Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

A outra história por trás da prisão do tesoureiro do PT

Por Miguel do Rosário

11 de julho de 2015 : 15h19

Amigos leitores, um jornalismo sério deveria apresentar sempre o outro lado. E um jornalismo democrático jamais deveria se juntar ao Estado na perseguição a um indivíduo, e sim dar amplo espaço para que este indivíduo se defenda das perseguições dos aparelhos de repressão do Estado.

Sobretudo se há suspeita, como há agora, de que os aparelhos de repressão estão intoxicados pela mais baixa e mais suja política.

Em vista desses princípios, publico abaixo a defesa de João Vaccari Neto, ex-tesoureiro do PT, preso por Sergio Moro.

Leiam atentamente e dêem sua opinião mais sincera.

***

Dossiê ‘Verdade sobre Vaccari’: DEFESA DE JOÃO VACCARI NETO

A verdade sobre as acusações da Operação Lava Jato ao ex-tesoureiro do PT e sua família

APRESENTAÇÃO ASSINADA POR PEDRO DALLARI E PEDRO SERRANO

Desde o início da Operação Lava Jato, João Vaccari Neto é alvo de acusações do Ministério Público, amplamente divulgadas pela imprensa.

Vaccari é citado nos depoimentos e em delações premiadas de investigados por ser tesoureiro do Partido dos Trabalhadores. O fato fez com que ele e sua família passassem a ser alvo de investigação.

Além da esposa, Giselda, e da filha, Nayara, o cerco se estendeu à sua cunhada Marice, que havia sido funcionária do PT. Marice foi presa e libertada após ter sido constatado erro do Ministério Público.

Em meio a um caso que, sem dúvida, choca a sociedade, as inúmeras denúncias contra Vaccari e sua família, replicadas ao longo de meses por todos os veículos de imprensa do país, deixam no ar a sensação de que Vaccari fez alguma coisa errada.

No entanto, a investigação mostra que os fatos que nos chocam não têm relação com Vaccari. Ele não enriqueceu, não possui conta no exterior, não obteve vantagens indevidas. Solicitou doações oficiais para o PT, através de transações bancárias, declaradas e aprovadas pela Justiça Eleitoral.

Mais do que isso, os fatos mostram a violência da investigação contra Vaccari e sua família. Vaccari foi conduzido coercitivamente a prestar depoimento, sem que tenha sido convocado a depor. Poderia ter se calado, mas esclareceu cada ponto. Fez o mesmo ao depor na CPI da Petrobras.

Segue abaixo um resumo da defesa apresentada por Vaccari e seus familiares sobre cada uma das nove acusações feitas pelo Ministério Público. A íntegra da defesa e os documentos que desmontam os argumentos da acusação estão anexo e disponíveis no Blog https://verdadesobrevaccari.wordpress.com. O jornalista Fausto Macedo também publicou os documentos em seu blog no site do jornal O Estado de S. Paulo.

A leitura atenta do caso e a defesa apresentada demonstram claramente que todas as acusações contra João Vaccari não procedem. As alegações em delação premiada de réus confessos, sem qualquer comprovação, não podem ser tidas como verdade.

Não existem motivos para a condenação de Vaccari, o que torna absurda a manutenção de sua prisão “preventiva”, mesmo após todas as alegações de irregularidades terem sido esclarecidas.

DOAÇÕES AO PARTIDO DOS TRABALHADORES

O QUE DIZ O MINISTÉRIO PÚBLICO

João Vaccari seria o operador responsável por receber dinheiro desviado de contratos da Petrobras por meio de doações eleitorais ao Partido dos Trabalhadores, desde 2003.

QUAIS SÃO OS FATOS

Vaccari foi eleito para o cargo de Secretário de Finanças do Diretório Nacional do Partido dos Trabalhadores em 20 de fevereiro de 2010. No desempenho dessa função, atuou estritamente nos limites da lei brasileira. Solicitou e recebeu doações das maiores empresas do País, como qualquer tesoureiro de partido.

Todas as doações ocorreram por meio de transação bancária, com emissão de recibos, lançamentos contábeis e foram submetidas à análise e aprovação do Tribunal Superior Eleitoral.

