Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Brasília - DF, 08/04/2014. Presidenta Dilma Rousseff durante encontro com o Governador do Estado do Rio de Janeiro, Luiz Fernando de Souza, Pezão. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

PMDB-RJ, o mais importante núcleo estadual da legenda, torna-se o bunker anti-golpe

Por Redação

06 de dezembro de 2015 : 18h22

O PMDB do Rio é, de longe, o núcleo mais poderoso do partido. Tem governo estadual, tem a capital, tem liderança na Câmara. Todos são radicalmente contra o impeachment. E ajudam a neutralizar Cunha, também do PMDB, também do Rio.

***

PMDB do Rio vira pilar da presidente contra impeachment

por Marcos Grillo, no O Globo

O PMDB do Rio é o principal pilar da presidente Dilma Rousseff em um partido que oferece sinais dúbios sobre o processo de impeachment — como mostrou o pedido de demissão apresentado pelo ministro da Secretaria de Aviação Civil, Eliseu Padilha.

Na manhã seguinte à decisão do presidente da Câmara, Eduardo Cunha, o prefeito Eduardo Paes e o governador Luiz Fernando Pezão se manifestaram contra a medida. Paes disse que o ato era um “escárnio”, e Pezão, que se diz amigo de Dilma, chamou a ação de “lamentável”. O governador conversou com a presidente por telefone e, mais tarde, recebeu o ex-presidente Lula.

Cunha, também do PMDB do Rio, integra o comando regional do partido, mas é voz isolada. O presidente estadual da sigla, Jorge Picciani, apoiou Aécio Neves na eleição presidencial, mas migrou para o lado do governo este ano. O líder do partido na Câmara é um de seus filhos, Leonardo Picciani, um dos principais interlocutores de Dilma na reforma ministerial. As mudanças reservaram uma vaga para a bancada do estado: Celso Pansera assumiu a pasta de Ciência e Tecnologia.

A maior bancada do PMDB na Câmara é a do Rio, com nove deputados, incluindo Cunha. Em duas votações recentes e importantes para o governo, os deputados mostraram fidelidade: a meta fiscal teve o apoio de sete parlamentares — um se absteve, e Cunha não vota por presidir a Casa. Também não houve votos contrários ao governo no projeto que facilita a repatriação de recursos. O governo conta com a influência de Pezão, de Paes e da família Picciani para que não haja surpresas no curso do impeachment.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

76 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Diego Vieira

08 de dezembro de 2015 às 03h33

Que lixo, hein? Um site governista nem esconde que a Dilmanta se alia ao que tem de pior para se manter no cargo! Por favor, melhorem!!!!!

Ps.: a galerinha do Fora Cabral sumiu, né!?

Responder

Josias Daniela

08 de dezembro de 2015 às 00h02

Fora PT fora PT fora PT fora PT fora PT fora PT fora PT fora PT ok

Responder

Hailton Castro

07 de dezembro de 2015 às 23h20

Logo o Sergio moro ta prendendo um governador do rio.

Responder

David Guedes

07 de dezembro de 2015 às 20h46

Um pior que o outro, tudo ladrão e corrupto, não presta ninguém, todos um dia vão ser presos, se Deus quiser eEle quer, FORA BANDO DE BANDIDOS, SAFADOS. CADEIA EM TODOS VCS. VIVA SERGIO MORO. VIVA BOLSONARO. BOLSONARO 2018

Responder

Paulo Piza

07 de dezembro de 2015 às 19h38

Golpe não!Mas que esta turma do Rio é uma quadrilha ninguém tem duvidas.

Responder

Paulo Piza

07 de dezembro de 2015 às 19h38

Golpe não!Mas que esta turma do Rio é uma quadrilha ninguém tem duvidas.

Responder

Francisco De Assis Assis Kelly

07 de dezembro de 2015 às 19h07

SE HOUVESSE CABIMENTO O IMPEACHMENT DA DILMA SE ELE NÃO FOSSE UM TENTATIVA DESCARADA DE DE UM GOLPE CONTRA A LEGITIMIDADE POPULAR DE UM GOVERNO.

