Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Os taradinhos do acordo

Por Redação

02 de dezembro de 2015 : 18h38

por Tadeu Porto, colunista do Cafezinho

Pau que nasce torto, nunca se endireita já dizia algum provérbio popular que ganhou alta notoriedade com grandes pensadores não tão contemporâneos: Cûmpade Washigton e Beto Jamaica.

Eu me amarro nesses ditos populares. Eles parecem ser tão imortais e versáteis quanto uma barata, pois se adaptam muito bem ao tempo e espaço! Esta expressão mesmo, primeiro verso do “segura o tchan, amarra o tchan”, encontrou sua forma mais recente nesse novo quadro interessante que temos na nossa política: a tentativa de cassar um das figuras mais influentes (pro mal) do país.

Afinal, hoje temos o prazer de observar que taradinhos que nascem tarados, nunca se atilam! E se outrora se arvoravam por um impeachment com cor, forma e cheiro de golpe, agora se depravam para tentar inventar um acordo entre dois inimigos incontestáveis.

Hoje é mais do que claro que Cunha não tem alguma sustentabilidade externa para se manter como presidente da Câmara dos Deputados. O que o salva é a velha prática de chantagem interna que ele parece praticar desde que soletrou, pela primeira vez, a palavra achaque (reza a lenda que foi a primeira do bebê Dudu).

Se Eduardo, segundo a Veja também conhecido como “o poderoso” e “a força súbita”, surgiu em março desse ano como uma astro, em dezembro ele está mais para uma estrela cadente em um céu escuro sem nuvens. E nesse cenário os taradinhos começam a trabalhar: com a queda certa do presidente da câmara é preciso que alguém sofra junto! Quem será?

Vai ser o Aécio Neves, que esteve com ele num primeiro de Maio cheio de festas e carros para os trabalhadores? Vai ser Carlos Sampaio, que usou o argumento de “benefício da dúvida” para tentar salvar o colega parlamentar? Vai ser o deputado Bruno Araújo que aparece sorridente em fotos ao lado dele para pedir o impeachment? Ou vão ser os partidos como o DEM, o PSDB, o PPS e afins que votaram em Cunha – com Cunha – aceitando suas manobras perversas todo esse tempo? Não, não. Não vai ser.

Tem que ser o PT.

O partido que não se curvou durante as chantagens do Cunha no início do ano e lançou uma candidatura própria para a presidência da casa (quando perdeu, a mídia e a oposição fizeram uma festa danada e louvaram o deputado carioca). O partido da presidenta que não se dobrou as chantagens abertas à luz do dia que recebeu e reconduziu o Procurador Geral da República que desmascarou o peemedebista.

Vale relembrar, aqui. Quando Cunha foi denunciado a priori, ele rompeu foi com a oposição? Na, na, ni, na, não…

Foi no PT e no governo que ele saiu atirando como polícia militar de São Paulo quando vê estudantes (ou a do Rio quando vê negros; Paraná quando vê professores, infelizmente, fazer analogias com isso tá bem fácil hoje em dia). Cunha força, até hoje, o PMDB a romper com o partido dos trabalhadores e ainda protagonizou propagandas bizarras na TV onde assumia certo protagonismo no futuro do país, a revelia do executivo!

As pessoas que acreditam que, majoritariamente, o partido dos trabalhadores quer costurar um acordo com Cunha parecem ter dormido em um coma no primeiro mandado da presidenta Dilma e acordado agora em um quarto que não tem internet, mas tem Veja, Folha e Globo.

Para entender o que faz esse tipo de acordo ser inviabilizado, nada melhor que alguns fatos que ilustram que essa guerra Dilma x Cunha está desenhada há muito tempo:

  1. Foi Graça Foster, aliada da presidenta, que cortou Costa, Duque e Zelada das diretorias da Petrobrás. Coincidência ou não, Graça fez isso um ano depois que operações da área internacional da Petrobrás, onde Zelada era diretor indicado pelo PMDB, supostamente irrigaram as contas na Suíça de Eduardo Cunha;
  2. Na votação da “MP dos Portos” e do “Marco Civil da internet”, em 2013 e 2014, respectivamente, Cunha jogou claramente contra os interesses do governo, colocando emendas que parecem – só parecem, viu? – algum tipo de chantagem ou lobby;
  3. E, por fim, Ainda em 2014, Cunha ganhou o apelido de “Sabotador da República”, num surpreendente lampejo de jornalismo da nossa mídia tradicional, por impor sucessivas derrotas e chantagens ao executivo.