A análise das doações efetuadas pelas empresas investigadas na Operação Lava-Jato evidencia que foram realizadas doações aos principais partidos do País. Inclusive àqueles que fazem oposição ao governo federal.

Mais do que isso, constata-se que a relação entre as doações efetuadas por empresas investigadas na Operação Lava Jato e aquelas realizadas pelas demais empresas aos principais partidos são, em montantes, proporcionais, conforme se percebe na figura abaixo.

comparativo-partidos

Continue a ler aqui.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

101 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Julio Junior

30 de novembro de 2016 às 18h59

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk ele é santo então… manda o vaticano ir canonizar esse “anjinho”… Quanto que esse sitezinho recebia do PT?

Responder

Vitor

13 de julho de 2015 às 14h41

Quem acredita que as campanhas eleitorais do PT são limpas, acredita em qualquer coisa…
E quem acredita que as campanhas dos outros partidos, especialmente PSDB e PMDB, são diferentes é mais ingênuo ainda…
O grande problema é que a justiça parece estar no segundo grupo!

Responder

Hélvio Reis Carol Costa

13 de julho de 2015 às 15h59

Cade a executiva da Petrobras que a globo montou a matéria dela no fantástico. Segura a peteca pt, pois o bem vencerá o mau novamente. Tmj

Responder

Antonio Pereira Lopes Leal

12 de julho de 2015 às 21h20

Os conservadores-coxinhas e outras espécies do genero, fazem muito barulho porque estão com medo que alguém, fora da lava jato, descubra suas corrupções, mas é só esperar que os tucanos vão perder as penas.

Responder

Messias Franca de Macedo

12 de julho de 2015 às 14h24

… E A FARSA “continua fazendo água [imunda]”!

######################

Delegado da PF relata pressão de colegas em investigação no Paraná

AGUIRRE TALENTO
DE BRASÍLIA

12/07/2015 02h00

Um delegado da Polícia Federal que foi a Curitiba apurar vazamentos da Operação Lava Jato relatou ter sofrido pressão dos colegas do Paraná no trabalho e recomendou que a sindicância sobre a escuta na cela do doleiro Alberto Youssef fosse refeita.
O relato está em um despacho interno do delegado Mário Fanton de maio deste ano, no qual ele afirma ter presenciado “uma participação direta do DPF [delegado de Polícia Federal] Igor [Romário de Paula]” e de outra delegada “para quererem ter ciência e manipular as provas”.
O caso da escuta na cela de Youssef voltou aos holofotes depois que dois policiais federais disseram à CPI da Petrobras, no último dia 2, que o equipamento foi instalado sem autorização judicial e captou conversas do doleiro.
As declarações contrariaram sindicância interna da PF do ano passado, que apontou que a escuta era inativa.
(…)
DESCONFIANÇA
(…)

FONTE: http://app.folha.uol.com.br/#noticia/572505

Responder

Danilo L'Abbate Do Valle

12 de julho de 2015 às 14h56

Como dizia a minha avó, “duas coisas erradas não fazem uma certa”.

PT quer dizer que não tá errado só porque não foi o único a roubar. É mole?

Responder

    Cláudia Stefani

    13 de julho de 2015 às 09h42

    Sua vó deveria teria feito melhor se tivesse lhe ensinado a pensar. A defesa não diz que o PT é inocente, diz que, se é culpado de fato, outros, sobre os quais não há qualquer acusação, também são.

    Responder

      Danilo L'Abbate

      31 de julho de 2019 às 20h17

      Traduzindo: “snif… prenderam meu malvado favorito. Mas por que é só comigo?” =D

      Responder

Gustavo Ramos Ramos Mello

12 de julho de 2015 às 13h48

E Elles estão preocupados com o caos. Nunca se importaram com isso, assistirão rindo do alto da blindagem do Jardim Botânico !!

Responder

Giusepe

12 de julho de 2015 às 10h26

Estivesse eu no lugar do Vacari, já teria iniciado uma greve de fome……

Responder

    Luis

    28 de julho de 2015 às 21h58

    Excelente, não só ele, outros mega empresários que também estão detidos, fariam o moro (com m minúsculo mesmo) desmoronar.

