Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Notas anti-apocalípticas: Recorde de cruzeiros no Rio para o Carnaval

Por Redação

02 de fevereiro de 2016 : 13h52

Até o dia 13 de fevereiro, 130 mil turistas vão chegar em navios cruzeiros ao Rio de Janeiro para brincar o carnaval carioca. O número, considerado pelo Píer Mauá, que administra o terminal de cruzeiros da cidade, como um recorde em ano de crise, é 85% maior do que em 2015.

no Sputnik Brasil

Em entrevista exclusiva para Sputnik Brasil, o Gerente de Operações do Píer Mauá, Alexandre Gomes, disse que o cruzeiro tem se transformado em uma nova paixão tanto do brasileiro, quanto do turista internacional, por ser uma forma confortável e segura de poder visitar várias cidades. Sobre o aumento  da procura por cruzeiros, Alexandre Gomes acredita que a alta do dólar é um dos fatores responsáveis pelo crescimento do turismo em cruzeiro marítimo este ano.

“Esse ano, o carnaval está sendo encarado por nós como um megaevento. Acreditamos que essa grande movimentação está muito ligada ao momento em que o país está vivendo, com o brasileiro buscando viajar internamente, evitando as viagens internacionais. Em contrapartida, o turista internacional busca o Rio de Janeiro, porque hoje ele está com o poder da moeda bem mais forte do que no passado.”

Segundo o Píer Mauá, são quatro navios chegando no sábado de carnaval(6) e onze navios no domingo(7). Oito deles permanecerão até a segunda-feira (8)de carnaval e quatro navios até terça-feira (9) de folia.

Segundo Alexandre Gomes, isso  representa cerca de US$ 4 milhões de dólares para a economia do Rio. “Cada turista, desse que chega em nossa cidade, [gasta] cerca de US$ 300. Ou seja, quando você fala que são 130 mil pessoas frequentando a cidade, são quase US$ 4 milhões injetados na economia. Isso é muito positivo, em um momento em que a economia precisar gerar e rodar dentro do estado do Rio de Janeiro.”

Quanto ao perfil dos turista que vai aproveitar o carnaval no Rio de Janeiro, o Gerente de Operações do Píer Mauá destaca que, normalmente, são 60% de turistas nacionais e 40% de turistas internacionais circulando pelo terminal durante uma temporada regular. Este ano, porém, o perfil mudou.

“Para o carnaval está sendo diferente. Nós vamos receber no domingo três navios com brasileiros, e o restante de turistas internacionais. Ou seja, acaba invertendo essa conta. Estamos recebendo em torno de 70% internacionais para o período de carnaval.”

Entre os países que mais procuraram o Rio de Janeiro durante o Carnaval, Alexandre Gomes destaca os da América e da Europa, com destaque para mexicanos, um navio inteiro de turistas Argentinos e para outros dois navios trazendo japoneses para a folia.

No ano de Jogos Olímpicos, Alexandre Garcia ressaltou boa expectativa para o setor de turismo em cruzeiro. “No período das Olimpíadas nós receberemos dois navios, um pelo Comitê Olímpico e outro por um patrocinador. [Os navios] estarão na cidade durante os vinte dias dos Jogos.”

Para a próxima temporada, o Gerente de Operações do Píer Mauá, Alexandre Gomes, projeta um novo crescimento, entre 10% a 15%.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

41 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Marcos

05 de fevereiro de 2016 às 21h22

A televisão me deixou burro , muito burro de mais – agora eu repito tudo que eu vejo na tv como um animal (papagaio) crise -crise -crise

Responder

Alecio Pagiman Paguimam

04 de fevereiro de 2016 às 23h25

O PSDB CRIOU A CPMS PARA O BRASIL NÃO QUEBRAR NAS MÃOS DO FERNANDO HENRIQUE CARDOZO::E A RETIROU ATRAVÉZ DOS MINISTROS HERÁCLITO FORTES,DEMOSTENES TORRES E AGRIPINO MAIA::PARA ATRAPALHAR A ECONOMIA DO GOVERNO DO PT:: LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA…

Responder

Luz DE Deus

03 de fevereiro de 2016 às 19h27

E a crise ??