Ou seja, selar um pacto com Cunha agora, seria como desistir de chegar ao fim de uma maratona com quarenta e um kilometros corridos. E, pior, é deixar de comemorar uma vitória que significa a queda de um personagem nefasto e horripilante que figura há duas décadas, no mínimo, no quadro político nacional.

Aliás, quem sabe das vantagens dessa vitória petista é a mídia, pois, se o principal legado da Dilma for conhecido, como falou o Financial Times, como o combate a corrupção (que sabemos que é, pois nunca vimos tantos poderosos presos e o Executivo tem seus méritos por isso) o país pode sair ainda mais forte e estaremos efetivamente caminhando para uma democracia solidária e verdadeira, onde o acúmulo de poderes e dinheiro serão rechaçados por desequilibrarem um sistema justo e ético.

Portanto, não é atoa que imprensa e oposição saíram correndo para tentar, num último suspiro, tentar afundar o partido que revolucionou esse país junto com Eduardo Cunha. A gente sabe que uma vitória petista machuca, e muito, a ala conservadora e reacionária do Brasil (a foto do Merval Pereira anunciando a eleição da Dilma me vem a cabeça na hora…rs).

Bom, tarados são tarados e não querem perder os privilégios que os colocam acima do bem e do mal. Vão continuar, como maníacos, procurando se agarrar em qualquer método, por mais escuso que seja, para se manterem no topo da cadeia político-social.

E dentro do sentido figurado, vamos ajudar, com muito gosto, a colocar esses taradinhos na cadeia que lhes cabe! Pois, não menos conotativo, aqui no Brasil o pau que nasce torto até que pode se endireitar: nasceu na direita e assim vai viver o resto dos dias.

Tadeu Porto é diretor do Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense (Sindipetro-NF) 

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

91 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Rocha Rocha

04 de dezembro de 2015 às 10h59

SO LIXO HUMANO.

Responder

Fred Brasil

04 de dezembro de 2015 às 02h38

Vão ficar sem impeachment e com a fama de golpistas.

Responder

Jose Berlange Andrade

04 de dezembro de 2015 às 02h19

#ForaCunha_SafadoCanalhaChantagista!

Responder

Sílvia Eugênia Galli

04 de dezembro de 2015 às 02h00

NOJO!!!!!

Responder

Sílvia Eugênia Galli

04 de dezembro de 2015 às 02h00

NOJO!!!!!

Responder

Sílvia Eugênia Galli

04 de dezembro de 2015 às 02h00

NOJO!!!!!

Responder

Solange Pestana

03 de dezembro de 2015 às 22h40

Democratas não ! Cunha na Cadeia ! Dilma fica na presidência !

Responder

Solange Pestana

03 de dezembro de 2015 às 22h40

Democratas não ! Cunha na Cadeia ! Dilma fica na presidência !

Responder

Mauricio Antonio Pereira da Silva

03 de dezembro de 2015 às 20h48

Militontos idiotas chega de roubos.Vão trabalhar vagabundos.

Responder

Mauricio Antonio Pereira da Silva

03 de dezembro de 2015 às 20h48

Militontos idiotas chega de roubos.Vão trabalhar vagabundos.

Responder

Wilma Alves Dos Anjos Anjos

03 de dezembro de 2015 às 20h45

se acontecer o impeachment da Dilma logo depois o Congresso vai aprovar a volta da cpmf e ainda criar “pacotes” de mais imposto e tirar mais dinheiro do trabalhador na desculpa de que o Pais precisa arrecadar mais dinheiro para sair da crise.