    Responder

José Neto

12 de julho de 2015 às 10h26

Vaccari preso é o bode mantido no meio da sala de visitas, o único combustível que move a máquina do golpe judiciário, não importa se é inocente, precisam mantê-lo preso como para dar à opinião formada pela mídia uma sustentação ao discurso feito da mesma forma no mensalão com Delúbio e Pizzolatto. Na Venezuela os golpista contratam Snnipers para matar e por a culpa no governo, aqui basta dominar o discurso. O Fascismo entra em nossa mente e coração pelo AFETO, como a dizer: não se preocupe eu não lhe deixarei desamparado no meio de tanta podridão, aí nos sentimos revigorados e passamos a defender aqueles que mais tarde serão os nossos mais queridos OPRESSORES. Aguardemos, caso nossa capacidade de ver o futuro já esteja totalmente comprometida pelo ódio irracional, pois uma vez tudo isso jogado no inconsciente, essas forças passam a governar o consciente, pois o consciente está para o inconsciente, como o barco está para o oceano. Todo cuidado é pouco.

Responder

Euler

12 de julho de 2015 às 10h21

O problema todo aí é o PT e o governo federal tratarem com amadorismo e republicanismo um país já dominado por estruturas golpistas. Só um imbecil ridículo e mal informado não vê que foi montado um poder paralelo com mais poder do que a presidência da república. Parte do judiciário – juiz-delegado Moro, Gilmar Dantas, núcleo golpista do Paraná, etc.; quase todo o legislativo, com Renan e Eduardo Cunha à frente; parte da PF, do MP, e do TCU, e, costurando todo o complô, a Globo e suas afiliadas e afins.

Em contrapeso a isso, um governo federal frouxo, que permite que a sua Polícia Federal seja usada contra o PT e para blindar os tucanos e afins; que não usa instrumentos como a rede nacional de rádio e TV; que paga publicidade cara para a mídia golpista continuar tramando o golpe; que em pleno golpe produz um programa neoliberal de ajuste fiscal contra os trabalhadores, ao invés de criar um programa positivo de geração de empregos e investimentos na saúde, na educação e na moradia popular; que não consegue articular e mobilizar os movimentos sociais e os setores beneficiários das políticas sociais, que são a base de sustentação do governo; que não consegue se comunicar diretamente com a população, e deixa o povo brasileiro refém da direita golpista.

Talvez quando consolidarem o golpe institucional – desta vez não será como em 1964, uma quartelada civil-militar, mas um golpe “legal” – Dilma e Lula procurem a mídia dos EUA, ou da França, ou da Alemanha para denunciar o golpe. Espero que eles recebam alguma migalha das empresas, sobretudo dos bancos, beneficiados pelas políticas neoliberais que eles nunca deixaram de implementar em nome de uma falsa governabilidade.

Que governabilidade é esta, que abre espaço para a direita assumir todos os espaços políticas e destruir cada uma das conquistas obtidas pelo povo brasileiro nos últimos 100 anos?

Responder

José Abergaria de Macedo

12 de julho de 2015 às 13h14

Tenho nojo quando vejo essa turma da toga. Para ter vetgonha tem que ter cara, pelo menos.

Responder

Manoel Martins Jorge

12 de julho de 2015 às 12h31

A perseguição ao PT é implacável!

Responder

Edmilson Donizete Botequio

12 de julho de 2015 às 12h00

prender. desmoralizar e condenar faz parte da estrategia golpista.

Responder

Marcelo Quintao

12 de julho de 2015 às 11h58

Estou esperando um jornalismo sério e confiável.

Responder

    Anônimo

    13 de julho de 2015 às 23h59

    Por favor, deitado.

    Responder

Eliézio Teixeira Dos Santos

12 de julho de 2015 às 11h05

Cada vez que vejo como funciona a política brasileira, mas gosto de Putin!

Responder

Manoel

12 de julho de 2015 às 07h45

Fim de semana a temperatura do golpe sempre sobe. Por que será?