Responder

Alexandre Maciel

03 de fevereiro de 2016 às 18h42

Pede para pararem de querer controlar o câmbio. Que deixem o dólar chegar a 100 reais. A economia se fortificará só com o turismo, não é?

E os insumos e máquinas que a indústria e o comércio precisam importar, como serão adquiridos? Ou será que o Brasil é autossuficiente em tudo e não precisa comprar nada de outras nações? E o custo dos bens de consumo não se elevará em face do incremento do frete?

O brasileiro já fez a mesma coisa que se vê nesses cruzeiros, só que com a Argentina. Ou será que você não se lembra da enxurrada de brasileiros visitando Bariloche quando o real não estava ridiculamente fraco e a outra maluca, da nação vizinha, insistia em quebrar o país platino?

Divulgar esse tipo de notícia como se fosse digna de comemoração, sem considerar toda a conjuntura econômica, é de uma estupidez singular. Aumente a dose de cafeína e pense um pouco!

Responder

Jorge Vasconcelos de Brito

03 de fevereiro de 2016 às 18h11

Gente, olha aí o iatinho do Lula e ele e sua família passeando em Manhattan, onde tem uma marina exclusiva. Ele é aquele de camisa azul mais atras. O da frente é o seu amigo Bumlai. Ele tava preso mas conseguiu um abeas corpus com Moro para dar um passeio com amigo e ex presidente Lula . Foram aos isteites fazer uma comprinhas de carnaval e chocolates de pascoa!! Botei a foto para não pensarem que era mentira. Que Iate hem!!!

Responder

Luiz C. Zanin

03 de fevereiro de 2016 às 17h08

Mas o povo não está reclamando da dificuldades de vida financeira etc??? Então como podem viajar em cruzeiros??

Responder

Maria Regina Novaes

03 de fevereiro de 2016 às 13h41

Tentaram acabar com a copa e de novo querem acabar com as olimpiadas…povo mesquinho.

Responder

Robson Siqueira

03 de fevereiro de 2016 às 10h08

9 de 10 navios, sao turista estrangeiros ….kkkkkkkk

Responder

Luizbandeira Gomes

03 de fevereiro de 2016 às 02h36

Onde está a crise ?

Responder

Suzana Gadelha Alves

03 de fevereiro de 2016 às 01h49

Leandra Brogni kkkkk

Responder

Marcio Laurindo Almeida

03 de fevereiro de 2016 às 00h55

O sonho de minha mãe funcionaria pública durante 50 anos foi um dia pedir ao comandante de um navio pra deixar ela ver como era o bicho por dentro . Nos últimos seis anos desse governo comunistas ela já fez quatro cruzeiros .

Responder

Bruno Santuario

03 de fevereiro de 2016 às 00h28

Adoro Cruzeiros.

Responder

Marcos Buzo

03 de fevereiro de 2016 às 00h24

É a crise!

Responder

Marcelo Pires

02 de fevereiro de 2016 às 23h16

Nãoooooooooo . . . Tá errado , tá tudo errado . . . Pó e a ” CRISE ” . . . O FIM DO BRASIL . . . Bilhões de desempregados , Bancos falidos , superhiperinflacao , pessoas passando fome com a maior CRISE da história do Brasil , o PT afundou o Brasil , acabou com brasileiro , nos destruíram com a corrupção , não , para , porque ? ? ? . Cadê a crise ? ? ? , o câncer que nos tornamos da América latina . . . (COMO DIZIA A RAUL SEIXAS ” PARA O MUNDO QUE EU QUERO DESCER ” . . . . PARA NOIADO . . .

Responder

Vitor

02 de fevereiro de 2016 às 19h15

O Brasil tá barato. E isso tem lá seu lado positivo…

Responder

Gat Emerson

02 de fevereiro de 2016 às 21h11

Eh só jogar o dólar a 50 que até os bolivianos, peruanos, indianos, (economias mais “fracas”) virão passar o verão aqui!

Responder

Roney Braga

02 de fevereiro de 2016 às 21h05

Cartola pegou Zica 50 anos, e morreu de velho. O povo quer e se divertir!…. Kkkk…

Responder

Gabriel Oliveira

02 de fevereiro de 2016 às 20h46

Notícia burra, quem tá feliz com isso são os gringos que com a moeda desvalorizada vem de fora pra cá e gastam pouco, vide pelo alto número de estrangeiros na praça Mauá.