Responder

Wilma Alves Dos Anjos Anjos

03 de dezembro de 2015 às 20h45

se acontecer o impeachment da Dilma logo depois o Congresso vai aprovar a volta da cpmf e ainda criar “pacotes” de mais imposto e tirar mais dinheiro do trabalhador na desculpa de que o Pais precisa arrecadar mais dinheiro para sair da crise.

Responder

Geraldo Nascimento

03 de dezembro de 2015 às 20h37

o medo de perder e algo repugnante uns tem medo de perder emprego outros medo de perder status agora quem nao tem vergonha na cara nao deve ter medo de perder nada

Responder

Geraldo Nascimento

03 de dezembro de 2015 às 20h37

o medo de perder e algo repugnante uns tem medo de perder emprego outros medo de perder status agora quem nao tem vergonha na cara nao deve ter medo de perder nada

Responder

Daniela de Assis

03 de dezembro de 2015 às 16h24

quero que caia um por um desses taradinhos!! vai cair!

Responder

Sueli Pereira

03 de dezembro de 2015 às 14h38

Uma felicidade sinto : estão mortos politicamente , tenho v99% de certeza.

Responder

Sueli Pereira

03 de dezembro de 2015 às 14h38

Uma felicidade sinto : estão mortos politicamente , tenho v99% de certeza.

Responder

Sueli Pereira

03 de dezembro de 2015 às 14h38

Uma felicidade sinto : estão mortos politicamente , tenho v99% de certeza.

Responder

Marilene Ponte

03 de dezembro de 2015 às 14h29

Olhem bem e analisem a foto acima: No primeiro plano, Uma dúzia de Mosquitos da DENGUE que infestam a Câmara dos Deputados do Brasil. São ELES Que querem picar e levar o Brasil a óbito. Guardemos bem a fisionomia de cada Mosquito para lembrarmos quando formos votar nas próximas eleições. Eu já fiz minha lista.

Responder

Marilene Ponte

03 de dezembro de 2015 às 14h29

Olhem bem e analisem a foto acima: No primeiro plano, Uma dúzia de Mosquitos da DENGUE que infestam a Câmara dos Deputados do Brasil. São ELES Que querem picar e levar o Brasil a óbito. Guardemos bem a fisionomia de cada Mosquito para lembrarmos quando formos votar nas próximas eleições. Eu já fiz minha lista.

Responder

Marilene Ponte

03 de dezembro de 2015 às 14h29

Olhem bem e analisem a foto acima: No primeiro plano, Uma dúzia de Mosquitos da DENGUE que infestam a Câmara dos Deputados do Brasil. São ELES Que querem picar e levar o Brasil a óbito. Guardemos bem a fisionomia de cada Mosquito para lembrarmos quando formos votar nas próximas eleições. Eu já fiz minha lista.

Responder

Marilene Ponte

03 de dezembro de 2015 às 14h29

Olhem bem e analisem a foto acima: No primeiro plano, Uma dúzia de Mosquitos da DENGUE que infestam a Câmara dos Deputados do Brasil. São ELES Que querem picar e levar o Brasil a óbito. Guardemos bem a fisionomia de cada Mosquito para lembrarmos quando formos votar nas próximas eleições. Eu já fiz minha lista.

Responder

Mauricio Bernardi

03 de dezembro de 2015 às 13h00

Força Paulinho que a lama te leva.

Responder

Osvaldo Alencar

03 de dezembro de 2015 às 12h48

Faltou o Cheirador de Pó.

Responder

Regina Marques

03 de dezembro de 2015 às 10h15

Tudo bandido da pior espécie aliados a esses olhos de psicopata.

Responder

Ailton Santos

03 de dezembro de 2015 às 09h52

e lamentavel, um pais sem lei sem justica a foto mostra uma quadrilha de bandidos comemorando um possivel grande roubo articulado, mas vao ser pego pela POLICIA FEDERAL< em que eu acredito.

Responder

Sidney Garcia

03 de dezembro de 2015 às 04h54

GOVERNO LIXO

Responder

Francisco De Assis Assis Kelly

03 de dezembro de 2015 às 04h16

Claro que NÃO HAVERÁ IMPEACHMENT isso é showzinho para a mídia golpista vender comerciais em cima das mentiras propaladas e para o tal do ladrão dito evangélico ganhar tempo…. mas o fim dele esta próximo e sairá escrachado. Aguarde!!!