Responder

Vicente

12 de julho de 2015 às 05h59

Enquanto isso, ministros do STF, com suas pompas, seus motoristas e seus salários altos, seguem suas vidas tranquilos, dando belos e vazios discursos, exercendo sua nobre função de manter o status quo.

Responder

H.92

12 de julho de 2015 às 03h23

Eu sei que Vacarri é inocente, pois quem o denuncia são criminosos delatores, quem o investiga são delegados aecistas e procuradores midiáticos, por fim quem o julga é um juiz malandro com envolvimento com o PSDB e um doleiro tucano.

Essa investigação consegue reunir mais abusos e um arsenal de atos criminosos praticados pela PF, MPF e juiz Moro para atingir o PT que o mentirão.

O STF permitirá mais essa imensa mancha na Justiça Brasileira?

Responder

Rose Maua

12 de julho de 2015 às 02h07

Jose srur era o que eu gostaria de saber.

Responder

Carlos Alberto Gasparini

11 de julho de 2015 às 21h45

Falar o quê? Será mais um comentário. Só isso. Alguém vai ler? Acho que não.
O PT vai mudar? Não.
A Dilma vai mudar? Menos ainda.
A esquerda vai ressuscitar? Claro que não.
Moral da história: já estamos num milênio de trevas. Em todo o mundo.
A humanidade tem alguma alternativa? Não sei.
No século XIX Marx, corretamente, já alertava; ¨socialismo ou barbárie¨.
.

Responder

    Pedro Nichele

    12 de julho de 2015 às 10h30

    Quem disse ou antevia na frase: socialismo ou barbárie, não teria sido Rosinha Luxemburgo?

    Responder

    Carlos Alberto Gasparini

    12 de julho de 2015 às 18h41

    Não Pedro. A frase original é de Marx mesmo.

    Responder

Gustavo Lima

12 de julho de 2015 às 00h20

Já foi preso tarde

Responder

Adalia Medeiros

11 de julho de 2015 às 23h51

#Vaccari Livre Já

Responder

Adalia Medeiros

11 de julho de 2015 às 23h50

Dilma13 sempre.

Responder

Angela Simões

11 de julho de 2015 às 20h43

Fico surpresa como as entidades da magistratura assistem tudo e não tomam atitudes no meio jurídico, lei não existe , a constituição para alguns não passa de um texto. Acorda está na hora de tomar providência.

Responder

Eliza Souza

11 de julho de 2015 às 23h30

Sendo assim.Pq está pres

Responder

Hilton Guimarães

11 de julho de 2015 às 23h23

Pra acabar a história, no PT só tem santo!!!

Responder

Hannah da Terra

11 de julho de 2015 às 22h55

#GolpeNão

Responder

Fabio Fujioka

11 de julho de 2015 às 22h49

Todas as empresas do lava jato doaram ou repassaram dinheriro pra todos is partidos com certeza

Responder

Ludijane Prado

11 de julho de 2015 às 22h43

MAIS ROUBO DESSA QUADRILHA?!TRÊS TESOUREIROS PRESOS…OH PARTIDO LADRÃO…

Responder

Kelly Medeiros

11 de julho de 2015 às 22h35

#VaccariLivreJá

Responder

Virginia Rosatto

11 de julho de 2015 às 22h07

Sendo assim a prisão foi indevida. A quem recorrer? Pois o Judiciário estaria comprometido… a quem solicitar ajuda?

Responder

Paulo Yukio Onishi

11 de julho de 2015 às 22h06

Responder

    Mauricio Gomes

    11 de julho de 2015 às 20h13

    Lógica racional: Fora você, Paulo = Menos lixo golpista comentando aqui……

    Responder

Airton Faé

11 de julho de 2015 às 21h52

Na minha opinião:
O PT e partidos aliados receberão porque tinham moeda de troca (contratos com o governo e seus aditivos ).
A oposição recebeu, pois havia uma grande chance de o PT perder a presidência. Por tanto o negócio era sentar nas duas cadeiras para não perder a mamata dos contratos.
Resumindo não tem partido e político honesto, pelo menos na sua maioria.
Por isso sou a favor que toda está corja desapareça da cena política brasileira.