Estas SERIAM minhas exigências para participar de qualquer manifestação a favor do impeachment da Dilma:

1- Cunha na cadeia

2- Todos os envolvidos na Lava Jato, que integram outros partidos, na cadeia.

3- Senador traficante na cadeia

4- Tucanos corruptos de São Paulo na cadeia

5- Pastores estelionatários que compram fazendas com dinheiro dos fiéis, na cadeia.

6- Empresários e banqueiros que fraudaram o fisco na cadeia.

7- FHC sendo investigado pela Privataria.

Estaria pedindo muito?

Responder

Francisco De Assis Assis Kelly

07 de dezembro de 2015 às 19h07

SE HOUVESSE CABIMENTO O IMPEACHMENT DA DILMA SE ELE NÃO FOSSE UM TENTATIVA DESCARADA DE DE UM GOLPE CONTRA A LEGITIMIDADE POPULAR DE UM GOVERNO.

Estas SERIAM minhas exigências para participar de qualquer manifestação a favor do impeachment da Dilma:

1- Cunha na cadeia

2- Todos os envolvidos na Lava Jato, que integram outros partidos, na cadeia.

3- Senador traficante na cadeia

4- Tucanos corruptos de São Paulo na cadeia

5- Pastores estelionatários que compram fazendas com dinheiro dos fiéis, na cadeia.

6- Empresários e banqueiros que fraudaram o fisco na cadeia.

7- FHC sendo investigado pela Privataria.

Estaria pedindo muito?

Responder

Agenor Dos Santos Santos

07 de dezembro de 2015 às 15h20

O PMDB, sabe que tem duas hipóteses (oportunidades) de chegar a cadeira da presidência.
1) Por via transversa (impeachment da Dilma) sabe que terá um governo sendo perturbando e atropelado pela oposição que será feita pelo PT e suas bases sociais. Provavelmente o Brasil vá parar de vez.
2) O PMDB, sabendo que no momento não tem nome forte que possa a vir disputar a presidência pelo voto direto, aguardará as Olimpíadas, quando o nome do Eduardo Paes estará nas mídias, Nacional e Internacional para fazê-lo candidato.
Sabem com as bênçãos de Quem?
Papai Lula.
Política é coisa para profissional

Responder

Jose Miguel Dos Santos

07 de dezembro de 2015 às 13h39

Mais três golpista. E a Dilma não sabe…

Responder

Jose Miguel Dos Santos

07 de dezembro de 2015 às 13h39

Mais três golpista. E a Dilma não sabe…

Responder

mineiro

07 de dezembro de 2015 às 11h28

esse partido desgraçado covarde beija a mao do pmdb para sobreviver. prefere beijar a mao desses desgraçados do que mobilizar as massas e ir para rua. esse b………………………..de partido se igualou a eles mesmo. depois que eu vi o matuzalem lula se reunindo com o desgovernador do rio , eu ja sabia que ia se ajoelhar para esse partido. que diferença faz o pmdb do rio com o resto do pais ? é tudo uma m……………………..so e ta a favor do golpe. esse poste maldito de pres. que nao tem voz ativa e nao tem peito para tomar atitude vai beijar a mao agora é do pig. desse partido nao precisa esperar mudança de jeito nenhum , vai tentar resolver atraves da burrocracia dos burrocratas. o ciro gomes tem razao mesmo.

Responder

Bianca Alves

07 de dezembro de 2015 às 12h46

Assim nao tem como te defender, Dilma!

Responder

Ro Seixas

07 de dezembro de 2015 às 12h41

#PreocupanteEstãoArmandooo

Responder

Juni Or

07 de dezembro de 2015 às 11h52

É por isso que não votei nel no primeiro turno… Só bandido em volta!

Responder

Binho Vianna

07 de dezembro de 2015 às 11h35

PT está bem se aliando a uma das piores quadrilhas que o país já viu!

