certo!!!!!!!!!!!!!!! Mas o PDT vai dizer a VERDADE..Esse Brasil é uma colônia prè revolução de 30…..O único que está dizendo o que vai fazer

Responder

Deixe um comentário