Responder

Gustavo Ramos Ramos Mello

11 de julho de 2015 às 21h44

É muito interessante a estrutura da Lava a Jato, ela tem se baseado somente no testemunho de criminosos delatores e até agora não apareceu nenhuma testemunha. Nenhum motorista ou secretária que transportavam propinas, nenhum engenheiro que vendo os faturamentos das obras tenha achado algo estranho, nenhum contador que tenha desconfiado em sua contabilidade a irregularidade de alguma ação, ou qualquer coisa do tipo. São muitas perguntas que se pode fazer sobre a integridade de depoimentos de pessoas sem integridade nenhuma. E são muitas as perguntas sobre quem leva um prossesso somente lidando com criminosos.
Um criminoso-delator foi antes criminoso, e as circunstâncias levaram a serem delatores, porém quem garante que não continuam com a sua índole do início, a índole de um criminoso. – Por Rogério Maestri

Responder

marcos augusto

11 de julho de 2015 às 18h43

Cansei. Pedi, insistentemente, tanto aqui neste espaço quanto noutros que comungam com os mesmos pensamentos contrários ao golpe que está prestes a ser concluído, que a nossa presidenta reagisse. Isso, mesmo antes das eleições. Após a vitória de outubro, assim como inúmeros companheiros insisti até demais. Ela, no entanto, NÃO REAGIU. Agora é tarde. Infelizmente, a vitória do golpismo será confirmada uma vez mais. Resta apenas rezar.

Responder

Joel Julio Thurler

11 de julho de 2015 às 21h42

O que não importa a essa turma são os meios, querem o fim. Tirar Dilma, Lula e o PT para continuar a fazer o que FHC. Engavetar tudo,nada se apurar e continuar a dilapidar o Brasil.

Responder

Jose Montenegro

11 de julho de 2015 às 21h16

O só . . . os ptralhas intimidam os empresários para fazer doações e isso é difícil de provar a não ser que o Marcelo mostre o que tem guardado ai sim A REPUBLICA VAI CAIR SIM mas isto nunca vai acontecer e logo o Marcelo estará soltinho da silva ! e o Brasil continua um VERDADEIRO CABARÉ

Responder

Ester Vicente Dos Santos

11 de julho de 2015 às 21h06

Dilma13

Responder

Jose Srur

11 de julho de 2015 às 20h58

O que faz o STF, a OAB,STJ, CNJ,entre tantas outras instituições , que não se manifestam e permitem que um juiz de primeira instância ,PF,Ministério Público,cometam tantas irregularidades processuais ??????

Responder

    Tania Mussupapo

    11 de julho de 2015 às 21h04

    Claro que isso só acontece com o PT pois todos esses órgãos sao manipulados pelo PSDB

    Responder

Messias Franca de Macedo

11 de julho de 2015 às 17h45

… ‘miniSTÉRIO’ Público uma joça!

‘microSTÉRIO’ Público “do atual procurador ‘Rodrigo Brindeiro Fernando Moro Gurgel'”!
Procuradoria “que só procura petistas”!
E o domínio do fato “às favas, as provas”!

EM TEMPOS FASCIGOLPISTAS:
‘miniSTÉRIO’ Público,
um monstro, segundo o jurista Sepúlveda Pertence!

Responder

Messias Franca de Macedo

11 de julho de 2015 às 17h32

… Mais uma vez temos que remontar ao Mensalão:
o senhor João Vaccari Neto e família talvez não estivessem sendo vítimas impiedosas desses malandros “golpistas fantasiados de toga” caso as iniquidades perpetradas contra José Genoino, Henrique Pizzolato, José Dirceu, João Paulo Cunha, Delúbio Soares… Tivessem sido confrontadas de forma lídima, enérgica e pedagógica…
Mas, não…
E ainda hoje, constatamos os traíras:
Walter Pinheiro, senador (PT/BA), reitera que “continua tendo vergonha do Mensalão [Mensalão do PT]”!

E a militância?
Continua a ouvir desaforos e agressões físicas do pessoal da Direitona – e a comer poeira!