Responder

Danilo Villaça de Azevedo

07 de dezembro de 2015 às 10h59

Fernando Coelho curte, kkkkkkkkk Dudu, Cabral e Pezão

Responder

Marco Brito

07 de dezembro de 2015 às 10h47

Há controvérsias. Eu não confiaria integralmente. O Eduardo Cunha é do PMDB do RJ.

Responder

Marcus Hespanhol

07 de dezembro de 2015 às 04h12

Rogério, melhor deixar cair então, né não?

Responder

Sergio Cademartori

07 de dezembro de 2015 às 02h55

Com esses amigos, tamos fodidos!

Responder

Fernando Hottum

07 de dezembro de 2015 às 02h48

Pobre Dilma, acuada, aceita coalisão com o submundo.

Responder

Leonardo Lepesqueur

07 de dezembro de 2015 às 02h11

Bando de safados também. Já esqueceram que o tal Pezão traiu a Dilma na campanha da reeleição?

Responder

Cláudio Vieira Vieira

07 de dezembro de 2015 às 01h52

#ForaCunha #FicaDilma

Responder

Cláudio Vieira Vieira

07 de dezembro de 2015 às 01h51

#GolpeNuncaMais

Responder

Marcelo Maico

07 de dezembro de 2015 às 01h40

Vixiiii…. Na mão do Comando Vermelho, que cai bem com o PT!!!!

Responder

Fernando Castro

07 de dezembro de 2015 às 01h38

tutti buona gente!

Responder

Beto Valente

07 de dezembro de 2015 às 01h24

Eca!

Responder

Alba Ramos

07 de dezembro de 2015 às 01h02

#NãoVaiTerGolpe
#ForaCunha

Responder

Rudy Massami Sakamoto Kawabata

07 de dezembro de 2015 às 00h28

Sério? Sério? De repente Pézão, Paes e Cabral viram heróis? Só porcausa de partidarismos? SÉRIO?

Responder

Marcos Silva

07 de dezembro de 2015 às 00h23

FORMAÇÃO DE QUADRILHA.

Responder

Sidney Gandra

06 de dezembro de 2015 às 23h58

ECA!!!

Responder

Mateus Mateus

06 de dezembro de 2015 às 23h34

Parece brincadeira de criança, todos viraram moleques !

Responder

Joaodamasceno Matos de Menezes

06 de dezembro de 2015 às 23h23

Recordar é viver, É uma piada, o PT e as esquerdas acreditam nas próprias mentiras. #ForaAnta #foraPT #LuladrãoNaCadeia. https://www.facebook.com/1510625462536589/videos/1598760220389779/

Responder

Nilda Lima

06 de dezembro de 2015 às 23h18

PMDB não é de confiança, tem que ter bastante cuidado pra não levar mais uma arrasteira !

Responder

Katia Maia

06 de dezembro de 2015 às 23h14

Boa.

Responder

Roberto Moore

06 de dezembro de 2015 às 23h02

O menino mimado apareceu…Serginho firme

Responder

Mariana Castro Reyes

06 de dezembro de 2015 às 22h48

Sou totalmente contra o impeachment, mas se esses são os principais aliados da Dilma… nossa, coitada dela…esses três aí sucatearam o Rio de Janeiro…

Responder

Cesar Murilo Morais Soares

06 de dezembro de 2015 às 22h46

Nenhum presta!

Responder

Vander Costa Fagundes

06 de dezembro de 2015 às 22h45

O PMDB do Rio se juntando a quadrilha do PT.

Responder

Gerardo Penna Firme Jr.

06 de dezembro de 2015 às 22h40

O Rio de Janeiro sempre foi uma vergonha politicamente. Continua sendo.