Responder

Claudiinei Belarmino

03 de dezembro de 2015 às 03h11

Valeu,primeiro tiramos a Dilma depois veremos o que fazer com cunha presidente da camara

Responder

El Capo Pio

03 de dezembro de 2015 às 02h39

O LIXO DA SOCIEDADE ESTÁ NESTA FOTO!

Responder

Angela Maria

03 de dezembro de 2015 às 02h31

Nao faco parte …………

Responder

Cul Cul Cul

03 de dezembro de 2015 às 02h31

Eduardo Cunha Golpista Corrupto e Chantagista não passará., a oposição ruim quer destruir o Brasil. a oposição que é muito ruim faz oposição ao Brasil. FORA CUNHA.

Responder

Néri Barbosa

03 de dezembro de 2015 às 02h29

Olha bem quem Està com cunha so ladrao olha o paulinho condenado

Responder

Graça Melo

03 de dezembro de 2015 às 02h09

São ratos, bandidos sem moral. O Brasil não merece esses vermes!

Responder

Josefa Maria Da Conceicao Conceicao

03 de dezembro de 2015 às 02h04

DILMA NÃO ACEITE CHANTAGEM,CUNHA ESTA COM MEDO DE SER PRESO É TAO SINICO,PSDB FICAR DO LADO DO CUNHA O PSDB E A MIDIA MAS O POVÃO QUE DEU A DILMA 54 MILHÕES DE VOTOS VAI PARA RUA DEFENDER O SEU MANDATO PODE CRER.

Responder

Rodolfo Souza

03 de dezembro de 2015 às 02h01

ai da uns 200 anos ded cadeia!!!!

Responder

Azevedo Azevedo

03 de dezembro de 2015 às 01h59

Canalhas!..

Responder

Anibal Pagamunici Pagamunici

03 de dezembro de 2015 às 01h54

Eis os golpistas!

Responder

Anibal Pagamunici Pagamunici

03 de dezembro de 2015 às 01h54

Eis os golpistas!

Responder

Zilma Oliveira

03 de dezembro de 2015 às 01h51

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk pisicopatas maniacos

Responder

Zilma Oliveira

03 de dezembro de 2015 às 01h51

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk pisicopatas maniacos

Responder

Flavio Ataliba Abreu Netto

03 de dezembro de 2015 às 01h24

não há dúvida: uma gambá cheira a(s) outra(s), segundo o nosso colega Décio….

Responder

Flavio Ataliba Abreu Netto

03 de dezembro de 2015 às 01h24

não há dúvida: uma gambá cheira a(s) outra(s), segundo o nosso colega Décio….

Responder

Washington Teixeira Cutrim

03 de dezembro de 2015 às 00h45

Kkkkkkk

Responder

Washington Teixeira Cutrim

03 de dezembro de 2015 às 00h45

Como vcs comunas são comédias. Kkkkkkkk somos 88 milhões de brasileiros que não quer essa “incompetenta” na presidência e o o partido mais corrupto no poder.

Responder

Ailtom Claudio Marcondes

03 de dezembro de 2015 às 00h38

Responder

Jose Laz Laz Lazaro

03 de dezembro de 2015 às 00h33

Acho engraçado esse cara de Pau do Paulinho da força um L$xo ,Put$nh@ do Congresso…

Responder

Rossana Acce

03 de dezembro de 2015 às 00h27

Corja

Responder

Patricia Carlos Milani de Moraes

03 de dezembro de 2015 às 00h22

#NaoVaiTerGolpe #DilmaFica #NaoVaiTerGolpe #DilmaFica #NaoVaiTerGolpe #DilmaFica #NaoVaiTerGolpe #DilmaFica #NaoVaiTerGolpe #DilmaFica

Responder

Pedro Gilberto Nichele

02 de dezembro de 2015 às 23h57

A piada Cunha. Fora Corruputos!