Justiça?!
Qual Justiça?!

Dessa Justiça, Deus nos livre!

Amém?
Amém!

Responder

Jesse Fernandes

11 de julho de 2015 às 20h27

Mas teremos que pagar anúncio na Globos para o contraditório? A defesa do Sr Vacari está correta!!! Mas e se não temos acesso ao teor completo das supostas provas?

Responder

Neusvaldo Gomes

11 de julho de 2015 às 20h22

Ele querem com isso dá um golpe e tirar Dilma

Responder

Messias Franca de Macedo

11 de julho de 2015 às 17h18

… Ademais, é possível facilmente identificar a fraude criminosa a partir do seguinte questionamento elementar:
cadê os tesoureiros do PSDB, do PMDB, do PSB do ‘jatinho sem dono’, do DEMo, do PP…?!

Palhaçada!

Responder

Messias Franca de Macedo

11 de julho de 2015 às 17h16

INSISTO,
desde os descalabros jurídico-midiáticos da era do Mentirão:
temos que recorrer a todas as instâncias internacionais vinculadas ao Direito, aos Direitos Humanos, à cidadania e à civilidade; denunciar também esses atos delituosos de natureza fascista a todos os chefes de Estado do mundo; denunciar as mazelas à ONU, à OEA, ao Vaticano, enfim…

… Ah que bom seria se estivéssemos falando de democracia em ‘terra brasilis’!

Democracia ‘uma banana’!
É o que ‘nois’ temos!…
A barbárie é aqui!
E nossa contemporânea pré-Idade Média!

Responder

Claudia Villas

11 de julho de 2015 às 20h02

E os outros tesoureiros? Receberam doações das mesmas empresas e pq não estão presos?

Responder

Renato Talarico

11 de julho de 2015 às 19h52

COM DEMOCRACIA QUEREMOS MONARQUIA !! https://www.facebook.com/Brasil.Monarquia?fref=ts

Responder

Ines Godoy Caires

11 de julho de 2015 às 19h32

Hilton Guimarães, tb sou pela mudança das regras…mas elas estão ai há décadas e não por obra do PT….há q se ter um peso e medida para todos.

Responder

Sonia Coelho

11 de julho de 2015 às 19h20

Vamos ler novamente a reportagem toda ,certo??kkkkkkkk

Responder

Luzeneide Fernandes

11 de julho de 2015 às 19h17

Eu ando com nojo da Justiça brasileira !

Responder

Cris Pacheco

11 de julho de 2015 às 19h10

Debate maravilhoso!!! Falta isso nos “blogs da vergonha” onde pessoas se matam, se
desrespeitam e não apresentam respaldos!!! Amo seguir cafezinho!!!

Responder

Adriano Marinho da Rocha

11 de julho de 2015 às 19h09

O que mais me deixa bolado, outros partidos também são citados na lava jato, só o tesoureiro do PT é preso? Estranho, não?

Responder

    Gustavo Ramos Ramos Mello

    11 de julho de 2015 às 21h44

    É muito interessante a estrutura da Lava a Jato, ela tem se baseado somente no testemunho de criminosos delatores e até agora não apareceu nenhuma testemunha. Nenhum motorista ou secretária que transportavam propinas, nenhum engenheiro que vendo os faturamentos das obras tenha achado algo estranho, nenhum contador que tenha desconfiado em sua contabilidade a irregularidade de alguma ação, ou qualquer coisa do tipo. São muitas perguntas que se pode fazer sobre a integridade de depoimentos de pessoas sem integridade nenhuma. E são muitas as perguntas sobre quem leva um prossesso somente lidando com criminosos.
    Um criminoso-delator foi antes criminoso, e as circunstâncias levaram a serem delatores, porém quem garante que não continuam com a sua índole do início, a índole de um criminoso. – Por Rogério Maestri

    Responder

    Penha Amorim

    12 de julho de 2015 às 03h23

    Muito estranho!!!