Responder

Francisca Muller

06 de dezembro de 2015 às 22h23

SE GRITAR PEGA LADRAO NAO FICA UM MEU IRMAO ………..BANDO DE CORRUPTOS E MENTIROS E COM ESTES CARATER QUE ELES FORMAM O BUNKER;ANTI GOLPE ……E MUITO FALTA DE AMOR E RESPEITO PELO POVO E PELO BRASIL………

Responder

Jorge Menezes

06 de dezembro de 2015 às 22h15

Não se pode confiar na palavra de um integrante do PMDB,mas o eleitor deu poder a essa gente.

Responder

Fernando Santos

06 de dezembro de 2015 às 21h55

Foto constrangedora.

Responder

Samuell Silva

06 de dezembro de 2015 às 21h49

Fora Cunha

Responder

Frederico Moreira Dos Santos

06 de dezembro de 2015 às 21h42

Que m… ter que depender dessa quadrilha!

Responder

Josué Rodrigues Silva

06 de dezembro de 2015 às 21h38

Partido do Movimento Degenerativo Brasileiro

Responder

Venturelli Borges

06 de dezembro de 2015 às 21h38

Cafezinho devendo o Cabral. Que ponto que chegamos!

Responder

Lp Músico

06 de dezembro de 2015 às 21h31

Simples assim.

Responder

Oseas Cabral Subrinho

06 de dezembro de 2015 às 21h12

Luciano Pereira foto de formaçao de quadrilha

Responder

    Luciano Pereira

    06 de dezembro de 2015 às 23h20

    A questão aqui Oseas Cabral Subrinho é de que o núcleo mais forte do pmdb é contra o golpe, lembrando que o Cunha é deste partido. Quanto a formaçãode quadrilha, prove e faça justiça

    Responder

    Oseas Cabral Subrinho

    06 de dezembro de 2015 às 23h24

    Luciano Pereira todos eles tem investigacoes de atos ilicitos mais vc tem razao nao e o pmdb todo que e a favor do golpe so os que ja sabem o que vai acontecer e que ja estao deixando a dillma

    Responder

    Luciano Pereira

    06 de dezembro de 2015 às 23h35

    Mas o que vai acontecer ? Você já sabe de alguma coisa ? Até onde sei o pmdb ternura ala que apóia a Dilma e a outra é oposição da qual fazem parte o Cunha e o próprio vice Michel temer

    Responder

    Oseas Cabral Subrinho

    06 de dezembro de 2015 às 23h36

    Tudo acaba en pizza

    Responder

Meire Souza

06 de dezembro de 2015 às 21h05

Esses caras do Rio não são tão confiáveis assim, mas diante da iminente prisão do Cunha, os mais chegados ao achacador serão investigados, então. …

Responder

Meire Souza

06 de dezembro de 2015 às 21h03

Está ficando cada vez mais claro que Eduardo Cunha estava sempre muito alinhado com o vice-presidente Temer para as negociatas. Agora estão unidos pelo impeachment; mas vão cair no efeito dominó.

Responder

Márcia Balmberg

06 de dezembro de 2015 às 20h50

Será? Ou são os velhos oportunistas que não querem perder com Dilma, nem com Temer? Lamentável!

Responder

José Lino Farias

06 de dezembro de 2015 às 20h47

Sai de um grupo sujo e cai no outro. Se livrar do PMDB seria o caminho.

Responder

Nancy Dias Amarante

06 de dezembro de 2015 às 20h45

Esse Pmdb é mesmo um partido de muitas caras.

Responder

Márcia De Toledo Gomes

06 de dezembro de 2015 às 20h40

Meu Deus!!!

Responder

Geraldo Nascimento

06 de dezembro de 2015 às 20h40

nossa nada de golpe viva o pt viva lula viva sarney ..

Responder

Gf Andrezão

06 de dezembro de 2015 às 20h37

Responder

Gf Andrezão

06 de dezembro de 2015 às 20h37

Responder

Gustavo Gormaz

06 de dezembro de 2015 às 20h36

Não consigo confiar nesses caras

Responder

Gustavo Gormaz

06 de dezembro de 2015 às 20h36

Não consigo confiar nesses caras

Responder

Deixe um comentário