Responder

Roselly Alcantara

02 de dezembro de 2015 às 23h56

#DILMAFICA#FORACUNHA#

Responder

Francisco Soares

02 de dezembro de 2015 às 23h55

#Não Vai Ter GOLPE Com Dilma / contra o golpe

Responder

Maria Regina Novaes

02 de dezembro de 2015 às 23h42

Nenhum com moral pra pedir o impedimento de Dilma…que vergonha..

Responder

Joao Barbosa Cavalcanti Neto Cavalcanti

02 de dezembro de 2015 às 23h13

O pior de tudo, é ver um Pernambucano, logo de cara, metido nessa safadeza!

Responder

Wilson Oliveira

02 de dezembro de 2015 às 23h13

Não aceitaremos que um chefe de quadrilha processado na justiça por corrupção leve o País à ruptura democrática ! NÃO ACEITAREMOS O GOLPE !

Responder

Leonardo Dayrell

02 de dezembro de 2015 às 22h57

“SOBRE O IMPEACHMENT
– 2015 foi um ano perdido por conta da crise política criada e inflada por Cunha e pela oposição que criaram incertezas desnecessárias na economia com a criação de novas despesas bilionárias (pautas bomba), atraso na votação do ajuste fiscal e o fantasma do impeachment. Apostaram no “quanto pior melhor” e no GOLPE pra conseguir o que não conseguem nas urnas.
– 2016 será um ano de CAOS na política e na economia por causa do processo de impeachment que deve criar mais incertezas, pois nenhuma reforma será votada enquanto este tema dominar a pauta do Congresso e do país. A disputa vai parar no STF devido à base jurídica frágil do pedido. Pra onde vai o dólar, os juros, a inflação, o PIB com tudo isso? Ainda há a incógnita de como será a reação dos movimentos sociais.
– Boa Sorte ao Brasil que acredita que toda essa crise é culpa exclusiva de uma pessoa e um partido. Impeachment não vai solucionar nenhuma das causas dessa crise econômica principalmente por que vai rebaixar mais ainda as expectativas econômicas (confiança de empresários e consumidores) e piorar a CRISE, dificultando mais ainda sua superação. Também vai criar um perigoso precedente para a nossa democracia por ser fundamentado em base tão frágil: a reação internacional pode ser adversa e significar recuo dos investimentos no país. Também não resolve os problemas do nosso sistema político, já que nenhum dos partidos defensores do impedimento defendem uma reforma política séria.
– Quem sabe quando o PMDB assumir ou até mesmo a oposição através de novas eleições, e muitas conquistas sociais forem abandonadas e até mesmo o combate a corrupção volte a inexistir, além do CAOS em que vamos entrar, as pessoas se deem conta da enorme imbecilidade que fizeram ao apoiar algo assim.”
COMPARTILHEM

Responder

Maria D'Orazio

02 de dezembro de 2015 às 22h53

O lugar de Dilma é na presidência, o lugar de Cunha é na cadeia. DILMA FICA!!!!!!

Responder

Ediane Prestes

02 de dezembro de 2015 às 22h50

Se colcar na peneira não fica um

Responder

Elpidio Pereira

02 de dezembro de 2015 às 22h31

Só tem bandidos ai

Responder

Moisés Saldanha

02 de dezembro de 2015 às 22h30

Dilma cai, PMDB fica com tudo.

Responder

Luiz Scardone

02 de dezembro de 2015 às 22h17

Altamente perigosos!

Responder

Dalila Costa

02 de dezembro de 2015 às 22h16

Só corruptos!!!!

Responder

Fernando Silva

02 de dezembro de 2015 às 22h16

É tudo que a Imprensa Golpista, Suja, Canalha, Parcial, Partidária, Imoral, Antiética, Medíocre e Patética queria. Viva o Golpe. Vamos ver o que vai dar!!!

Responder

Marta Souza

02 de dezembro de 2015 às 22h15

#Prendamogangster#!!!