    Responder

    Hiran Farinon

    12 de julho de 2015 às 08h50

    estranho é a energia eletrica subir mais trinta por cento após a presidenta afirma que não subiria

    Responder

    Hiran Farinon

    12 de julho de 2015 às 08h51

    estranho é o desemprego crescendo assustadoramente e voces nem ai

    Responder

    Felipe Augusto Reque

    12 de julho de 2015 às 13h29

    “Assustadoramente”

    Responder

    Alexandre Carmo

    13 de julho de 2015 às 10h29

    Hiran vai procurar uma Rola!!!

    Responder

    Sonia Pompeu de Camargo

    13 de julho de 2015 às 11h00

    O mesmo se aplica com a água aqui em SP. Um aumento por mes além de torneiras secas Hiran Farinon.

    Responder

    Adriano Marinho da Rocha

    13 de julho de 2015 às 12h44

    Hiran Farion! Isso não é argumento. Não responde a minha indagação…

    Responder

Augusto Campello

11 de julho de 2015 às 19h04

O pt rouba e os petistas não querem acreditar!

Responder

Asiole Senun

11 de julho de 2015 às 19h01

A única intenção da turba acéfala é desmoralizar o PT a todo custo.

Responder

    Jo Jabaquara Vieira

    11 de julho de 2015 às 19h48

    O PT se desmoralizou; gente eles tomaram pra si uma das maiores empresa brasileira; a doze anos atraz a petrobraz era a décima empresa do mundo no seu ramo…eles ficaram milionários as custas da petrobraz!!! Eu tbm votei nesse partido de corruptos! Temos que sermos fortes e botar essa turma pra correr; e se possível tomar tudo o que roubaram….acorda gente…Não podemos aceitar e defender esses malandros.

    Responder

      Aluísio Pessoa/MANAUS

      11 de julho de 2015 às 18h58

      Você continua lendo o Reinaldo Azevedo e ouvindo o Arnaldo Jabor.

      Responder

    Asiole Senun

    11 de julho de 2015 às 21h10

    A história não é bem assim! Se o PT não tivesse ganhado as eleições em 2003, a Petrobras teria sido privatizada. A Petrobras sempre foi a melhor estatal brasileira e talvez vc não lembre que em 1999, FHC, deliberadamente, sucateou a petrobras de todas as maneiras possíveis para ter um pretexto para privatizá-la. Agora estão usando a única maneira que possuem, pois não ganharam pelo voto popular, para tirar esse governo e continuar suas falcatruas. É só a isso que se resume esta história. Pena que o PT não tenha esta malícia tucana para revidar no mesmo nível e mostrar quem é quem nesta história.

    Responder

Marcelo Rossi

11 de julho de 2015 às 19h00

So fascista pre-julga e condena sem provas. Enquanto isso…cade o tesoureiro tucanoide, do tb citado psdb cujo presidente teria levado 9 mllhoezinhos ???

Responder

Hilton Guimarães

11 de julho de 2015 às 18h34

Só trouxa acredita nesta teoria.

Responder

    Frederico Freder

    11 de julho de 2015 às 18h37

    Você recebe doação de uma empresa, seus amigos também recebem da mesma empresa. Todos registram as doações no mesmo lugar. Por que só as tuas doações são consideradas ilegais?

    Responder

    Hilton Guimarães

    11 de julho de 2015 às 18h46

    Não é porque a outra não foi investigada que a sua passa a ser legal.
    O mal do PT é justificar o seu erro pelos erros dos outros. Quando votei 2 X no PT achava que vinha para mudar as coisas e não para fazer as mesmas coisas que os outros corruptos já vinham fazendo há anos.
    Esta é a minha revolta!
    Gostaria que todos is corruptos fossem punidos, independente de qual partido fossem.

    Responder

      Veltonqxb

      11 de julho de 2015 às 18h31

      Pimenta nos olhos dos outros é resfresco. Só para lembrar, no mensalão esse mesmo eleitorado disse sim a LULA, por entender que não houve roubo, e sim financiamento ilegal de partidos, agora com Dilma, feito td legal, mesmo assim sofremos as mesma injustiças

      Responder

    O Cafezinho

    11 de julho de 2015 às 18h52

    Hilton não é isso. Ele está preso por causa de doações legais. E não encontraram nada de errado após devassarem sua vida e de sua família

    Responder

    Frederico Freder

    11 de julho de 2015 às 18h53

    Hilton Guimarães, as doações foram legais para todos os partidos.