Responder

Itacelma Correa

02 de fevereiro de 2016 às 20h35

Apesar da crise! !!

Responder

Oldack Miranda

02 de fevereiro de 2016 às 19h17

Lá atras não é o barquinho do Lula? rsrs.

Responder

Ivan Carneiro

02 de fevereiro de 2016 às 18h51

Uma babaquice de carnaval.rebanho de otários.

Responder

Julia Joyce

02 de fevereiro de 2016 às 18h32

o mesmo discurso neoliberal.que os coxinhas pregavam na época de fhc, agora repetido pelos governistas.

Responder

Julia Joyce

02 de fevereiro de 2016 às 18h30

Esmeraldo Cruz Sampaio

Responder

Luzeneide Fernandes

02 de fevereiro de 2016 às 18h13

Esse cruzeiro no Rio é no “IATE” do Lula ? hahahahaha

Responder

Adeneval Jose Francisco

02 de fevereiro de 2016 às 17h46

Ei vi na veja, esse barco aí atrás é da D. Marisa.

Responder

Zenio Silva

02 de fevereiro de 2016 às 17h35

Apesar da crise!!!

Responder

Renam Bertola

02 de fevereiro de 2016 às 17h20

Queria saber a porcentagem de brasileiros X estrangeiros. Dollar a $4,00! O povao mesmo q ta na crise no máximo paga uma cerveja no bloco! Essa eh a realidade!

Responder

    Marcos Fernandes Gonçalves

    02 de fevereiro de 2016 às 17h55

    Turismo gera emprego, movimenta a economia. O povão, direta ou indiretamente, ganha.

    Responder

    Renam Bertola

    02 de fevereiro de 2016 às 21h11

    Marcos Fernandes Gonçalves já viu a porcentagem de brasileiros q trabalham nos navios? Procure se informar.
    A população brasileira em si continua sofrendo com recorde ou não de vendas no turismo. Isso não é motivo de orgulho nenhum.

    Responder

    Mateus Granada Ribeiro

    03 de fevereiro de 2016 às 02h55

    Não senhor Renam Bertola, não vão ser apenas nos barcos que ocorrerão gastos, mas mesmo assim, os barcos vão precisar de estoque e haverá a compra de produtos do Brasil para sustentar os barcos. Você já pensou quantos turistas vão consumir nos restaurantes, hotéis, táxis, bares, baladas, nas ruas? Certamente será um número expressivo e haverá uma grande entrada de dólares no país contribuindo para a nossa economia. O Marcos Fernandes Gonçalves está certo.

    Responder

    Maria Rocha

    03 de fevereiro de 2016 às 05h32

    Mateus Granada Ribeiro homiii ovos de urubu são para os urubus criarem. O negócio é reclamar sem um mínimo de racíocinio, enquanto isto …. os iates passam né? bom pra todo mundo.

    Responder

    Alexandre Maciel

    03 de fevereiro de 2016 às 18h30

    Renam Bertola, não adianta falar. A lógica do brasileiro vassalo no feriado é o tom da conversa.

    Com carnaval ou sem ele os turistas podem vir para cá. Então, a lógica da vassalagem só indica que esse feriado não deveria existir já que o povo precisa trabalhar no período.

    Em suma: não adianta argumentar com quem acha que o turismo serve de paliativo para o inferno econômico imposto pelo governo federal.

    Responder

Walter Pereira de Sousa

02 de fevereiro de 2016 às 17h11

E culpa da Dilma.

Responder

Jaime Junior

02 de fevereiro de 2016 às 17h10

Olha a crise ai gente kkkkkkkkk a mentira só reina até o carnaval começar e agora o q q os coxinhas vão inventar

Responder

Jorge Henrique Farias Nagel

02 de fevereiro de 2016 às 16h33

Zica ou Zika, Ronaldo Junior? Hehe.

Responder

Ronaldo Junior

02 de fevereiro de 2016 às 16h24

Q Zica. Aécio não vai gostar nada disso.

Responder

Deixe um comentário