Responder

Elisa Leite de Castro

02 de dezembro de 2015 às 22h09

A decisão de Cunha de acolher pedido de impeachment contra Dilma no mesmo dia em que o PT anuncia que votará contra ele na Câmara coroa a sua conduta criminosa de usar o cargo que ocupa para se defender. Agora que o Partido resolveu enfrentar a chantagem de Cunha, não há retorno. E se não há retorno, que vá para cima dele com todas as armas possíveis. E o recurso à Justiça é uma dessas armas. Até porque, Cunha ameaça testemunhas. Faz pior que Delcídio. Essa é a hora de o PT mostrar toda a coragem de que é acusado de não ter. É hora de o PT ir à guerra! ( blog da cidadania )

Responder

Robson Garrido

02 de dezembro de 2015 às 22h04

#DilmaFica

Responder

Selma Serodio

02 de dezembro de 2015 às 22h01

Como é bom estar do lado oposto ao dos canalhas!

Responder

Carlos Matos

02 de dezembro de 2015 às 21h59

Fora pt!!!! Kkkkk

Responder

Douglas Gobbet

02 de dezembro de 2015 às 21h59

MONTE DE LIXO QUE DEVERIAM ESTAR ALGEMADOS …

Responder

Haroldo H Da C Lima Lima

02 de dezembro de 2015 às 21h58

Parece que futuramente teremos essa situação: os mais velhos contando histórias da nossa época…

Responder

Jacqueline Alcantara

02 de dezembro de 2015 às 21h51

ACHACADOR E CHANTAGISTA LADRÃO CUNHA NA CADEIA.

Responder

Jean Cerede

02 de dezembro de 2015 às 21h44

Chola mais chola!!!!!

Responder

Simei Feitosa

02 de dezembro de 2015 às 21h44

Fora!

Responder

Vitor Gomes

02 de dezembro de 2015 às 21h43

Até Inbassay, que já levou tapa na cara publicamente de ACM.

Responder

Sueli Ribeiro

02 de dezembro de 2015 às 21h39

Respeitem o me voto.

Responder

Mauricio Gomes

02 de dezembro de 2015 às 19h36

Vagabundos, safados, entreguistas, golpistas e traidores da pátria não perdem por esperar. Vamos defender a democracia com sangue, se for preciso. Não vai ser o CÚnha e seus aliados demotucanos que irão dar um golpe contra a democracia, nem que tenha que ocorrer uma guerra civil nesse país. Precisamos expurgar a escória de traidores e lesa-pátrias para Miami.

Responder

Vinícius Cruz de Castro

02 de dezembro de 2015 às 21h33

Golpe.

Responder

Luiz Cezar Cerqueira

02 de dezembro de 2015 às 21h31

Até tu Imbassahy?

Responder

Fatima Paris

02 de dezembro de 2015 às 21h28

Nojo… olha a cara dos tarados…. meu Deus, que tipo de gente é essa que decide o destino dos brasileiros.

Responder

Adelino Melim

02 de dezembro de 2015 às 21h25

Esse Congresso não se atreverá a dar o Golpe, porque se isso acontecer…NÃO VAI PRESTAR…

Responder

Melry Silva

02 de dezembro de 2015 às 21h23

Vamos acreditar na justiça.eles vão decidirem

Responder

Elmo Santana

02 de dezembro de 2015 às 21h13

Esse bandido achava que poderia chantagear o governo com suas traquinagens! Que venha o processo! Vejamos se essa oposição mequetrefe tem 342 votos!

Responder

Maria Iraneida Morais Barros

02 de dezembro de 2015 às 21h12

Respeitem meu voto!
Somos 54 milhões!

Responder

Maria Iraneida Morais Barros

02 de dezembro de 2015 às 21h12

Respeitem meu voto!
Somos 54 milhões!

Responder

João Cláudio Fontes

02 de dezembro de 2015 às 20h51

Bem , de qualquer forma , agora acordo já era .Já acatou o pedido de impeachment .É um fdp mesmo .Vamos ver quem cai , ele ou a Dilma … se depender do judiciário fascista atual , não quero nem imaginar ….

Responder

João Cláudio Fontes

02 de dezembro de 2015 às 20h51

Bem , de qualquer forma , agora acordo já era .Já acatou o pedido de impeachment .É um fdp mesmo .Vamos ver quem cai , ele ou a Dilma … se depender do judiciário fascista atual , não quero nem imaginar ….

Responder

Deixe um comentário