    Responder

    Hilton Guimarães

    11 de julho de 2015 às 18h58

    Não concordo. Todas foram registradas nos procedimentos legais, mas foram frutos de propina. Todos sabemos disso. Nenhum empresário doaria tanto dinheiro se fosse coagido a isso.
    Precisamos parar de tapar o sol com a peneira.
    O PSDB, PMDB, PP, estão todos nessa também.
    Essa é a verdade!
    Dificil é provar!

    Responder

    Dary Beck Filho

    11 de julho de 2015 às 19h04

    Então defendamos o fim do financiamento privado, pois qualquer dinheiro empresarial sempre estará sob desconfiança.

    Responder

    Gerson Pompeu

    11 de julho de 2015 às 19h35

    Teses prevalecem sobre provas, Hilton?

    Responder

    Eliana Beatriz Sartoretto Matte

    11 de julho de 2015 às 19h41

    Só quem tem medo de ser chamado de trouxa acrefita no que os outros dizem mesmo sem nenhuma prova, só porque os outros dizem…

    Responder

    Raimundo Medeiros

    11 de julho de 2015 às 19h41

    É, caro jornalista, não esqueça q “informadinhos” pela Globo, revista e jornalões de regra são incultos q alcançaram o nível de alienação profundo, e nessa condição preferem ser meros seguidores de revoltados online, Faustão e similares.

    Responder

    Eliana Beatriz Sartoretto Matte

    11 de julho de 2015 às 19h42

    E quem tem medo de ser chamado de trouxa, é porque é trouxa mesmo.

    Responder

    Ana Oliveira

    11 de julho de 2015 às 19h44

    A questão é que o sistema eleitoral e financiado por grandes empresas. pode se discutir as intenções disso, mas são legais, Alguns podem achar imoral mas é LEGAL . E ilegal esta o presidente do PT na prisão. Estou orgulhosa do Tarso Genro que tem defendido publicamente o tesoureiro do PT .

    Responder

    Paulo Yukio Onishi

    11 de julho de 2015 às 22h07

    Responder

    Asiole Senun

    12 de julho de 2015 às 04h11

    Então,amigo, me diz aí um nome para a presidência que vc acha que seria aceito pela maioria. Mas pense muito bem antes de responder porque tem que ser uma pessoa de conduta ilibada.

    Responder

    Cassia Sarno

    12 de julho de 2015 às 04h57

    Hilton Guimarães,não são TEORIAS são FATOS,porém,precisa ler tudo e inclusive os links para entender.

    Responder

    Sonia Pompeu de Camargo

    13 de julho de 2015 às 10h54

    Hilton Guimarães. Esta frasezinha barata que lemos todos os dias “um erro não justifica o outro ” já deu. Ja reparou como todos os erros do Pt os outros também cometeram. O PROBLEMA É QUE A JUSTICA TEM QUE VALER PARA TOSOS. CHEGA DE JUSTIFICAR ROUBALHEIRA DO PSDB com esse argumentinho ridículo.

    Responder

    Sonia Pompeu de Camargo

    13 de julho de 2015 às 10h58

    Paulo Yukio Onishi
    Logica psdbista
    Doações para o PT = propina
    Doações ao PSDB = doações legais
    Me poupe.

    Responder

    Hilton Guimarães

    13 de julho de 2015 às 13h12

    Chega vocês de justificarem a roubalheira do PT pelas roubalheira dos outros.
    Parecem filho mimado. ” Ele também fez”

    Responder

      Miguel do Rosário

      13 de julho de 2015 às 11h53

      Ninguém justifica nada. Roubou no Pt ou no psdb, não importa. O que se critica aqui é o árbitrio, a mentira, a manipulação do processo penal, o abuso da prisão preventiva, o partidarismo judicial

      Responder

Guilherme Coppi

11 de julho de 2015 às 18h32

Heberty Luis Alves Marietti

Responder

Deixe um comentário